Minilua

Incríveis fatos sobre carros

Os carros são uma mania mundial, a grande maioria das pessoas sonha em ter um e aproveitar todos seus benefícios. Alguns se contentam com um simples meio de transporte, mas outros querem supercarros, por isso existe uma indústria que preenche todos os gostos. E é claro, também existe uma “indústria” de curiosidades sobre esse que é o meio de transporte preferido do homem:

Andando de cabeça para baixo

Os carros de F-1 são, basicamente, aviões de cabeça para baixo, pois as suas asas, que nos carros chamamos de aerofólios, fazem pressão em direção ao chão, assim eles conseguem tracionar melhor, fazer curvas em alta velocidade, sem capotar e derrapar. Quanto mais rápido anda o carro, mais “pesado” ele fica, porque a pressão do ar nos aerofólios faz com que o automóvel se “grude” mais ao chão.

Como os carros de F-1 são bem leves, muitas vezes a força da pressão gerada por suas asas consegue mais do que dobrar o peso do carro, ou seja, se colocássemos um carro de F-1 andando no teto a uma grande velocidade, ele poderia grudar e andar de cabeça para baixo, pois se o peso real dele foi superado pela pressão criada pelos aerofólios, a gravidade não conseguiria puxá-lo para o chão.

O carro mais caro em produção

Claro que existem carros antigos e clássicos que valem algumas dezenas de milhões de dólares, como a Mercedes-Benz W196, que foi vendida por 29,6 milhões, e a Ferrari 275 GTB/4*S N.A.R.T. Spider, que custou 27,5 milhões de dólares.

Nesse caso nós iremos abordar outro tipo de carro: Os que ainda estão em produção. Nessa situação específica, o título, pelo menos até a data de publicação desse post, vai para a Lamborghini Veneno Roadster, que custa 4,5 milhões de dólares. Claro que um carro desse valor tem que ser muito exclusivo, por isso, a empresa está fazendo apenas 9 unidades, que serão disputadas por alguns dos mais ricos homens do mundo.

A interessante história da Lamborghini

Ferruccio Lamborghini, durante a Segunda Guerra Mundial, foi mecânico da Italy’s Royal Air Force. Depois do término do conflito, aproveitando que muita coisa havia sobrado, o esperto italiano, usando peças que havia pego, começou um negócio: Produção de tratores.

Em pouco tempo, Ferruccio tornou-se um homem rico e amante de carros esportivos. Seus preferidos eram Maseratis, Aston Martins e Ferraris. Só que ele notou um sério problemas na empresa italiana que fazia os “cavalinhos empinados”: A embreagem quebrava demais.

Sem pestanejar, o senhor Lamborghini foi falar diretamente com o senhor Ferrari, para pedir uma solução, mas acabou sendo expulso de lá. Com raiva e brabo por ter sido xingado e chamado de “simples construtor de tratores”, Ferruccio resolveu fazer sua própria empresa de carros. Assim nasceu a Lamborghini, maior concorrente da Ferrari no mundo.