Minilua

Frank e Louie, o gatinho de duas faces

Grande parte dos gatos acometidos desta rara anomalia conhecida como diprosopia, ou duplicação crânio-facial, não são capazes de sobreviver por mais do que algumas horas, contudo, o caso Frank e Louie é particular, pois o gatinho já está com mais de 13 anos.

Embora o felino possua dois nomes, ele é um só ser, ou seja, não possui dois cérebros por exemplo, pois sua incomum condição não foi desencadeada pela união de dois embriões, mas sim, pela proteína denominada de “Sonic Hedgedog Homolog”, ao qual faz referência ao Sonic, mascote da Sega.

O pobre animalzinho escapou por pouco de não ser sacrificado, já que o seu dono original queria fazê-lo quando se deparou com a deformidade da Frank e Louie. Felizmente, uma funcionária do consultório veterinário onde o gato seria sacrificado quis adotâ-lo.

Hoje o gatinho, com mais de uma década de vida, divide espaço com sua dona salvadora, outro gato e um papagaio em Massachusetts (EUA). 

 

 

Assista: