Os diferentes infernos mitológicos

Bem, como era de se esperar de qualquer mitologia, cada uma possui um inferno - ou um submundo – que servisse como punição ou então como descanso para a vida após a morte. Já falamos de alguns deles durante a série “A origem do mundo segundo as mitologias”, porém, de maneira mais superficial. No post de hoje, o que faremos é conhecer melhor os diferentes tipos de inferno, confira:




Tártaro

tartarus

Além de abrigar o palácio da Noite, o Tártaro também é, fisicamente, um local para abrigar os pecadores e submete-los a torturas e sofrimento pelos pecados que cometeram. Muitos de vocês podem estar se perguntando: mas e o reino de Hades? O reino de Hades era um local que abrigava todos os mortos, fossem pecadores ou não.  Segundo a mitologia grega, o Tártaro começou como um local para punir aqueles que ameaçassem os deuses, sendo que cada alma recebia a punição de acordo com o pecado cometido.




Duat

duat

Na mitologia egípcia, o Duat é como um purgatório pelo qual a alma de um recém-falecido deve passar, na verdade, é mais como um gigantesco mundo similar à Terra, mas que possui diversos espíritos perigosos que tem parte humana e parte animal, sem falar dos muitos outros monstros sobrenaturais que habitam o Duat. Somente depois que a alma conseguisse atravessar todo o DUat, ela teria seu coração pesado por Anúbis.




Nilfheim

niflheim

Por incrível que pareça, Nilfheim, o inferno da mitologia nórdica é feito todo de gelo, além disso, ele localiza-se perto do lugar onde Nidhogg mora – vale ressaltar que ela se alimenta dos mortos. É o mundo mais negro e profundo que Yggdrasil sustenta, tanto que quem governa Nilfheim é a deusa Hel, filha de Loki.




Gehenna

inferno

Trata-se do inferno adotado pelo cristianismo. Por incrível que pareça, o nome Gehenna remete a um vale que fica próximo a Jerusalém, onde seguidores do deus Moloch sacrificavam crianças em fogueiras enormes. Embora não seja exata a comparação de Gehenna com o inferno cristão, ela é, com certeza, aquela que mais se identifica com ele, isso porque os sacrifícios eram constantes e isso dava a ideia de que lá havia chamas que queimavam eternamente – existem algumas delas espalhadas pelo mundo, será que são um pedaço do inferno na Terra? – e várias outras peculiaridades, como o alto teor de enxofre.

Me adicione no Facebook: Nandy Martins

E faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/

  1. Tessiano Silva

    7 de outubro de 2013 em 12:24

    o conceito de gehena nao gostei muito… pois, conheço outro.

    • Luciano De Brito

      16 de maio de 2015 em 13:27

      Qual???

  2. The Van Hoheheim

    24 de setembro de 2013 em 13:36

    BGHBGHGBGHGHBNSZHJGabN(GIUJVBGJHBJn GHNJMBNZHUIJGBZUHJK521685341555

  3. Maloqueiro popai

    9 de setembro de 2013 em 16:38

    Toda religião tem um deus bom um ser maligno têm céu tem infernos e muitos outros blablablablabla, afinal de contas em qual religião você crer e apenas uma questão geografica já que no fim das contas são todas iguais.

    • Valhalla Asgard

      26 de março de 2015 em 16:14

      Na verdade foram os zoroastristas que inventaram esse conceito de “mal vs bem”. Os antigos judeus acreditavam que o mesmo Deus que fazia o bem também fazia o mal. Os pagãos indo-europeus tendiam ver as divindades como tanto más quanto boas, e os germânicas viam o mundo como uma guerra entre “caos e ordem”.

  4. DOOM

    7 de setembro de 2013 em 14:54

    Interessante saber como os outros povos viam o inferno

  5. glaurung

    6 de setembro de 2013 em 22:38

    mas o inferno nordico se chama Hel e nele existem 12 submundos

  6. Bonecão do Posto

    6 de setembro de 2013 em 22:38

    a deusa nórdica Hel, deu origem a palavra ”Hell”, q significa inferno em inglês, pra quem não sabe, pq ela é a guardiã do inferno nórdico, um dos grandes indicios q o inglês, é uma mistura do idioma celta com o viking

    • Luciano De Brito

      16 de maio de 2015 em 13:19

      O inglês pertence ao ramo das línguas germânicas, como o alemão, holandês, etc… o inglês atual tem origem latina (francês) e nórdica (saxão).

  7. Monica De Carvalho Brito

    6 de setembro de 2013 em 19:18

    gostei de Nilfheim! :p

    • Little Uchiha™

      6 de setembro de 2013 em 20:27

      E eu gostei de vc sua linda.

  8. Mephisto Pheles

    6 de setembro de 2013 em 18:25

    Gehenna, minha ex-casa.

  9. La No Posto Ipiranga

    6 de setembro de 2013 em 14:10

    tem um que dizem ficar na América do Sul,lá tem os maiores ratos e os piores ladrões,além de todas as almas serem torturadas em uma espera eterna,para poderem aí sim entrar no verdadeiro inferno,lá não aceitam algo que possa mudar isso,as almas se revoltam,e pouco se faz a respeito,parece que se chama Brasil.

    • Bonecão do Posto

      6 de setembro de 2013 em 22:39

      achei q era São Paulo, mas lembrei q tem isso em todo o lugar desse tal de Brasil

  10. homunculus

    6 de setembro de 2013 em 13:47

    Se o Tártaro existisse de verdade, eu ia fazer de tudo pra ir pra lá

    • Riddle Boy®

      6 de setembro de 2013 em 15:07

      É claro que exite, é só vc ficar uns meses sem escovar os dente comer uma tonelada de doces e pronto vc estará sofrendo no tártaro .-.
      http://imageshack.us/a/img832/927/o1p.gif

      • homunculus

        6 de setembro de 2013 em 18:28

        Nuss ‘-‘ Mas não vou receber ordens suas apesar de ser meu irmão mais velho.

  11. gato do apocalipse

    6 de setembro de 2013 em 11:09

    legal como as pessoas imaginam coisas, não?

  12. el chupacabra

    6 de setembro de 2013 em 09:54

    no consigo ver a diferença entre o inferno e a vida real

    • Bonecão do Posto

      6 de setembro de 2013 em 22:40

      no inferno todo mundo morre, aqui uns morrem outros matam

  13. Lucas Rodrigues

    6 de setembro de 2013 em 06:27

    Muito bom o post, mas eu não acredito em nenhum desses infernos u.u

  14. Willian Cesar

    6 de setembro de 2013 em 02:56

    Nenhuma criança foi sacrificada para o Deus Maloch. Isso é uma invensão dos Romanos para justificar uma “pilhagem santa” em um reino pequeno distante de Roma (me fugiu o nome). Eles tinham dois Deuses, e ambos foram blasfemados pelos romanos. Curiosidade: “Moleque” é o nome dado aos adoradores de Moloch.

    • Luciano De Brito

      16 de maio de 2015 em 13:26

      Fonte????
      Moleque é de origem quimbundo, significa isso mesmo: menino

    • Valhalla Asgard

      26 de março de 2015 em 16:10

      O império romano já tinha conquistado a terra dos amonitas(os que adoravam Moloch) antes de se tornarem cristãos. Eles não precisavam de nenhuma justificativa para pilhar outros povos, eles pilhavam por que podiam e pronto, a justificativa “eu sou mais forte que você e você deve me obedecer” era suficiente para eles. A moral dos pagãos romanos era muito diferente da moral cristã.
      E além disso os amonitas adoravam vários outros deuses, não somente dois.

    • Luís Felipe

      6 de setembro de 2013 em 22:53

      É isso aê, moleque!

    • Bonecão do Posto

      6 de setembro de 2013 em 22:41

      claro q foram, sempre algo relacionado a Moloch teve coisas hj inaceitáveis pela sociedade

    • Riddle Boy®

      6 de setembro de 2013 em 15:00

      Vc tá muito enganado cara, esta pratica exite até os dias de hoje, é claro que ninguém vai conhecer um alguém que sacrificou seu filho a moloque.

  15. Luís Felipe

    6 de setembro de 2013 em 00:34

    Já repararam q o inferno do norte é frio enquanto o do sul é quente?
    Isso mostra q eles são nada menos q a representação do clima indesejado na região.

    • Bonecão do Posto

      6 de setembro de 2013 em 22:42

      bem pensado, eu q estudo história nunca tinha pensado nisso

      • Luís Felipe

        6 de setembro de 2013 em 22:53

        N é difícil, é só pensar q o inferno foi criado como o lugar q possui as piores coisas existentes.
        Como o inverno no norte é rigoroso, então o inferno “deles” é frio, como aquele citado na Divina Comédia ou o da mitologia nórdica. Aq no Brasil o verão é “dos infernos”, acho q vc entendeu.

  16. Riddle Boy®

    6 de setembro de 2013 em 00:16

    Lugar onde mora a From-hell.

    • Phantom Lord / Hyoga

      6 de setembro de 2013 em 14:26

      isso jah estah implicito no nome dela ._.

