Minilua

Cápsula para sobreviver ao fim do mundo é criada na China

O dia 21 de dezembro, dia em que supostamente o mundo irá acabar, vem mexendo com a imaginação de pessoas no mundo inteiro.

Este provavelmente é o caso de Liu Qiyuan, que resolveu construir cápsulas para sobrevivência após uma tragédia. A ideia surgiu após o chinês ter visto o filme 2012.

Liu investiu cerca de 220 mil euros para construir seis cápsulas que, de acordo com ele, são termicamente isoladas e a prova d’água.

Cada cápsula tem um “motor que a impulsiona em qualquer direção embaixo da água, além disso possui duas câmaras interiores: uma sala de estar que comporta 14 pessoas e uma despensa bem generosa”.

“É possível sobreviver cinco meses debaixo de água”, afirmou Liu em entrevista.

 

Adaptado de p3