5 disfunções mentais mais controversas da psiquiatria

Ao longo da história, a ciência ou a pseudociência, juntamente com algumas linhas de pensamento psiquiátrico, tem sido utilizada para estigmatizar e controlar as pessoas, principalmente os que expressam o seu pensamento livre ou os que são contra determinado sistema social ou político.

Vamos apresentar uma lista com os 5 transtornos mentais controversos e que já foram apoiados por cientistas.




1 - Transtorno de Personalidade

trastorno-bipolar2

O que define um transtorno de personalidade é “um padrão persistente de vivência íntima e comportamento que se desvia acentuadamente das expectativas da cultura do indivíduo que a exibe”. Esta definição levanta uma questão muito importante sobre todos os ditos distúrbios psicológicos, pois a maioria deles está ligada aos padrões culturais de normalidade.

Se você não se enquadra no que a sociedade quer que você seja, um possível diagnóstico mental pode te perseguir; as palavras desordem ou doença implicam uma desvantagem, uma incapacidade de funcionar com sucesso. Bill Gates é considerado por muitos como autista e isto não fez com que ele fosse incapaz, muito pelo contrário.




2 - ADHD

P_ADHD1

O ADHD, ou TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade) é um transtorno que se caracteriza por sintomas de desatenção, inquietude e hiperatividade. um transtorno que aparece logo na infância e na maioria das vezes acompanha o indivíduo até a fase adulta. Desde a infância, pessoas com ADHD são tidas como inquietas e avoadas.

Uma gigantesca e rica indústria se desenvolveu em torno desta doença mental. Nos Estados Unidos cerca de seis milhões de crianças foram diagnosticadas com este transtorno, onde é receitada uma série de remédios, a maioria com efeitos colaterais terríveis como dores de cabeça crônicas, pressão alta, letargia, convulsões, enfraquecimento do sistema imunológico, crescimento atrofiado, depressão, pensamentos suicidas, etc.

Pesquisas apontam que uma dieta rica em açúcar refinado, glúten e lactose podem também causar os sintomas deste transtorno.




3 - Autismo

Este item pode causar certa polêmica, mas os pontos levantados aqui sobre o motivo do Autismo é a falta de objetividade médica em relação aos fatores determinantes do autismo, o que existe é uma lista vaga de características comportamentais que podem te enquadrar como autista.

Os sintomas que foram determinados pela Sociedade Americana de Autismo incluem a insistência na mesmice, contato com os olhos pouco ou nenhum, fixação com determinados objetos ou assuntos, e preferência a estar sozinho. Estes sintomas vagos podem fazer com que uma criança que seja diferente, tímida ou introvertida seja diagnosticada ou tenha suspeita de autismo e passe a ser tratada com medicação e acompanhamento especial.




4 - Ortorexia Nervosa

shutterstock_145379947

Segundo o seu descobridor, Steven Bratman, a ortorexia também conhecida como “Distúrbio da Alimentação Saudável” é uma fixação por comer alimentos saudáveis e evitando assim excessos de açúcar, gordura, sal, álcool, conservantes, glúten e etc. Esta condição não é reconhecida oficialmente pela Associação Psiquiátrica Americana, mas é promovida por alguns grupos.




5 - Quimiofobia

cert

Apesar de que a palavra traduzida literalmente signifique “medo de produtos químicos”, este termo é utilizado por psicólogos, cientistas e organizações para descrever as pessoas que tem preocupações com o artificial, principalmente no quesito alimentação. Alguns artigos científicos enfatizam que a ideia de que os nossos corpos estão se tornando verdadeiras lixeiras de produtos químicos industrializados é totalmente equivocada, é uma paranoia que precisa ser combatida. Um “distúrbio mental” bem inconveniente para a indústria alimentícia.

Boa parte destas “desordens” são frutos de uma sociedade que quer enquadrar o ser humano de qualquer jeito, o diferente sempre vai ser rotulado até que ele se submeta ao senso comum.

Fonte: Jornal Ciência

Curtiu? Comenta aí!

  1. Fabio Joao Delfino Moreira

    16 de novembro de 2015 em 17:09

    Pessoal, lendo sobre essas disfunções mentais, não me entendam mal, mas podemos colocar a homossexualidade como um patamar de disturbio também, não quero parecer homofóbico nem nada disso, mas se existe tantas variações que se torna meio impossível de pensar dessa forma, pelo menos pra mim. volto a dizer que meu intuito não é de ofender ninguém ou de parecer homofóbico, mesmo porque também acredito que racismo em sua essência também seja um distúrbio ou disfunção.

    • Luciano Saádeh

      17 de novembro de 2015 em 03:13

      Por que diabos sempre apertam nessa tecla de ‘opção’ sexual, quando nunca foi opção pra ninguém nascer assim. O termo correto é condição sexual. Há estudos dentro das áreas da biologia que demonstram que é hormonal e pré disposição genética, nada de transtornos psicológicos. Procurem no YouTube os vídeos do Pirula, ele é formado e manja mais do que eu nessa explicação.

