Minilua

Incríveis cachorros heróis #2

O cachorro é o melhor amigo do homem em todos os momentos, mas essa amizade se mostra ainda mais forte em momentos de desespero, aí sim nós podemos ver o quanto podemos confiar nesse seres:

Laika

Impossível fazer uma lista de cachorros heróicos sem que falemos da lendária Laika. No dia  de novembro de 1957, apenas uma mês após a primeira nave Sputnik ter ido ao espaço, a segunda nave partiu da Terra, levando a cadela.

Seu nome entrou para a história como sendo o primeiro ser vivo a deixar o planeta Terra e conhecer o espaço. Infelizmente, a nave dela teve problema e sua morte ocorreu cedo, apenas 7 horas após a decolagem, devido a superaquecimento

Mesmo assim, a cadela se tornou uma heroína nacional da Rússia e é conhecida em todo mundo devido a seu feito histórico, que tornou possível o envio de humanos para fora da Terra tempos depois.

Balto

Em 1925, no Alaska, uma terrível tempestade destruiu todos os meios de comunicação e nenhum meio de transporte conseguia vencer aquela neve. Porém uma cidade mais ao norte, chamada de Nome, estava com sérios problemas. O local havia sido tomado por uma epidemia de difteria, atingindo muitas crianças. Sem tratamento, elas poderia morrer antes que os remédios chegassem.

Diversas equipes de homens em trenós puxados por cachorros partiram numa desesperada missão para levar os remédios a cidade. No meio dessa iniciativa, um homem e um cachorro fizeram história.

Balto, um husky siberiano, correu todos os 1600 quilômetros junto com seu dono, no meio da nevasca, levando os remédios que salvaram centenas de vida. A história desse cachorro é tão famosa e incrível, que virou filme em 1995.

Napoleon

Os cachorros da raça Bulldog são conhecido por terem uma grande dificuldade para nadar, pois eles possuem a cabeça grande e pesada. Por isso, existe um grande desequilíbrio corporal, que prejudica as habilidades para nadar.

Porém, mesmo essa dificuldade natural não foi o bastante para deter Napoleon. Quando andava com seu dono ao lado de um lago, o cachorro, que costumava ser totalmente obediente, saiu correndo e se atirou na água.

No primeiro momento aquilo assustou seu dono, mas logo o animal voltou carregando algo em sua boca. Dentro do saco que ele tinha estavam seis gatinhos que foram abandonados para morrer no lago gelado. Graças o heroísmo de Napoleon, quatro dos seis gatos sobreviveram.