10 estereótipos dos metaleiros dos anos 2000

O Heavy Metal,  também chamado apenas de Metal, é um estilo musical derivado, em suas raízes, do Rock’n roll. O nome, em inglês britânico, significa Metal pesado. Assim como Heavy Metal possui raízes em algo, os outros tipos de Metal derivam dele e assim abre-se um leque de variedades e com elas uma enorme quantidade de estereótipos que fomentaram ainda mais o gosto pelo estilo, muitas vezes aderido apenas para bancar de “mau” resultando em ser o famoso Poser.

Não obstante, separamos 10 tipos de metaleiros, que, em sua maioria condizem exatamente com a realidade (ou não). Tudo isso apenas para que você saiba, de uma maneira bem-humorada, como são rotulados quem permeia por este estilo.

1




2




3




4




5




6




7




8




9




10

Conseguiu reconhecer ou até mesmo de encaixar em algum deles? Deixe seu comentário, Poser! XD

  1. Marin Madu

    27 de julho de 2016 em 17:50

    os meus são:metaleira não tão metaleira+folk metaleira+power metaleira. Acho as troféus estilosas,mas realmente não sou assim,pena que é o único estereótipo feminino,rs.

  2. Marin Madu

    27 de julho de 2016 em 17:46

    sou mulher,mas não me encaixo no único estereótipo feminino presente.bom, eu acho que sou uma mistura do folk+metaleiro não tão metaleiro+power metal,haha…’-‘

  3. Luiz Ricardo

    6 de março de 2016 em 16:35

    Essa galera New fã de System é a que eu mais vejo

  4. Cassius Gaio

    18 de dezembro de 2015 em 22:34

    FAÇA UM COM OS ESTERIÓTIPOS DO PUNKS E OS FÃS HARDCORE.

  5. Bruna Meili

    10 de dezembro de 2015 em 17:00

    Façam sobre os hippies! Vai ser da hora. Kkkk

  6. Comentador Das Bagaças

    7 de novembro de 2015 em 12:13

    De visual, eu sou um misto do metaleiro não tão metaleiro com o metaleiro das trevas – mas não uso óculos e sou bem calvo.

    Quanto às atitudes, não chego perto nem de 50% de algum em específico e não tenho “bissulutamente” nada em comum com a trofeuzinho e o cara sem camiseta, embora de rosto eu seja meio parecido com o desenho – mas com o corpo do gordo do Pantera rssssss.

  7. Ed Oliver

    22 de setembro de 2015 em 23:25

    Rsrsrs, ndada a ver as charges mal feitas parecem aqueles perfis dignos de revista Capricho, nada a ver as informações!

  8. José Alonso Dos Santos

    16 de setembro de 2015 em 20:31

    vc é o tipo roquista, mas n tem ali
    roquista é aquele que diz “roque > fanke, o ke nau for roque e merda” vc é esse cara

  9. Nadiesda Avalos huf

    7 de agosto de 2015 em 09:48

    Muito bom kkkkkk Nessa vida já conheci todos esses estereótipos, o mais irritante é “o moleque fã de System of a Down”

  10. Guilherme

    2 de agosto de 2015 em 22:48

    Post da hora kkkkkkk

  11. Yuri Oliveira

    31 de julho de 2015 em 09:13

    Alguem me manda a foto do ‘power’ sem as letras ae

  12. Rohh Rodrigues

    27 de julho de 2015 em 22:02

    Putz! Todos são exatamente assim… Eu me vejo no power metal, realmente gostos dessas coisas (não só disso, claro!). haha

  13. Cassiano Juliani

    26 de julho de 2015 em 19:23

    kkkkkkk me identifiquei muito com o primeiro, principalmente por eu saber cantar apenas Nothing Else Matters e um pouco de Enter Sandman.

  14. Denis Santos

    26 de julho de 2015 em 15:40

    Faltou o Punk!

