Crueldade contra animais: Existirá um limite?

- Na sociedade atual, um tema sério tem chamado a atenção de todos: a violência contra os animais. Mais do que um gesto repulsivo, uma falta de amor ao próximo.

- No Brasil, os exemplos são os mais diversos: De cães e gatos abandonados, passando por aves maltratadas.

- Ainda no contexto, a crueldade exercida nos rodeios. É lá, aliás, onde os mais diferentes touros são sacrificados, tendo como propósito único, a diversão e o entretenimento.

- Nos grandes centros urbanos, o problema é ainda maior. Em cidades como São Paulo, por exemplo, animais são mortos por pura diversão. Muitos destes, sem ao menos completarem dois meses de vida.

- Para a grande maioria, pesa o sentimento de impunidade. Na realidade, poucos são aqueles que acreditam em algum tipo de punição.

- Na mídia televisiva, uma esperança começa a brotar. Nesta, a atuação de Luisa Mell em defesa dos animais.

- Na realidade, sabemos o quanto é complicado solucionar o problema. Por outro lado, iniciativas como a da apresentadora citada nos revela uma luz do fim do túnel, uma espécie de chama em meio à escuridão.

  1. Daianne Silva

    26 de junho de 2015 em 12:31

    eu vi q ainda existe pessoas boas…

  2. Glenda Moreira

    12 de janeiro de 2014 em 14:58

    pois e o ser humano e muito inteligente ! mas ele nao sabe usar sua inteligencia , pra saber que maltratar uma animal nao e legal ! os brasileiros ( ainda bem que nao sao todos ) , liga so pra essas merdas de carnaval , samba , funk … INFELIZMENTE AQUI A BUNDA VALA MAIS QUE A MENTE …

  3. Natalia Zanda

    15 de dezembro de 2013 em 15:26

    o ser humano não presta é um animal que alem de cruel é egoísta não pensa nos sentimentos dos animais muitas pessoas acham que os animais não sentem nada muitos acham que são apenas coisas que eles podem bater e espancar ate a morte eu penso ao contrario e se pudesse ficaria com todos os animais de rua.

  4. Daniele Gomes

    7 de fevereiro de 2013 em 12:21

    Muuitas raiva de queem faz isso com os animas , se nao gosta deixa pra la mas nao maltrata e mata eles pq eles tem sentimentos e são muuito melhores do q seres humanos 

  5. Ching Yu

    25 de novembro de 2012 em 20:43

    Tá né… mas e os insetos e as plantas? Como ficam nessa história? Eles também são seres vivos.

  6. Ezequiel Rodrigo

    29 de agosto de 2012 em 13:46

    Esse programa  nunca deveria sair do ar , .revoltante ver um programa que ajuda os animais e concientiza   as pessoas …enquanto programas lixos “bbb , fazenda, ” tão ai todos os anos

  7. Jaqueli Gelli

    14 de agosto de 2012 em 13:13

    é até uma ofença aos bichos chamar pessoas assim de animal…

  8. Tiago Ramos de Carvalho

    19 de julho de 2012 em 12:08

    pior que isso é deixar esses malditos vivos andando por ai !!

  9. paulo g m

    29 de abril de 2012 em 22:09

    a pessoa que fez isso espero que ela esteja arrependida e c n que ela quebre as pernas

  10. Giovana Siqueira freire

    18 de abril de 2012 em 15:06

    queria matar socar esfaquinhar o cara que fez isso

  11. Anônimo

    4 de novembro de 2011 em 20:21

    Esse cara que vem com uma ambulancia preta é o namorado da minha irmã, já salvou vários animais.

    É uma judiação ver esses cachorros gatos serem maltratados assim =/
    outro dia ele tava resgatando um pitbull

  12. Aline Costa

    2 de agosto de 2011 em 01:28

    Eu nem olhei o video, e nem irei ver, se eu fizer isso vou acabar ficando muito mal e desejar a mesma morte para as pessoas envolvidas. Nós, humanos somos monstros, não animais. Se alguem fizesse algum mal pra minha gatinha, eu juro que mataria, iria até o inferno, mas pegaria essa pessoa e faria a mesma coisa.

  13. Noob Saibot

    21 de julho de 2011 em 21:41

    pra mim so pode mata se for pra comer, nao por diversao

  14. Dinha Esteves

    17 de julho de 2011 em 13:55

    aah, isso é simplesmente ridículo….

  15. Bruno Fuzzo

    16 de julho de 2011 em 13:06

    No inferno todos vestem branco!
    Se você parar de comer eles param de matar.     
    http://holocaustoanimalbrazil.blogspot.com    E que se fod…. os direitos humanos. 

    • Um qualquer

      16 de julho de 2011 em 23:43

      Caro colega pirado, posso te dizer uma coisa.
      Tenho pena do seu filho ( se é que tem um).
      Acho que é só mais uma invenção desta sua mente doentia.
      Em vez de desejar que todos morram, porque não faz uma boa ação pra alguém?
      Se você fosse melhor que nós, não estaria aqui, estaria ajudando os animais.

      • Eder Bilela

        17 de julho de 2011 em 14:59

        rsrs.. Parece q o amigo teve preguiça de ler o texto, néh? Será q é ser pirado deixar d comer um alimento q vem da vida d outro ser q, assim como nós, sente dor ao ser cortado, ao ter a pele arrancada ainda vivo, ao ser queimado e marcado como um produto? E ser normal é não ligar pra isso e fazer a sua parte comentando frases de piedade em posts de agressão a cães e gatos? Acredite, uma galinha não defende sua ninhada atoa. Assim como um cão não corre para os braços do dono ao vê-lo chegar atoa. E ao contrario do q seu papai do céu disse naquele livrinho, os animais não são para o nosso sustento. Nosso organismo não aproveita nada da carne além da maldita proteína animal q serve para o crescimento d unhas e cabelo.
        A digestão da carne nos nossos intestinos não é como nos intestinos dos leões ou tigres. E a força desses animais não vem da exclusiva alimentação carnívora, senão um gorila q é vegetariano não teria tamanha força. Contudo, não sei por q precisamos suprir um prazer não necessário para a nossa sobrevivência, tendo q privar o outro de sua própria sobrevivência.
        Mas pode ir vivendo essa sua vidinha normal como se nada tivesse acontecendo.

