Minilua

Os esportes mais aterrorizantes da história

Se você acha futebol, rugby, hockey e outros esportes de contato violentos, sorte sua não ter nascido há alguns séculos atrás:

Buzkashi

Esse esporte, de origem turca, que surgiu em um período entre o Século X e o XV, está na lista dos mais violentos jogos que ainda possuem adeptos.

O objetivo básico da disputa, feita com homens a cavalo munidos de chicote, é arrastar uma carcaça de bode por um campo, até que ela fique dentro de um círculo desenhado no chão. Para isso, os jogadores podem usar seus chicotes para afastar os cavalos inimigos. A regra diz que não pode-se bater nos cavaleiros, mas, obviamente, no meio de toda aquela confusão, o que não falta é gente sendo chicoteada.

A origem do jogo acabou se perdendo pela história, porém acredita-se que ele tenha surgido devido as invasões mongóis que ocorriam em terras turcas. Muitas vezes, os invasores roubavam o gado e os turco tinham que arrastá-los de volta para casa, usando seus cavalos e chicotes.

Naumachia

Muitos seres humanos, com destaque para os homens, adoram ver outros seres humanos se digladiando até a morte, ou, pelo menos, até o desmaio. Isso não era nem um pouco diferente no passado, onde as coisas eram ainda piores.

Na Roma, onde os Gladiadores eram os queridinhos da torcida, havia outro esporte tão violento e até mais impressionante. Este era o naumachi, uma batalha naval simulada, que tinha os tripulantes representados por criminosos. A luta decorria em uma piscina artificial, onde os barcos inimigos eram colocados e o jogo se iniciava, só acabando quando todos os tripulantes de um dos navios estivessem mortos.

Criado por Julio César em 46 a.C., o jogo ficou tão famoso e amado, que algumas versões mais elaboradas foram criadas. A naumachia mais grandiosa ocorreu em 52 d.C., quando 100 barcos e mais de 19 mil homens participaram da batalha.

Hurling

Criado pelos celtas no Século XII antes de Cristo, esse esporte, jogado com alguns pedaços de madeira e uma bolinha, é uma das coisas mais violentas ainda praticadas pelo homem.

O jogo é muito parecido com o hockey no gelo, mas é disputado na grama e poucos equipamentos de segurança são usados. O objetivo é colocar a bolinha no gol, usando apenas o bastão, chamado Hurley.

Nos primórdios desse jogo, as regras eram quase inexistentes e bater nos adversários com o taco era normal. Uma partida podia se estender por dias, tendo dezenas de jogadores para cada lado.

Além do perigo causado pelos tacos, ainda existe a bolinha, que chega a voar pelo campo a mais de 140 quilômetros por hora! Você já pode até imaginar o estrago. Não é difícil que, ao final de uma disputa, uma dezena de jogadores esteja sangrando ou lesionado.

E você achando o MMA violento.