Minilua

9 invenções idiotas que fizeram pessoas idiotamente ricas

O espírito empreendedor dita que as invenções que fazemos são para mudar o mundo. Será?

Veja 9 invenções estúpidas que fizeram empreendedores milionários!

 

Airborne

Um suplemento vitamínico que basicamente tem vitaminas e minerais, fez a Idiota Victoria Knight-McDowell

rica. Suplemento este muito semelhante ao conhecido Centrum na Europa que também deve ter dado uns milhões ao dono dele.

 

Antenna Balls

Como o nome indica, são bolas para colocar nas antenas dos carros. Inventado numa estação de abastecimento, ficou popular a partir de uma cadeia de fast food.

 

Big Mouth Billy Bass

Talvez a ideia idiota mais conhecida, o peixe falante. É tão idiota a ideia que eu gostava de ter um!

 

HeadOn

HeadOn, é um produto que supostamente alivia dores de cabeça. Mas na verdade, por um lado, não há estudos científicos que o provem. Por outro lado, muitos consumidores dizem que não tem qualquer efeito. Porém, o sucesso do produto encheu a carteira a mais um gênio!

 

OxiClean

OxiClean, é um produto de limpeza em que o principio activo é Na2CO3*H2O2, a fórmula mete medo, mas na verdade é apenas água oxigenada e carbonato de sódio que se compra em qualquer lado.

 

Santa Mail

Queres enviar uma carta ao Papai Noel? Por aproximadamente 10$, podes fazê-lo! E com resposta personalizada à tua carta, espectacular maneira de enriquecer.

 

Slap Chop/ShamWow!

A famosa prancha de cortar legumes ou carne é uma coisa extremamente comum, mas nestes programas televisivos de venda de produtos, onde tudo se torna espetacularmente caro, vender um pedaço de plastico pode lhe deixar rico.

 

Snuggie

Um produto muito curioso, basicamente é um cobertor para aquecer as noites de inverno com mangas. Qual é a inovação disto? Não sei… Deu muitos milhões de dólares ao esperto que criou.

 

Pet Rock

A mais idiota das idiotas, qual é a ligação entre uma pedra e um animal de estimação? Nenhuma?

Está enganado! O Pet Rock é uma pedra de estimação que já foi comprada por mais de 5 MILHÕES de consumidores!

 

Fonte: artigo de Evan Hoovler