  16. Bruno Fuzzo

    16 de julho de 2011 em 13:05

    Esqueça o oba-oba das lojas, os empurroões no trânsito e a
    expectativa de folga, bebida e comilança. Somente o olhar dos animais
    não-humanos é verdadeiro, dentre o furacão que os engole com mais força, no
    final de cada ano. Os animais da pecuária encaram o fim de suas vidas – ‘eles
    nasceram para isso’ – enquanto contemplam o traseiro de um clone seu, nos
    bretes e corredores de concreto que antecedem a mesa farta preparada com tanto
    esmero pelas famílias de bom coração.

    O olhar de quem não sabe chorar, já que a reza na hora do desespero é
    exclusividade na lista da racionalidade – essa qualidade que separa a
    humanidade das bestas-feras. O olhar de quem viu o filhote ser puxado para
    longe de si pelos funcionários da fazenda, esse lugar bucólico onde os animais
    são tratados como reis, já que optaram por isso em troca de suas liberdades.

    O olhar do frango que está encaixotado, empilhado em um caminhão que passa na
    nossa frente quando estamos na estrada, rumo às férias. Perdemos um segundo,
    apenas, pensando nisso. Não há espaço para que ele nos dê um tchauzinho, talvez
    agradecendo pelo doce toque da morte que o aliaviará e abreviará sua existência
    marcada pela ausência de mãe, confinamento, horários alterados para ditar o
    ritmo da engorda e opressão no dia-a-dia.

    ‘Obrigado Papai Noel ou menino Jesus por me tirar de um aviário com outras
    milhares de aves. Obrigado pela ração e água que mantiveram este corpo vivo,
    pois ele vale pelo preço que alguém paga. Não tem o valor que minha mãe, animal
    como eu, instintivamente perceberia, e por isso me defenderia, em condições
    normais. Aqui sou um entre milhares, e não parece fazer muita diferença se eu
    morrer agora ou esperar o caminhão dos caixotes. Nasci de uma máquina de ovos,
    mas espero encontrar minha mãe, ciscando a meu lado, algum dia.

    Obrigado Deus humano pela corrente que sempre existiu em torno do meu pescoço,
    que não me permite caminhar até o horizonte. Ou até o ponto onde há sombra,
    onde a água da chuva não está empoçada. Agradeço pelos dias que lembraram da
    minha existência, e sobras de comida chegaram até onde esta corrente permitiu
    alcançar. Obrigado, Papai Noel, por ter sido escolhido como animal de estimação
    por uma faímila de humanos.

    Obrigado, espírito natalino, por eu ter puxado tanta carroça em meio à fumaça
    de óleo diesel, fraco, assustado e sedento, que enfim eu tombei no asfalto. A
    última surra que tomei do carroceiro, para que eu me levantasse, permitiu que
    enfim meu espírito pudesse cavalgar livre naquelas campos verdes onde
    quadrúpedes iguais a mim, porém belos e com longas crinas, correm sentindo o
    vento da natureza. Acho que o esforço que fiz diariamente para tirar meu
    condutor da miséria, ou pelo menos diminuir sua pobreza, foi menos do que eu
    poderia, entao eu aceito meu castigo.

    Obrigado, família do presépio, por eu ter sido o escolhido para, ainda bebê,
    estar na mesa de tantas residências, para ter meu pequeno corpo saboreado em
    uma bonita bandeja, assado e servido à meia-noite. Ainda não entendi por que
    nasci e morri tão rápido, se fiz algo errado a ponto de não poder crescer um
    pouco mais em um lugar que, onde vi, havia outros como eu, alguns bem gordos.
    Mal lembro da minha mãe, mas lembro que ela não podia se virar, cercada em um
    gradeado enquanto mamávamos. Talvez tenha sido azar, talvez tenha sido sorte.

    Obrigado meu Deus, por eu poder ajudar tanta gente a usar um xampu que não
    irrite os olhos, uma maquiagem que não cause problemas, um produto qualquer a
    ser dado de presnete neste Natal, que nunca vou saber direito, que atendeu os
    humanos em suas expectativas mais simples. Estive em um laboratório, cercado de
    pessoas de jaleco branco, durante tempo suficiente para saber que sou parte
    importante do progresso, que a Ciência evoluiu graças à minha dor, meu
    aprisionamento e tudo aquilo que os produtos geraram nos meus olhos e no meu
    corpo. Fico grato por ter ajudado.

    Obrigado Maria, mãe de todas as mães que, zelosas como eu, dão leite a seus
    filhos durante anos, mesmo após o fim de sua amamentação natural. Minha vida
    neste estábulo, com úberes gigantes e doloridos, plugados em uma máquina, é o
    sacrifício que faço para a saúde humana. Não percebi, ainda, em minha
    mentalidade abaixo da humana, porque o leite de meus filhos vai para os filhos
    de outra espécie, e até quando já são adultos. Meu filhote não está mais ao
    alcance de minha vista, foi retirado cedo de meu lado, mas sei que o papel
    dele, como vitelo, ocupa espaço de respeito junto aos humanos. É alvo de muitos
    comentários e elogios. Pelo menos é o que imagino, pois o sacrifício é doloroso
    o suficiente para, respeitosamente, ousar questionar o porquê de minha
    existência. Mas agradeço mesmo assim, Papai Noel.

    Obrigado pelas palmas cada vez que apareço no picadeiro. O olhar das crianças
    me faz esquecer a minha vida de tédio e imobilidade, viajando de cidade a
    cidade. Quem sabe um dia eu e os demais animais cheguemos ao lugar de onde
    viemos, que deverá ter muitas árvores, rios e espaços para correr. Enquanto
    isso, eu repito as manobras noite após noite, mostro os mesmos truques que,
    pela minha teimosia, eu custei a decorar. Quem sabe neste Natal eu ganhe uma
    última viagem, de volta ao habitat que jamais conheci em vida.

    Obrigado Natal, por eu poder aquecer tanta gente elegante em momentos de frio.
    Nasci peludo tal como minha mãe, e como ela pude participar da indústria
    humana, essa coisa que traz tanto progresso, dando de bom grado minha própria
    pele para que maridos mostrem afeto à esposa, presenteando-as com belos
    casacos. Muita gente famosa e rica usa a pele que pode ter sido minha. Isso me
    enche de orgulho e faz valer o tempo que morei em uma gaiola pouco maior que
    meu próprio corpo. Já estava cansado de andar em círculos, lembrando dos
    bosques que um dia corri de cima a baixo. Mas um dia veio a dor que, por pior
    que tenha sido, me libertou finalmente. Ainda relutei alguns minutos, já sem
    pele, mas vi que a liberdade me abraçava e escurecia minhas vistas. Acho que
    valeu a pena, pois sou fotografado e até apareço na televisão, durante o
    inverno – pelo menos acredito que aquelas partes sejam minhas, cobrindo o corpo
    de pessoas tão bonitas e famosas. Obrigado aos responsáveis.

    Obrigado a todos que vieram me assistir nesta arena. Ainda estou zonzo e
    ofuscado pela luz após dias de escuridão, mas já entendi que, aqui, eu sou a
    atração. Há um semelhante a mim, porém sem chifres e mais magro, e nele está
    montado um humano, com roupas garbosas e armas tão afiadas como as que já
    furaram tantos iguais a mim. Eu espero que tudo isto termine logo, pois o
    cansaço está vencendo a euforia, há tanto sangue que já não sei se é meu ou de
    alguém antes de mim, e está difícil fazer levantar a platéia tantas vezes. Que
    a morte venha me tocar com a mesma doçura da última vez que fui tocado pela
    minha mãe. Ela deve estar orgulhosa de um filho que resistiu até o fim, cercado
    de espadas, aplaudido, sangrando ajoelhado, língua de fora mas fazendo questão
    de participar do show até o fim. Acho que os aplausos são para mim, já que os
    olhares convergem para onde estou. E eu não sei onde estou.

    Obrigado menino Jesus por ter nascido e feito seus iguais perceberem a
    necessidade de haver uma festa em seu nome, para redenção e paz, onde eu seria
    assado em espeto e saboreado por tantas pessoas felizes, sorridentes e em clima
    de fraternidade. Jamais imaginei que, sem saber falar, sem ter tido escolhas,
    seria eu o ponto central dos churrascos de de final de ano de tantas empresas,
    entidades, famílias e grupos a confraternizar. Aguardei este momento sempre em
    espaços com arame farpado, tal como a coroa que um dia finalmente lhe puseram
    na cabeça, e usei argola no nariz para que um filho seu, fiel e devoto, me
    conduzisse para o lugar certo. Apanhei da vida, mas quem não apanhou? Sempre
    soube que uma vida de aperto, confinamento, marcação a ferro quente, castração
    a frio e morte sobre o concreto teriam um sentido maior. Obrigado por dar um
    norte a minha vida. Hoje, eu sou uma estrela.

    Texto de autoria de Marcio de Almeida Bueno da
    Vanguarda Abolicionista de Porto Alegre.

  17. Neto Fontinele

    15 de julho de 2011 em 16:22

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    Muito bunitinho os comentarios de vocês a respeito dos animalzinhos de estimação, mas não são so animais de estimação que são maltratados não, algum de vocês já entraram em um matadouro de boi? Ai sim vão ver o que e crueldade, posso até conta lhes uma historia, muitas vezes as vacas são vendidas para matadouros gravidas para ter um maior peso, então esta vaca entra em uma fila onde há varios outros animais sendo sacrificados e é morta tbm, posta em um gancho e abrem sua barriga pra tira as vísceras e quando notam que ela estava gravida o feto cai no chão ainda com vida de mexendo será que isso não e cruel? Voltando a historia da vaquinha em menos de 10 min ela sai completamente esquartejada direto para os lindos pratos de vocês. Mas algum de vocês vão deixar de comer aquele churrasco no fim de semana? Ou usar seus belos sapatos e bolsas? Legal dizer que e contra crueldade com os animais no seu conforto, quero ver abrir mão disso e ai sim defender os animais, não só esse gatinhos fofinhos porque lhes agradão mas todo os animais. Lembre-sem que todos os dias são mortos milhares de animais boi ovelha porco galinhas etc. Por causa do nosso consumo todos nos somos cruéis com os animais contribuímos diretamente com essa matança. E fácil dizer que esses caras são monstros mais todos somos e nem nos damos conta disso porque achamos isso normal.

    • Ana Lima

      23 de fevereiro de 2012 em 16:16

      eu ao mesmo tempo comcordo e descordo,primeiramente o comsumo de carne vem desde de antes de Cristo ,Deus criou certos animais para servir de alimento para nos,no que eu concordo e que o jeito que eles sao mortos e que e bem cruel,ja animais de estimaçao nao forao criados para nos comermos ,nao sei se ja viu na China cachorros sao vendidos para restaurantes ,tubaroes tem suas barbartanas arrancadas e um dedale arrancam com os bichos ainda vivos depois de arrancadas jogam o bicho de volta no mar e bem cruel, mais eu respeito a sua opinao

    • Yukie

      17 de outubro de 2011 em 04:30

      Cara, mesmo esse post ser velho, eu discordo de vc. Pense, um leao nao mata um cervo para comer? Um urso nao mata peixes para comer? Isso faz parte do instinto animal, nos, pessoas, também somos animais, todos os seres vivos tem os mesmos direitos, o q nao pode, eh matar por dinheiro, prazer, culpa etc… Eu acho que os matadouros sao cruéis sim, e MUITO! Mas a morte de uma vaquinha, gera tecido, acessórios, alimento, objetos religiosos, e ate sabão! 
       Nao devemos parar de comer carne, devemos parar de matar por prazer e dinheiro!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      P.S. Desculpa a ortografia.

    • Bruno Fuzzo

      16 de julho de 2011 em 12:30

      No inferno todos vestem branco!Se você parar de comer eles param de matar.     http://holocaustoanimalbrazil.blogspot.com E que se fod…. os direitos humanos. 

    • Bruno Fuzzo

      15 de julho de 2011 em 23:33

      No inferno todos vestem branco. http://holocaustoanimalbrazil.blogspot.com Que se fod…. os direitos humanos!!!!

      • Brandon Lee

        15 de julho de 2011 em 23:59

        Cara, vc tem filho??? Não deve ter, pra falar isso , vc mataria seu filho??? Em alguns posts vc falou (se eu não me engano) “…. matem todos os Câncers que vc encontrar……”, e como vc definiu a raça humana como Câncer isso inclui todos, vc mataria um filho seu, ou uma criança, simplesmente por ela comer carne, ou por ela assistir uma tourada e gostar, tá certo que tem gente que merece a morte (na verdade tem gente que merece ser torturado e depois ser morto), acabar com a raça humana não adiantaria nada, parece que vc meio que culpa todas as pessoas do planeta pelos erros de poucos, como disseram acima, quem começa uma guerra são umas 10, 100 pessoas, não são os soldados que decidem guerrear com outro país (tanto é que ir pra guerra é obrigatório), vc acha que os soldados gostam de deixar a família pra trás. Quem morre nas guerras, os soldados, ou os chefes e comandantes que mandam eles irem pra guerra, mas deixa pra lá, logo logo o Paladino vai chegar…….

        The Paladins Rules!!!!

        • Bruno Fuzzo

          16 de julho de 2011 em 12:18

          Caro
          Brandon Lee, você está ERRADO e eu vou te explicar por quê.

           

          Primeiro,
          eu tenho filho sim e sempre ensinei que ele não precisa comer carne, é um MITO
          que o ser humano precise de carne para sobreviver.

          Crianças
          comem carne por que são ensinadas por seus pais BURROS que a carne é muito
          importante para elas, mas isso é exatamente o que os açougueiros querem, o que
          os fazendeiros querem, o que o dono do supermercado quer, o que o MacDonald’s,
          o BurgKing e todos os outros churrasqueiros querem.

          Pessoas
          como VOCÊ simplesmente acreditam no que a maioria diz, abaixa a cabeça e
          obedece, achando que aquilo está certo. VOCÊ é exatamente igual à maioria das
          outras pessoas, que acha que os culpados pelas guerras são os generais.

          Pensando
          como você, posso dizer que piloto que carregou a bomba atômica e a lançou sobre
          a cidade de Hiroshima pode dormir em paz, pois o culpado pelas mais de 100 mil
          mortes, incluindo muitas crianças, foi o presidente Truman.

          Pensando
          como você, posso dizer que o site http://www.chinchila.com.br
          não está fazendo nada errado, por que não são eles que matam os animais, o
          culpado é o caçador que é pago pelo site para matar. Adivinhe de onde vem o
          dinheiro que os donos desse site paga para os caçadores…

          PRESTE
          ATENÇÃO – Pensando como você posso dizer que toda a população brasileira não é
          responsável pelos problemas do Brasil, os responsáveis são unicamente os “terríveis
          políticos” que só se importam com seus próprios umbigos. Sendo assim, cada
          cidadão desse país pode continuar fazendo exatamente a mesma coisa que já faz
          para mudar essa situação; NADA.

          Mas
          eu te entendo, as pessoas sempre procuram fazer o que é mais fácil, opor-se a
          um governo, opor-se a um líder, opor-se a seu general é muito difícil, gasta
          muito tempo, dinheiro e provavelmente quem faz isso poderá ser preso ou morto,
          então pessoas como VOCÊ entende que é melhor continuar do jeito que está, pois
          assim VOCÊ pode continuar culpando àquelas 10 ou 100 pessoas por todos os
          problemas.

          Como
          VOCÊ disse, “vc acha que os soldados gostam de deixar a família pra trás”, eu
          também acredito que não, mas posso dizer que os soldados que fazem isso são
          fracos. Se todos os soldados se opuserem às vontades de seus comandantes, quem
          fará a guerra? Se mais ninguém pagar pelas touradas, elas não existirão mais.
          Se você parar de comer carne os animais não serão mais mortos.

           

          Mas,
          não tem problema, logo logo o Paladino chegará e com seu martelo esmagará todos
          as criaturas que se auto-intitulam racionais.

           

          No
          inferno todos vestem branco!

          Se
          você parar de comer eles param de matar.

            http://holocaustoanimalbrazil.blogspot.com

           

          E que se fod…. os direitos humanos.

    • GauchoTCHÊ

      15 de julho de 2011 em 16:57

      so pra saber o Neto vc é vegetariano e talls ???

      • Neto Fontinele

        15 de julho de 2011 em 18:01

        Não, não sou por isso falo “Por causa do nosso consumo” no meu comentaria. Mas não se trata apenas de alimento, se formos avaliar bem veremos que a maioria do que consumimos tem origem no sacrifício de animais, vestimentas, alimentos, material de higiene, cosméticos e por ai vai.

        • Henrique Lubk

          15 de julho de 2011 em 18:31

          Não sei se é preciso tanto assim de sacrifício na parte de cosméticos e materiais de higiene, essa parte é mais voltada a plantas, que mesmo assim de acordo com algumas pesquisas também possuem certos sentidos. O fato é que também há abatedouros (mesmo que não seja a maioria) que tentam matar o animal com o mínimo de sofrimento possível (como nocauteá-los com uma pancada na cabeça), mas mesmo assim isso causa a dor e isso não é coisa somente humana, é a sobrevivência do mais forte, do mesmo jeito que se as vacas tivessem evoluído e nós não nós é que seríamos o “bife de cada dia”. Enquanto as outras práticas se deve ao fato de nós humanos gostarmos de ganhar dinheiro ou de perdê-lo menos como é o caso das vacas grávidas e dos porcos excessivamente obesos.

          • Bruno Fuzzo

            15 de julho de 2011 em 23:35

            Espero nunca te encontrar, pois você é exatamente o tipo de pessoa que não merece a vida !!!!!

