Minilua

Coisas que somente pessoas ansiosas entenderão

Ansiedade é um problema cada vez mais comum na vida das pessoas. Ela é resultado de uma desmoderada excitação do SNC – Sistema Nervoso Central – resultante da análise de uma condição de perigo. A Ansiedade tem parentesco com o medo. Distinguir os dois se torna complicado as vezes. Porém, consegue-se diferenciá-los pelo fato de que o medo é decorrente de algo visível e tangível, agora, na ansiedade o motivo de desencadeamento possui peculiaridades mais intangíveis, abstratas.

A ansiedade é um exemplo de como um conjunto de características psicológicas podem afetar tanto a mente quanto o corpo de quem a desenvolve. Suas crises tendem a proceder sempre da mesma maneira. Com isso, temos uma lista de sintomas, digamos assim, que qualquer pessoa que possua esse transtorno vai reconhecer, assim como pessoas que conhecem e convivem com detentores da disfunção.

1 – Sensação de desconforto permanente.

Você simplesmente não sabe mais o que significa a palavra calma.

2 – Ela causa um desconforto físico e dor também, porque não?

Todos sabem que a ansiedade está em sua mente, porém ela tem resultado direto na sua parte física, seu corpo. A sensação de aperto no coração, o peso em seus ombros, dores no estômago, dor de barriga – fica 3 horas no banheiro, tenso -, por fim, a terrível sensação de sentir-se mal dentro de si mesmo.

3 – Que na pior das hipóteses acaba virando um ataque de pânico.

Vocês está quieto e de boas tomando conta da sua vidinha e do nada PAFT, sua ansiedade chega de voadora dupla, “Se esqueceu de mim?” MUAHAHAHA!”.

4 – Sua cabeça nunca para, nunca mesmo.

Caso você participasse de maratonas, certamente ganharia antes de começar.

5 – Você nunca acredita em si mesmo, sempre há dubiedade.

Acho que eu não deveria ter falado isso, ou feito isso, ou refletido, meditado, pensado isso.

6 – Sem brincadeira, você se pergunta sobre tudo.

Palavra por palavra, significado por significado, amor, amizade, paixão, animal, pessoa, atividade…se está vivo, não-vivo, na sua cabeça… Sempre você tem um grau de preocupação enorme com o que significa cada coisa.

7 – Você não possui o botão de turn off.

Seu cérebro está em constante direção pra algum lugar que você não conhece.

8 – Quer ver o filme de comédia, ler um livro, fazer alguma coisa legal? SQN!

Sua mente está sempre destinada a não prestar atenção nisso, somente nas suas particularidades que envolvam você.

9. Quer dormir normalmente à noite? NÃO.

Tá zoando, né?. Essa é a parte preferida da ansiedade. É quando ela adora aparecer.

10 – Conversar normalmente com amigos? NÃO.

Falta o dom da oratória nesses momentos.

11 – Bizarramente, você fica ansioso por falar, ou pensar sobre ansiedade.

Qualquer atividade, mental ou física, pode ser um estopim em potencial, então o que você tem a fazer é tentar não pensar, pra se proteger dos picos de ansiedade, porém, infelizmente, isso quer dizer que você está ansioso gastando tempo pensando em como não ficar ansioso. ~explode cabeça~

12 – Você nunca está vivendo o agora.

13 – Tomar uma decisão é horrível.

E se for a errada, sempre?!?!?

14 – Mesmo que você tome a decisão na hora, certamente vai se questionar incansavelmente.

Não sei, só sei que não sei.

15 – Leva anos pra você fazer qualquer coisa, pois você está perdido dentro da sua cabeça frequentemente.

Além disso tudo, você tem que refazer as coisas já feitas dezenas de vezes. Reconferir é essencial.

16 – Exaustão é sua marca registrada.

Física, mental e emocionalmente.

17 – Você entra em situações bizarras de não poder confiar na sua própria mente.

Isso é verdade? todos estão contra mim? ou é só a ansiedade me levando pro limbo? CHEGA!

18 – Então você se depara com a difícil perspectiva de tentar combater a sua ansiedade com a própria coisa que a está causando.

Ah olá CÉREBRO nos encontramos de novo.

19. Pessoas bem-intencionadas tentam ajudar, mas às vezes pioram.

Sim, eu sei que a coisa que me preocupa não vale a pena preocupar, mas saber disso não impede meu cérebro de se preocupar com isso.

20 – Pessoas MAL intencionadas tornam isto muito pior.

Não, eu não sou egoísta ou preguiçoso, obrigado, na verdade só tenho ansiedade paralisante.

21 – Você realmente se preocupa em ser um fardo para as pessoas que você ama.

Às vezes você mal aguenta a si mesmo, então como eles podem te suportar? !

(Isso é o seu cérebro mentindo para você novamente).

22 – Você quer nada mais do que simplesmente parar de se preocupar, mas literalmente não consegue.

Há um botão de desligar nesta coisa?

23 – Você sabe que há coisas que podem ajudar a sua ansiedade, mas você se sente ansioso a respeito de experimentá-las.

Meditação? Meu cérebro vai ser muito barulhento e eu não vou ter nada para distrair do barulho! Exercício? Todos estarão me olhando e julgando! Arrrrgghhhaahgahahgah…

24 – Finalmente, há o alívio de conseguir falar com alguém sobre suas preocupações e saber que eles compreenderão completamente.

Fonte: BuzzFeed

Deixe seu comentário! E não se esqueça de curtir nossa página no Facebook e nos seguir no Twitter!