Biografia Minilua – Roberto Gómez Bolaños #2

chesp&florin

El Chavo de Ocho: 20 de junho de 1970, sem dúvida alguma, uma data marcante para a história da tv mundial. A partir de então, nascia um dos seriados mais queridos por todos, “El Chavo del Ocho”. Chaves, como ficou conhecido no Brasil, é um garoto de 08 anos, órfão, e que reside em um pequeno vilarejo. Seu dia-a-dia, entre outras coisas, é composto de brincadeiras como os amigos Kiko (Carlos Villagrán), Chiquinha (Maria Antonieta de Las Nieves) e Nhonho (Edgar Vivar).

-


Repercussão

Marcelo-Gastaldi-5

Na década de 70, diversos foram os países que exibiram o seriado. Por aqui, a atração ganhou força a partir dos anos 80, registrando elevados índices de audiência. Não menos importante, coube a Marcelo Gastaldi, a dublagem da voz do personagem no Brasil.




Frases marcantes do Chaves

chaves_thumb[4]

“Foi sem querer, querendo!”

“Ninguém tem paciência comigo”.

“O gato ou o kiko?”

“É mais fácil sustentar burro a pão-de-ló!” (intervenção durante a fala de Seu Madruga (Ramón Valdés).

-

“Olha, o dia que você for trabalhar na televisão, vai ter que trabalhar em cinco canais ao mesmo tempo” diálogo com Nhonho (Edgar Vivar).

“Eu vou comprar roupas pra todo mundo que precisa de roupa, como aquelas pobres senhoras que aparecem naquelas revistas que o senhor lê” (diálogo com o Seu Madruga).




Outros personagens

051027c_chapatin_3

Doutor Chapatin: Poucos sabem, mas o personagem nem sempre atuou como médico. Em 1968, por exemplo, no programa “Los Supergenios de la Mesa Cuadrada”, ele ficava a cargo de satirizar as cartas enviadas pelos supostos telespectadores do programa. Ainda sobre o personagem, ele ficou bastante conhecido pelos bordões: “Isso me dá coisas”, “Insinua que sou velho” e “Agora sim, vou ao futebol”.

chompiras1

Chómpiras: Sua primeira aparição ocorreu em um dos esquetes de Chesperito, “Los Caquitos” (Os gatunos). Chómpiras, entre outras coisas, contava com o suporte do amigo Peterete (Ramón Valdés).

Roberto Gomez Bolaños como Chaparron Bonaparte

Chaparrón Bonaparte: Um dos personagens mais carismáticos de Bolaños. No Brasil, ele ficou conhecido a partir da década de 90, durante a exibição do programa “Chesperito” pela Rede CNT. Durante suas aparições, era comum encontrá-lo dialogando com Lucas Pirado (Rubén Aguirre).




Curiosidades

pe_chespirito01

Roberto Gómez Bolaños é o segundo filho do casal Francisco Gómez Linares e Elsa Bolaños - Cacho Aguilar. Seu pai era conhecido por seu talento como pintor e desenhista. Atuava também como ilustrador de importantes veículos da imprensa mexicana.

pe_chespirito02

Sua mãe, Elza, se vê em uma situação bastante difícil aos 32 anos de idade. Na época, seu marido havia falecido, e ela, mais do que depressa, necessitava garantir o sustento dos filhos Francisco, Roberto e Horácio.

Ainda sobre a mãe de Bolaños, graças a uma vivência nos Estados Unidos, durante a Revolução Mexicana, ela conquistaria um emprego na empresa “Petróleos Mexicanos”, atuando como secretária bilíngue.

chespirito_jovem

Roberto Gómez, após a conclusão do segundo grau, ingressaria na Universidade Nacional Autônoma do México. Por lá, ele se dedicaria aos estudos da engenharia elétrica.

É bom que se diga nosso biografado jamais concluiria o curso universitário. Paralelamente a isso, começava a tomar gosto pelas letras.

pa_chespirito08

Já na década de 50, após uma bem sucedida passagem pela agência Darcy, começa a colaborar com atrações televisivas da TV mexicana.

Foi com 28 anos de idade, que Roberto Gómez Bolaños, receberia o apelido de “Chesperito”. Ele, por sua vez, fazia referência ao dramaturgo William Shakespeare.

-“El Ciudadano Gómez”, marcava a estreia de Chesperito na chamada TV TIM (Televisión Independiente de México). O personagem, por sua vez, era apresentado aos sábados, dentro do programa “Sábados de La Fortuna”.

Foi em “Los Supergenios de La mesa Cuadrada”, que um dos principais personagens de Chesperito, Dr Chapatin”, ganhava sua primeira aparição. O programa, aliás, fazia uma sátira ao clássico “Os cavaleiros da távola Redonda”.

chili_p

Ainda sobre a atração, ela foi responsável pela popularização dos atores Rubén Aguirre, Ramón Valdés e Maria Antonieta de Las Nieves. Diga-se de passagem, foi a partir daí, que nasceria uma das mais sólidas amizades do meio televisivo, a de Roberto Gómez Bolaños com Dón Ramon Valdés.

seu_madruga_6

-Com o prestígio conquistado, Chesperito, ainda em 1970, ganharia um programa próprio na TV Tim.

chapolin2

El Chapulin Colorado - Um fato curioso: A ideia inicial de Roberto Gómez era a de que outro ator pudesse dar vida ao personagem. Inúmeros testes foram feitos para tal, todos é claro, sem sucesso. Diante disso, coube, uma vez mais, ao grande comediante, levar a cargo a função.

-

-Chapolin, por sua vez, era baseado em uma espécie de anti-herói, algo diferenciado, e que fugisse dos demais personagens da época: Batman, Superman etc. Isso, aliás, ficou demonstrado no episódio em que o comediante contracena com o chamado “Super Sam” (Ramón Valdés).

Em relação ao traje do personagem, seu criador, tinha 04 opções: Branco, preto, azul e vermelho. No caso do branco, a cor em si, causaria uma série de problemas durante as gravações. O tom preto indicaria luto, o azul, prejudicaria os efeitos em Chroma Key, restando então, o vermelho, utilizado no decorrer da série.

El_chavo_del_8__658237

El Chavo del Ocho: Seu título fazia referência ao canal 08, emissora onde a série era exibida. Anos mais tarde, a rede passaria a se chamar Televisa.

Por sua vez, coube a rede mexicana, a comercialização do seriado, ainda na década de 70, para diversos países latinos.

-

No Brasil, a atração foi exibida a partir de 1984, no SBT, dentro do extinto programa do Bozo. Por aqui, os primeiros episódios apresentados foram “Caçando Lagartixa” e “Seu Madruga Sapateiro”.

-

Ainda na década de 80, Gugu Liberato, através de seu “Viva a Noite”, realizaria uma longa entrevista com Roberto Gómez Bolaños.

Certo tempo depois, em 1989, é lançado o primeiro e único LP da série. Entre as faixas do disco, destaque para “Aí vem o Chaves”, “Tchuim Tchuim Tchum Clain”, “Kiko”, “Chiquinha”, “Seu Madruga” e “Barulhos da Cidade”.

-

Além destas, outras faixas, popularizadas ao longo dos anos 80, conquistariam os brasileiros, entre elas: “Se você é Jovem Ainda”, “”Quando me Dizes”, “Peludinho” e “Boa noite vizinhança”.

chespirito_roberto_gomez_bolaos_ope

Voltando ao nosso biografado, ele é casado com Florinda Meza (dona Florinda), e tem seis filhos, frutos de seu primeiro casamento.

-

El Chavo, La Serie Animada: Lançado em 2006, o trabalho contaria com a direção de seu filho, Roberto Gómez Fernández. Na versão animada, a dublagem do personagem Chaves ficou a cargo de José Otávio Guarnieri, conhecido como Tatá Guarnieri.

-

Atualmente, além do SBT, o seriado e o desenho são exibidos pelo Cartoon Network.

E por fim, fechando o post, ficam o nosso carinho e homenagem a Roberto Gómez Bolaños. Até a próxima!

-
  1. Madruga

    20 de janeiro de 2011 em 19:33

    A proxima poderia ser ou do Freddie Mercury ou do Marcelo Gastaldi  o “Chaves ” e o “Wada de Spectreman”

  2. Guilherme Chamorro Junior

    20 de janeiro de 2011 em 17:07

    Nossa muito bom poder conhecer a biografia de um grande mito que é o Roberto gomez bolaños…
    Uma das frases do Chaves que também poderia estar ai : ” Prefiro Morrer do que perder a vida! ” kkkk

  3. Alexandre Sa nunes

    20 de janeiro de 2011 em 16:54

    fiquei com preguissa de ler a 1º e a 2º ai eu coloquei no programa falador 🙂

  4. Diego Silva

    20 de janeiro de 2011 em 15:45

    Agora só falta a do Dón Ramon Valdés.

  5. Wadson Rafael

    20 de janeiro de 2011 em 00:52

    aaaaaaaaa *-*

    Um grande homem, um grande exemplo! O maior humorista de todos os tempos, genial!

  6. Barguilhaberta

    19 de janeiro de 2011 em 23:39

    Sem dúvida, além de um grande homem, é um exemplo de vida…. marcou a infancia de metade dos brasileiros… rsrsrsrsrs

7 Comentários
Topo