      • André Silva

        17 de novembro de 2015 em 23:14

        Há estudos que demonstram, não que comprovam. Quanto ao termo “opção sexual”, tem razão, foi mal!

      • Fabio Joao Delfino Moreira

        17 de novembro de 2015 em 10:54

        dsculpe luciano,ai que está , a ideia de pré disposição genética ocorre também com doenças auto imunes, e a taxa hormonal com problemas também está relacionado com doenças, e, na minha opinião, não creio que a homozessualidade seja uma doença, mesmo sendo, de uma maneira geral, anormal,então encaiixa como disfunção

    • André Silva

      16 de novembro de 2015 em 20:50

      É difícil dar uma opinião dessa, porque hoje tudo é homofobia e qualquer coisa que fale sobre gays que não seja pedindo respeito é considerado homofóbico. Eu entendo o teu ponto de vista, não sei se tá correto, mas se parar pra pensar, coisas relacionadas a comportamento que fogem do comum, que não é natural, é distúrbio mental. E não é natural um homem rejeitar o sexo oposto pra gostar do seu semelhante, é da natureza de qualquer animal o macho se sentir atraído pela fêmea e vice-versa, tanto que a espécie só se reproduz com um macho e uma fêmea, e os corpos de ambos são compatíveis para o ato, o que não ocorre com dois machos e duas fêmeas. Portanto, mesmo não sendo homofóbico e respeitando a opção sexual dos outros, eu acredito sim que seja um distúrbio. Acho que muitas pessoas devem pensar assim, mas com medo de ser atacado pelos outros e serem chamados de homofóbicos acabam guardando tal opinião pra si, eu mesmo pensei bem antes de fazer esse comentário, a galera fica revolts quando vê opiniões assim. Mas reflitam bem antes de criticar a opinião.

  2. Lynn Rock

    16 de novembro de 2015 em 17:03

    Messi tem um certo nível de autismo. Algumas pessoas conseguem viver normalmente com certos transtornos… Já conheci pessoas com ADHD.

  3. Shark †Angel of Death†

    16 de novembro de 2015 em 13:38

    insistência na mesmice, contato com os olhos pouco ou nenhum, fixação com determinados objetos ou assuntos, e preferência a estar sozinho não são características exclusivas do autismo. existem outros transtornos que tem essas mesmas características e são distúrbios totalmente diferentes.
    Meio equivocado issae

    • André Silva

      16 de novembro de 2015 em 22:30

      Pouco contato com os olhos e preferência a estar sozinho são características típicas de pessoas tímidas e introvertidas. Bem normal.

  4. Grandark

    16 de novembro de 2015 em 13:20

    Acho que isso explica porque sou tão ferrado .-.

  5. Transã1 da America

    16 de novembro de 2015 em 10:49

    Podia ser mais completa essa materia ne parças, assunto muito bom e ficou meio “vazio”

  6. André Silva

    15 de novembro de 2015 em 19:57

    Uma pergunta: Eu fiquei tentado a editar a parte que fala sobre a ADHD, porque em momento algum fala sobre do que se trata o transtorno, e eu acrescentaria isso. Mas como já tem uma fonte eu poderia fazer tal edição? Como funciona esse sistema de editar?

    • Wyvern Björk

      15 de novembro de 2015 em 22:12

      Eu ia editar, mas depois lembrei que dificilmente eles corrigem a matéria de acordo com a edição enviada pelo leitor. O engraçado é que tem uma imagem perguntando “O que é ADHD?” , porém no próprio post essa pergunta não foi respondida.

      • Transã1 da America

        16 de novembro de 2015 em 15:27

        é parças o bagui fico sem desfecho deveria ser mais completo

      • André Silva

        15 de novembro de 2015 em 22:16

        Foi exatamente o que eu percebi, irônico, né? Kkkkk. Eu nunca editei nenhum, isso deve ser bem recente, só agora percebi. Mandei a edição, bora ver se aprovam.

    • André Silva

      15 de novembro de 2015 em 20:19

      Sugeri a correção, aqui apareceu o texto meio desorganizado, porque eu escrevi pelo celular, não sei se é um bug. De qualquer forma, mandei, se tiver ruim ou o tal bug realmente existir, apaga.

  7. Gabriel Frigini

    15 de novembro de 2015 em 18:47

    Conheço uma moça que sofre dessa situação de comer apenas coisas saudáveis

    • Transã1 da America

      16 de novembro de 2015 em 15:26

      olha, comer ppk é coisa bem saudavel, recomendo em!

    • Hitsugaya Toushirou

      15 de novembro de 2015 em 20:02

      Eu também. Essa pessoa é a minha mãe e ela quer a todo custo passar essa doença para mim.

18 Comentários
mais Posts
Topo