Contos Minilua: Desabafo de uma alma esquecida #44

E antes de continuarmos, apenas um pedido, galera: Sempre que possível, procurem revisar os textos ok? Isso evita, por exemplo, maiores transtornos na edição. Um forte abraço, e uma ótima leitura!




Desabafo de uma alma esquecida

Por: Tulio Amancio

Acordei pensando que esse seria um dia comum, mas logo mudei de ideia, quando li o bilhete que estava jogado no criado mudo.

“Precisei viajar a negócios, não sei por quanto tempo ficarei fora. Até mais!”

Ao ler a curta, porém esmagadora mensagem meu coração explodiu, fazendo com que todo o ódio, rancor e tristeza que havia guardado, fossem liberados em minhas veias como uma droga que vicia instantaneamente.- Essa foi a gota d’água, não irei mais suportar essa vida de tormenta e desamor.– Gritei com todas as forças que ainda me restavam após horas de lamentações.   

Horas onde lembrei as vezes que fui trocada por uma partida de futebol com os amigos; vezes em que precisei aturar um beberrão safado e sem escrúpulos; vezes onde simplesmente fui esquecida, jogada para o canto como um objeto sem valor e tantas outras onde fui tratada como um animal que não merece existir nesse mundo.

- O que mais me deixa indignada é o fato de tudo isso acontecer depois de tantas juras de amor, de tantas provas de um sentimento puro e verdadeiro. – Retruquei mergulhada em um mar de lágrimas. Então tomei uma decisão tão esmagadora para meu coração quando a mensagem que receberá ao acordar.Iria castigá-lo.

- Ele vai pagar pelo que me fez, sofrerá tanto quanto me fez sofrer. – anunciei com lágrimas escorrendo em minha face, pois seria difícil para eu causar sofrimento no coração daquele que mais amo no mundo.Após algum tempo de reflexão, cheguei a uma conclusão.  

- Não posso simplesmente sair de casa, pois sei que irei fraquejar e deixarei meu coração me guiar de volta a essa vida de tormentas.Essa reflexão mostrou-me a solução mais plausível para o meu problema. Após uma limpeza na casa, que usei como forma de tentar encontrar coragem para dar continuidade a minha vingança.

Fui até o banheiro e peguei todos os remédios que estavam no armário, logo depois fui até a cama que um dia fora nosso refúgio. Lá junto com um copo d’água tomei todos os comprimidos e deitei, esperando que o castigo daquele que me fez sofrer tivesse início.   Quando a lua cheia daquela noite atingiu seu auge na imensidão negra, pronunciei minhas últimas palavras.- Eu te amo! – disse isso enquanto contemplava uma foto tirada no dia em que nos conhecemos.

  1. Yedda Gabriela Santos Fagundes

    30 de julho de 2013 em 23:37

    babaquice ¬¬’

  2. Laura Tude

    22 de outubro de 2012 em 11:05

    Acho que partes do meu cérebro morreram enquanto eu lia isso.

  3. Jasce Honorato

    8 de outubro de 2012 em 11:28

    A única coisa que senti foi raiva pela personagem tão estupida. Vingar-se do cara que maltrata ela “se suicidando-se a si mesma” rerere? Quando ele chegar em casa vai dar uma festa e encontrar outra boboca!

  4. Valesca Popozuda

    6 de outubro de 2012 em 22:29

    jeff, acho que seria uma boa podcasts dos melhores contos

    • Jeff Dantas

      6 de outubro de 2012 em 22:41

      De repente, pode até rolar ^^

  5. Jeff Dantas

    6 de outubro de 2012 em 22:18

    Já na semana q vem, eu prometo postar mais..É uma chance de todos participarem, mesmo aqui nos coments. ^^

    • Serj Tankian

      6 de outubro de 2012 em 22:20

      Vou deixar aqui meu conto, inspirado na história de um grande gênio:

      Era uma vez um mexilhão feio, ele era tão feio…que todo mundo morreu.
      Fim
      Assustador, né?
      • Jeff Dantas

        6 de outubro de 2012 em 22:29

        Adoro o Patrick. hauahahahahah

  6. Lobo Da Lua

    6 de outubro de 2012 em 22:07

    Morram suicidas

  7. SHADOWS

    6 de outubro de 2012 em 22:05

    minilua famoso no twitter graças ao ultrafollow

  8. SHADOWS

    6 de outubro de 2012 em 21:59

    não véi

  9. Dog Marley

    6 de outubro de 2012 em 21:56

    Terá que ser salva por John Constantine

  10. Sou maggotinho Seu amiginho

    6 de outubro de 2012 em 21:47

  11. Jeff Dantas

    6 de outubro de 2012 em 21:46

    Atendendo a pedidos, mas um trechinho: 

    Enfim, minha amiga, de uns tempos pra cá, tem ficado meio “suspeita”, se é que vocês me entendem, sabe cume, parece que gosta da outra fruta, é do outro time, corta pro outro lado… enfim, eu comecei a desconfiar de sua “femineza” até que um dia no recreio, eu escondi um chocolate no meu sutiã e pedi para ela adivinhar em qual peito estava e se ela acertasse ela poderia ficar com o chocolate, era só pra ela dizer esquerdo ou direito, mas para minha surpresa ela foi lá e apertou as minha buzinas, ascendeu os meu faróis, espremeu minhas laranjinhas ( apertou meu peitos) depois disso ela começou a agir de maneira estranha, sempre encarando os meu faróis, (repararam a estranheza??) depois disso minhas suspeitas sobre elas começaram a ficar cada vez mais fortes..

    Até que em um belo dia, eu fui na casa dela fazer um trabalho, estávamos apenas eu e ela em casa ( e o irmão mais velho dela, que estava no quarto dela fazendo coisas indecentes) depois de terminarmos o trabalho sentamos na varanda da casa dela, e começamos a conversar, estava tudo perfeito, até que ela me olhou de uma maneira estranha, de repente do nada ela se atirou pra cima de min e com uma mão ela escorava no meu peito e com a outra ela parecia tentar alcançar algo atrás de min, eu comecei a gritar, ela berrava “Não se Mexe!” , e eu pensei “ai meu Deus, é hoje que eu vou ser estrupada por outra mulher” de repente a mão que ela estava escorando em meu peito foi bem em cima da minha “coisa” e ela começou a gritar “
    • Little Uchiha™

      6 de outubro de 2012 em 22:20

      Não tá dando de ler a continuação abaixo, eu passo o mouse mas não aparece o comentário completo, alguém pode copiar e colar em um só comentário? achei bem engraçado esse conto.

    • Sou maggotinho Seu amiginho

      6 de outubro de 2012 em 22:04

      N sei pq,mas tenho a impressão que esse conto é da deb…. 

      • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

        6 de outubro de 2012 em 22:11

        mas a deb tem cabelo de tigelinha?

        • Sou maggotinho Seu amiginho

          6 de outubro de 2012 em 22:13

          Ele pode ter falado em cabelo de tigelinha pra disfarçar….

    • Dog Marley

      6 de outubro de 2012 em 21:57

      Tem que juntar esse conto pra mulher do Google Tradutor ler para mim uahsaushau

      • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

        6 de outubro de 2012 em 22:05

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk  no google tradutor fica muito engraçado vey

        • Dog Marley

          6 de outubro de 2012 em 22:15

          sim cara kk

      • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

        6 de outubro de 2012 em 22:00

        vc me deu essa ideia vou vê como é que fica

    • Wagner

      6 de outubro de 2012 em 21:56

      Chesssusss KKKKKKKKK

      • Jeff Dantas

        6 de outubro de 2012 em 22:00

        Ainda tem um trechinho…

        Depois disso não voltei mais a casa da minha amiga, nem consegui olhar mais para a cara do irmão dela, mas não por vergonha, é porque ele é feio mesmo ( e tem um peru pequeno). Enfim, eu voltei a minha vida quase normal, minha amiga continua sendo suspeita, o irmão dela continua com um micro 
        pênis, e a coitada da perereca deve estar no paraíso agora, provavelmente fazendo alguma “pererecagem angelical”.
        Fim e viveram felizes para sempre! ( viu? Agora você pode voltar pro Facebook, ou a assistir seu vídeos pervertidos, ou a cagar, ou seja lá o que você estava fazendo!)
        ATENÇÃO: Para aqueles que conhecem a autora, embora a menina da história se pareça com  a autora, ela não é a autora! Ela só se parece com ela! Mas não é ela! Entendeu!?
        • SHADOWS

          6 de outubro de 2012 em 22:13

          rachei o bico com esse conto e.e

        • Wagner

          6 de outubro de 2012 em 22:04

          Quem é a autora?

          • Jeff Dantas

            6 de outubro de 2012 em 22:11

            O nome eu não sei. Mas o nick é “Charlotte Scarlet”. hahahahaha

          • Wagner

            7 de outubro de 2012 em 10:38

            Então sei quem é KKKKKKKKKKK’ É a cara dela criar tipo de história assim shaushaushaush

          • Serj Tankian

            6 de outubro de 2012 em 22:19

            Quer mesmo que eu diga quem é?

          • Altair Ibn-La'Ahad

            6 de outubro de 2012 em 22:18

        • Pan Rainha do Miilua

          6 de outubro de 2012 em 22:03

          Véi na boa…

        • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

          6 de outubro de 2012 em 22:03

          suspeito quem é essa autora.. mas jeff quem é? PS:sinceramente essa historia foi melhor que essa ae da mulher suicida

    • Altair Ibn-La'Ahad

      6 de outubro de 2012 em 21:54

      Eu sabia! kkkkkk  qm é essa esplendida escritora q narra cm essa maravilhosa emoçao?

      • Altair Ibn-La'Ahad

        6 de outubro de 2012 em 21:55

        *escritor(a)

    • Pan Rainha do Miilua

      6 de outubro de 2012 em 21:51

      Tem continuação??

      • Jeff Dantas

        6 de outubro de 2012 em 21:54

        Tem…Aqui está:

        “Peguei na perereca! Peguei na perereca!” na hora eu pensei que ela era uma estupradora muito burra porque além de estarmos em frente a varanda de sua casa ela ficava anunciando pro bairro todo onde ela tinha pegado, no auge do meu desespero eu olhei para o lado e vi que ela segurava com uma das mãos uma perereca ( não a minha) mas aquela que é parente do sapo, o animal gosmento e zóiudo, então era isso! 

        O tempo todo ela estava tentando pegar na perereca, eu olhei para a perereca, a perereca olhou para min, então quando eu me toquei da criatura asquerosa estava do meu lado ( não minha amiga, a perereca) eu dei um pulo e minha amiga caiu de costas no chão e a perereca saiu correndo, eu comecei a gritar “pega a perereca! Pega!” e minha amiga correndo feito doida atrás do bicho, até que a criatura asquerosa ( não a minha amiga, a perereca) pulou em min e entrou dentro de minhas roupas, 

        Eu comecei a pular feito uma macaca possuída, e minha amiga sem saber o que fazer, eu gritava “pega a perereca!” e ela gritava “ fica parada para eu pegar na sua perereca!” no meu desespero eu entrei dentro da casa dela correndo e sem querer tropecei e bati a cabeça na porta do quarto do irmão dela, que automaticamente se abriu, mas eu estava tão desesperada que nem me dei conta que o irmão estava batendo um punheta enquanto via cenas de um filme pornô, e muito menos eu percebi o tamanho minúsculo de seu “peruzinho depilado” eu só consegui dizer “Pega a perereca!” sai correndo desajeitada acabei tropeçando de novo e caí de cara no chão, a perereca saiu de dentro da minha roupa, minha amiga pegou uma pedra, e esmagou a coitada da perereca, quando olhei para a frente vi que a vizinha da frente nos olhava indignada, ela ouviu os meus gritos, fiquei morrendo de vergonha…”
        • Pan Rainha do Miilua

          6 de outubro de 2012 em 22:00

          Putz XD

        • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

          6 de outubro de 2012 em 21:59

          kkkkkkkkkkkk o irmão dela se deu mal nessa historia ‘-‘

        • Wagner

          6 de outubro de 2012 em 21:58

          Macaca Possuída KKKKKKKKKKKKK’

        • Altair Ibn-La'Ahad

          6 de outubro de 2012 em 21:57

          isso prova q nem tdo é oq parece kkkkk

    • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

      6 de outubro de 2012 em 21:50

      devia ser uma mosca

      • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

        6 de outubro de 2012 em 21:51

        o irmão dela olhando aquilo tudo e fazendo coisas indecentes 😀

    • Estudante

      6 de outubro de 2012 em 21:50

      Ibagens

    • Pan Rainha do Miilua

      6 de outubro de 2012 em 21:48

      Caramba!!que conto escroto

  12. Sou maggotinho Seu amiginho

    6 de outubro de 2012 em 21:41

    :3
  13. Little Uchiha™

    6 de outubro de 2012 em 21:37

    CremdeusPai!

  14. Jeff Dantas

    6 de outubro de 2012 em 21:36

    Parece que não, mas muitos contos não são aceitos. Um dos que sempre cito, é esse aqui:

    “Segura a Perereca”,,,
    “Eu tenho uma amiga, que nos conhecemos desde crianças, mas só fomos ficar mais intimas a pouco tempo, somos inseparáveis, sempre saímos juntas e tal, ela é uma loira de quase 1,80, seios do tamanho da minha cabeça e uma pança elefantal, mas apesar dela ser rechonchudinha ela não é feia ( não é muito feia) e eu branquela, alta, cabelos preto e lisos, franginha no estilo “tigelinha” que além de proporcionar ao meu cabelo uma aparência “perucal” ( traduzindo meu cabelo parece uma peruca) também me deixa com uma cara de japonesa, e meus olhos ( e acordo com meu pai) são “negros como a neve” (??????).”
    • Pensador Alternativo

      8 de outubro de 2012 em 19:38

      Hahahaha, muito engraçado ;D por que esse não foi aceito,Jeff? Pelo linguajar,pelas sugestões ou as duas coisas? 

    • Little Uchiha™

      6 de outubro de 2012 em 22:15

      Parece um conto em inglês traduzido pelo G. tradutor.

    • Wagner

      6 de outubro de 2012 em 21:45

      Coloca o resto do conto aí KKKKKKK’

    • Sou maggotinho Seu amiginho

      6 de outubro de 2012 em 21:42

      Oh geff why?

    • Altair Ibn-La'Ahad

      6 de outubro de 2012 em 21:39

      vc gosta desse conto?

      • Jeff Dantas

        6 de outubro de 2012 em 21:41

        Ele é cômico… hauahahah 🙂 Se todos concordarem, eu posto mais alguns trechos. hahahahaha

        • Altair Ibn-La'Ahad

          6 de outubro de 2012 em 21:43

          eu quero ler o final!! fiquei curioso… elas sao lesbicas????69????

    • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

      6 de outubro de 2012 em 21:39

      esse conto outra vez kkkkkkkkkkkkkkkkkkk que horror !

    • Pan Rainha do Miilua

      6 de outubro de 2012 em 21:37

      jeff e a censura????eu odeio mulher!!1111

  15. Darkside

    6 de outubro de 2012 em 21:35

    Que Melação.

  16. Altair Ibn-La'Ahad

    6 de outubro de 2012 em 21:30

    Uma forma de vingança q seria impossivel para mim…

    conto razoavel, dramatico numa medida q pode levar aquelas pessoas q se encontram em situaçao parecida às lagrimas. A forma como é narrada a primeira frase, “Acordei pensando que esse seria um dia comum,” demonstra o quanto o dia pode mudar apenas por algumas palavras. O conto em si demonstra como as coisas simples podem abalar uma pessoa q vive numa tristeza monotona e constante e como uma pessoa q já teve o coração detonado pelas lutas da vida procura desesperadamente rebater o mal q a assola, mas sem causar um mal às pessoas q ama.
    Se eu tivesse no lugar dela teria assassinado ele…
    • Pan Rainha do Miilua

      6 de outubro de 2012 em 21:35

      Dá pra traduzir??

      • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

        6 de outubro de 2012 em 21:38

        read the posting

      • Altair Ibn-La'Ahad

        6 de outubro de 2012 em 21:37

        ela queria matar o marido q a tratava mal, n teve coragem e entao se matou… 😛

        • Pan Rainha do Miilua

          6 de outubro de 2012 em 21:38

          Eu mataria ele

          • Altair Ibn-La'Ahad

            6 de outubro de 2012 em 21:41

            eu tbem.. e é bom vc ler o post msm

          • Pan Rainha do Miilua

            6 de outubro de 2012 em 21:50

            porque??

          • Altair Ibn-La'Ahad

            6 de outubro de 2012 em 22:01

            pq ele taí pra isso

    • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

      6 de outubro de 2012 em 21:33

      no meio da historia eu pensei que ela iria fazer isso mesmo mas me decepcionei no final T-T

      • Altair Ibn-La'Ahad

        6 de outubro de 2012 em 21:35

        kkkk se vc se decepcionou imagina eu..

    • Altair Ibn-La'Ahad

      6 de outubro de 2012 em 21:32

      isso é o q eu acho

  17. Neymalla Belmiro

    6 de outubro de 2012 em 21:30

    viva até 2014 pra ve mim fazer gol na copa

  18. Pan Rainha do Miilua

    6 de outubro de 2012 em 21:27

    Tudo e voc^?/ 

    Pf me de um consolo ou motivo pra viver
  19. Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

    6 de outubro de 2012 em 21:27

    odeio suicidas ¬¬

    • Pan Rainha do Miilua

      6 de outubro de 2012 em 21:34

      Eu sou uma suicida

      • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

        6 de outubro de 2012 em 21:40

        devia tá fazendo seu trabalho de se matar ‘-‘

    • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

      6 de outubro de 2012 em 21:29

      não há motivo mais idiota do que se suicidar por causa amor

      • Estudante

        6 de outubro de 2012 em 21:33

        Por causa da vida?

