Contos Minilua: Na zona da amizade #210

Pois é, e para participar, é muito fácil. Para tal, envie o seu texto para: [email protected]! A todos, uma excelente leitura!




Na zona da amizade

Por: Pedro Alencar

Era apenas mais uma manhã comum naquela bela cidade do interior. O céu estava bem claro, com algumas nuvens brancas o decorando. Era o último dia de aula, e Rafael mal podia esperar para chegar em casa e se ver livre de todas aquelas “chatices” que lecionavam seus professores, com seus livros grossos e pesados, e sua incrível habilidade de tornar as aulas ainda mais cansativas do que deveriam ser. O sinal finalmente tocou, e todos estavam liberados. Rafael pegou sua bicicleta, e partiu.

Ao chegar em casa, ele tomou banho, almoçou, e descansou um pouco vendo TV para mais tarde ir jogar bola com os amigos. Quando calçou a primeira chuteira, sua mãe lhe chamou a atenção.

- Ei mocinho, para onde você vai?
- Vou jogar bola mãe. Quer ir também?

Rafael era um rapaz de 15 anos extrovertido e brincalhão. Alto, magro e forte para a idade, gostava de jogar bola para manter-se em forma. Tinha cabelos castanhos claros, quase loiros, um pouco crespos.

A pele branca escurecida pelo sol. Os olhos castanhos escuros. Enfim, era um rapaz bonito, mas nunca havia namorado e tampouco se importava com isso. Até aquele dia.
A mãe riu e respondeu:

- Eu até iria, mas receberemos uma visita muito especial hoje. De alguém que você não vê há muito tempo.

- E quem é? – Perguntou o rapaz, curioso.
- Luana. Lembra dela? Vocês eram grandes amigos antes dela se mudar. Ela chega daqui a pouco, e está louca pra te ver e matar as saudades.

No momento em que foi dada a notícia, Rafael paralisou. Já faziam seis anos que sua melhor amiga de infância havia se mudado, e ele nunca mais a tinha visto. Ela era apenas alguns meses mais nova do que ele. Foi morar em uma cidade grande, no sul do estado. Depois de tantos anos, ele mal podia esperar para revê-la. Tratou de se arrumar e se preparar para sua chegada.

Duas horas depois, parado em frente à porta de tão ansioso que estava, ouviu um rápido bater de palmas e uma voz… Uma voz suave e doce como o mel. Era ela, tinha certeza. Abriu a porta e fitou-a nos olhos, ela fez o mesmo. Passaram um tempo se olhando. Os olhos de Rafael brilhavam.
- Fuinhaaaaaa! É vocêe! – Gritou Luana, correndo para abraçá-lo. Ela era a mesma de antes. E ela sempre o chamava assim.

Luana era uma garota alegre, e tímida com quem não conhecia. Ela tinha seu velho amigo Rafael como um irmão, e era totalmente aberta com ele, afinal, eles sempre dormiam juntos – às vezes até abraçados – quando um passava o final de semana na casa do outro. Eles cresceram juntos e construíram uma forte amizade.

Agora, Luana havia se tornado uma moça realmente linda. Cabelos ruivos naturais, olhos azuis como o céu daquela tarde. Pele clara. Baixinha, magrinha. Seios bonitos, de tamanho médio. Bumbum de tamanho normal.

E o rosto… Ah, o rosto… Era o que mais fascinava Rafael. Seus olhos azuis, suas sardas clarinhas, quase invisíveis, aquele sorriso verdadeiro… Os traços angelicais. Ele sabia. Estava apaixonado.
- Eu estava morrendo de saudades de você, cara de fuinha! – Ela o abraçava com força.
- Eu também… – Disse enquanto fazia um carinho em sua cabeça.

Os dois então entraram, e Luana cumprimentou a mãe de Rafael. Ele mostrou seu quarto a sua amiga, que adorou. Era um quarto deveras simples, porém espaçoso e aconchegante. Com um Playstation 2 velho…

Uma cama de casal que tinha sido de seus avós, que já haviam morrido há anos. O quarto ficou para Rafael, como ele dormia na sala e sempre quis um quarto só para ele.
Rafael e Luana foram, então, para a varanda nos fundos da casa. Que davam vista a um vasto matagal, com casas e serras ao longe. Era mais confortável conversar ali, onde era ventilado, do que dentro de casa.

