Minilua

A cidade do futuro #1

O crescimento populacional descontrolado e a grande migração para as metrópoles estão fazendo com que esses locais estejam cada vez mais sem espaço para seus moradores, o que faz o número de prédios crescer muito e rápido.

Mas em um futuro mais distante nem mesmo os prédios construídos atualmente darão conta da população, pois no mundo viverão mais de 9 bilhões de pessoas sendo mais de 70% nas grandes cidades. Essa superpopulação fará com que o modo em que vivemos mude radicalmente.

Com essa necessidade surgirão as casas construídas no subsolo e também os mega arranhas céus, que poderão abrigar milhares de pessoas. O mundo será um lugar quente e muito poluído, fazendo com que as pessoas cada vez mais vivam dentro de alguma construção, tornando os prédios enormes cada vez mais auto-suficientes.

Pensando nesse futuro, diversas instituições, tais como a ONU e a Universidade George Mason, fizeram pesquisas que tentam nos revelar como será o futuro da nossa sociedade. Confira o resultado interessante desse estudo:

 

Arranha-espaço

Os prédios não serão mais apenas prédios, serão bairros inteiros na vertical, capazes de servirem de moradia para centenas de milhares de pessoas. Dentro deles existirão tudo que é necessário para viver, como hospitais, comércios, praças, escolas e tudo mais. Além disso, todos os prédios serão capazes de reciclar sua água e produzir energia, sendo assim todos praticamente auto-sustentáveis, necessitando de poucas coisas do exterior.

 

Andando no ar

Com a grande falta de espaço no chão, os grandes prédios se ligarão entre si através de passarelas suspensas, que no futuro serão como ruas, pois carros e ônibus passarão por lá. Acredita-se que nesse futuro os ônibus deixarão de ser populares, e o grande transporte em massa deve ser feito por zepelins (dirigíveis).

 

Ladrões aposentados

Cada vez mais a longevidade aumenta e isso fará com que mais de um quarto da população seja de idosos, diminuindo a criminalidade, pois grande parte dos infratores são pessoas mais jovens. Além de tudo isso nossa vida deve ser um Big Brother, com câmeras espalhadas em todos os lugares, afinal viveremos presos em prédios o que tornará o serviço de ladrões mais difícil.

Muitas outras coisas mudarão nos próximos 100 anos, coisas que deixarão nossas vidas melhores em alguns pontos e piores em outros, mas que serão necessárias para nossa sobrevivência nesse planeta. Essas grandes mudanças você confere no próximo post da série.