      • Riddle Boy®

        6 de setembro de 2013 em 15:12

        Você a conhece

        • Phantom Lord / Hyoga

          15 de setembro de 2013 em 17:26

          er… sim `-´

  17. Mth_lp

    6 de setembro de 2013 em 00:13

    O da nórdica tá errado. Nilfheim é o reino da névoa, é feito de gelo, tá certo, mas passa longe de ser o inferno. Nilfheim fica em uma das partes superiores de Iggdrasill, perto de Alfheim(ou de midgard ou asgard, não lembro direito). O inferno, é Helheim, esse sim fica na base da árvore.

    • Bonecão do Posto

      6 de setembro de 2013 em 22:47

      o reino de Hellheim é o da base arvore, mas lá é só para seres mitológicos q foram aprisionados e terão q pagar a sua dívida com Odin até começar o Ragnarök, quando eles se libertam

    • Nandy Martins

      6 de setembro de 2013 em 07:48

      Olá Mth_lp
      Na verdade, Helheim é o reino dos mortos, na mitologia nórdica, governado por Hel, entretanto, as partes mais profundas de Niflheim é realmente o inferno nórdico, onde aqueles que foram maus durante a vida são condenados a viverem. Niflheim também é governado por Hel, filha de Loki, e localiza-se nas raízes de Yggdrasil. ^^

  18. Lúcifer

    5 de setembro de 2013 em 23:52

    SOU EU QUE MANDO NESSA PORRA!!

    • Riddle Boy®

      6 de setembro de 2013 em 00:17

      você não manda nem na sua pobre vida.

      • Lúcifer

        6 de setembro de 2013 em 15:49

        Cale-se ser inferior, vcs homunculos são apenas um pouquinho melhores que humanos, mas não se gabe. BITCH

        • Envy

          10 de setembro de 2013 em 20:39

          não fale assim com meu irmão

          • Riddle Boy®

            11 de setembro de 2013 em 01:35

            HAUEHAEUHAEUHUAE.

          • The Van Hoheheim

            15 de setembro de 2013 em 16:04

            Oi sobrinhos

          • The Van Hoheheim

            15 de setembro de 2013 em 16:04

            Como estão?

          • Envy

            17 de setembro de 2013 em 21:31

            Tudo bem, e sua presbiopia, como é que tá?

          • The Van Hoheheim

            24 de setembro de 2013 em 13:33

            Respeite-me!eu sou seu tio-pai

          • The Van Hoheheim

            24 de setembro de 2013 em 13:34

            Ops comentario errado…

        • King Bradley

          7 de setembro de 2013 em 22:44

          eii baixe o tom não fale assim com meu filho

      • Phantom Lord / Hyoga

        6 de setembro de 2013 em 14:27

        essa doeu :X

  19. eduardo (eduh)

    5 de setembro de 2013 em 23:16

    estranho civilizações tão distantes seja de tempo ou culturalmente,pregarem algo parecido.

  20. Dark J

    5 de setembro de 2013 em 23:10

    Inferno de gelo? Essa é nova. Agora sei por que nunca consegui achar o Papai Noel. Gehenna, sei não. Normalmente o inferno que Deus criou na verdade se chama… Inferno. Nada mais do que isso. Anyway, eu que não quero ser queimado no inferno eternamente, cruz credo!

  21. Octavio Rainolfo Avila da Silva

    5 de setembro de 2013 em 22:35

    Caralhoooooo, eu li a historia de Ragnarok em Nilfheim!

  22. Jaque-chan

    5 de setembro de 2013 em 22:18

    Será que se eu escrever meu nome no Jigoku Tsushin eu consigo me matar? ‘-‘

    • Phantom Lord / Hyoga

      6 de setembro de 2013 em 14:28

      se vc puxar a cordinha do boneco sim u.u

  23. Jaque-chan

    5 de setembro de 2013 em 22:16

    Ultima – Ao no Exorcist? xP

    Tem um q n foi citado, q eh chamado Vida Real. É o pior de todos, lá, as pessoas esquecem-se do motivo de estarem no inferno, não lembram-se também de suas vidas, apenas nascem lá, e lá sofrem até morrerem, e irem para outros infernos, ou um paraíso. Também há a opção do purgatório, onde eles sofrerão mais do que sofreram na Vida Real. Sou uma das pessoas que foram condenadas a esse inferno, junto à todos que estão lendo essa mensagem do além. Espero que tenham sorte de nada de ruim demais ocorrer com vocês. Infelizmente, parece que cometi um pecado horrível em minha vida, e então fui condenada para sofrer muito nesse inferno.
    Boa sorte com o pagamento de seus pecados. Tenho de ir. Amanhã começa minha tortura diária(tenho aula de física amanhã T.T), então tenho que ir dormir cedo para descansar meu corpo. Esqueci de citar que nesse inferno – a Vida Real – não sofremos apenas fisicamente, mas, como em meu caso, sofremos muito psicologicamente. Isso é o que o torna o pior inferno que já existiu.

    • Lucas Rodrigues

      6 de setembro de 2013 em 06:25

      Pois é, há quem diga que o inferno é o nosso próprio mundo em que vivemos…e realmente é, gostei do seu comentário 😉

    • Shun dlç

      6 de setembro de 2013 em 00:09

      Ao no exorcist *___________________*

    • Robert Soares

      5 de setembro de 2013 em 23:54

      nem li tudo, mas esse curtir foi pelo seu esforço em escrever esse texto ^^

  24. Psycho The Cat

    5 de setembro de 2013 em 21:59

    Detalhe para Cronos na image 1

    • Bardock

      5 de setembro de 2013 em 22:30

      Quem fica no tártaro é o Atlas. ‘-‘

      • Lukinhas

        5 de setembro de 2013 em 23:02

        É o Cronos mesmo, o Atlas fica segurando a terra.

        • Guigui Fernando

          6 de setembro de 2013 em 06:17

          Na verdade Atlas segura o céu.

        • Bardock

          5 de setembro de 2013 em 23:25

          Mas ele parece estar segurando algo ali.

  25. Lukinhas

    5 de setembro de 2013 em 21:58

    Acho que o pior inferno se chama Hospital Público

    • Spike Spiegel (antigo Tyler Durden/Damien Thorn)

      5 de setembro de 2013 em 22:10

      Que nada. Já ouviu os dizeres cristãos “existem 2 passagens: a larga e fácil e a estreita e complicada, a larga leva ao castigo e a estreita leva á bençãos”? Então, é mais ou menos isso, é fácil ir até um Hospital Público com recursos ruins, daí você passa á conhecer o inferno depois disso. O Hospital Público, por ser mais fácil de poder entrar, é a passagem larga e fácil que te leva ao castigo e a tormenta. É difícil procurar e ser atendido num hospital de qualidade. HUEHUEHEUEHUEHEUHEUEHUE…..

      • Lukinhas

        5 de setembro de 2013 em 22:22

        Até que faz sentido!
        XD

  26. Psycho The Cat

    5 de setembro de 2013 em 21:57

    Inferno mesmo é a vida real, caso o contrario não existiriam tantas historias. Nada mais humano do que fugas para o próprio interior, trazer de volta uma esperança e lutar por ela.

    • Pessimista

      7 de setembro de 2013 em 12:26

      e o Inferno de Dante Alighieri, esse sim é interessante, o clero está na última “camada”.

  27. Psycho The Cat

    5 de setembro de 2013 em 21:55

    O legal é que na logica não dá para evitar esses lugares.

  28. Psycho The Cat

    5 de setembro de 2013 em 21:54

    [img]http://i1147.photobucket.com/albums/o548/DiegoAPRD00683/Placas%20Psycho/427013_130616973749399_1121740966_n.jpg[/img]

    • Angel Bob

      5 de setembro de 2013 em 23:07

      Angel Bob diz: Essas plaquinhas são escrotas!

    • Killer The Tóchicos Dog

      5 de setembro de 2013 em 22:18

      Eu curti seu comentário sem querer, isso deve ser magia de gato! POR ISSO QUE EU TE ODEIO!!!

  29. Rafael Sombra

    5 de setembro de 2013 em 21:54

    tem outro chamado,e chamado vida real!!

  30. Tio Page

    5 de setembro de 2013 em 21:44

    tem outro que eu nao me lembro o nome, vc e obrigado a ficar nele durante 13 anos 5 horas e meia, num cubiculo fechado junto com outros seres (ate hj naum sei se sao humans), sendo alimentado somente com fuba e farinha de mandioca… la e pior que todos esses juntos

    • La No Posto Ipiranga

      6 de setembro de 2013 em 14:07

      escola

    • Kuzan

      5 de setembro de 2013 em 21:53

      cara vc ta zuando ou ta falando serio q isso como assim fuba e farinha de mandioca

      • Tio Page

        5 de setembro de 2013 em 22:02

        cara… era assim, nao eh igual hj que e tudo criado com leite com pêra, a ovo maltino a Pão com mortadela; AWAY!!!

79 Comentários
Topo