        • Eduardo (Edward Mãos de Tesoura)

          6 de outubro de 2012 em 21:35

          não não tem nada haver comigo só odeio gente que se mata dá vontade de mata elas ¬¬

  20. Neymalla Belmiro

    6 de outubro de 2012 em 21:27

    blz galera ?

  21. Estudante

    6 de outubro de 2012 em 21:24

    SUMIU O POST

    • Estudante

      6 de outubro de 2012 em 21:26

      VOLTOU O POST

  22. Pan Rainha do Miilua

    6 de outubro de 2012 em 21:24

    Gasai Yuno??

  23. Pietro Sgarbosa

    6 de outubro de 2012 em 21:22

    NUnca na vida vou tratar minha mulher assim.

    • Jeff Dantas

      6 de outubro de 2012 em 21:27

      Então, não é raro acontecer isso. Tem kras, aliás, que fazem de tudo para estragar a relação. Os ciumentos então, os piores de todos.. ^^

      • Pietro Sgarbosa

        6 de outubro de 2012 em 21:29

        Eu sei.Mas não sou desses cara.

      • Pan Rainha do Miilua

        6 de outubro de 2012 em 21:28

        Na minha famia é sempre tão ao contraio

  24. Wagner

    6 de outubro de 2012 em 21:22

    Õ_o Ôxi rsrs

    Muito legal o conto. Talvez ela pensou em tomar tanto remédio para sofrer alguma mutação e verificar se o cara realmente vai amá-la ahuahuahau
  25. Pietro Sgarbosa

    6 de outubro de 2012 em 21:22

    Mais que diabos eu acabei de ler?

    • Jeff Dantas

      6 de outubro de 2012 em 21:24

      Não tem mistério, Ceifador! Cansada de sofrer, ela decide tomar uma decisão drástica..No caso, a de se matar, ao continuar enfrentando aquele tipo de situação…

      • Pietro Sgarbosa

        6 de outubro de 2012 em 21:29

        Todos que se matam não ficam por minha conta, são jogados diretos no inferno, e isso é um fato real. 

  26. Goku

    6 de outubro de 2012 em 21:21

    bem escrito so q a historia em si e bem sem graça ÇOÇ

    • Rockeiro Forever

      6 de outubro de 2012 em 21:33

      essa coisa de çoç eh completamente ridicula, soh vc e vc q usam, kra um erro d digitação fez essa merda, as vezes se vc nn enfiasse o maldito teclado no c* essa merda nem tinha nascido

      • Goku

        6 de outubro de 2012 em 21:37

        e qcomo sua mãe tava q nem uma cachorra no cio eu tive q fazer alguma coisa ai enfiei o teclado no cu dela

        • Rockeiro Forever

          6 de outubro de 2012 em 22:51

          nunk viu cu de mulher na vida seu virgem, fik d boa aew

  27. Luciano Lobato

    6 de outubro de 2012 em 21:20

    to indo pra acapulco com o chavez alguem que carona???

    • PATROCINADOR novato

      6 de outubro de 2012 em 21:48

      VC VAI FICAR EM QUAL HOTEL?

      EU TO NAQUELE HOTEL QUE O SR BARRIGA FICA
      • Luciano Lobato

        6 de outubro de 2012 em 23:44

        eu to junto do kiko mas eu não me misturo com essa gentalha

        kkkkkkkk

    • Luciano Lobato

      6 de outubro de 2012 em 21:21

      r*

      • Killbill Amatsuokami Oobito, "Let's do the Harlem Shake!"

        6 de outubro de 2012 em 21:24

        Eu

  28. Samanta Oliveira

    6 de outubro de 2012 em 21:20

    nossa o_o

  29. Goku

    6 de outubro de 2012 em 21:16

    Se eu não posso viver sem você
    E eu não posso respirar quando estou com você,
    O que eu realmente estou fazendo aqui?
    Eu não quero viver sem você,
    Mas só Deus sabe o que eu passei,
    Porque morrendo é tudo o que estamos fazendo aqui
    çoç
    • Anônimo

      6 de outubro de 2012 em 21:19

      Super Saya Jeans level 4.

    • Altair Ibn-La'Ahad

      6 de outubro de 2012 em 21:17

      ninja! super Ninja nivel 4

      • Killbill Amatsuokami Oobito, "Let's do the Harlem Shake!"

        6 de outubro de 2012 em 21:19

        Mais ninja doq vc man .-.

        • Altair Ibn-La'Ahad

          6 de outubro de 2012 em 21:33

          e muito

      • Goku

        6 de outubro de 2012 em 21:19

        falei q ninguem pode com o meu poder da cagada

    • Estudante

      6 de outubro de 2012 em 21:17

      Mentiroso

107 Comentários
mais Posts
Topo