Os dois passaram a tarde inteira relembrando sua infância, as brincadeiras que gostavam, os doces que comiam… Então, Luana relembrou que eles dormiam juntos também.
- Rafael corou e, rindo, disse: “É verdade!…”

Como estava anoitecendo, os dois entraram. Mas uma questão precisava ser decidida: Onde Luana iria dormir? A mãe de Rafael conhecia bem o seu filho. Ela era uma mulher liberal. Então deixou que os jovens decidissem. Rafael sugeriu dormir na sala, para que Luana dormisse em seu quarto.
- Já tá querendo se livrar de mim fuinha? – Contestou Luana – Pois não vai ser tão fácil! Hoje nós vamos virar a noite jogando videogame!

Rafael concordou, hesitante. “Como ela pode ser tão inocente?” – Pensou. “Depois de tantos anos ela continua a mesma? Não… Algo mudou…”

Ao entrar no quarto, Luana pulou em cima da cama enquanto Rafael ligava seu Playstation 2. Eles escolheram um jogo de luta. Tekken 5. Eles adoravam aquele jogo. Enquanto Rafael ajustava as configurações do jogo, Luana abraçou-o por trás, e sussurrou em seu ouvido:

-“Senti tanta falta de você…”
Rafael arrepiou-se todo. Sentiu seu corpo estremecer. Aquela era a hora. Ele sabia. E, num impulso, se virou, a envolveu em seus braços, e a beijou.

Muitas surpresas aguardam a parte 2. Novos personagens surgirão. Será que Luana corresponderá ao beijo de seu amigo? Os jovens dormirão juntos, assim como faziam quando eram crianças? Em breve!

  1. Jhu Saviñón

    20 de maio de 2015 em 23:30

    Queremos A Parte Dois Jáá! :p :v

  2. Iron Man

    22 de setembro de 2014 em 14:50

    Essa historia é muito idiota , senhor !

  3. Alysson Douglas

    10 de setembro de 2014 em 22:25

    Essa história me fez lembrar de uma amiga minha de infância, a gente se dava super bem. Hoje não tenho mais contato com ela. Espero poder rever-la um dia :'(

  4. Erza Scarlet

    4 de setembro de 2014 em 22:39

    ”FITOU” ..acho que estou tendo um Dejá-Vu dessa história…
    # AUTOR PERVERTIDO DETECTED!

    • Marvelunatico

      5 de setembro de 2014 em 14:00

      # LEITORA PERVERTIDA DETECTED!

      • Lobo Alfa

        5 de setembro de 2014 em 18:26

        #comentadores pervertidos detected

  5. Diabo

    4 de setembro de 2014 em 21:59

    Acho que to na friedzone, tem minha melhor amiga, ela é só isso, só q não sei ao certo se quero algo a mais com ela ou só isso mesmo, é confuso >.<

  6. Wald. Angélico Lopes

    4 de setembro de 2014 em 16:31

    Abordar uma amizade forte assim, que vira paixão é sempre interessante, apesar de ser bem clichê. Gostei muito da forma que o autor apresentou o universo do conto e as reações do Rafael, não ficou muito previsível, quero dar uma opinião melhor com o decorrer das partes. Pelo título, acho que Luana vai retrucar o rapaz e dizer algo como: “Somos só amigos, o que está pensando?” (nada muito fora do habitual, que acontece por aí, essa Friendzone, viu?). Agora vamos esperar. É impressão minha, ou o Jeff demorou muito para voltar a postar a sessão de Contos?

    • Jeff Dantas

      4 de setembro de 2014 em 16:38

      Ah sim, mas agora, está de volta!! heheeh E em breve, o final do seu conto! 🙂

      • Wald. Angélico Lopes

        4 de setembro de 2014 em 16:43

        Jeff! Que bom que a série está de volta! Opa, o final de “Inefável” :'( Dá até vontade de chorar! Hahahaha’ Enquanto isso, vou escrevendo mais alguns aqui (~ ‘0’)~

  7. Ruth Borges

    4 de setembro de 2014 em 09:19

    pow, fiquei mega curiosa agora.
    pqp .. :/

  8. Marvelunatico

    4 de setembro de 2014 em 00:49

    “Rafael e Luana foram, então, para a varanda nos fundos da casa. Que davam vista a um vasto matagal…”
    E aí quando eu acho que eles ia levar ela pro mato, eles ficam relembrando a infância…
    Friendzone do Satanás ;-;

  9. Icaro

    4 de setembro de 2014 em 00:13

    Não curto muito contos,mais esse ficou óó uma delícia

  10. Vinicius Passos

    3 de setembro de 2014 em 23:17

    rsrsrsrs Clichê, utópico, bobo, no final das contas eu gostei, acho q muitos já tiveram uma amiguinha de infância q se apaixonou, até me identifiquei rsrsrs
    Não é um bom conto, mas vamos vale uma continuação.

  11. Terrorista

    3 de setembro de 2014 em 21:54

    Essas histórias clichês assim, me lembram aqueles otacos do minilua(não vou falar o nome mas todo mundo sabe quem é), que ficam fantasiando com a namoradinha-amiguinha perfeita, daquelas gostosas, nerds, otakus, inteligentes e lindas. Devem fantasiar que estão jogando um videogame com elas e depois tiram o cabacinho das mesmas. Uma pena que, apesar das evidências ainda não entendam que estão correndo atrás de shemales…Se bem que só basta aparecer uma nova otaca dessas no minilua que eles já vão atrás querendo passar uma pseudoimagem deles (de que são inteligentes, legais e sei lá o que) sendo que na real são um bando de punheteiro que se masturba pra desenho e não ten coragem de falar nem com as funkeiras da escola. Bardock e demais otacos, não se sintam ofendidos por este comentário. Não foi o objetivo.

    • Terrorista

      3 de setembro de 2014 em 21:58

      Só não falei que em partes, o comentário também foi destinado ao riddle boy.

      • Terrorista

        3 de setembro de 2014 em 21:58

        Mas agora falei!

        • Luís Felipe

          3 de setembro de 2014 em 22:55

          Nossa, seu jogo d ideias é genial.

          • Terrorista

            3 de setembro de 2014 em 23:03

            Sou fabuloso.

          • Icaro

            4 de setembro de 2014 em 00:15

            Ta falando mau dos otacos sendo que usa imagem de anime :S

          • Terrorista

            4 de setembro de 2014 em 00:23

            Vai toma no cu seu burro.

    • Terrorista

      3 de setembro de 2014 em 21:55

      Ops! Falei o nome sem querer… ;x

  12. Mutley

    3 de setembro de 2014 em 21:30

    Ah vey … porque acabou assim ? ,pior que agora eu fiquei curioso 😀
    huehuehuehuehue
    – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
    Obs : Eu sou um lixo no Tekken 5 ‘e_e

  13. Emmanov Kozövisck

    3 de setembro de 2014 em 21:29

    Ruiva de olhos azuis… Não sei o que é mais clichê do que isso.

    • Lobo Alfa

      3 de setembro de 2014 em 21:33

      Talvez…Ruiva de olhos verdes,175 cm,lábios carnudos,inocente..mas do que isso só uma estória estilo crepúsculo

    • Jeff Dantas

      3 de setembro de 2014 em 21:31

      • Marvelunatico

        4 de setembro de 2014 em 00:58

        Nunca consegui decidir qual é mais linda :v

        • Diabo

          4 de setembro de 2014 em 21:56

          E a Ariane? Esqueceu dela?

          • Marvelunatico

            5 de setembro de 2014 em 13:59

            Qual Ariane?

