Como a internet funciona?

Todos os dias você usa seu computador ou celular para acessar a internet. Durante o acesso, entra em sites, dá uma olhada nas redes sociais e também consegue ver uns vídeos no Youtube. Tudo isso parece ocorrer por mágica, mas o que será que faz a mágica acontecer?




Do computador para o mundo

internet-of-things-2

Nós raramente paramos para pensar, mas a internet não se resume a uma conexão com a rede e seu computador solicitando sites ao servidor da companhia de banda larga. Na verdade, existem tantas coisas movendo a internet, que é complicado entender todos seus mecanismos em detalhes, por isso vamos simplificar tudo.

Vendo do ponto de vista do consumidor, nesse caso, nós mesmos, a internet começa em nosso computador ou celular. Toda vez que desejamos acessar um site, digitamos um endereço no navegador e um processo que movimenta muitas coisas ocorre.

O endereço digitado passa pela rede e chega ao roteador, lá ele é enviado (através de satélites ou fibra óptica) até os servidores (computadores gigantes que são capazes de realizar muitas e muitas tarefas ao mesmo tempo) da companhia que lhe provê internet (por exemplo: Oi, GVT, Net, etc.). É a partir desse momento que o endereço que você digitou é usado para encontrar um endereço dentro da internet.

Internet_map_1024

Representação gráfica de como seria a internet se pudéssemos vê-la.

Os endereços dentro da internet funcionam de maneira parecida com a vida real. Cada site (da mesma maneira que uma casa) possui um endereço único no mundo. Esse endereço é dado por um conjunto de números, só que é muito mais fácil para pessoas decorarem nomes, por isso, em vez de 107.161.191.10, você digita minilua.org em seu navegador. Depois esse nome é convertido para a forma de número por um sistema chamado DNS (Domain Name System, algo como Sistema de Nomes de Domínios).

Esse monte de números é chamado de IP (Internet Protocol). Sem eles é impossível navegar na internet, pois o IP é responsável por mostrar o caminho certo que os dados precisam percorrer.

Depois que seu pedido chega aos servidores da companhia, ela envia sua solicitação para a internet, pedindo as informações que constam naquele endereço de IP. Após isso, o servidor que guarda seu site começa a mandar informações de volta para sua companhia de internet.

Para deixar tudo mais fácil, os sites se comunicam usando pacotes, que são pequenas quantidades de informação. Por exemplo, quando você solicita uma imagem a um site, ela é muito grande para ser transmitida em uma “tacada só”. Assim, o servidor divide ela em pedaços e vai mandando aos pouquinhos até formar toda a imagem.

Depois que o servidor do site que você deseja acessar já se comunicou com o da sua companhia de internet, a página vai sendo carregada no seu computador, dependendo da velocidade contratada.

É no meio dessa comunicação entre seu computador e o servidor da companhia que eles conseguem limitar sua velocidade de internet. Normalmente, essa limitação é imposta dentro do modem que está aí na sua casa, mas tentar alterar isso, hoje em dia, é complicado e é crime.




Sem perder o caminho

Servidor de uma companhia espanhola de internet.

Servidor de uma companhia espanhola de internet.

Todos esses “uns e zeros” andando pela internet, com bilhões de conexões ocorrendo no mundo e o site que eu pedi chega perfeitamente na minha casa. Como será que esses dados não se perdem no meio dessa confusão?

A verdade é que podemos imaginar a internet como uma grande estrada circulando por todo o planeta. Ela é cheia de entradas e saídas, que levam as “cidades”, que por sua vez levam até as “casas”. Para coordenar essa estrada gigante, existem servidores enormes, conhecidos como backbones (espinhas dorsais). Eles fazem o tráfego andar na linha e usam roteadores para que sua solicitação não se perca no meio desse mar de pedidos.

Os backbones são a “internet em si”. Eles são essa grande estrada que faz a comunicação entre as ruas menores. Sem eles funcionando, a internet não consegue realizar seu trabalho. Cada país possui algumas empresas com seus backbones. No Brasil temos a BrasilTelecom, Telecom Italia, Telefônica, Embratel, Global Crossing e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), todas provendo a espinha dorsal de nossa internet.

internets-backbone-can-readily-be-made-more-sustainable-big

Se alguém quisesse bloquear um site para todo o público brasileiro, bastaria colocar uma restrição em cada um desses “superservidores”, que nós ficaríamos totalmente impossibilitados de acessar tal conteúdo, porque simplesmente não existira uma conexão com a “estrada menor”, que leva ao tal site bloqueado.

Passando por toda essa complexidade de servidores, estradas e caminhos, como será que minha solicitação faz para voltar até minha casa sem se perder?

Do mesmo jeito que um site tem um endereço de IP, você também possui um. Por isso, a informação solicitada a internet acha a sua casa da mesma maneira que você acha um site. Graças a esse número único para cada máquina conectada a internet, que sua mãe não recebe o conteúdo do site que você está abrindo, mesmo os dois estando conectados no mesmo modem. Cada computador, celular ou tablet conectado a rede mundial de computadores possui um IP único.

É meio complicado, mas é assim que a internet funciona. E também é graças a esses servidores de diversas empresas se comunicando e milhões de computadores, que nós temos toda essa capacidade de comunicação e informação livre. E o melhor de tudo, por ser formada por milhões de servidores de milhões de empresas e pessoas, ninguém é dono da internet. Ela é de todos e feita por todos.

  1. Diego Barbosa Silva

    18 de abril de 2015 em 08:25

    legal

  2. Dr.V

    5 de junho de 2014 em 15:12

    Interessante 😛

  3. Hagner

    5 de junho de 2014 em 12:38

    Até que enfim descobri o que esse tal de DNS que as vezes nao funciona

  4. TouhouNoLunático

    4 de junho de 2014 em 17:28

    “Normalmente, essa limitação é imposta dentro do modem que está aí na sua casa, mas tentar alterar isso, hoje em dia, é complicado e é crime.”
    Se tentar alterar isso para receber pelo que você está pagando, continua sendo crime?

  5. Repede

    4 de junho de 2014 em 16:01

    Muito interessante o post,internet é fonte de conhecimento pra quem sabe usar.

  6. Marvelunatico

    4 de junho de 2014 em 09:45

    O que se encontra na internet…..

    [img]http://c7.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/Be512923c/14188360_yfZbq.jpeg[/img]
    .

    [img]http://s30.postimg.org/gufjfyjg1/cats_3.jpg[/img]
    .

    [img]http://s12.postimg.org/kqd4efyp9/leite.jpg[/img]
    .
    E O MELHOR DE TODOS:
    https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=h8bJsRfwX5k

    • Misaki Psicotic

      4 de junho de 2014 em 11:20

      kkkkkkkkkkkkk

      [img]http://4.bp.blogspot.com/-rlhXCRZrx0Y/UiqlTPJPFMI/AAAAAAAAFAA/SqfHmbqc6c0/s1600/y2.jpg[/img]

      • Mutley

        4 de junho de 2014 em 12:13

        Um dia desses ,li uma assim …

        P : Quanto tempo demora para o espermatozoide morrer depois de se masturbar ?

        R : Acho que na queda ele morre .

        • Misaki Psicotic

          4 de junho de 2014 em 17:46

          hasauhsuah’

        • ultramen Tiga

          4 de junho de 2014 em 17:15

          kkk eu ach que este merece melhor resposta XD

  7. Marvelunatico

    4 de junho de 2014 em 09:18

    Muito bom, um dos melhores posts que já li, bem explicado!

  8. Jeff Dantas

    3 de junho de 2014 em 22:34

    As vezes, eu fico pensando.. O q seria do mundo sem Internet! Sem o Face, Youtube, Rapidshare… Imaginem só…comprando CDS por R$ 30,00, R$ 40,00, R$50,00… http://4.bp.blogspot.com/-PjdfEwSBnAY/Thlq72AuyvI/AAAAAAAABrY/7NfZrsiPEp4/s1600/11rvdaa1.jpg

    • Mutley

      4 de junho de 2014 em 12:20

      Quando meu PC estragou eu cheguei a ficar quase 1 ano sem Internet , e até aguentei de boa , a primeira semana que foi meio ruim mesmo, o trauma de você olhar pra escrivaninha e não ver ele lá ='(

    • Luís Felipe

      4 de junho de 2014 em 08:43

      Eu pago R$2,00. E, se levar 3, sai por R$5,00.

    • Jumplunático de Afro

      3 de junho de 2014 em 22:46

      R$50,00, R$60,00, R$70,00, R$80,00, R$90,00, R$100,00…

    • 3 Hits

      3 de junho de 2014 em 22:45

      nem consigo imaginar. antes o mundo vivia sem internet, sem energia, etc. Hoje, não consigo imaginar a vida das pessoas sem tudo isso. Se elas de repente desaparecessem, o caos reinaria.

  9. Little Uchiha™

    3 de junho de 2014 em 22:28

    Tem certeza q é no modem? Quem controla é a companhia telefônica.

  10. 3 Hits

    3 de junho de 2014 em 22:10

    Gostei bastante do post. Essa complexidade consegue se traduzir em uma certa facilidade de uso ao alcance de todos. Muitos vem a internet como algo ruim. Eu penso que ela é muito boa, pois conseguiu aproximar o mundo, culturas, compartilhamento de informações, etc. Tem seus problemas, mas em todo local onde todo tipo de pessoa tem acesso, sempre irão existir aquelas de má indole, que tentarão utilizar as coisas boas para adquirirem vantagens, nos chamados cybercrimes (não se é assim que se chama mesmo). Mas a contribuição da internet para a humanidade é, na minha opinião, imensurável.

    • Emmanov Kozövisck

      4 de junho de 2014 em 16:22

      *veem, desculpe, não pude resistir à tentação.
      A internet é o Livro de Areia, é a biblioteca mundial, é o sonho de quaisquer intelectual (ou de quase todos); se usada corretamente, ela é um dádiva.

    • Adriano Saadeh

      4 de junho de 2014 em 08:43

      Sem dúvidas, tanto que o surgimento dela é considerado a última grande revolução!

    • DCemblemático

      3 de junho de 2014 em 22:19

      Sim, e por esses motivos que eu so entro na deep web he-he-he

      • 3 Hits

        3 de junho de 2014 em 22:43

        kk. Eu ja entrei, mas não gostei daquilo não. è muita pedofilia que tem naquele lugar. Tem muita gente doente por la. E eu tbm não consigo ir muito longe nela. Eu até acho lá um lugar interessante, mas essas coisas pesadas , não de ver muito não.

        • Emmanov Kozövisck

          4 de junho de 2014 em 16:22

          Vê-se tais coisas por livre e espontânea vontade, afinal a deep web não tem apenas conteúdos inapropriados.

          • 3 Hits

            5 de junho de 2014 em 13:41

            Mas lá é impossível de vc navegar por la sem conhecer as URLs dos sites específicos. Ei vc fica transitando de site em site, sem saber oq virá em seguida.

        • Jumplunático de Afro

          3 de junho de 2014 em 22:48

          Tem que se hacker que nem eu pra entra la

          • 3 Hits

            3 de junho de 2014 em 22:50

            Só sei entrar da forma básica, com o Thor, acho q era esse o programa. no máximo entrei na Hidenwiki e alguns sites aleatórios que da pra ver de la

          • Marvelunatico

            3 de junho de 2014 em 22:56

            [img]http://vertvcine.com.br/wp-content/uploads/2013/11/thor-2-pics-tdw-1.jpg[/img]

          • 3 Hits

            3 de junho de 2014 em 23:19

            Esse thor ai ele quebraria era o pc com o martelo.

          • Marvelunatico

            4 de junho de 2014 em 01:10

            kkk
            É que o Tor, navegador, é sem o H. Já o Thor aí é Thor mesmo, por isso a piada :p

          • 3 Hits

            4 de junho de 2014 em 01:13

            A, Blz. um pequeno erro. hauhauhauhauhauhauhau

          • Mutley

            4 de junho de 2014 em 15:00

            Se fosse com o Batman acessaria as 8 camadas sem pegar um Trojan , pq o Batman é foda ! XD

          • Marvelunatico

            4 de junho de 2014 em 19:38

            Pena que ele não existe XD

          • Jumplunático de Afro

            3 de junho de 2014 em 22:52

            O máximo que eu fui foi um site satânico com umas fotos suspeitas e uma loja de armas e drogas, e os sites de pedofilia.

  11. Jumplunático de Afro

    3 de junho de 2014 em 21:53

    Nem li… .. . …. .. É do Diego… .. …. Vish.. . …. .. …. .

    • DCemblemático

      3 de junho de 2014 em 22:09

      Cara pare de ser babaca, o diego tem o maior trabalho criar uma materia, pra vim um babaca prafalar que nem leu, se não queria ler por que entrou na materia? ou melhor por que entrou no site? he-he-he

      • Jumplunático de Afro

        3 de junho de 2014 em 22:12

        1º Não da para levar seus comentários a sério com esse he-he-he;
        2º Com “Não li” quis dizer não li ainda.

        • DCemblemático

          3 de junho de 2014 em 22:17

          he-he-he
          he-he-he
          he-he-he
          he-he-he
          he-he-he
          he-he-he
          he-he-he

        • Diego Martins

          3 de junho de 2014 em 22:14

          3 – Não leve a sério os moderadores XD

          • Senhor do Tempo

            4 de junho de 2014 em 01:29

            huehuehuehue fale por si mesmo XD

          • Jumplunático de Afro

            3 de junho de 2014 em 22:21

            4º Ignore o DC (aquele inútil)

          • DCemblemático

            3 de junho de 2014 em 22:24

            Ui ui ele e
            [img]http://1.bp.blogspot.com/-TI9CjHKdizc/TqGYYVAOqrI/AAAAAAAAAC4/nLH4tmXVZ1s/s1600/rebelde_brasil_resumo_1.jpg[/img]
            He-He-He

          • DCemblemático

            3 de junho de 2014 em 22:15

            4-Pru gui oce faz içu diegu? he-he-he

          • Jumplunático de Afro

            3 de junho de 2014 em 22:19

            Pq não tem nenhuma lei que proibi, e mesmo que tivesse eu não ligo

          • DCemblemático

            3 de junho de 2014 em 22:20

            Wat?? ta falando do que? he-he-he

          • Jumplunático de Afro

            3 de junho de 2014 em 22:22

            Das coisas que eu disse

    • Diego Martins

      3 de junho de 2014 em 21:55

      Na próxima nem vou ler seu comentário, só vou excluir.

      • DCemblemático

        3 de junho de 2014 em 22:03

        Bani que e melhor he-he-he

        • Jumplunático de Afro

          3 de junho de 2014 em 22:04

          Concordo

      • Jumplunático de Afro

        3 de junho de 2014 em 22:01

        Ta vlw

52 Comentários
mais Posts
Topo