          • Jeff Dantas

            15 de julho de 2011 em 18:59

            Henrique, a você dedico o livro “A Revolução dos Bichos”, do George Orwell. Muito bom, por sinal. xD

          • Henrique Lubk

            16 de julho de 2011 em 02:57

            Obrigado pela indicação, já vi a capadesse livro e espero ler algum dia, quanto ao irritadinho em baixo, desculpe se te ofendi com a parte do se mate, mas para alguém que se considera tolerante deveria pelo menos não desejar a morte de outros considero todos seus comentários sobre uma minoria que mata cruelmente, mas alguém que sai esbravejando nos seus comentários desejando a morte de outros deve saber que seus comentários não serão considerados. E sim faz tanto nexo a frase que diz “não culpe a humanidade por ter evoluído” quanto a frase “a pessoa matou o indivíduo, porque este tentou atacá-la”. Leia sobre Darwin para entender.

          • Um qualquer

            16 de julho de 2011 em 23:39

            Não liga pra este zé ninguém, é só mais um indivíduo tentando se passar bpor bom samaritano apocalíptico.
            ” Vocês são cruéis, todos nós somos e blá ,blá ,blá.”
            Agora pergunta pra ele se ele faz algo pra mudar isto, se faz a parte dele.
            Garanto que ele não saberá responder.

          • Bruno Fuzzo

            16 de julho de 2011 em 12:45

            Obrigado
            pelo “irritadinho”, sou mesmo, é que eu perco a paciência com pessoas que acham
            que são mais evoluídas do que as outras criaturas e assim, justificam suas
            crueldades com a frase.

            “Se
            ele estivesse no meu lugar, faria o mesmo comigo”.

             

            Deixa
            eu te lembrar que vacas não são carnívoras e NUNCA seríamos “bife de cada dia” para elas.

             

            Parabéns por SUA evolução, vamos ver até quando
            isso dura!!!!!!

             

            No inferno todos vestem branco.

            Se você parar de comer ele param de matar.

            http://holocaustoanimalbrazil.blogspot.com  

             

            E que se fod…. os direitos humanos. 

        • Emery

          15 de julho de 2011 em 18:17

          Pois é , olhando por esse lado todos temos uma parcela de culpa mesmo. O pior eh que nesses casos é quase que impossível de chegar a um acorodo né?

  18. miguel angelo

    15 de julho de 2011 em 15:26

    quem faz isso merece ir pra cadeia não…merece ir pro fogo do inferno

  19. Bruno Fuzzo

    15 de julho de 2011 em 13:57

    Um monte de gente comentando, mas ninguém faz nada. O povo brasileiro sempre foi assim, muita conversa, muitos discursos, mas na prática, todos abaixam a cabeça e não fazem nada.
    O único problema do mundo é que nele existe uma espécie de animal que se auto-intitula “racional”. É essa espécie que maltrata os animais, é essa espécie que pode lhes arrancar a pele apenas por luxo, é essa espécie que mata por prazer, que é capaz de tirar a comida dos que tem fome apenas por um punhado de dinheiro ou simplesmente jogar no lixo a comida que custou a vida de outra espécie.
    Essa espécie, conhecida como “Humana”, é a única capaz de fazer guerra sem motivo, roubar sem motivo, destruir sem motivo e matar sem motivo.
    Imagine como seria perfeito o mundo sem a espécie humana, sem poluição, sem guerras, sem fome, sem doenças…
     
    A espécie humana é um “Câncer” para o planeta!!
     
    Portanto, comece a agir, destrua todo o câncer que você encontrar!!!
     
    E que se fod… os direitos humanos.

    • Henrique Lubk

      15 de julho de 2011 em 15:41

      Não seja tão extremista, há humanos que ainda merecem viver e sair por aí matando qualquer um é tão lógico quanto judiar de animais sem falar que não ía adiantar nada. Não culpe a raça humana de ter evoluído para algo que é hoje.

      Esses casos onde houveram guerras foram proclamados por 100 pessoas exagerando ainda, o resto só está obedecendo ordens; a poluição começou com os burgueses que eram a minoria; a fome é causada por falta de oportunidades dadas ao governo(minoria) ou pela própria pessoa que não teve competência de aproveitar as suas ou pela invasão causada pelos burgueses europeus no caso da África e Ásia que também representam a minoria; as doenças não podem ser causa humana pois mesmo sem o homem grandes pestes poderiam existir em algum estágio futuro da natureza podendo ter dizimado o mundo inteiro se não fosse pela cura dos humanos.

      Os direitos humanos servem para que ninguém entre na sua casa matando todo mundo e se acha que sua existência humana não importa então se mate, pois assim(de acordo com você) estará fazendo um mundo um pouco melhor.

      • Bruno Fuzzo

        15 de julho de 2011 em 23:30

        Caro
        Lubk, primeiramente gostaria de pedir perdão por minhas próximas palavras…

        Não
        sou extremista, sou bem tolerante e também concordo que nem todos mereçam a
        morte, mas…

        Acredito
        que qualquer pessoa que maltrate um animal, que ajude ou que financie esta
        prática, mereça a morte.

        Ex1.:
        O domador de leão do circo, o dono do circo, os demais artistas do circo e
        principalmente todos que pagaram e aplaudiram o domador chicotear a fera.

        Ex2.:
        O toureiro, todos os organizadores de touradas e todos que pagaram e gostaram
        de ver o toureiro espetar o touro até a morte.

        Ex.:3
        A Gisele Bündchen que desfila com casaco de pele, todos que trabalhem em
        empresas que comercializam casacos de pele, todos que fazem casacos de pele, os
        caçadores que retiram a pele dos animais para fazer roupas, TODAS as pessoas
        que compram casacos de pele.

        Ex.:
        Eu e você que come carne, todos que trabalham nos açougues, todos que trabalham
        em matadouros, todos que trabalham em fazendas de corte e todas as outras
        pessoas que comem carne como eu e você.

        Uma
        das frases mais ABSURDAS que eu já vi na Internet é “Não culpe a raça humana de
        ter evoluído para algo que é hoje”. O autor dessa frase também deve pensar que:

        “Não
        é culpa do estuprador por ter destruído uma família”;

        “Não
        é culpa do traficante por ter acabado com a infância das crianças de uma
        comunidade”;

        “Não
        é culpa do motoqueiro que facilmente poderia desviar do cachorro que defecava
        na rua, mas preferiu dar-lhe um chute. O cachorro fraturou as duas pernas traseiras
        a bacia, a coluna, teve rompimento de diversos órgãos e após agonizar por 3
        dias, morreu”;

        “Não
        é culpa dos jovens que espancaram ou rapaz quase até a morte simplesmente por
        ter-lhes flagrado usando drogas no banheiro de uma casa noturna”.

