Minilua

História dos heróis do DOTA: Zeus #4

Dando continuidade a série “História dos heróis do DOTA”, hoje vamos falar sobre um dos personagens mais jogados e queridos pelos gamers. Zeus pode parecer um herói fraco, mas possui magias rápidas, baratas e bastante danosas.

Embora possa atuar em diversas situações, Zeus possui uma única e realmente eficaz função durante o jogo, a de mago ofensivo. Por possuir magias com cooldown bastante curto, o herói é capaz de muito dano e um espaço de tempo bem limitado. Arc Lightning, por exemplo, é capaz de atingir um grande número de inimigos com um dano de baixa gravidade, no entanto seu cooldown curto e o custo de mana reduzido tornam a skill bastante útil, visto que a mesma pode ser usada várias vezes durante um combate.

Lightning Bolt consome uma quantidade maior de mana, no entanto seu dano é alto. Se formos comparar com outras magias ofensivas, o cooldown e o custo de mana são muito bons. Fora essas duas primeiras skills, Zeus conta com mais uma magia que atua de forma silenciosa e às vezes imperceptível.

Static Field é a magia passiva de Zeus, ela é capaz de dar dano no herói alvo e também nos inimigos próximos. O cálculo de dano é baseado na porcentagem de seus pontos de vida, ou seja, a skill continuará retirando uma boa quantidade de life, mesmo que os heróis adversários estejam mais forte e com o HP cheio.

Para finalizar a parte de skill, devemos falar de Thundergod’s Warth, a ultimate de Zeus. Considerada uma das magias mais fortes e úteis de DOTA, essa habilidade é bastante temida pelo time adversário, ainda mais quando esse é formado por heróis com pontos de vida baixo.

Usado para finalizar os inimigos que estão fugindo da batalha, essa magia pode ser potencializada com o uso de alguns itens. Ela também pode ser usada contra adversários que estejam em outra line batalhando com aliados, para isso é importante à comunicação entre o time.

História de Zeus

Pai dos deuses, senhor do Paraíso, Zeus é como um se fosse o pai de todos os heróis, tanto que o mesmo os trata como seus filhos revoltosos e turbulentos. Flagrado inúmeras vezes em romances com mulheres mortais, ele recebeu um ultimato de sua esposa divina. Ela dizia que “Se amas as mortais tanto assim, vás e tornes-te um. Se provares a tua fidelidade, então retornas a mim como o meu esposo imortal. Caso contrário, vás e morras entre as tuas criaturas.”

Confiando em suas magias e poder, Zeus aceitou o plano e partiu para uma nova fase de sua vida. Aos que convivem com o herói, cabe uma certeza, ele realmente está se comportando bem. Tanto que parece estar dando mais importância a sua imortalidade do que aos mortais.

Zeus continua sua caminhada para retornar ao Paraíso e também aos braços de sua esposa divina, mas para isso terá de continuar lutando bravamente e conquistando vitórias no campo de batalha.