Minilua

Como as nuvens se formam?

Quase todas as vezes que olhamos para cima, nos deparamos com algumas nuvens pontuando o céu. Mas como será que elas se formam e ficam lá em cima?

Evaporando

Obviamente, as nuvens surgem devido a evaporação da água existente no solo, nos mares e até mesmo em nós. Porém a coisa não é tão simples e vários fatores são necessários para que elas se formem e fiquem andando pelos céus até caírem na forma de chuva.

Quando o vapor de água começa a subir, a pressão atmosférica diminui, o que dissipa a energia, resfriando a água e deixando o vapor se expandir. Até que em certo momento a água atinge o “ponto de orvalho”, aquele limiar onde o ar fica tão saturado, que a água começa o processo de condensação, onde deixa de ser apenas vapor para formar gotículas.

Contudo, a água se condensa melhor quando entra em contato com coisas sólidas. É nesse momento que entram em campo as “sementes de nuvens”. Essas sementes são pequenas partículas, como sal e poeira, que subiram junto com a água até lá em cima. Essa união é o que gera as nuvens de fato, pois quando a água se condensa em grande quantidade, as nuvens se tornam visíveis aqui de baixo. Ou seja, as nuvens visíveis para nós não são vapor, como aparentam, mas água já em forma líquida.  

Porém, mesmo uma nuvem já formada pode sumir antes de virar chuva. Nossa atmosfera está em constante movimento, e caso suba mais vapor de água do que a quantidade de água que se condensa, uma nuvem em formação pode desaparecer.

Depois da nuvem ter bastante água em forma de gotículas, ela se torna visível, mas ainda não quer dizer que vai chover. Para que a chuva caia, é preciso que exista tanta água condensada dentro da nuvem, que o peso dela faça gotas bem grandes se formarem, aí sim, a água despenca.