        O
        autor dessa frase é o tipo de pessoa que não assume os próprios atos, se
        esconde atrás dos direitos humanos e não tem coragem de se opor à opinião
        coletiva. É exatamente o tipo de pessoa que pensa que a deficiência mental é
        contagiosa, que tudo o que falam no Jornal Nacional é verdade e que só passa
        fome os vagabundos que não “querem” trabalhar.

        O
        autor dessa frase é COM CERTEZA o tipo de pessoa que o planeta não precisa.

         

        Lubk,
        eu não penso que a humanidade não tem importância, eu acredito que se ela nunca
        tivesse existido a Terra estaria muito melhor. Por fim, eu quero que você
        MORRA!!!

         

        No
        inferno todos vestem branco.

        http://holocaustoanimalbrazil.blogspot.com

         

        E, mais uma vez, que se fod… os direitos
        humanos!!!!!!!!!!!!!!!!

        • Um qualquer

          16 de julho de 2011 em 23:34

          Pronto, já teve seus 15 minutos de fama, agora pode ralar peito.

  20. Anônimo

    15 de julho de 2011 em 12:32

    Simplesmente covardia.

  21. GauchoTCHÊ

    15 de julho de 2011 em 12:22

    cara naum tenho nd pra falar sobre isso q mostraram nesse post…….

  22. Emery

    15 de julho de 2011 em 10:13

    Que isso , nessa semana mesmo fez 1 mês que a minha gatinha foi morta por envenenamento…O triste eh que eh mto comum na minha cidade (uma vez eu aindei narua e encontrei um gato morto por espancamento) e eh mto difícil a justiça se cumprir nesss casos (no caso da minha gata , temos quase certeza absoluta de que foi o nosso vizinho que fez isso e que era para ser com o nosso cachorro)

      [img]http://farm7.static.flickr.com/6125/5940089386_af54d95b1e_m.jpg[/img]
    Ela era mto gordinha e era super calma e quase não miava…=(

    • Brandon Lee

      15 de julho de 2011 em 23:45

      Tomara que  quem fez isso arque com as consequências depois.
      Eu também tinha um Gato, ele era de mais, brincalhão, tinha os olhos muito massa, um azul bem forte, e de noite brilhava em vermelho, o nome dele era Cat, ele morreu envenenado também, eu tava acordado e ouvi uns barulhos estranhos de noite, mas nem fui ver, ele e uns outros gatos costumavam fazer baderna de madrugada, no outro dia eu acordei e ele tava morto perto de uma árvore, e foi por envenenamento mesmo.
      Agora apareceu um outro gato que andava com ele aqui, eu até brinco falando que ele quer vingança, eu dei o nome dele de “Outro Cat”, em homenagem ao outro. O Cat era Fod4!!!

      The Paladins Rules!!

      • Natalia Sayuri

        24 de julho de 2011 em 23:38

        bom, isso ja aconteceu comigo mais de 5 vezes… ou é morto por envenenamento, ou é roubado, ou some. Ainda não entendo a mente humana..

    • Jeff Dantas

      15 de julho de 2011 em 15:35

      Puxa, Emery, que triste! Eu tenho uma gatinha de 3 meses, e procuro tratá-la da melhor forma. 🙂

    • LuCaS

      15 de julho de 2011 em 10:36

      =/ Ela era linda =D
      meus pesames por sua gata…

  23. leosamuca

    15 de julho de 2011 em 08:17

    Tinha que dar uma surra nesses caras com um pingüin de geladeira e só parar quando o pingüin “piar”.

    • Jaqueli Gelli

      14 de agosto de 2012 em 13:10

      kskskskksskkskk

      concordo isso é covardia pura.

    • Bruno Fuzzo

      15 de julho de 2011 em 13:58

      A espécie humana é um “Câncer” para o planeta!!
       
      Portanto, comece a agir, destrua todo o câncer que você encontrar!!!
       
      E que se fod… os direitos humanos.

  24. Calebe Silva

    15 de julho de 2011 em 08:09

    Tambem tem os casos das touradas que maltrata muito os touros de esforço fisco que o bicho faz e ele  acaba desmaiando  e as vezes matando o bicho  uma pulta falta de sacanagem que esses fdps fazem.

    Mundando de assunto aqui casa tem um gatinho de 1 ano eu gosto de brincar mas ele so me morde e me arranha mas num e so por isso que eu vou bater nele pq quem faz isso e o que nao tem o que fazer e vai fazer essas coisa pra se achar o fodao mas e mais um imbecil fdp.

    entao e isso o que venho falar

  25. Bruno Fuzzo

    15 de julho de 2011 em 07:30

    Sabe qual é o único problema do mundo? O problema são as pessoas. Sim todos nós, você e eu também. Imagine um mundo onde o ser humano nunca tenha existido, onde os animais reinam absolutos. Esse mundo seria perfeito, sem guerras, poluição, assassinatos, corrupção, crueldade contra os animais, maldade, maldade e maldade.

    A humanidade é um câncer para o planeta!

    Portanto, faça um favor a Terra, quando você ver uma pessoa maltratando os animais, ou cortando uma árvore, ou roubando, ou jogando lixo no chão, ou simplesmente cruzando seu caminho, MATE ELA.

    E que se fod…. os direitos humanos!

    • Um qualquer

      16 de julho de 2011 em 23:29

      “Portanto, faça um favor a Terra, quando você ver uma pessoa maltratando
      os animais, ou cortando uma árvore, ou roubando, ou jogando lixo no
      chão, ou simplesmente cruzando seu caminho, MATE ELA”.
      Tá, mas você é o que, um alienígena?
      Vai ver é o et bilú…..

  26. Lucas Toith

    15 de julho de 2011 em 03:44

    Vejo muitos cometários dizendo queles nao tem deus no coração e tals mais se observarem os países com mais gente sem deus no coração sao os países mais pacíficos e que as pessoas são mais gentis uma com as outras e os animais. Então pense melhor antes de falar que não tem deus no coração.

  27. Brandon Lee

    15 de julho de 2011 em 01:16

    Esse tipo de pessoa que vai sofrer quando o Paladino chegar. 
    Ele irá joga-los na escuridão, e quando a escuridão abraça-los, quando a dor for insuportável, quando eles gritarem para parar porque não aguentam mais, o Lorde irá tomar o fronte, e ai a verdadeira tortura irá comçar.

    The Paladins Rules!!!

  28. Andre Vargas

    14 de julho de 2011 em 23:30

    odeio crueldade contra os animais, me lembro de quando pequeno meu pai aparecer em casa as vezes com gatos ou cachorros de rua, agente cuidava depois de um tempo minha mae doava eles pra quem fosse cuidar, esses gatos/cachorros normalmente meu pai achava moleques maltratando eles. Meu tiu mesmo ja deve ter batido em mto mlk q faz isso.

  29. Nayan Pablo

    14 de julho de 2011 em 22:17

    Demon turtle “http://videolog.tv/video.php?id=575982
     

  30. Thais Hale

    14 de julho de 2011 em 21:21

    Da vontade de da paulada nesses filhos da p*** ate matar pra ver se eles aprendem o que fazem com esses pobres animais :@ isso me mata… amo animais

    • Bruno Fuzzo

      15 de julho de 2011 em 07:52

      Thais, você já foi a um açougue?
      Saiba que no inferno, todos vestem branco!!!

  31. LuCaS

    14 de julho de 2011 em 21:11

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    MiniLua tiro as Fotos Pesadas =D

    kkkkkkkk

    • Jeff Dantas

      14 de julho de 2011 em 21:14

      Sim, Lucas. Devemos ter cuidado com as imagens postadas. Algumas delas, aliás, podem conter material ofensivo, ou que ainda, seja considerado como tal. 🙂 

      • Anônimo

        14 de julho de 2011 em 21:30

        Jeff, ontem me mandaram uma foto de duas pessoas tirando o couro de um
        gato e enforcando o mesmo, cara, aquilo me deu um ódio que se eu pegasse
        os caras eu tirava o couro deles também. Não entendo o motivo de tanta
        crueldade. 🙁

        • LuCaS

          14 de julho de 2011 em 22:08

          Se o Mundo acaba em 2012 Num to nem reclamando 
          Do jeito que ta VAI LOGO Pro Inferno =/

          • Anônimo

            14 de julho de 2011 em 22:51

            vc nao tem coraçao ??? vc nao percebeu quanta crueldade contra esse animaizinhos ??? e se vc fosse uma daqueles animais q apareseu no video ??? em e se vc vise alguem judiando algum animal ??? pra ter pena de vc so deus se ele aindater pena de vc 

          • LuCaS

            14 de julho de 2011 em 23:53

            Tenho so que tava me referindo ao SER HUMANO
            ja mais eu aprovo Violencia contra animais

          • Eder Bilela

            15 de julho de 2011 em 08:26

            kkkkkk Nunca vi tanta hipocrisia junta. Um bando de carniceiros  pagando de bons samaritanos. Coitadinhos dos animais do vídeo, néh? Só esqueceram de uma coisa. A carne q vcs comem não é sintética. E não acredito q se importem muito de onde ela vem quando colocam um belo bife no prato. Talvez só cães e gatos devem ser considerados animais a serem protegidos, hein? E não me venham falar q é da natureza humana ou questões de sobrevivência comer carne, porque já éh comprovado q homem nenhum necessita da tão abençoada proteína animal para sobreviver. Afinal, a maioria dos atletas e muitas pessoas com ótima saúde levam uma vida totalmente vegetariana. E se querem ver covardia, procurem videos que mostram como funcionam abatedouros. Animais q tem a pele arrancada antes mesmo de serem sacrificados para o sangue não coagular e estragar o couro. Porcos castrados vivendo em cubículos, engordando até não conseguirem mais levantar e esperando ser pendurados numa espécie de varal onde terão suas gargantas cortadas e o sangue esguichado. Além das galinhas, dos peixes e todos os outros animais q são criados em cativeiros apenas para consumo humano. Esse mesmo humano q se diferencia dos outros apenas por ter raciocínio. Pois animais também possuem sistema nervoso q os possibilitam sentir dor, como nós. Animais q também possuem instinto q os possibilitam sentir medo, como nós. Mas pra quem cresceu comendo animais e sentindo “peninha” quando o cãozinho quebra a patinha, isso não faz diferença. Vão continuar comendo animais e se achando os sensíveis quando vê uma sena do “Baby”. Mas a pergunta q fica é: 

             Porque precisamos suprir um prazer não necessário para a nossa sobrevivência, tendo q privar o outro de sua própria sobrevivência?
            Acredite! É vc q mantém essa cadeia.

          • LuCaS

            15 de julho de 2011 em 09:07

            Li Inteiro sem texto
            Respeito seu Comentario
            Como carne mesmo e dai ?
            Num so eu que to matando num vo pro Inferno MESMO…
             
            Fica sem comer carne não é bom
            Carne tem muitos Nutrientes
            onde vc vio isso que não precisamos de carne ?
             
            ate mesmo o alface que vc come
            tem o trabalhador que ganha 45 centavos por pé
            ai vc num tem dó ? dos cuitados que ficam no sol so
            pra cuidar do seu alface
            vai se fud3 😉
             
             
            Vo em Churrascaria sim 😉 Delicia =D

          • Eder Bilela

            15 de julho de 2011 em 15:46

            “Nossa Fiquei Triste agora =/ pow que judiação =/  pra que fazer isso nem sabem se defender direito aff”

            “Tenho so que tava me referindo ao SER HUMANO ja mais eu aprovo Violencia contra animais”

            “Como carne mesmo e dai ? Num so eu que to matando num vo pro Inferno MESMO…
            Vo em Churrascaria sim 😉 Delicia =D”

            Pensei q estava respondendo alguém com mais d 16 anos. Acho q nem todos os animais racionais são dotados de raciocínio. kk

          • LuCaS

            15 de julho de 2011 em 17:13

            Se vc Fosse esperto ia percebe que foi uma Ironia minha
             
            Tanto não gosto de quem maltrata animais
            que não falo com meu pai ( Ele caça Capivara, porco do mato ja mato onça)
             
            o que eu tava me refirindo
            é que eu não vo deixar de comer carne
            pq os caras mata animais Cruelmente
             
            Quando tem churrasco aki em casa meu pai tras carne de poco do mato eu num como =/
             
            deis de que me conheço por gente como carne de vaca
            faz parte da minha alimentação não vo muda isso
            é muito dificil uma pessoa muda um abito de anos e anos
             
            se vc gosta de Mato va Come Mato Problema seu ;D
            Não aprovo o que eles fazem com os pobres animais
             
            sim fui ver no Youtube os matadoros fiquei chocado
            agora nem por isso vo deixar de comer carne
             
             

        • Jeff Dantas

          14 de julho de 2011 em 21:45

          Dyego, eu agiria de modo igual. E olha que sou uma pessoa do bem, extremamente pacífica. xD

          • Anônimo

            14 de julho de 2011 em 22:23

            Pois então, como disse o Fernando, nem gente são. Também sou pacífico, mas covardia me tira do sério.

          • Bruno Fuzzo

            15 de julho de 2011 em 07:49

            Pacifismo nunca resolveu nada!!! Comece a agir agora!!!!

        • Fernando ;D

          14 de julho de 2011 em 21:35

          Dyego voce se referiu a duas “pessoas” ??
          Acho que quem faz um negocio desses nem gente não é……

  32. Vanessa Abreu

    14 de julho de 2011 em 21:03

    Parabenizo pelo post, é muito grave!
    Segundo o FBI, assassinos em série possuem histórico de violência aos animais, e isso também ocorre com os estupradores.
    Quem não se lembra do menino de 6 anos ( João Vítor, se não me engano) que foi arrastado por 3 jovens por 7km? E da cadela Preta que estava grávida e também foi arrastada por 3 jovens por 5 quadras? Crimes iguais, vítimas diferentes!
    O homem implora a misericórdia de Deus mas não tem piedade dos animais, que para os quais ele é um deus. Os animais que sacrificais já vos deram o doce tributo de seu leite, a maciez de sua lã e depositaram confiança nas mãos criminosas que os degolam.
    Ninguém purifica seu espírito com sangue. Na inocente cabeça do animal não é possível colocar o peso de um fio de cabelo das maldades e erros pelos quais cada um terá de responder.”
    Gautama Buda

    Ficaria horas discutindo sobre o tema, mas termino postando algumas frases de uma campanha de adoção: “Você sente frio? Eu também!
    Você sente fome? Eu também!
    Você fica triste ou feliz? Eu também!
    Você sabe amar? Eu também! Onde é que existe diferença?
    Adotar é um ato de amor!”

  33. Kevin

    14 de julho de 2011 em 20:53

    Nossa veio. Deu pena, eu não tenho animal de estimação pq tenho alergia a gatos e não gosto de cachorros, mas vendo aquela imagem me deu uma pena… Nuss

    • Jeff Dantas

      14 de julho de 2011 em 21:02

      Kevin, até por conta disso, procurei substituir as imagens. Entendo eu, que o objetivo do post é discutir o tema, sem contudo, partir para o sensacionalismo. xD

      • Kevin

        14 de julho de 2011 em 21:21

        kkkkkkkkkk Td bem, mas um gato? ¬¬ Nada contra, porém eu preferiria mais uma foto de um cachorro… 

  34. Jéssica Helena

    14 de julho de 2011 em 20:39

    que horror 🙁  pra que fazer isso com os animais ? tem que ser muito idiota pra fazer mal a eles 🙁

  35. vitor Lambert

    14 de julho de 2011 em 20:37

    eh… pra mim o ser humano é o pior de todos os animais pois mesmo tendo a capacidade de pensar consegue ser o mais irracional de todos.

    • malandragy

      23 de fevereiro de 2012 em 15:38

      [img]http://4.bp.blogspot.com/-KZXcnpbQMmo/TzKO23KVaSI/AAAAAAAABMQ/HKYm1mDv_ls/s1600/emocao.gif[/img]

    • Bruno Fuzzo

      15 de julho de 2011 em 07:43

      O que você entende por “Capacidade de pensar”. Será que o ser humano realmente é capaz de pensar? Acho que não.
      Se pensasse não cometeria tantas BURRICES como costumeiramente comete. Acredito que um repolho tenha mais capacidade de pensar do que a maioria dos seres humanos.

    • K'

      14 de julho de 2011 em 22:19

      Faço das tuas, as minhas palavras !

      E ainda me chamam de sociopata, anti-social entre outras coisas, quando eu digo que o grande e, único problema do mundo, são os seres humanos.

      • Bruno Fuzzo

        15 de julho de 2011 em 07:37

        Totalmente apoiado!!!!!!!!!! Acabe com o único problema do mundo….

  36. Carlos Rommell

    14 de julho de 2011 em 20:35

    Esse cara com os gatos é um completo idiota, e ainda tira foto, é um retardado mesmo!!!

    • Jeff Dantas

      14 de julho de 2011 em 20:37

      Carlos, você não viu nada.. Selecionei as imagens “menos piores”, digamos assim.. Em uma, aliás, um gato é morto, e suspenso em uma espécie de varal.. Algo deplorável, digno de prisão. 

      • Kevin

        14 de julho de 2011 em 20:55

        Suspenso em um varal? Nossa que tipo de idiota faz isso? Esse cara merece um tratamento e rápido!

  37. LuCaS

    14 de julho de 2011 em 20:32

    Nossa Fiquei Triste agora =/
    pow que judiação =/ 
    pra que fazer isso nem sabem se defender direito aff

    • LuCaS

      14 de julho de 2011 em 20:37

      [img]http://images.orkut.com/orkut/photos/OgAAALvZ92zLNfgx2-VgyM9oTja6EXwSJXT-oCbBAey9yKN6EcyHrmb2-ugM_Lj9fceEeeL4Qpk8ZZdwp6wLFpo6yeIAm1T1UFsIBt6Ww9lpe_MdyEy1-A4_DNEg.jpg[/img]

87 Comentários
Topo