Minilua

Contos Minilua: O Egoísmo #234

Pois é, e lembrando que todos os temas são aceitos. O mais importante, claro, a sua participação. O e-mail de contato: equipe@minilua.com! A todos, uma excelente leitura!

O egoísmo

Por: Iago Gomes

Certo dia eu e meu amigo Pedro estávamos em casa e ele me diz:

– Ei Carlos já que você tá indo para casa do Marcos, você poderia pegar um pen-drive que eu esqueci lá?

– Não. – Esta foi a minha resposta.
– Não seja egoísta cara, faça um favor para um velho amigo.
– Qual o problema de ser egoísta?
– Você sabe, é que todos dizem que não faz bem, que torna as pessoas desunidas.

– Não é porque “todos dizem” que é verdade, o egoísmo não é algo ruim, o egoísmo é o motivo de nós estarmos vivos, organismos simples como bactérias, protozoários e vírus tem como único objetivo a sobrevivência deles próprios, sem se preocupar com outros seres da mesma espécie ou com seus hospedeiros (já que muitos dos seres supracitados são de vida parasitaria, claro que nem todas as bactérias são parasitas, e alguns protozoários não sejam parasitas).

Não, ao invés de se preocupar com os outros eles focam em sobreviver e reproduzir, mas os organismos simples não são os únicos que dependem do egoísmo para sobreviver, nós humanos só estamos vivos graças ao egoísmo, pois os nossos antepassados assim como os organismos simples só se preocupavam em sobreviver e reproduzir e quando reproduziam enxergavam os filhos como extensões de si próprios e por isso defendiam a prole, pois estavam protegendo a sua continuidade genética, assim se formou a família.

– Tá todo esse blá blá, e você não disse o que isso tem a ver com o agora, com a nossa discussão e com o “povo”.

– Como o egoísmo é colocar os nossos anseios acima de tudo e todos, você está sendo egoísta ao pedir pra buscar algo, pois colocou o seu desejo de rever o pen-drive acima dos meu compromissos,o que te proibiria de me condenar, e quanto ao “povo” eles cometem o mesmo erro que você e condenam pessoas “egoístas”, que são consideradas isso pois se recusaram a fazer ou dividir algo, “o povo” comete este erro pois não aplica a lógica no seu dia a dia.

Eu ando até a porta, saio do apartamento e deixo o Pedro refletindo sobre o que eu disse.