Há quanto tempo existe o Universo?

Tudo que existe em nosso Universo surgiu em determinado momento e tem uma idade, assim como o Universo em si. E para descobrir como muitas coisas funcionam, era necessário saber a idade do surgimento de tudo. Dessa maneira a humanidade partiu em busca dessa resposta e usando todo seu conhecimento chegou a uma conclusão:




Surgimento do Universo

1046179_82678719

A teoria mais aceita atualmente no mundo científico é a do Big Bang, que fala sobre o surgimento a partir de uma grande explosão, que deu origem a tudo que conhecemos. E uma explosão capaz de criar todo o Universo, certamente deve ter deixado algumas pistas, que mesmo bilhões de anos depois podem ser encontradas. Pensando assim os cientistas desenvolveram um método para medir a idade do Universo baseado nisso.




WMAP

020612MAP_OV

Com a Teoria do Big Bang bem embasada, os cientistas previram que a tal explosão deveria liberar radiação cósmica de fundo e que ela poderia ser medida, e quem sabe mesmo revelar com exatidão a idade do Universo.

Assim os cientistas resolveram desenvolver uma sonda para ser enviada no espaço e varrer os céus em busca da resposta que eles tanto queriam. Por isso a sonda WMAP (Wilkinson Microwave Anisotropy Probe) foi criada e lançada.




Mapa do Universo

No dia 30 de junho de 2001, a sonda WMAP foi enviada e em 11 de fevereiro de 2003, a NASA foi a público revelar os primeiros dados concretos captados pela sonda. Assim a Agência Espacial Americana mostrou ao mundo o primeiro mapa preciso do Universo jovem:

sky_wmap_big (1)

Os dados captados pela sonda WMAP mostraram que os cientista estavam certos quanto as radiação cósmica de fundo e também se tornou uma poderosa fonte para embasar a teoria do Big Bang, mostrando que realmente houve uma grande explosão no início do Universo.




A idade do Universo

galer42b

Usando os dados captados pela WMAP e aplicando eles junto com outros diversos conhecimentos sobre o funcionamento do Universo que temos, a ciência conseguiu, com um cálculo altamente preciso, chegar a idade real do Universo, que é algo em torno de 13,7 bilhões de anos.

Antes disso. a ciência já estimava que ele tivesse essa idade, observando a idade de estrelas antigas, aglomerados  de estrelas e decaimento radioativo de certos elementos, mas agora temos uma maior precisão e certeza de quando tudo que existe surgiu.




Curiosidades universais

beautiful_universe-wide

- Durante 380 mil anos o Universo era composto exclusivamente de plasma e não existiam elementos como conhecemos, que se formaram só depois;

- A Terra só surgiu quando o Universo já tinha mais de 9 bilhões de anos;

- Nosso Universo possui uma estranha composição: 4% matéria normal, 23% matéria escura e 73% energia escura;

- Segundo os dados atuais, o Universo se expandirá para sempre, até que se torne uma vastidão totalmente escura e fria.

Siga Diego Martins no Google+: gplus/diegomartins

Ou adicione no Facebook: http://www.facebook.com/diegominilua

Faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/

  1. Pedro Tinetti

    1 de janeiro de 2014 em 23:38

    Então, antes do Big Bang simplesmente não se existia nada? Foi simplesmente pof e surgiu algo no nada? Surgiu um espaço? Um lugar onde poderia existir algo? Meio tenso pensa nisso e como seria, buga o cérebro…

