Minilua

Incríveis fatos sobre a cerveja #2

A cerveja é a bebida alcoólica mais consumida no mundo e a terceira bebida mais popular do planeta (só perde para água e para o chá!). Mas que cerveja é bom, todo mundo sabe, mas você sabe qual é o país que mais consome cerveja? Ou qual é a cerveja mais forte que existe? Descubra estes e outros fatos pouco conhecidos sobre a nossa “loirinha”.

Amsterdam paga alcoólatras com cerveja

Como pagamento pela limpeza das ruas de Amsterdam, alcoólatras locais recebem 10 euros, metade de um maço de tabaco e 5 cervejas de uma organização financiada pelo governo.

Desce queimando

A cerveja mais forte do mundo é a Brewmeister’s “Snake Venom”. Enquanto as cervejas normais geralmente têm cerca de 5% de volume de álcool, a cerveja escocesa tem 67,5% o que, dizem, chega a queimar o estômago.

Construindo pirâmides e bebendo cerveja

Os antigos egípcios construíram as pirâmides sob a sua influência. De acordo com Patrick McGovern, um arqueólogo da Universidade da Pensilvânia, os trabalhadores de Gizé recebiam cerca de quatro litros de cerveja por dia como pagamento.

Os mais beberrões

O país que mais bebe cerveja no mundo é a República Checa. Com uma incrível taxa de consumo per capita de 140 litros de cerveja por ano. Os tchecos estão muito à frente na lista de classificação dos mais beberrões, seguidos pela Austrália, Alemanha e Irlanda. O Brasil aparece em 17º da lista com um consumo de 62 litros anuais.

Banho de cerveja

Os tchecos gostam tanto de cerveja que criaram spas da bebida por todo o país. A cerveja tem como objetivo melhorar a circulação sanguínea e a pele. Lá o paciente não só bebe, como também fica repousando em uma banheira cheia de cerveja.

A mais cara

A cerveja mais cara do mundo é a belga Vieille Bon Secours”. Uma garrafa custa cerca de mil dólares.

Castigando com a morte

Os antigos babilônios levavam tão a sério a produção e a qualidade da sua cerveja que se alguém fabricasse um lote ruim, eles o afogavam como castigo.

Mamando cerveja

Os Vikings acreditavam que no seu céu chamado Valhalla, havia um bode gigante que, ao invés de fornecer leite, fornecia um suprimento ilimitado de cerveja.

A cerveja e a embriaguez

Neste exato momento, 0,7% da população mundial está bêbada. Isso significa que 50 milhões de pessoas estão embriagadas no momento. E a cerveja é, obviamente, o principal contribuinte para a embriaguez.

Espuma de qualidade

Aquela espuminha que se forma na superfície do copo é uma parte muito importante da cerveja. Ela é formada por uma reação de dióxido de carbono ou, em algumas cervejas mais espumosas, de nitrogênio e pode dizer muito sobre a qualidade da cerveja. Se na hora de servir estiver faltando a espuma, isso pode significar que a cerveja é de má qualidade ou não foi armazenada corretamente, perdendo a graça e o sabor.