10 fatos sobre: Spiderman #2

Todo herói tem suas histórias, famosas ou desconhecidas e a cada novo filme, gibi ou livro, um novo Universo surge e os fãs se deleitam com novas ideias e teorias. E o Spideman é a nova sensação do mundo dos heróis:

spiderman_web_654px_1190264_easyicon.net




spiderman-comix-icon




spiderman_420.57053291536px_1190167_easyicon.net




Comics-Spiderman-Morales-icon




Comics-Spiderman-Cam-icon




Comics-Spiderman-Black-icon




Comics-Spiderman-Baby-icon




Cinema-Spiderman-New-icon




Cinema-Spiderman-Head-icon




1458061088_spiderman

  1. Eduardo Azrael

    16 de março de 2016 em 17:25

    1: Nunca me perguntei, em quase todas as histórias o Aranha fala sobre suas teias biodegradáveis. E à propósito, ele aumentou o tempo de duração delas para duas horas.

    2: Muito antes da Fundação Futuro o Aranha já tinha feito parte do Quarteto Fantástico, quando ele, Wolverine, Hulk e Motoqueiro Fantasma precisaram fazer uma nova equipe de Quarteto Fantástico para resgatar os originais.

    3: Esse plot de Homem-Mosca foi usado algumas histórias depois, em um dos primeiros super-vilões que o Homem-Aranha enfrentou: o Mosca.

    4: Podiam ter colocado uma imagem da armadura do Homem-Aranha, em vez de uma imagem da máscara do Miles Warren o Homem-Aranha Ultimate.

    5: Foi o mais vendido porque, justiça seja feita, todas as outras histórias do Aranha feitas na década eram um colossal monte de merda! Saga do Clone, Pecados Pretéritos, Potestade, o Outro, Um Dia a Mais… tudo lixo aprovado e exigido pelo maldito Joe Quesada!

    6: “Mais valioso” não, MAIS POPULAR! Olha a tradução, Minilua! E dependendo da época das pesquisas, muitas vezes ele ganha dos outros dois em popularidade (apesar das muitas histórias ruins que têm sido feitas com ele esses anos… maldito Joe Quesada!). E atualmente a popularidade do Super vem caindo a níveis estratosféricos; pelo visto, os fãs preferem mesmo a época em que ele usava a cueca por cima da calça. E não andava de moto. E trabalhava no jornal, em vez de escrever um blog.

    7: Verdade, isso tudo aconteceu lá por 1995. Uma pena que o roteiro que o Stan the Man escreveu para o filme do Aranha nunca foi usado.

    8: E nesse filme a Tia May será interpretada pela Marisa Tomei! É sério! Nunca pensei que um dia eu iria achar a Tia May atraente…

    9: No Brasil essa história se chama Homem-Aranha: Potestade. Apesar da premissa da Marvel de que esta história seria o “Cavaleiro das Trevas” do Aranha (Joe Quesada e suas pretensões…), a história é considerada de longe uma das PIORES do Aranha, além de uma das mais ridículas, principalmente por causa de uma cena e que mostra o pênis do Peter Parker.

    10: Tradução errada de novo. A primeira aparição do Aranha na revista Amazing Fantasy foi a primeira história solo do Aranha, já que ele foi o único super-herói Marvel nessa história (o Flash Thompson, futuro Agente Venom, não conta), mas a revista publicava histórias de outros personagens Marvel também (era mais ou menos como a brasileira Superaventuras Marvel, ou a Grandes Heróis Marvel). Em 1963 o Homem-Aranha ganhou sua primeira REVISTA solo, The Amazing Spider-Man.

  2. Saulo Moraes

    16 de março de 2016 em 16:58

    [img]http://static.minilua.org/wp-content/uploads/2016/03/Cinema-Spiderman-Head-icon.jpg[/img]

    [img]http://cdn.meme.am/images/7801995.jpg[/img]

  3. Greg

    16 de março de 2016 em 11:28

    Homom aranha eh dahora…. nao mais q o capitao america

    • Eduardo Azrael

      16 de março de 2016 em 17:26

      Apesar de eu discordar disso, o próprio Homem-Aranha concorda com você, já que ele é fã do Capitas.

  4. André Silva

    16 de março de 2016 em 02:57

    Meu segundo personagem preferido, minha primeira hq de super herói foi dele. Queria ler guerra civil, mas não tinha grana quando saiu na banca aí eu me ferrei. Pra fã sem grana é assim, quando você tem dinheiro não tem nenhum lançamento que te agrade, aí quando você não tem nem 5 centavos no bolso vem um lançamento mais foda que o outro. Como não li, não sabia que o homem aranha traía o homem de ferro (meu terceiro personagem preferido. Que filho da puta, vai pro lado do picolé, eu tava felizão de ver meus personagens preferidos (atrás apenas do Deadpool) no mesmo time. Mas continuo do lado do homem de ferro, mas fico triste de saber que vou ser obrigado a presenciar no cinema tamanha traição, obrigado minilua pelo spoiler!

    • Eduardo Azrael

      16 de março de 2016 em 17:09

      Calma chapa, que tem muito mais coisa nessa história, e nem dá pra saber se o Aranha vai mudar de lado no filme. E apesar de eu ser um grande fã do Homem de Ferro, na Guerra Civil dos quadrinhos ele foi MUITO cuzão, abandonou o Aranha quando ele mais precisava e foi responsável pela morte de um monte de heróis; no final da história, o próprio Homem de Ferro admite que estava errado na forma como abordou o problema da classificação de heróis (mas não vou contar exatamente o que ele fez, nem porque, nem como, e nem o que fez ele se arrepender; leia a história sem medo, tem realmente muita coisa que acontece no gibi, o filme com certeza vai ser bem diferente, já que no universo cinematográfico não existem tantos personagens nem dá pra prolongar tanto a história como nas HQs).

      • André Silva

        16 de março de 2016 em 20:29

        Pelo trailer dá pra ver que o homem de ferro tem a razão, principalmente depois da morte do máquina de combate (emocionei). Mas mesmo que ele seja um cuzão na hq que infelizmente não pude ler e não acho canto nenhum que venda ainda, não consigo ficar contra ele, é quase como ficar contra algum familiar seu, o cara é foda demais, só ficaria contra ele se no filme ele for extremamente cuzão com o Aranha, porque aí a porra ia ficar séria!

        • Eduardo Azrael

          16 de março de 2016 em 21:54

          Cara, não faz isso, não faz eu dar spoilers…

          Seja como for, na HQ também, o Homem de Ferro está com a razão no início: por causa das ações inconsequentes de uns super-heróis, muita gente morre, que é o que dá início à lei de registro (sem spoilers, não vou dizer quem, o que nem como, mas chega a ser assustador). O problema é o desenrolar dos fatos: obcecado em provar que está certo, o Homem de Ferro acaba levando as coisas longe demais, faz MUITAS coisas ruins, mais gente acaba morrendo, a família do Aranha é seriamente afetada e o Tony Stark não dá a mínima pra isso, achando que era irrelevante numa guerra. Por mais nobres que sejam as intenções do Homem de Ferro, seu radicalismo o fez fazer coisas piores do que a Guerra. Tony Stark acaba provando para todos (inclusive para si mesmo, no final) que os fins não justificam os meios. E o Homem-Aranha é um dos que acaba mais afetado por causa desses “meios”.

          Quanto à Guerra Civil, a editora Salvat lançou uma edição encadernada este ano, procure na Net que você acha: http://mlb-s2-p.mlstatic.com/guerra-civil-coleco-salvat-503011-MLB20453406383_102015-O.jpg

          • André Silva

            17 de março de 2016 em 00:30

            Era exatamente essa da salvat que eu queria. É como falam nos vingadores 2, o Stark não sabe a diferença entre salvar o mundo e destruir ele.

          • Eduardo Azrael

            17 de março de 2016 em 00:57

            E é isso que faz Guerra Civil ser uma história tão boa: o fato de tanto o Homem de Ferro quanto o Capitão América estarem certos. Não se engane: o bandeiroso também faz muita coisa errada e fica difícil no final tentar imaginar quem está realmente certo ou errado nessa história.

            Essa edição da Salvat traz encadernada todas as sete edições de Guerra Civil; entretanto, ela deixa de lado muitas partes importantes da história que foram contadas nas outras revistas Marvel, principalmente nas revistas do Homem-Aranha. Muitas partes importantes da Guerra Civil (que afetam diretamente o Aranha que, como eu disse, foi um dos mais afetados, senão O mais afetado) foram contadas apenas nas revistas do Cabeça-de-Teia, e pra quem ler apenas essa edição encadernada fica fazendo falta várias explicações e surpresas importantes.

  5. Mauricio Ribeiro

    15 de março de 2016 em 22:13

    Quadrinhos tem os traços bem mais originais e “bem feitos” que os do mangá sim, aliás na aula de concept art você aprende que mangá tem um traço até que “pobre”.

  6. Willyam Ricardo

    15 de março de 2016 em 21:15

    Homem -aranha sempre pra mim será o melhor e mais legal herói que existe , o cara é um mito , me identifico muito com ele, fã desde ;criança o cara é muito MITO .

    • Eduardo Azrael

      16 de março de 2016 em 18:28

      Essa é a ideia do Stan Lee: que todos os jovens, principalmente as crianças, se identifiquem com ele. Antes do Aranha, a maior parte dos Super-Heróis eram todos monstros marombados, bem distante da realidade das crianças e adolescentes que liam HQs. “A roupa do Homem-Aranha é totalmente fechada para que as pessoas pensem que qualquer um, independente de raça ou aparência, possa ser o Homem-Aranha” Stan Lee.

  7. Crow666

    15 de março de 2016 em 19:38

    Que pena que prefiro mangá mesmo quadrinho apesar que tem uma historia boa a os desenhos não são bem feitos

20 Comentários
mais Posts
Topo