    • Diego Vitor

      18 de janeiro de 2014 em 01:56

      Como eu comentei em um post acima deste, não há significado físico para a expressão “antes do Big Bang”. O que acontecia antes não importa, pois as leis da física não eram regulares e isso se elas pudessem ser aplicadas. Se não se pode estudar um determinado estado com as leis da física, não se perde tempo estudando-os!
      A teoria atual defende que as 4 dimensões (3 espaciais e 1 temporal) estavam dobradas entre si, confinadas em uma singularidade, que, a grosso modo, pode ser entendida como um ponto infinitamente pequeno, infinitamente denso, muita matéria em nenhum volume ou algo do tipo. Nas singularidades, a atração gravitacional é tão intensa, ou melhor, infinitamente intensa, que o tempo simplesmente para. O que tinha antes não importa! Não tem como explicar pois nenhuma lei vale! É como se você só tivesse o Teorema de Pitágoras e quisesse explicar um círculo e encontrar o valor de pi! Não faz sentido, entende?
      Com o Big Bang e o alívio da pressão infinita da singularidade (o Big Bang age como uma descompressão, não como uma explosão como conhecemos, apesar do nome), o tempo e o espaço se desenrolaram, as Leis da Física começaram a ter sentido, o tempo como o conhecemos hoje começou a correr e tudo aconteceu.

  2. Blue

    27 de outubro de 2013 em 21:12

    eu só tenho uma coisa a dizer para aqueles que ainda estão confusos,assistam Doctor Who e vocês vão entender tudo.

  3. Leonardo Ldm

    19 de junho de 2013 em 21:09

    o big bang foi expansao para um jogo chamado gta!

  4. William Santos

    3 de abril de 2013 em 15:57

    Que lindoooooo obrigado Big Bang .

    Oh que estupendo ! Acabo de ficar perplexo .

    rsrsrsrs só rindo .

  5. Alberto Campos

    3 de abril de 2013 em 15:27

    Quer saber como surgiu o universo? Leia o blog “Olhando o Universo”.

  6. Alberto Campos

    27 de março de 2013 em 07:24

    O universo não surgiu de dentro para fora (big bang) e sim de fora para dentro (sem big bang). veja como no blog: http://www.olhandoouniverso.blogspot,com

  7. lucas rodrigues

    26 de março de 2013 em 13:55

    Excelente post 🙂

  8. lucas rodrigues

    26 de março de 2013 em 13:55

    Parece que a origem do universo é um mistério que nunca será desvendado junto com as teorias de seres alienígenas.

  9. Hadna Ayonara

    25 de março de 2013 em 19:49

    Ok, mas então o que existia antes do Big Bang?

    • Diego Vitor

      18 de janeiro de 2014 em 01:45

      As 4 dimensões que vivemos (3 espaciais e uma temporal) estavam dobradas entre si e confinadas em um só ponto, em uma singularidade, com temperatura e densidade altíssimas, beirando o infinito. Quando maior a gravidade de um local, menos o tempo passa neste local (buracos negros são exemplos de singularidades em que isto ocorre de forma notável). Na singularidade que deu origem ao Big Bang, o tempo não passava, era 0, não se pode pensar em “antes” pois este conceito só tem valor quando temos um tempo t2 e queremos saber o que houvem em um tempo t1. Big Bang é o t0, não pense em antes dele, não faz sentido!
      Agora, muita gente, leigos que se acham físicos, se enganam aqui! A teoria do Big Bang não consegue predizer nada do que existia “antes”. Ela consegue predizer bem o que existiu depois do t0. Neste momento, as leis da física se tornam úteis, pois o Universo passa a se expandir de forma regular. No momento “antes” do Big Bang, se existiu algo “antes”, este estado não tinha nenhuma regularidade física aparente (até o presente momento) e, portanto, nenhum significado físico!
      Então, quando dizemos que no Big Bang se deu o tempo t0, o início de tudo, não dizemos, ó leigos incautos, que nada existia “antes”, mas este “antes” não tem significado físico (até o momento, volto a frisar)! Não faz sentido perguntar “antes do Big Bang” porque não existe significado físico, as leis da física, se existiam, eram irregulares ou não batiam com as atuais e, se existiu mesmo um “antes”, ele ainda não deu sinal de vida nem se mostrou útil para ser investigado! Por isso, existe esta convenção de tempo t0 para o Big Bang!

    • Mephisto Pheles

      25 de março de 2013 em 20:14

      O nada, ou se preferir, o Vácuo.

  10. Matheus Gabriel

    25 de março de 2013 em 19:15

    Só uma observação: erro muito comum dizer EXPLOSÃO ao invés de EXPANSÃO, que é o correto. Uma explosão seria impossível, uma expansão, sim. Mais pesquisas, por favor.

