Minilua

As lendárias frases de Julius Rock

Pois é, e quem o conhece, sabe bem do que estou falando. Com vocês, um dos personagens mais divertidos da TV. Mais do que isso, um dos mais interessantes, veja só:

Item 1- Um personagem inesquecível

E sim, a cada dia que passa, ele conquista mais e mais adeptos. Não menos importante, é também citado nas mais diferentes redes, ou seja: no Twitter, no Face, no Youtube. Na TV então, nem se fala. Citado na Record, no TBS, no Comedy Central… Sim, vale a pena conferir:

2- As frases mais marcantes

E claro, em um post sobre ele, nada melhor do que elas, não é mesmo? Com vocês, algumas das mais conhecidas… Dá só uma olhadinha:

“Uma corrente de ouro só serve para prender seu portão de ouro, da sua casa de ouro.”

“Metade do serviço de casa eu faço melhor do que você. E não é muito difícil…”

“Quando eu era garoto não precisava de roupa especial, ter roupa já era especial.”

“Se eu não comprar nada, o desconto é maior.”

“Quer saber o que é mágica? Eu tenho dois empregos, trabalho sete dias por semana e todo dia meu dinheiro desaparece.”

“Dirigir? Claro que pode. Depois que fizer 16, for pra autoescola, tirar sua carteira, se formar no colégio, arranjar um emprego, sair da minha casa, comprar um carro, pagar o seguro, aí vai poder dirigir quando quiser.”

“Desliga esse relógio da tomada, garoto, você não vê as horas enquanto dorme. São 2 centavos por hora!”

“Uma coisa que aprendi em relação às mulheres é que mesmo quando você tá certo, você tá errado.”

“Aceita vale-refeição?”

“Como assim largou o emprego? Largar é para bebida e cigarro!”

“Quando se tem medo, não se tem respeito; quando se tem respeito, não se tem medo.”

“Se você encostar um dedo no meu filho, você não vai pra cadeia, eu vou para a cadeia.”

“Como você se esquece de um dinheiro que veio de graça? Eu me lembro dos primeiros 35 dólares que eu achei. Era 17 horas, em frente ao banco, fazia 27 graus, eu achei duas notas de 10, duas de 5, três moedas de um dólar, quatro moedas de 25, e cem moedas de 1, e uma delas era canadense…”

“Sabe quantas vezes eu estava certo e tive que pedir perdão? 4.351 vezes!”

“Quer receber mesada? Você come a minha comida, você usa a minha luz, você sobe as minhas escadas, você usa a minha água, você dorme na minha casa, você senta na minha cadeira, você assiste a minha televisão… E ainda quer receber mesada?”

“Porque eu deveria comprar algo? É Dia das Mães, e não das Esposas!”

“Acha que eu estou brincando? Quando estiver no chuveiro, eu vou estar lá. Quando estiver vendo TV, eu vou estar lá. Quando estiver sonhando, eu vou estar lá.”