  15. Bruno Barbosa

    26 de julho de 2015 em 09:42

    HUEHUEHUEHUEHUEHU eu curto thrash, sou de uma banda thrash mas não sou pardo, nem magrelo e não ando bebado. Sou negro (estilo Derrick Green), sou forte (nem gordo, nem magro) e bebo mas não fico bebado huehuehueehueu

  16. Natali Cruz

    25 de julho de 2015 em 16:41

    faltaram alguns estereótipos, tipo:
    A gordótica: É feia, pesa 200 quilos, curte nightwish e quando bebe da em cima de todos os caras de cabelo grande que vê pela frente.
    O esquisito, misantropo, niilista: idolatra Nietzsche sendo que nunca leu um livro, só curte banda deprê, posta frases psiciopaticas no facebook, nunca pega ninguém pois as gurias tem medo dele.
    o ametal: não curte metal, mas anda com a galera pq ninguém mais quer ter amizade com ele.
    o oitentinha: usa roupas ridículas, fala mal que qualquer banda atual e idolatra qualquer banda dos anos 80, fica falando com saudosismo dos anos 80 mas nasceu em 1995.

  17. Fernando Prates

    25 de julho de 2015 em 14:24

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Sou uma mistura de power com o sem camisa kkk
    muito bom na roda do role sempre tem desses ai… isso se não tiver todos na roda do role kk

  18. Rubens Junior

    25 de julho de 2015 em 00:26

    “METALEIRO” !?!?! E ninguém se manifestou !? … Todos poser =)

    • Rubens Junior

      25 de julho de 2015 em 00:28

      posers*

  19. Carlos Gonzales

    24 de julho de 2015 em 23:21

    Identifiquei um zilhão de pessoas huahuauhaauh

  20. Carlos Gonzales

    24 de julho de 2015 em 23:20

    Mano ri pra caralho!! huahuauhaahuauh

  21. Alailson Gomes

    24 de julho de 2015 em 21:28

    pra ser metaleiro tem que ter um Padrão, não posso ter um estilo, outra a expressão “poser” era usado para a galera do Hard Rock que se vestiam de uma forma um tanto diferente, com o tempo a palavra foi vulgarizada, cada um faz o que quer desde que aja sinceridade em suas atitudes!

  22. Godfather Payne

    24 de julho de 2015 em 19:32

    Eu acho que eu entro na img 8. Eu sempre gostei de SOAD.
    WHY THEY ALWAYS SEND THE POOR!

  23. Cavalo Morto

    24 de julho de 2015 em 13:15

    Até hoje gente escrevendo TRASH ao invés de THRASH… E numa matéria ‘especializada’ em estilos! Difícil…

  24. Lucas Martins

    24 de julho de 2015 em 13:05

    So faltou o metaleiro nerd euheu, aquele que é todo relaxadão, desjeitado, que manja muito de musica em geral, toca mais de um instrumento e bebe so com os amigos.

  25. Leandro Mfernandes

    24 de julho de 2015 em 03:34

    Faltou o emo que ouve my chemical e avril Lavigne e se acha o rock star

  26. Daniel Souza

    23 de julho de 2015 em 21:34

  27. Hikaru Aron

    23 de julho de 2015 em 20:07

    Esqueceram dos fãs do Nirvana.

  28. Giovany Dias

    23 de julho de 2015 em 13:01

    Bom, eu bebo bastante. Mas sei me controlar, principalmente quando estou dirigindo!

  29. Ivan Nishikawa

    23 de julho de 2015 em 09:07

    Só não vou vou comentar que foi um porra de um sertanejo ou funkeiro que escreveu pq no texto não tem erros de português…

  30. Son Furuken

    23 de julho de 2015 em 08:22

    HAuahahuaa dá pra ver uns tipos assim no meio dos rolÊs auahauhauha Metaleira Trofeuzinho que é foda hauhauhau Deuses abençoem a Dark Room ahuahuahuahauha

  31. elenirgomes matos DOs SANTOS

    23 de julho de 2015 em 03:28

    kkkkkkkkkkkkkkkkkk

  32. Blue

    23 de julho de 2015 em 00:15

    Gostei do post, existem muitos que fingem que gostam de música, dizem que são isso ou aquilo, muitos nem gostam mesmo de música, é só pra dizer que são algo, não sei por que, eu sou só um cara que curte música, e é muito bom ser assim

  33. Gustavo Fenilli

    23 de julho de 2015 em 00:09

    Eu sou meio que a mistura de uns 4 dai, pego um pedaço de cada um.

    • Luciano Saádeh

      23 de julho de 2015 em 09:32

      Eu também, cara o/

  34. Nathália Giselly

    22 de julho de 2015 em 22:25

    Tenho um amigo “gordo desgraçado com a porra da camiseta do Pantera” ashuhsaasshuhsahushuhsa foi ótimo. Minilua pra mim é uma rede social BOOMMMMM DDEEE MAAAIIIISS

  35. Diego Raymundo

    22 de julho de 2015 em 22:23

    Animal esse post…muita risada aqui…

  36. Kuzan

    22 de julho de 2015 em 21:47

    Sou quase o Power Metaleiro, só não fico ofendido quando me chamam de bicha e não e tenho nenhum amigo folk.

  37. Eduardo Rodrigues

    22 de julho de 2015 em 21:10

    tentei achar um link para sugerir uma matéria, seria mais pro lado nostálgico, tipo, sobre as capas de disco de vinil mais legais bonitas, pois estava falando de “use your illusion” do G n’ R e apettite for destruction que eram legais!

  38. Jp Cartman

    22 de julho de 2015 em 20:22

    aahhh vei!! sacanagem!!
    eu curto system of down mais não sou assim………..e tb tenho 2 metro de altura

  39. Elyane

    22 de julho de 2015 em 20:07

    Adoro heavy metal, rock e pop rock em geral, mas não me encaixo nestes perfis, uso muito jeans, mas faço mais o estilo “certinha”, tenho camisetas das minhas bandas preferidas, Slipknot, System for Down, AC/DC, Guns n’ Roses, Sepultura, Metallica, Led Zeppelin, Link Park, Capital Inicial, Matanza (tenho minha coleção todas pretas é claro), não bebo, não tenho tatuagens, piercings, sou bem tranquila. Sou fã mas não daquelas malucas, curto outros ritmos também. Entretanto identifiquei várias características de alguns amigos meus, mas posers que metaleiros…kkk…Adorei o post espero que se transforme numa série.

    • sobrevivente do banco de dados

      22 de julho de 2015 em 21:01

      vc é bonita?

      • Elyane

        22 de julho de 2015 em 21:13

        Pergunta um pouco estranha. Não sou nenhuma modelo mas acho que não sou feia, até que faço sucesso no universo masculino…kkk…

        • Kuzan

          22 de julho de 2015 em 21:49

          “Faço sucesso no universo masculino” achei essa frase engraçada por algum motivo. Parece aquelas mulheres estilistas que ficam falando de moda na tv e eu não entendo nada.

          • Elyane

            22 de julho de 2015 em 21:52

            Ok…kkk…traduzindo bons namorados e boas paqueras nunca me faltaram…

          • Wyvern Björk

            23 de julho de 2015 em 22:45

            “Ok…kkk…traduzindo bons namorados e boas paqueras nunca me faltaram…”
            Se você teve namorados tão bons assim por que não está mais com eles? Tem gênio difícil, tudo bem, mas isso significa que seus namorados não eram bons o suficiente para lidar com isso. Sem falar que eles eram tão bons que hoje em dia TALVEZ você nem fale mais com nenhum deles. Esse papo de: “quero homens que queiram ser amigos antes de ser amantes”. É usado por garotas que amam deixar inocentes na friend zone(pobres soldados…). E onde já se viu, pelo que sei todo “amante” é de certa forma um “amigo”, até porque você não namoraria um inimigo (sei lá, só acho). E para o resto, você só será um amigo gay se aceitar ser um.

          • Elyane

            23 de julho de 2015 em 23:14

            Já que deseja uma explicação, tudo bem. Tenho um bom relacionamento com a maioria dos meus ex-namorados, sou madrinha de casamento de um deles. Namorar é tentar a sorte, nem sempre dá certo como a gente espera no inicio, a divergências de opiniões e mesmo a rotina conduz o relacionamento ao fracasso. Não sou tolerante a dar segundas chances, não mudo meu jeito para agradar ninguém, não aceito que me controle, não faço o tipo ‘boazinha passiva’, assim ou aceita como eu sou, ou nada feito. Este é meu gênio ruim.kkk…mas em compensação sou fiel, carinhosa e sincera. Quando falo ‘amigo’ quero alguém que queira me conhecer de verdade, queira estar ao meu lado em todos os momentos, não alguém que só queira sexo e nada mais. E para finalizar não alimento falsas esperanças ou pelo menos tento, pois ficar na friend zone (já experimentei) é horrível.

