Minilua

Celulares que marcaram época: Motorola RAZR V3 #2

Dando continuidade a série “Celulares que marcaram época”, hoje falo do Motorola V3, um aparelho que marcou época e que até hoje é bastante útil para milhares de pessoas, uma vez que além de resistente, o mesmo possui funções inovadoras para o seu tempo.

Maior referência dos celulares de abrir e fechar, o Motorola RAZR V3 foi o aparelho mais vendido na história da marca. Estima-se que mais de 130 milhões de unidades tenham sido comercializadas. Para a época, o V3 era bastante fino, uma vez que o mesmo possuía cerca de 13 mm, além de contar com um design moderno.

Contando com sincronizador de conteúdo com o computador, Bluetooth, câmera VGA, tela de 176×220 pixels, estrutura resistente e bateria bastante econômica, o Motorola V3 só tinha um único problema, seu espaço interno, que na época era de apenas 7 MB, o que é praticamente nada perto do que temos atualmente nos aparelhos.

Eu tive um Motorola V3 e posso garantir que foi um dos melhores aparelhos que já adquiri, visto que as funcionalidades eram boas, a resistência em relação a carcaça era ótima, a bateria parecia imortal e a câmera era até de bom nível.

Como já foi dito, a falta de espaço interno era o grande problema do Motorola V3, visto que apenas uma música já consumia toda a memória disponível. Às vezes, o jeito era usar programas de edição e cortar os pedaços das músicas, para que assim elas pudessem tocar, ao menos o refrão.

A família RAZR reapareceu nos novos smartphones da Motorola, no entanto a série está muito mais moderna e recheada de funções inéditas. Por falar nisso, a empresa parece ter acertado novamente na mão, visto que o lançamento dos modelos RAZR, Moto G e Moto X recolocaram essa gigante da tecnologia no topo do ranking do segmento.

Se você gostou do artigo, clique em curtir. Caso já tenha tido um Motorola V3, ou então, qualquer outro aparelho que marcou sua vida, deixe nos comentários. Até mais!