          • Marvelunatico

            5 de setembro de 2014 em 13:59

            huehuehue zuera.

            ela quue me esqueçeu ç_ç

          • Diabo

            6 de setembro de 2014 em 19:30

            coitado ç.ç

  14. Jeff Dantas

    3 de setembro de 2014 em 21:01

    Gente, não se esqueçam de curtir o conto! Imaginem o trabalho do autor, e o meu também, pra revisar… 🙂

    • André Silva

      3 de setembro de 2014 em 21:21

      Pois é gente, curte aê! A série acabou de voltar e se não for pouco curtida volta pro limbo novamente. É muito simples, termine de ler a matéria e avalie o post, não se preocupe, seu computador não vai pifar e nem sua mão vai cair 🙂

      • André Silva

        3 de setembro de 2014 em 21:38

        E se for pouco curtida*

        • Jeff Dantas

          3 de setembro de 2014 em 21:49

          Magina, o importante eh participar… 🙂

          • André Silva

            3 de setembro de 2014 em 22:06

            Er…eu interpretei o seu comentário de dois jeitos, então responderei de dois jeitos:
            Interpretação 1: eu só estava corrigindo o que eu disse lá em cima.
            Interpretação 2: o Diego disse que muitas matérias vão pro limbo porque pouca gente curte, então é muito importante que o pessoal avalie, seja positivamente ou negativamente 😉

          • Jeff Dantas

            3 de setembro de 2014 em 22:15

            Sim, mas depende de vocês também! Por exemplo, eu levo mais de três horas, pra avaliar cada um dos contos. Isso, por semana… Na média, são mais de 20 por mês! Imagina só, o trabalho. 🙂 ^^

          • André Silva

            3 de setembro de 2014 em 22:38

            Bom, eu já fiz minha parte 🙂

          • Jeff Dantas

            3 de setembro de 2014 em 22:43

            Ah, valeu mesmo! Precisando, pode contar comigo tb! 🙂

      • Jeff Dantas

        3 de setembro de 2014 em 21:26

        É isso aeee, e quem quiser, pode manter matéria também. Sobre games, filmes, música… O espaço eh de vcs!! 🙂

  15. André Silva

    3 de setembro de 2014 em 20:59

    Mesmo sendo um pouco clichê, gostei bastante do conto!
    ”Cabelos ruivos naturais, olhos azuis como o céu daquela tarde. Pele clara. Baixinha, magrinha. Seios bonitos, de tamanho médio. Bumbum de tamanho normal”. Resumindo: uma garota perfeita! Eu gosto de mulheres assim, nada muito exagerado, basta uma bunda de tamanho normal e seios médios. Acho horrível aquelas mulheres que malham até ficar com a barriga parecendo de homem!

    • Mutley

      3 de setembro de 2014 em 21:40

      Eu gosto de mulheres que demonstrem ser meigas e carinhosas , a beleza é apenas algo que complementa o que já é bom .

      • Marvelunatico

        4 de setembro de 2014 em 00:57

        Dizem que ela é muito meiga e carinhosa:

        [img]http://img.r7.com/images/2013/05/07/16_32_56_407_file?dimensions=780×536&no_crop=true[/img]

    • Super Choque

      3 de setembro de 2014 em 21:22

      Eu não vejo com mals olhos mulher com uma estrutura muscular bem definida, mas no ponto certo para seu tipo físico, sem grandes exageros, senão fica feio e muito artificial.

    • Fai

      3 de setembro de 2014 em 21:14

      o ideal de vários homens.

  16. Fai

    3 de setembro de 2014 em 20:35

    Pelo titulo já sabemos o fim trágico da história! kk

    • Noob Saibot

      3 de setembro de 2014 em 22:57

      Gata, você não é escola de samba mas deixa a mocidade alegre…

      • Fai

        4 de setembro de 2014 em 15:30

        affs kkkkk

      • Marvelunatico

        4 de setembro de 2014 em 00:50

        LOL

  17. The Guy

    3 de setembro de 2014 em 20:16

    Muito bom estou ansioso para ver a parte 2.
    E parabéns pela volta dos contos Jeff.

    • Jeff Dantas

      3 de setembro de 2014 em 20:19

      Ah sim, pode deixar! hehe Em breve, o conto do Waldenis também, ou melhor, o final do conto! 🙂

  18. Litzen Vampiro

    3 de setembro de 2014 em 20:11

    Ótimo ver uma das minhas postagens favoritas voltar, podia voltar com o big hits queria que tivesse um do Apati, mesmo não sendo o tipo de conto que gosto, esse é meio clichê, bom demais ver essa série de volta…

  19. Adriano Saadeh

    3 de setembro de 2014 em 20:10

    Fazia mó tempão que os contos não davam as caras por aqui!

  20. Raul Seixas

    3 de setembro de 2014 em 19:58

    Friendzone,muito simples de não entrar ou de sair,simplesmente deixe suas intenções bem claras,se você não tiver coragem peça a um amigo comentar com a garota,sei lá,só cai em friendzone quem quer

    • Ruth Borges

      4 de setembro de 2014 em 09:41

      eu sei que garotas que ficam iludindo o cara, fazem isso só pra serem bajuladas.
      mas só as que são muito imaturas ainda ..

      • Lobo Alfa

        4 de setembro de 2014 em 17:29

        exatamente pequena gafanhoto.

    • Cacuety Comment

      3 de setembro de 2014 em 22:08

      Nada a ver cara… se você gosta dela e ela não de você, no momento em que você se declarar ela passará a ser outra pessoa com você é disso que todos tem medo

      • Marvelunatico

        4 de setembro de 2014 em 00:54

        E por medo disso, acabam não se declarando e continuando na tortura psicológica, suprimindo seus verdadeiros desejos e intenções, até o dia em que ela aparecer com um cara e apresentar ele pra você assim:
        “Então miguinho, esse é o Carlão, meu namorado!”

        ;__;

    • Mutley

      3 de setembro de 2014 em 21:49

      A pior coisa que tem a mina ficar te iludindo =(

      • Lobo Alfa

        3 de setembro de 2014 em 21:53

        Simples,corte contato com ela.Você não vai ficar com alguém que não quer nada com você ou que pouco ligou pra você,se faz isso então já é sadomasoquismo.
        #Dr.Lobão love

  21. Raul Seixas

    3 de setembro de 2014 em 19:57

    Vou escrever um conto também e.e

    • Jeff Dantas

      3 de setembro de 2014 em 20:00

      Claro, fica a vontade! 🙂

  22. Nameless

    3 de setembro de 2014 em 19:57

    Esperava muito a volta dessa série. Pena que voltou com um conto fraco e clichê.

    Ainda assim estou feliz com a ressurreição dos contos.

    • Não sei

      3 de setembro de 2014 em 21:03

      Olá, amigo!
      Desculpe pela “fraqueza” do conto; concordo, é um pouco clichê, rsrs.
      Eu estava tão preocupado com padrões – lendo vários contos, tentando pegar uma ideia aqui e juntar com uma ali – que acabei omitindo minha criatividade (talvez por medo ou insegurança…).
      Neste fim de semana irei concluir a parte 2. Foi meu primeiro conto. Ainda tenho muito o que aprender!
      Obrigado pela crítica; esta me ajudou a enxergar onde eu errei desta vez e, certamente, me ajudará a saber onde devo melhorar.

      • Vinicius Passos

        4 de setembro de 2014 em 19:47

        Se solte, cara. O mundo precisa de ideias novas, não tenha medo de soltar sua criatividade. Por mais malucas q sejam, elas podem divertir muito.

    • Adriano Saadeh

      3 de setembro de 2014 em 20:11

      Ao menos voltou!

    • Jeff Dantas

      3 de setembro de 2014 em 20:00

      Sério, que estilo você prefere? Comédia, suspense, terror? 🙂

      • Nameless

        3 de setembro de 2014 em 20:06

        Qualquer estilo. Mas este é aquela velha história dos amigos que vão transar. Amizade colorida clichê. Gostaria muito de não saber como isso vai acabar, mas duvido muito que eu vá engolir minhas palavras.

