Minilua

Games que viraram filmes #7: Doom

Na sétima parte desta série, falaremos de um dos pioneiros dos jogos em 1º pessoa, afinal de contas se não fossem jogos como Wolf, DOOM, Quake, entre outros, talvez não contaríamos com títulos tão bons hoje em dia.

O game de DOOM inicialmente foi lançado para computadores no ano de 1993 pela Id Software, onde foram combinados elementos 3D com bastante violência, tornando assim o título imensamente popular quanto controverso, Doom ainda estabeleceu uma sub-cultura por popularizar os jogos em rede e também permitir expansões criadas pelos jogadores, o sucesso do jogo influenciou o boom de jogos nos anos 90 até o ponto desses jogos serem algumas vezes chamados de "clones do Doom".

Depois de muito tempo, na tentativa de reavivar o game, foi lançado (no ano de 2004) um novo jogo intitulado Doom 3, que na realidade é um remake do título de 1993, quase que em paralelo foi finalmente lançado em 2005 um longa baseado na história de Doom.

Apesar do grande prestígio que o game alcançou entre os jogadores de FPS, o filme Doom – A Porta do Inferno foi um verdadeiro fracasso nas bilheterias, pois arrecadou somente US$ 55 milhões em todo o mundo, enquanto que o gasto na produção do longa foi de US$ 60 milhões, o filme narra a história de um conglomerado aeroespacial que está conduzindo experiências misteriosas em Marte, quando uma terrível força demoníaca começa a tomar a instalação de pesquisas.

Sinopse:

Algo estranho aconteceu em uma estação espacial localizada em Marte. A tripulação local entrou em estado de quarentena nível cinco, antes da comunicação com a Terra ser bruscamente interrompida. Para investigar o caso é enviada uma equipe especialmente treinada para resolver problemas inesperados, que exijam que seus integrantes entrem em ação o mais rápido possível. Só que desta vez eles não tem a menor idéia de qual é o inimigo que precisam enfrentar.

Trailer: