Biografia Minilua- Rubén Aguirre

ruben aguirre

Rubén Aguirre Fuentes nasceu em 15 de junho de 1934. Ele é natural da cidade de Saltillo, no México. Na televisão, tem conquistado, ao longo dos anos, fama e prestígio. Entre seus trabalhos principais, destaque para os personagens Professor Girafales, Poucas Trancas e Simpato Amasaki.




Infância e carreira

O ator é filho de Rubén Aguirre Flores e Victoria Aguirre Fuentes. Sua família ainda é composta por mais 05 irmãos.

Na cidade de Saltillo, o artista passaria parte de sua infância. Lá, aliás, concluiria o segundo ano primário. Meses depois, até por decisão familiar, muda-se para Torréon.

el professor jirafales televisa

Após o ensino médio, decide estudar agricultura. Já na faculdade, em Cd. Juárez passa a estudar Agronomia na Faculdade Hermanos Escobar.

Paralelamente a isso, começa a ter aulas de canto, atuação e esgrima. Nas horas vagas, ainda encontraria tempo para praticar um de seus hobbies prediletos, a tourada.

tourada

Já no teatro, experimenta uma das melhores fases de sua carreira, atuando como ator, diretor e mestre.




Televisão

Rubén-Aguirre

Nos anos 60, já na televisão, é convidado para narrar touradas. Nesse meio período, torna-se uma das figuras mais representativas do Canal 6 do México.

Aguirre, em alta, chegaria a direção da emissora, atuando, de forma conjunta, nos postos de diretor e ator.

Já ao lado de Chesperito, participa de diversas atrações televisivas, entre elas: “El ciudadano Gómez (O cidadão Gómez) e “Los Supergenios de La Mesa Cuadrada” (Os Super Gênios da Mesa Quadrada”).

genios

A partir de 1972, já no programa “El Chavo del Ocho”, passa a dar vida ao carismático Professor Girafales. No papel, o ator conquistaria diferentes públicos, espalhados em diferentes nações.

-

O personagem, por sua vez, é apaixonado pela “valentona do 14”, ops, Dona Florinda (Florinda Meza).

A trilha do casal é conhecida como “Theme of Thara” (tema de Tara). Ela, entre outras coisas, está presente no filme “E o Vento Levou” (Gone With the Wind).

Além desta, outra canção inesquecível é a chamada “Quando me Dizes”, presente em um dos mais importantes episódios da série.

-

Entre os bordões do Professor Girafales, destaque para “Tá! Tá! Tá! Tá! Táá!” e “Quero saber por que causa, motivo, razão ou circunstância”.

No Brasil, a voz do ator foi dublada por Potiguara Lopes e Osmiro Campos. Ambos, ícones da dublagem brasileira.

-

O artista, desde 1975, é proprietário de um circo, o “El Circo de Professor Jirafales”. Recentemente, no ano de 2008, sua esposa seria vítima de um acidente automobilístico. Na ocasião, ela perderia uma das pernas.

Atualmente, o ator de 1.96 m, tem sido homenageado em diferentes programas. Sua fisionomia, aliás, está bastante diferente, especialmente após ter ganhado 25 quilos.

2005_7_15_121051-tata

  1. Tawana Kuticoski Valtrudes

    23 de junho de 2015 em 17:57

    tadinho melhoras pra ele e e sua familia

  2. Mathias zales

    5 de maio de 2011 em 14:35

    Saudades… Até hoje eu vejo chaves e chapolin, a proposito, eu tenho todas as series.
    já deixei de ir para a faculdade para consumar uma nostalgia momentanea. (risos)
    Belo post!

  3. Johnny

    23 de abril de 2011 em 17:37

    Puts, não sabia que por tras do “Professor” tinha tudo isso. Grande homen!
    Pensei que ele tinha morrido, pois em todos os eventos que vai o antigo pessoal da turma do chaves(ainda vivos) sempre ta o senhor barriga e o kiko…Chaves apesar de fazer piadas sem graça, ainda dou boas gargalhadas, assistindo os mesmos eposidios repitidos…Ja cheguei a pensar que até tinha alguma mensagem subliminar, porque é tão sem graça e acaba sendo ingraçado e viciante.

    • GauchoTCHÊ

      23 de abril de 2011 em 19:19

      concordo contigo Johnny grande homen esse cara..

  4. Douglas Jonathan

    23 de abril de 2011 em 13:03

    PqP ele mudou muito!!!

  5. GauchoTCHÊ

    23 de abril de 2011 em 02:44

    cara tds os atores do Chaves  devem ser admirado mas o q eu mais admiro é o Seu Madruga,,,,,,
    http://minilua.org/especial-madruga-trajetoria-grande-humorista/  cara esse dai eu na boa keria q ele tivesse ficado mais tempo entre a Turma do Chaves…….

    • Jeff Dantas

      23 de abril de 2011 em 03:01

      Concordo contigo, Foreman. Grande Don Ramón! Assim que tiver um tempinho, dá uma olhada nesse música, composta em homenagem a ele: http://www.youtube.com/watch?v=qyrJK8lKCR4

      • GauchoTCHÊ

        23 de abril de 2011 em 03:13

        vlw ai pelo video ….muito tri a homenagem a ele……

  6. Joelmir Duarte

    22 de abril de 2011 em 21:28

    nossa que curriculo inverjavel!
    Ficou otima esta materia e todas as outras da serie,pontos extras pelo video do dublador,hehehe fiquei com um calafrio quando ele falou aquela frase:
    “não papai,não é o chapeuzinho vermelho,e o chapolin colorado”

    • Jeff Dantas

      22 de abril de 2011 em 21:34

      Joelmir, valeu pelo comentário. Sobre o Osmiro, ele foi, durante muito tempo, amigo do Marcelo Gastaldi, dublador do Chaves. 🙂

10 Comentários
mais Posts
Topo