  23. The Guy

    3 de setembro de 2014 em 19:56

    ”Na zona da amizade” logo lembrei
    [img]http://http://img3.wikia.nocookie.net/__cb20140113151559/apenasumshow/pt-br/images/7/7f/Guardi%C3%A3o_da_Base_da_Amizade.png[/img]

    [img]http://http://files.riffsy.com/images/125b64fbf8c2eae054f266cf6465f19f/raw[/img]

  24. Jeff Dantas

    3 de setembro de 2014 em 19:47

    • Diabo

      4 de setembro de 2014 em 21:27

      Que olhos *-*

    • Mutley

      3 de setembro de 2014 em 21:59

      [img]https://pbs.twimg.com/profile_images/2120914179/Bear.png[/img]

    • Match

      3 de setembro de 2014 em 20:55

      Tem uma moça aqui perto de onde eu moro que é bem parecida com essa ae, inclusive o sobrenome dela é Dantas

      • Jeff Dantas

        3 de setembro de 2014 em 21:00

        Nãooooooooooooooooo, será que eh minha parente? hahahahaha

        • Match

          3 de setembro de 2014 em 21:12

          Tem alguma que se chama Julia e mora em Joinvile?

          • Jeff Dantas

            3 de setembro de 2014 em 21:15

            Infelizmente não, mas já tive uma namorada em Joinville! 🙂

          • Lobo Alfa

            3 de setembro de 2014 em 21:41

            imagina os dois juntos…

            [img]http://1.bp.blogspot.com/-SUtwSq_5Nqg/T6gT1X8qkMI/AAAAAAAAOfg/zb8ko7qKi2U/s1600/Prayer.jpg[/img]

            [img]http://minilua.org/wp-content/uploads/2012/02/comentario3Fabricio_thumb_145238.jpg[/img]

    • Edward Elric

      3 de setembro de 2014 em 20:16

      E ela só teria 15 anos ‘-‘ …

      • Litzen Vampiro

        3 de setembro de 2014 em 20:19

        Isso também é valido pra essa situação…
        [img]http://www.criarmeme.com.br/meme/meme-3951-mas-ela-disse-que-tinha-18.jpg[/img]

        • Marvelunatico

          4 de setembro de 2014 em 00:51

          Mas ele também só tem 15, então…

    • Litzen Vampiro

      3 de setembro de 2014 em 20:07

      Com uma descrição dessas, oloco ta valendo…

    • cara anonimo

      3 de setembro de 2014 em 19:49

      ” Sorte “… ( ͡° ͜ʖ ͡°)

      • Mutley

        3 de setembro de 2014 em 22:03

        E no primeiro dia de colheita , já se avançou nas uvas ( ͡° ͜ʖ ͡°)

  25. Match

    3 de setembro de 2014 em 19:43

    “Rafael arrepiou-se todo. Sentiu seu corpo estremecer. Aquela era a hora. Ele sabia. E, num impulso, se virou, a envolveu em seus braços, e a beijou.” e depois transaram loucamente.

    • Vinicius Passos

      3 de setembro de 2014 em 23:19

      Ou ela deu um murraço na cara dele. Veremos oq aconteceu na segunda parte de A Zona da Amizade.

    • Jeff Dantas

      3 de setembro de 2014 em 19:46

      Sim, é o que parece, pelo menos… 🙂

      • cara anonimo

        3 de setembro de 2014 em 19:48

        Que isso menino ?que coisa feia de escrever !

  26. cara anonimo

    3 de setembro de 2014 em 19:41

    Maldita Friendzone ! -_-

  27. Jeff Dantas

    3 de setembro de 2014 em 19:38

    Lembrando, quem quiser, pode mandar matérias também 🙂 ^^

    • Leonardo Viana

      4 de setembro de 2014 em 12:52

      cara quando vai sair a segunda parte, to curioso

      • Jeff Dantas

        4 de setembro de 2014 em 16:35

        Bom, depende do autor, né? Mas acho que semana q vem!! 🙂

91 Comentários
mais Posts
Topo