          • André Silva

            24 de julho de 2015 em 01:00

            Eu sou do tipo que nunca trairia ou aceitaria uma traição, serio, acho que o minimo que se espera de um casal que afirma se amar é fidelidade de ambas as partes. Acho que eu não namoraria uma garota não carinhosa, carinho ta no meu DNA, fui acostumado pela familia a dar e receber carinho. Sinceridade tambem é tudo, a não ser que seja necessario uma mentirinha de leve pra não magoar a pessoa. Por fim, não consigo me imaginar só fazendo sexo com a minha futura namorada, quero que seja do tipo de namoro que vai no parque passear, viajar para lugares bonitos (especialmente pelas belezas naturais), algo bem perfeito e amigo mesmo. Ah, o amor, deu ate vontade de filosofar agora!

          • Kuzan

            24 de julho de 2015 em 15:03

            Como que uma discussão sobre esteriótipos de metaleiro virou um discussão sobre amor com textões gigantes?

          • André Silva

            24 de julho de 2015 em 18:24

            Uma coisa foi levando à outra e BAM! Aí estão os textões!

          • Wyvern Björk

            24 de julho de 2015 em 00:10

            explicação mais que perfeita *-*

          • chapolim do mal

            22 de julho de 2015 em 22:01

            Eita, Pegadora NATA!!

          • Elyane

            22 de julho de 2015 em 22:06

            Não exagere, sou muito seletiva e tenho um gênio difícil, por isso meus namoros não duram muito.

          • Miroouuww

            23 de julho de 2015 em 00:11

            se vcs se sentirem a vontade me add no face *U* fb.com/miroslau ^^

          • Kuzan

            22 de julho de 2015 em 22:07

            Que tipo de critérios vc leva em conta? Sempre quis perguntar isso pra uma garota.

          • Elyane

            22 de julho de 2015 em 22:20

            Bem é complicado, a aparência não representa tanto como os homens imaginam, já conheci caras lindos que depois de meia hora de conversa vc quer fugir desesperada. No meu caso gosto de homens com bom senso de humor, inteligentes, que sejam um pouco românticos mas não pegajosos, que queiram ser seu amigo antes de ser um amante, acho que este perfil de homem é o que a maioria das mulheres deseja.

          • André Silva

            23 de julho de 2015 em 11:50

            “Bom senso de humor, inteligentes, um pouco romântico mas não pegajoso, amigo” – Prazer, André…Silva, me encaxo no perfil, sou sua cara metade S2

          • Elyane

            23 de julho de 2015 em 19:53

            kkk…acrescente no seu currículo criativo também.

          • André Silva

            23 de julho de 2015 em 21:07

            Criativo no sentido de estar mentindo (só pra constar, não estou) ou no sentido de ter boas sacadas?

          • Elyane

            23 de julho de 2015 em 21:48

            Boas sacadas é claro, você sabe aproveitar todas as oportunidades que aparecem e revertê-las a seu favor.

          • Kuzan

            23 de julho de 2015 em 21:49

            Nossa! essa doeu em mim.

          • André Silva

            23 de julho de 2015 em 19:32

            Encaixo*

          • chapolim do mal

            22 de julho de 2015 em 23:28

            As mulheres não querem um namorado, querem um amigo gay.

          • Elyane

            23 de julho de 2015 em 15:46

            Tudo bem, deixe me acrescentar no perfil que ele seja hetero, viril, macho mesmo, porque não vai adiantar ele ter todas essas qualidades se for gay não é?kkk…

          • Kuzan

            23 de julho de 2015 em 15:48

            Exatamente o que eu tinha falado. Igual o amigo gay, só que hétero, do tipo que faz a barba com machado. :v

          • Elyane

            23 de julho de 2015 em 16:00

            Tenho alguns amigos gays mas acho que não encaixariam no perfil de homem ideal, são muito sensíveis, apesar de um deles ser lutador de MMA, se preocupam em excesso com a aparência, tendências da moda, narcisista mesmo, fazer o tipo intelectual o tempo todo, este perfil de homem não me agradaria nem um pouco.

          • Kuzan

            23 de julho de 2015 em 15:31

            Amigo gay elas já tem. Elas querem um namorado igual o amigo gay, só que hétero.

          • Erika Mariellen

            23 de julho de 2015 em 15:06

            cara eu concordo com você, pelo menos a maioria das mulheres, mas nao generalize, essa serie 10 estereótipos seria legal fazer com tipos de mulheres. se voces querem uma namorada primeiro tem que saber com que tipo de mulher tão falando, cada uma procura uma coisa, as que querem um amigo gay sao as mais difíceis eu acho FUJA DESSAS

          • Miroouuww

            23 de julho de 2015 em 00:02

            fato kk

  40. Aguiar

    22 de julho de 2015 em 20:07

    Que estereótipos do funk… kkkkk apesar de achar que nao tem muita coisa pra falar ou diferenciar…

    • Dark

      22 de julho de 2015 em 20:31

      Cara, eles são todos iguais, vamos diferenciar a sequencia de” sarração ” deles?

      • Aguiar

        22 de julho de 2015 em 20:32

        Como assim sarração?

    • Luciano Saádeh

      22 de julho de 2015 em 20:19

      ELES SÃO TODOS IGUAIS Ç_Ç, poakspoaksopaopspoas

      -Eu vejo funkeiros idênticos ‘sarrando’

      -Com que frequência?

      -O tempo todo Ç_Ç

      • Elyane

        22 de julho de 2015 em 20:35

        Não somos iguais, talvez tenhamos algumas características negativas parecidas. Não insulte nosso ar de superioridade musical, que todo roqueiro ostenta com orgulho, mesmo que não entenda nada do assunto. kkk…

  41. David de Souza

    22 de julho de 2015 em 19:54

    nossa cara, isso tá muito correto!!

  42. Sabrina

    22 de julho de 2015 em 19:44

    Tive até que logar aqui.
    Todos são verdade verdadeiríssima no rolê. TODOS!

    • Luciano Saádeh

      22 de julho de 2015 em 20:18

      né, SKOPAKSPOk, tsc, tsc, tsc

  43. Henrique Araujo

    22 de julho de 2015 em 19:24

    nao entendi o q tem haver ouvir system e nao gostar de policiais, mas gostei bastante do post

  44. Mutley

    22 de julho de 2015 em 18:56

    Eu acho que da pra dizer que eu curto ”as principais” do Rock digamos assim , mas eu meio que escuto como quem não quer nada , não cultuo o gênero e meu esteriótipo em relação aos rockeiros é de que eles querem que todo o planeta ouça o que eles estão escutando , principalmente os de metal , mesmo que esteja usando fone de ouvido ,você ouve a quilômetros , é quase uma variação do ”modus operandi” dos funkeiros , mas os rockeiros (e todo o resto do Universo) odeiam os funkeiros não é mesmo ? , hue.

    • Elyane

      22 de julho de 2015 em 20:22

      Que isso meu fone de ouvido é bem discreto, para não atrapalhar os outros e não dividir as minhas músicas com ninguém, com relação ao funk desde que eu não tenha que ouvir ou ver suas coreografias idiotas, para mim está tudo bem, é igual pernilongo desde que ele não te atrapalhe pode deixar o bichinho viver em paz …kkk…

      • Mutley

        22 de julho de 2015 em 20:51

        Eu sempre tiro os fones de ouvido pra ver se não esta alto demais , no geral eu escuto na média do volume as minhas musicas , mas tem sempre ”aquela musica” que a gente tem que colocar o volume no máximo de tão boa que ela é , eu estou aprendendo a controlar esse hábito , mas o meu fone de ouvido é tão baixo que nem quando eu ponho ele no máximo da pra ouvir externamente.

        • Elyane

          22 de julho de 2015 em 21:02

          Então você tem o mesmo hábito que o meu também confiro o volume externo, o meu tem um isolamento muito bom até é divertido ver como os curiosos quase encostam no seu ouvido para tentar descobrir o que música esta ouvindo.

          • Blue

            23 de julho de 2015 em 01:24

            Também tenho essa mania, fico tirando de vez em quando só pra ver se ninguém mais está ouvindo, mas tem umas músicas que você só bota o volume no máximo e esquece de tudo

          • Doge

            23 de julho de 2015 em 00:40

            Pois é, nem todo mundo tem essa discrição hoje em dia.

  45. Carlos Eduardo

    22 de julho de 2015 em 18:42

    Que série boa, dessa vez a o Minilua arrebentou.
    Quem nunca viu alguém que se compare pelo menos ao ” Cara sem Camisa ” não viveu hahahahaha

  46. sobrevivente do banco de dados

    22 de julho de 2015 em 18:40

    fãs do nirvana são os piores

    • Luciano Saádeh

      22 de julho de 2015 em 20:22

      -_- sempre

    • sobrevivente do banco de dados

      22 de julho de 2015 em 18:58

      aqui as características: foto do kurt cobain na capa do facebook, vive postando frases do kurt, diz que o dia em que o kurt se matou foi o mais triste da história, todas as bandas exceto o nirvana são lixo (mas às vezes abre exceções pro Guns N’ Roses), se o Brasil em vez de funk ouvisse Nirvana, seria o melhor país do mundo, independente da corrupção e violência. Diz que odeia funk, mas às vezes cantarola músicas do MC gui, e a última característica é que ele daria o ânus pro Kurt Cobain.

  47. Brendon Silva

    22 de julho de 2015 em 18:23

    O Metaleiro das Trevas é uma evolução do moleque fã de System of a Down.

  48. Lucas Rodrigues

    22 de julho de 2015 em 18:11

    “Acha que Slipknot é a melhor coisa dos últimos tempos e que o baterista deles é o melhor de todos os tempos porque tocou de cabeça pra baixo.”
    Prefiro esse aqui:

    [img]http://vignette4.wikia.nocookie.net/theregularshow/images/5/5c/150_Piece_Kit_1.png/revision/latest?cb=20121023015835[/img]

  49. Miroouuww

    22 de julho de 2015 em 18:01

    e ainda reclamam dos estilos atuais kkkk

  50. Romulo Augusto

    22 de julho de 2015 em 17:14

    Kkkkkkkk Muito bom!!!!! agora quero ver versão sertanejo disso rssss.

    • Miroouuww

      22 de julho de 2015 em 18:01

      Desde que não chegue no funk ta ótimo ‘-‘

      • Anderson Alves

        22 de julho de 2015 em 21:18

        se fosse pra fazer sobre funk iria dar uma merda só

        • Miroouuww

          23 de julho de 2015 em 00:01

          e outra q iria ter que dividir em umas 3 postagens sobre esse ser ‘-‘

      • Dark

        22 de julho de 2015 em 20:30

        Cara, se não for funk nossas vidas foram poupadas ‘-‘

  51. Wesley Ricce Ferreira da Silva

    22 de julho de 2015 em 16:57

    Caraio veio … eu não me encaixo em nenhum perfil específico, seria mais uma mistura de alguns, mas o post é bem loko!

    • sobrevivente do banco de dados

      22 de julho de 2015 em 22:00

      vc é uma das viúvas do leadger?

  52. Cold

    22 de julho de 2015 em 16:56

    “O gordo desgraçado com a porra da camiseta do pantera” HUEHUEHEUHEUHE
    Acho que conheço um assim, só de vista kk

    • Cold

      22 de julho de 2015 em 17:00

      Censuram porra no comentário mas não na imagem :v
      [img]http://cdn.minilua.org/wp-content/uploads/2015/07/7_thumb_325149.jpg[/img]
      [img]https://fbcdn-profile-a.akamaihd.net/hprofile-ak-xfa1/v/t1.0-1/c162.51.637.637/s160x160/546017_314894728576003_1621105326_n.jpg?oh=4c6cdf461f865664766206c15e4b9712&oe=565479FD&__gda__=1447538915_7f78e67ed8cb80a2629cea46d452a4a7[/img]

  53. Grell Sutcliff

    22 de julho de 2015 em 16:47

    Nossa, quanto tempo que não via uma matéria legal como essa aqui no Minilua. Precisei logar e comentar. Muito bacana mesmo Luciano Saádeh, tomara que o site volte a investir em conteúdos e curiosidades assim.
    Em relação a matéria em si, me identifiquei bastante com o “Power Metaleiro”, mas comecei a gostar bastante de Power desde que houvi “The Bards Song (In the Forest )” do Blind Guardian.

    • Dohkito

      23 de julho de 2015 em 19:25

      A quanto tempo mesmo, n visito o site desde q mudaram o layout e os post ficaram mais “vazios”. O FB deles q me trouxe pra cá dnv, to torcendo pra voltarem assim.

    • DarknessTime

      23 de julho de 2015 em 18:44

      Eu achei verdadeiramente assustador o quão exato foi a do “Power Metaleiro” em me descrever…

    • Doge

      23 de julho de 2015 em 00:42

      O power metaleiro também é o que mais me identifiquei, apesar de não ser exato é assustadoramente perto disso xD

  54. Léo Oliveira

    22 de julho de 2015 em 16:44

    Ou é magrelo ou gordo” hsjsjsjsjsjs comassim mano sjsjsj se for um cara meio termo ele nao se encaixa

105 Comentários
mais Posts
Topo