Minilua

Apollo 17 e por que nunca mais pisamos na Lua

Apesar de algumas pessoas não acreditarem, o homem, de fato, pousou na Lua. Mas após algumas missões, nosso satélite natural nunca mais foi vistado por seres vivos. Então, porque será que isso aconteceu?

Apollo 17

A Apollo 17 era para ser apenas mais uma das muitos missões que deveriam ter ido a Lua, mas ela acabou entrando para a história como sendo a última ida do homem ao satélite natural da Terra no Século XX. Depois dessa missão, o ser humano se quer passou da baixa órbita do planeta, como se estivesse novamente refém do planeta azul. Ao término do projeto Apollo, cinco naves haviam chego a Lua e explorados diversos lugares, mas a última missão teve um sentido especial.

Dessa maneira, Harrison ‘Jack’ Schmitt entrou para a história. Apesar de ter trabalhado em outras missões para a NASA, ele tinha a função de geólogo. Com o tempo acabando e sendo a Apollo 17 a última oportunidade para vermos a Lua de perto, ele foi treinado e enviado junto com os outros dois tripulantes dessa missão. Por ser formado em Geologia por Harvard, ele seria capaz de angariar informações que ninguém mais poderia, devido a sua especialidade.

Aquele enorme projeto, que havia começado como uma resposta ao poderio russo, sempre foi visto pelo governo americano como uma oportunidade de desenvolver foguetes melhores. Dessa maneira, se quisessem, eles poderiam atacar a União Soviética, mesmo a meio mundo de distância. Porém, com o tempo e o enfraquecimento do bloco socialista, a Missão Apollo entrou em um novo patamar, pois não se tratava mais de guerra, mas sim de conhecimento. Porém, quando o ser humano poderia ter aprendido infintas coisas com essas missões, elas acabaram chegando a seu fim.

Fim da Apollo

Em 1970, a Missão Apollo 20 foi cancelada e outras depois dela também. O governo americano começou a se interessar por uma nova forma de explorar o espaço e para isso foi criado o Projeto SkyLab, que depois viria a ser o pai da ISS (Estação Espacial Internacional). Em setembro de 1970, as últimas missões Apollo foram anunciadas e o mundo começou a se distanciar da Lua.

Após o dia 14 de dezembro de 1972, o belo satélite natural nunca mais esteve habitado por humanos. No ano seguinte, a crise do petróleo levou a NASA para o segundo plano, piorando ainda mais as chances da exploração espacial voltar a ser tema de uma grande investimento. A Lua acabou esquecida, tanto que se passaram 42 anos desde a última visita. Hoje, Marte é um corpo celeste mais bem cotado pela inciativa de exploração espacial.

A última missão Apollo passou três dias na Lua e percorreu 34 quilômetros da superfície lunar. Foi nessa missão que uma das mais famosas fotos do planeta Terra foi tirada:

Como lembrança dessa época de aventuras e desafios gigantescos, os astronautas da Apollo 17 deixaram na Lua uma placa com os seguintes dizeres: “Aqui os homens completaram sua primeira exploração da Lua, dezembro de 1972. Possa o espírito de paz no qual viemos, refletir-se nas vidas de toda a Humanidade”.