  11. Riddle Boy®

    25 de março de 2013 em 12:43

    E como se deu esta explosão (Big bang), muito interessante esta precisão.

  12. Pedro

    25 de março de 2013 em 00:44

    “a ciência conseguiu, com um cálculo altamente preciso” – baseado em teorias altamente imprecisas e improváveis… .-.

    • Victor Paes Plinio

      22 de novembro de 2013 em 19:26

      o calculo se torna preciso pelo fato de nós podermos ver em céu sem poluição luminosa e limpo várias estrelas e galáxias próximas. Algumas estão à 100.000.000 de anos luz daqui isso quer dizer que a luz está viajando há mais de 100 milhões de anos! Assim com base no telescópio Hubble eles tem uma exatidão ou pelo menos uma estimativa (pelo fato de ter galáxias que nunca veremos da terra pois elas vivem se expandindo.) da idade do universo.

    • Diego Martins

      25 de março de 2013 em 18:36

      Quais as teorias que são imprecisas e improváveis?

    • Riddle Boy®

      25 de março de 2013 em 12:26

      Fact.

  13. Pedro

    25 de março de 2013 em 00:44

    wow então eles chegaram ao final do universo? mapearam ele inteiro?

    isso foi a maior besteira que eu já li, queria eu poder deletar determinadas informações inúteis da cabeça… .-.

    • Shaka de Virgem

      25 de março de 2013 em 23:17

    • PATROCINADOR

      25 de março de 2013 em 12:48

      EU JÁ MANDEI VC PARAR COM ESSA SUA MANIA DE HATER
      VC TÁ UM CHATÃO FALLOW

      • Pedro

        25 de março de 2013 em 14:02

        sua mãe é tão velha que quando Deus disse haja luz, ela acendeu o interruptor .-.

    • gato do apocalipse

      25 de março de 2013 em 09:02

      ~~, tem gente que nao sabe ler. esse mapeamento é feito apenas com aquilo que se possa ver atravez dos telescopios. Mas concerteza tem muito mais coisa, porem como a luz desses nao chegam aqui, nao podemos mapear o que não vemos.

      • Pedro

        25 de março de 2013 em 11:39

        a claro em pouco mais de 10 anos eles descobriram com cálculos “super precisos” a idade do universo, quem acredita nisso faz um favor pro mundo e se mata. Isso não passa de teoria é um amontoado de cálculos que ninguém entende feito por um monte de cientistas doidos pra ganhar um nobel com a “super descoberta”.

        • Diogo Gonçalvez

          26 de março de 2013 em 12:52

          Pra acalmar os ânimos aqui, se somarmos toda a energia do mundo(energia negativa, energia escura, energia matéria etc) vemos que dá zero! Isso mesmo Zero! então isso comprava que se pode sim criar o universo do nada! se quiser saber mais sobre o assunto, assista alguns videos do cara la do meme de bigode!(esqueci o nome do físico). Isso foi uma explicação bem vaga, mas se quiser discutir com inteligencia sobre o assunto estude mais sobre física quântica e física cosmológica
          !

        • Fernando Alves

          25 de março de 2013 em 11:49

          que teoria bem infami,aproxima teoria vão disse que foi o Goku que largo um dieck-dama e formou tudo o que existe kkkk

  14. Ane Cris

    24 de março de 2013 em 23:12

    E quem garante que antes do big bang não existia outro universo, e antes desse outro, e outro, etc e depois de nós não existirão outros universos?

    • Mephisto Pheles

      25 de março de 2013 em 20:15

      Universos paralelos? 😀

    • Davi

      25 de março de 2013 em 13:08

      Na verdade, big bangs acontecem á todo momento… (Expansões) . Uma hiper estrela se transformando em outras pequenas após sua morte e assim vai indo…
      Você já leu alguma matéria á respeito? Onde e de quem?

    • Davi

      25 de março de 2013 em 12:41

      Na verdade, big bangs acontecem á todo momento… (Expansões) . Uma hiper estrela se transformando em outras pequenas após sua morte e assim vai indo…
      Você já leu alguma matéria á respeito? Onde e de quem?

