Minilua

Os animais mais bizarros do mundo #3

Todos sabem que pelo mundo existe diversas espécies de animais e insetos e de muitos outros seres vivos, sendo que só de animais – que é a que menos tem espécies – temos mais de um milhão e trezentas espécies diferentes, portanto, é muito fácil a gente não conhecer nem sequer uma pequena parte delas. Sendo assim, que tal conhecermos mais algumas delas? Mas já vou avisando, algumas são tão estranhas que nem parecem ser deste mundo.

Pacu

O pacu é um peixe comum no Brasil, encontrado no Mato Grosso, em rios amazônicos e também na Bacia do Prata. Sendo parente da piranha, esse peixe também gosta de carne e se alimenta de caranguejos e frutas encontradas na água.

Porém o que realmente chama a atenção nesse ser são os dentes. Eles parecem humanos:

Caranguejo aranha

Se você tem medo de aranha, esse caranguejo vai ser seu maior pesadelo. Esse animal estranho, que vive no Japão, tem as mesmas características de uma aranha, mas com a vantagem de ter uma armadura, algo bem característico dos caranguejos.

Esse animal pode chegar a mais de 3 metros de pernas. Por sorte, esses monstros marinhos vivem em águas profundas, escondido entre as pedras.

Polvo de vidro

Vitreledonella é um polvo encontrado em quase todos oceanos tropicais do mundo. Por viver em profundidades grandes, seu corpo não recebe muita luz e isso fez com que ele acabasse ficando transparente. Apenas alguns órgãos dão cores ao animal, que nem parece desse mundo:

Caranguejo-dos-coqueiros

Conhecido como Coconut crab, esse ser estranho é o maior artrópode do planeta, além de ser o campeão em tamanho quando se fala em animais terrestre com exoesqueleto.

Podendo chegar a um metro de comprimento, esse caranguejo parece um monstro saído de um filme de terror:

Silkie

Conhecida no Brasil como Sedosa, essa espécie de galinha é similar as normais, só que sua penugem parece um cabelo macio.

Essas penas estranhas fazem com que a galinha tenha as mais variadas cores, indo de branco, até o preto, passando por vermelho, amarelo e até azul. Outra característica diferente delas é o comportamento, sem bem mais dóceis, o que as torna bons animais de estimação: