Minilua

A beleza oculta do céu noturno

Uma das maiores descobertas humanas foi a geração de luminosidade, mesmo a noite. Isso mudou a vida de todas as pessoas do planeta, pois há pouco mais de um século atrás, as noites eram iluminadas apenas por velas e, após o Sol desaparecer no horizonte, todos tinham que encerrar seu dia. Hoje, a noite é como uma extensão do dia, cheia de luminosidade em todos os cantos. Todo esse benefício trazidos pelas luzes artificias são ótimos, porém escondem uma das maiores belezas de todo o Universo.

A luz destruindo a luz

Quem vive em grandes cidades e olha para cima, normalmente vê apenas um céu escuro, pontuado com pouquíssimas estrelas. Em lugares mais iluminados, como ruas centrais, a coisa fica ainda pior. Mas quando viajamos para o interior e ficamos afastado de tudo, o céu toma outra forma, mostrando milhares de estrelares e revelando as verdadeiras cores do Universo a nossa volta.

A verdade é que a luz emitida pelas cidades faz com que o contraste existente entre a luz das estrelas e o fundo negro do céu fique menor, gerando maior dificuldade para que possamos enxergar as estrelas a nossa volta. Esse problema é tão real, que os astrônomos, cada vez mais, buscam construir telescópios em lugares totalmente remotos, simplesmente para fugir da iluminação das cidades.

O verdadeiro céu noturno

Se pudéssemos voltar no tempo e viver em um local totalmente sem iluminação, o céu seria muito mais bonito de se admirar. Mesmo assim, algumas estrelas mais distantes e certas cores do céu noturno ainda seriam impossíveis de serem admiradas a olho nu. Por isso, o fotógrafo Adam Woodworth, usando técnicas de longa exposição e diversos truques para filtrar as luzes da cidade, montou uma galeria de tirar o fôlego.

O céu noturno, que vemos apenas com a Lua e outros poucos pontos, poderia ser a vista mais bela do planeta, caso o escuro dominasse tudo. Infelizmente, estamos caminhando cada vez para mais longe dessa realidade, mas se um dia ficarmos totalmente sem luz a noite, o que veremos é uma das mais belas visões da vida: