Como os líderes mundiais veem a justiça?

Gunduz Aghayev é um cartunista que cria várias séries de imagens satirizadas envolvendo temas sociais. Dessa vez ele escolheu o tema dos direitos humanos universais e justiça Femida (Themis), como eles são vistos em diferentes países.

“Eu passei 15 a 16 dias para terminar este volume. Tirei um bom tempo para pensar e ler muito sobre as situações nesses países. Estas ilustrações mostram, ao meu ver, as reais condições dessas nações”.
Anteriormente, ele chamou a série de ilustrações, como “Selfie Santa”, “Polícia Global” e “Apenas ditadores”.

Se você possui um bom conhecimento de mundo, não será difícil compreender:




Azerbaijão

g1__700




Russia

g2__700




Turquia

g3__700




Ir/h2>

g4__700




Síria

g5__700




Coreia do Norte

g6__700




China

g7__700




Brasil

g8__700




Grécia

g9__700




Alemanha

g10__700




França

g11__700




Inglaterra

g12__700




Estados Unidos

g13__700

Nada mais do que a “zoeira” da verdade.

Curtiu? Comenta aí!

  1. Pedro Lucas

    12 de setembro de 2015 em 23:05

    Quando vi o da síria lembrei de uma coisa: necrofilia

  2. Lynn Rock

    8 de setembro de 2015 em 12:22

    Achei todos muitos bons e mostram a realidade de hoje em todos esses países, infelizmente.

  3. Papa Emeritus III

    7 de setembro de 2015 em 14:41

    Isto aí é coisa de esquerdista tapado, é por isto que este blog é um lixo, só matéria de bosta e bazingueiro comentando. É tão lixo que até censura de palavrão nos comentários esta bosta tem.

    • Tolerância Zero

      8 de setembro de 2015 em 16:57

      Censura de c­u é ro­la.

  4. Elyane

    6 de setembro de 2015 em 21:37

    Ótimas interpretações, a “justiça” hoje é apenas um símbolo vazio que se modifica para os vãs interesses dos poderosos, a ideia de justiça está tão deturbada que já perdemos totalmente a noção do que é ou não justo.

  5. Marcelo Campos

    5 de setembro de 2015 em 19:42

    na síria é a pior forma, estuprar e decapitar são realmente as formas mais cruéis.

  6. Wilhan Takamine

    5 de setembro de 2015 em 12:04

    Não consegui compreender a imagem 4 (irã) Alguém pode me explicar pra que eu adicione mais cultura na minha vida?!

    • Li Syaoran

      5 de setembro de 2015 em 17:55

      O artista criticou o fundamentalismo que guia a justiça iraniana enquanto o país tenta se passar por “moderno”. Isso é evidenciado pela presença do Monumento Azadi ao fundo (arquitetura moderna) em contradição com a justiça estar usando uma burqa.

  7. chapolim do mal

    5 de setembro de 2015 em 10:23

    Gol da Alemanha mas pera, eu não entendi o da Alemanha.

  8. Atrelegis Valgard

    5 de setembro de 2015 em 01:07

    Faltou uma que seria ótima…
    Cuba e seus falsos “heróis revolucionários” que estão mais para ditadores carniceiros.
    Imaginem a caricatura? o bosta do Ché com aurela de santo com uma estatua da justiça enfiada no rabo, enquanto um imbecil idolatra ele.

  9. Danilo Oliveira

    4 de setembro de 2015 em 23:31

    esplêndido a do brasil, mas tem outras interpretações tbm
    o cara manda muito \o/

  10. Doge

    4 de setembro de 2015 em 23:26

    Fatos

  11. Wayne Griffin

    4 de setembro de 2015 em 22:01

    No Brasil a população é cega e sua justiça que age por conta própria.

  12. Tiago José

    4 de setembro de 2015 em 21:35

    A péssima idolatria do futebol foi muito bem descrita.

14 Comentários
mais Posts
Topo