    • Luciana Araujo

      25 de março de 2013 em 00:33

      Compreendam que antes das emanações serem emanadas e as criaturas criadas (que qualquer coisa existisse) a pura luz superior preenchia toda a existência, e não havia lacuna, tal como atmosfera vazia, um vazio, ou buraco, mas tudo (todo o inifnito) estava preenchido com pura luz, sem limites. E não havia tal parte como cabeça (começo), ou cauda (fim), mas tudo era pura luz, suave luz, uniforme e igualmente equilibrada, e era chamada Or Ein Sof “Luz Sem Fim”. E quando por Sua simples vontade, veio o desejo de criar o universo e emanar as emanações, para trazer à luz a perfeição de Seus feitos, Seus nomes, Suas designações que foram a causa da criação dos mundos, Ele (o Infinito) então Se restringiu, no meio, precisamente no centro, Ele retraiu a luz, e a luz afastou-se para os lados em volta do ponto central. E lá restou um espaço vazio, um vácuo cercando o ponto central, e a restrição foi uniforme em volta do ponto vazio de forma que o espaço o circundava. Então, após a restrição, tendo formado um vácuo e um espaço precisamente no centro da Luz Sem Fim, formou-se um lugar, onde os seres emanados e criados pudessem existir. Então da Luz Sem Fim pendeu uma única linha (um filamento de luz) estendendo-se (do infinito) abaixo nesse espaço e através dessa linha, Ele emanou, formou, criou todos os mundos.

  15. Luciana Araujo

    24 de março de 2013 em 21:41

    No início do início só havia Ein Sof, que era representado pela luz branca que está em toda parte e em tudo. A luz que era Ein Sof preenchia tudo; não havia espaços vazios ou escuros, somente a luz branca, não refratada, e ilimitada, que se irradiava por toda parte. Não havia começo para tal luz, e nem tampouco havia fim. Não havia nada fora de Ein Sof; só havia Ein Sof, que representa uma singular unidade e uniformidade.

    Para o Eterno criar, Ele não poderia criar nada na luz, algo físico, algo palpável, que você pudesse tocar, coisas materiais que você pudesse tocar como madeira, frutas, a parte do rosto, pele, cabelo, estas coisas não existiam no mundo da luz, porque se entrássemos neste mundo, que é um bilão de grau celcius de luz, nós e as criaturas não suportariamos, e então o que foi que Ele fez? Ele criou um tsimtsum “contração, restrição”. Ele então pegou uma parte da luz de Seu corpo e chupou, aspirou, sugou a luz, e criou um vácuo redondo vazio.

    A luz retirou-se como a água de uma lagoa quando agitada por uma pedra. Quando a pedra cai na lagoa, a água que está naquele exato lugar não desaparece, mas se afasta, incorporando-se ao restante. Desta forma, a luz retraída convergiu-se para o além e no meio ficou o vácuo”.
    No vácuo primordial criado por esta contração passou a existir a ausência da Luz, a escuridão primordial. Este espaço é apenas um pequeno pontinho vazio, que mesmo à toda a infinidade, que é luz, sendo a única realidade, este ponto não existe. Uma vez criado o espaço negro, Ein Sof derramou uma quantidade medida de Sua energia para dentro daquela área. Ele enviou uma Sefirá “emanação”, uma corrente de pura luz branca (através de um filamento luminoso que foi estendida do infinito), para o centro das trevas ou espaço negro. A Luz branca, ao mesmo tempo, desceu para o centro do espaço negro e permaneceu conectada com sua fonte.

    • Luciana Araujo

      24 de março de 2013 em 21:55

      • gato do apocalipse

        25 de março de 2013 em 09:04

        onde é que vende essa maconha que voce usa. Ela é muito boa, faz voce ver coisas do alem

  16. Icaro Souza

    24 de março de 2013 em 20:59

    eu gusti

  17. Weon Kenedi (It's a Lion! Get in the car!!)

    24 de março de 2013 em 20:50

    É uma boa matéria científica, mas já não é novidade para ninguém….
    Faz um post aí sobre Matéria e Energia Escura, Diego!

  18. gato do apocalipse

    24 de março de 2013 em 19:46

    O maior desafio da humanidade, o Big bang, e nunca será desvendado, pelo menos nao nessa geração.

    • Davi

      25 de março de 2013 em 12:36

      O que você entende de “geração”?

      • gato do apocalipse

        25 de março de 2013 em 13:00

        quando me referi a geração me referi aqueles que nasceram antes de 2000

    • Mephisto Pheles

      24 de março de 2013 em 20:50

      Vale lembrar que os vestígios do Big Bang sumirá daqui a alguns bilhões de anos ;D

  19. DeadPool®

    24 de março de 2013 em 19:30

    Que loco deve ter sido a formação do Universo.

  20. Bru No

    24 de março de 2013 em 19:06

    O Big Bang foi legal, mas eu preferia ter ido ver o filme do Pelé.

  21. Bru No

    24 de março de 2013 em 19:05

    Sempre ouvi dizer que era 14,6 bilhões de anos.

    Dinkleberg…

  22. Derpino

    24 de março de 2013 em 18:41

    O universo tem 13,7 bilhões de anos com corpinho de 13,6

    • Bardock

      24 de março de 2013 em 19:01

      Ta bem conservado.

  23. Shun

    24 de março de 2013 em 18:40

    Só Deus sabe realmente…

    • Davi

      25 de março de 2013 em 12:35

      Incrível a sua resposta.

  24. 3 Hits

    24 de março de 2013 em 18:05

    Muito interessante. Gostei muito

  25. Sanji

    24 de março de 2013 em 18:02

    “Carpinteiro do universo inteiro eu sou”
    Toca Raul xD

  26. Bardock

    24 de março de 2013 em 17:56

    Muito interessante. o/
    Big Bang:
    [img]http://images.wikia.com/inazumaelevenrespuestas/es/answers/images/9/9a/Big_Bang.gif[/img]
    Big Bang Attack:
    [img]http://images2.wikia.nocookie.net/__cb20120524235634/dragonball/images/b/b6/BigBangAttackVegeta.png[/img]

    • ShinriKyiaru Morimoto

      24 de março de 2013 em 19:40

      Cês tão de sacanagem ? Uma imagem bela do Vegeta SSJ com o 1st Big Bang Attack , e cês ficam comentando sobre Super Onze ? .-.

    • DeadPool®

      24 de março de 2013 em 19:29

      Parece que é só eu que nunca assisti esse desenho .-.

      • Wagner

        24 de março de 2013 em 20:06

        Inazuma Eleven, mais conhecido como Super Onze. Passava na RedeTV (mas até o ep 90). O resto só tem legendado.
        Se conseguir passar pelo primeiros episódios que são muito ruins, recomendo que assista.

        • DeadPool®

          24 de março de 2013 em 20:25

          Por isso que nunca assisti, aonde eu morava não pegava a RedeTV (aliás, naquela época, nem sabia que existia esse canal hehe)

          • Wagner

            24 de março de 2013 em 21:01

            Eu assistia por lá. Daí parou de passar e como tava muito bom, resolvi procurar na net.

      • Bardock

        24 de março de 2013 em 19:33

        Pode ter certeza que não é só vc, tem varias pessoas que tbm não assistem.

        • DeadPool®

          24 de março de 2013 em 19:35

          Esse desenho é de que ano?

          • Bardock

            24 de março de 2013 em 19:40

            O primerio é de 2008 e o segundo é DBZ (1989-1996).

    • Wagner

      24 de março de 2013 em 18:20

      Até hoje não acredito que o Rococo defendeu o Big Bang =/

      • Bardock

        24 de março de 2013 em 18:25

        Se ele não defendesse não ia ter graça. e.e

        • Wagner

          24 de março de 2013 em 19:04

          Mas ele não defendeu Jet Stream, que possui aparência de uma técnica bem inferior… Poderiam ter feito ao contrário então rsrsrs

          • Bardock

            24 de março de 2013 em 19:07

            Podiam mesmo, Jet Stream é meio tosco. e.e

  27. Nunes

    24 de março de 2013 em 17:54

    Se ele se estendera existem partes onde ele não chegou , mas que merda é que tem la ??

    • Diego Vitor

      18 de janeiro de 2014 em 01:27

      Nada! O espaço-tempo, segundo o modelo atual de compreensão da física, se dobra nos limites do próprio universo sem limites! Da mesma forma que não faz sentido perguntar o que existia “antes” do Big Bang, já que o tempo passou a existir após o Big Bang, não faz sentido perguntar o que existe onde o Universo não chegou pois só pode existir algo onde o Universo está e se ele não está, não pode existir.

  28. Hideki Hinata

    24 de março de 2013 em 17:52

    E mais uma vez, segue-se a falácia da explosão.
    o Big Bang NÃO foi uma EXPLOSÃO!
    Foi uma EXPANSÃO do universo!

    • Victor Paes Plinio

      22 de novembro de 2013 em 19:20

      De acordo com o que sei o universo surgiu do nada sem nada interferir em relação ao mundo sub atomico onde o nada pode ser tudo e nada ao mesmo tempo ou o vivo pode ser morto ao mesmo tempo (Gato de Schrödinger) ou muitas outras coisas. Assim pode ter sido uma explosão feita pela energia que antes havia, ela se tornou instavel e explodiu causando uma explosão de 120 decibéis de acordo com calculos feitos com base no som da radiação de fundo do universo. ai sim veio o big bang que é a expansão.

    • Iron Man

      24 de março de 2013 em 21:31

      Mas teoricamente uma explosão não é uma rápida expansão ?
      Acho que quem esta errado é você ‘-‘

      • Anderson Beuting

        24 de março de 2013 em 21:55

        Na verdade ha uma grande diferença entre explosão e expansão.. Quando o Universo se expandiu, nao havia nada ao redor, tudo o que existe hoje, até mesmo o espaço-tempo, se expandiu de uma maneira extremamente rápida em frações de segundo, no que nós chamamos de Big Bang. Tudo o que conhecemos, o espaço que existe hoje entre galáxias, estrela, enfim, estava tudo confinado em uma singularidade, um ponto muito pequeno e denso, que expandiu-se, e nao explodiu..

        • Iron Man

          24 de março de 2013 em 22:37

          O que é uma explosão ?

          • gato do apocalipse

            25 de março de 2013 em 09:11

            basicamente uma expanção cresce proporcionalmente em todas as direçoes. Uma esplosão nao obedence esses limites

          • Iron Man

            26 de março de 2013 em 22:57

            Como se sabe que o espaço cresceu proporcionalmente em todas as direções ?

          • Yan Alves

            27 de março de 2013 em 11:37

            Cara, a bem da verdade, indenpendente de como o espaço cresceu, os termos “expanção” e “explosão” são meras convenções nesse caso. Até pq, as “direções” são resultantes das dimensões espaciais, que não existiam além do espaço que surgiu da singularidade…

          • Iron Man

            28 de março de 2013 em 22:50

            Concordo u.u

    • gato do apocalipse

      24 de março de 2013 em 19:37

      E so teve a expansão, sem nenhuma explosão

    • jeandeassis

      24 de março de 2013 em 19:07

      Isso mesmo. Odeio quando vejo gente dizendo que foi uma explosão. -_- Eu vi isso até escrito em um livro escolar. -_-

    • Super

      24 de março de 2013 em 17:58

      faz mais sentido..

  29. Super

    24 de março de 2013 em 17:46

    dizer que uma coisa sempre existiu sem nexo de tempo, seria a mesma coisa que dizer que nunca existiu??
    essas epifanias vão matar algum dia..

    • Mephisto Pheles

      24 de março de 2013 em 20:49

      O nada sempre existiu :), mesmo se a teoria do Big Bang estiver correto, ele precisaria se formar em algum lugar… ou seja, o “nada” é alguma coisa xD

      • Yan Alves

        27 de março de 2013 em 12:01

        Na verdade, este é um campo muito complexo da metafísica que não é facilmente explicável, mas, bem, tanto filosoficamente quanto fisicamente falando, o nada nunca existiu. O Nada é mais que um simples vazio de matéria: o Nada é a ausência de espaço, e consequentemente, de tempo. Se não havia espaço e tempo, o conceito de existência não se aplica ao Nada. Ironicamente, a existência do Nada se dá pela sua falta de existência: o nada nunca existiu; uma vez que não havia lugar ou tempo para ele existir; mas antes que houvesse algo para existir de fato, ele imperava num “mundo” mais-que-vazio.
        O Big Bang teve origem na Singularidade: uma partícula de espaço-tempo infinitesimal, mas com infinitamente mais matéria e energia em seu interior do que existe hoje. A Singularidade foi eterna e instantânea, uma vez que, em seu interior, as forças fundamentais em formação “impediam” o tempo de correr (na Singularidade, a quantidade de existência era tão enorme que dobrava a sí mesma, de modo que o espaço-tempo era deformado e as dimensões espaço-temporais perdiam-se umas nas outras, de modo semelhante ao que ocorre num buraco negro) mas, uma vez que a Singularidade deu lugar à existência primária, o Nada que “existia” antes do tempo se tornou um conceito morto.

      • gato do apocalipse

        25 de março de 2013 em 09:09

        essa teoria inclusive tem uma formula(que nao da pra escreve com os comentarios). Uma formula que diz que algo n não pode se criar do nada. A não ser do nada.

  30. Super

    24 de março de 2013 em 17:44

    nem vem.. a teoria do big bang foi feita pra explicar o universo atualmente, assim chego a concordar.. ninguém estava lá no momento pra provar..
    mas é um conceito interessante pra entender o universo..

  31. Li Syaoran

    24 de março de 2013 em 17:41

    A idade do Universo é a única afirmação da ciência com a qual eu não concordo, pois considerando que a Terra tem 4,5 bilhões de anos e o Universo tem 13,7 bilhões então a diferença entre essas datas é RIDICULAMENTE PEQUENA. Para que isso fizesse algum sentido o Universo deveria ter no mínimo, uns 100 bilhões de anos.

    • kaulitz.p8

      29 de março de 2013 em 00:51

      pesquise sobre a teoria dos mutiplos universos que voce vai entender melhor =x

      • Nicolas Almeida Ferreira

        31 de julho de 2013 em 20:44

        Eu concordo….9 bilhões é uma diferença pequena nos tempos universas,faria muito mais sentido o universo ter 100 bilhões de anos..assim a terra ter 4 bilhões de anos..

    • gato do apocalipse

      24 de março de 2013 em 19:42

      realmente é pequena, mas não improvavel.até por que segundo a ciencia, a vida na terra foi um acidente. Se analizarmos que somos relativamentes jovens, significa que provavelmente deve haver pouca vida ainda no universo. E até chuto que nao deve haver mais de 5 raças inteligentes em todo universo.

    • DeadPool®

      24 de março de 2013 em 19:28

      Já que o Universo é extremamente gigantesco, a formação da Terra até Plutão (ainda considero um planeta) não foi nada, foi rápida, um exemplo é igual a juntarmos pouquíssimos grãos de areia no canto de um pátio grande.

    • TENSEI

      24 de março de 2013 em 17:58

      a diferença é muito longa mesmo…
      mas segundo os cientistas, a forma mais plausível de se explicar essa diferença,
      foi o tempo que levou pra todo nosso sistema solar ser formado por completo
      só o sol teria levado milhares de anos para formar sua massa e chegar a sua
      forma atual, durante esse tempo o sistema se compunha por poeira e gás
      o projeto do sistema solar era turbulento e agitado, demorando pra formar
      os planetas e por sua vez a terra!

      • Li Syaoran

        24 de março de 2013 em 18:03

        Acho que você interpretou a minha afirmação no sentido inverso, pois o que eu disse é que a diferença entre a idade da Terra e da do Universo é MINÚSCULA e não grande demais. Afinal, se você considerar que em questão de espaço a Terra é praticamente inexistente em comparação ao Universo, então porque em questão de tempo nós seríamos quase metade da história do Universo?

        • TENSEI

          24 de março de 2013 em 18:25

          acho que 9 BI não chega a ser uma diferença tão pequena assim…
          ainda mais se considerar o tempo que alguns sistemas e planetas se formam
          segundo observatórios e pesquisas atuais!
          o sistema solar teria sido formado pouco depois da metade dos 13,7 BI
          ou até mesmo na metade desse tempo. poderia existir sistemas completos
          até mais antigos que o nosso

          • Li Syaoran

            24 de março de 2013 em 18:30

            Então, eu sei que o mais provável é que a idade do Universo esteja correta mas ainda acho que essa diferença muito pequena porque como eu disse, quando se trata de tamanho a Terra está para o Universo assim como um grão de areia está para um continente, então o mais natural seria que em questão de tempo nós também fossemos insignificantes; mas eu sei que provavelmente estou errado.

          • Yan Alves

            27 de março de 2013 em 11:41

            Cara, a questão é que o universo (ou, na verdade, o “espaço” que é preenchido por ele) se espande mais rápido que a luz. De fato, o Universo é imenso, mas não necessitou de tanto tempo para adquirir este tamanho pq ele “cresce” assustadoramente rápido.

        • Erik fp

          24 de março de 2013 em 18:11

          Pelo amor quanta idiotice em um único post.

          • Li Syaoran

            24 de março de 2013 em 18:16

            Por quê?

          • Diego Martins

            24 de março de 2013 em 18:18

            Porque não tem o mínimo sentido sua afirmação. Porque a Terra não pode ter a idade que tem? Porque o Universo teria que ser mais velho?

          • Li Syaoran

            24 de março de 2013 em 18:24

            Então, esse é o único tipo de assunto no qual a minha ignorância e teimosia superam a razão, só não sei o por quê. Mas mesmo assim eu adorei a matéria pois ela foi bem argumentada e escrita. Eu sei que estou errado mas não consigo mudar a minha própria opinião, e isto é uma vergonha.

          • Davi

            25 de março de 2013 em 12:27

            Muito pelo contrário, você não deve ter vergonha de ter opinião própria, apenas se tivesse a mente fechada para novas ideias. Então, respondendo o que você escreveu por sermos “pequeninos” em relação ao universo comparando suas idades. Vamos imaginar o seguinte, você vai fazer um bolo e pensa em misturar vários ingredientes em diferentes combinações e todas aleatórias, acrescentando e tirando coisas… Conseguindo compreender até aqui? Ok, então veja o Universo com seus infinitos ingredientes e com receitas aleatórias, umas boas, outras ruins, grandes, pequenas, excepcionalmente incriveis e ai vai indo…. Então estamos aqui… uma das misturas com “pequeno” ingredientes, mas com um sabor “único” que é a vida inteligente…

          • Blue

            27 de outubro de 2013 em 21:08

            único? como ainda existe gente que acha que só humanos tem inteligência?

    • Super

      24 de março de 2013 em 17:49

      o universo nunca existiu sua vida é uma mentira..

      • Li Syaoran

        24 de março de 2013 em 17:59

        Eu soube que minha vida era uma mentira quando descobri que a Vovó Mafalda era homem.

        • Super

          24 de março de 2013 em 18:08

          ela é um homem?
          NOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!

  32. Wagner

    24 de março de 2013 em 17:31

    Existe desde que foi criado =o
    Interessante essa teoria. Agora poderiam pesquisar sobre quantas pessoas já existiram no mundo =)

    • Nicolas Almeida Ferreira

      31 de julho de 2013 em 20:40

      Acredita-se que já viveram na terra 106 bilhões de pessoas..não 108 bilhões como dizem os abaixo..
      Algum tipo de meteoro gigante atingiu a terra.assim matou mais de 93% das pessoas da terra,então apenas 7 bilhões delas estão vivas…
      Porém muitos não aceitam a teoria de quantas pessoas existiram ao todo,pois o mundo completou 7 de bilhões de pessoas em 1 de novembro de 2011.

    • Pedro henrique delfino fideles

      24 de março de 2013 em 21:52

      ja fizeram essa pesquisa aqui no mini lua já 108 bilhões de pessoas

    • Diego Martins

      24 de março de 2013 em 17:31

      Anotado.

  33. Scorpion

    24 de março de 2013 em 17:29

    Interessante matéria.

    • Bru No

      24 de março de 2013 em 19:07

      Preferia ter ido ver o Pelé.

107 Comentários
mais Posts
Topo