Incríveis fatos sobre furacões

Furacão é um fenômeno da família dos ciclones, assim como os tornados, mas diferenciando-se desse em tamanho e danos que pode causar.

Basicamente trata-se de uma tempestade giratória intensa com muita chuva e ventos fortes (que chegam a ultrapassar 300km/h) produzindo mais energia do que Armas Nucleares, podendo causar graves consequências quando atingem áreas urbanas.

furacao-na-estrada-wallpaper-12496

Os tornados, por sua vez, são medidos pelo tamanho do estrago que causam e não pela sua dimensão física, furacões maiores podem ser fracos mas tornados pequenos podem causar muita destruição.

De acordo com a escala Fujita criada por Tetsuya Thedore Fujita, a intensidade de um tornado pode variar de 0 a 5, como mostra a imagem:

Sem título

Como é escolhido um nome para um furacão?

O Comitê da Organização Meteorológica Mundial mantém uma lista de 126 nomes, metade masculinos e metade femininos, os quais são divididos em um ciclo de 6 anos (os nomes utilizados em 2016 voltarão a ser usados em 2022), resultando assim, 21 nomes para cada ano. São 21 nomes, um para cada letra do alfabeto, excluindo Q, U, X, Y, Z, por que há poucas opções de nomes com essas iniciais. Os nomes escolhidos variam de cada região.

E se os nomes da lista acabarem antes de terminar o ano?

“Se o resto da temporada tiver muita atividade, teremos que usar letras do alfabeto grego” diz Julian Heming, cientista de previsões tropicais no Met Office, escritório de meteorologia britânico.

Se um furacão for extremamente forte, de maneira mortal ou causar um enorme prejuízo em um país, o nome desse furacão é retirado da lista, caso o país afetado solicite a sua remoção na OMM, que por sua vez autoriza ou não a sua retirada.

Abaixo seguem nomes que já foram retirados da lista da OMM pelo comitê internacional:

555

Os 2 piores furacões da história




Bhola

Foi o nome dado ao furacão que atingiu o Paquistão Oriental, atual Bangladesh, e Bengala Ocidental da Índia em 12 de novembro de 1970. Foi o mais mortal de todos os tempos, não se sabe ao certo, mas estima-se que entre 300 a 500 mil pessoas morreram em consequências desse furacão. Apesar da destruição deixada, ele foi classificado na categoria 3 na escala Fujita.

99




Katrina

Foi uns dos furacões mais caros (em danos) já registrados na história, causando perdas em torno de US$ 150 bilhões, segundo o Atlas de Mortalidade e Perdas Econômicas, produzidos pela Organização Meteorológica Mundial (OMM).

Ele atingiu a costa sul dos Estados Unidos no dia 25 de agosto de 2005 causando muita destruição, principalmente na cidade de Nova Orleans, inundando 80% do seu território. Também por causa do Katrina oito refinarias nos Estados de Louisiana e Mississípi foram fechadas, uma perda estimada de 1,7 milhão de barris de petróleo diariamente, ou 9% da capacidade de refino dos Estados Unidos.

size_810_16_9_antes-depois-tailandia

  1. J Saadeh

    19 de março de 2016 em 15:39

    Tri massa!!

    • Mateus Daniel Caetano

      19 de março de 2016 em 17:06

      Tri loco!!!

      • Adriano Saadeh

        19 de março de 2016 em 20:35

        Tri maneiro

        • Everton Silva

          20 de março de 2016 em 03:37

          Tri plex…

  2. Adriano Saadeh

    19 de março de 2016 em 20:38

    Em nenhum momento o Claudinei afirmou que política não se discute ou afins, apenas lhe informou que esse post não é o mais adequado para falar sobre esse assunto, afinal o tema dele em nada tem a ver corrupção

  3. jefry roger

    19 de março de 2016 em 16:42

    È por falta de senso político que o Brasil esta cheio de corruptos no congresso. Dizer que politica não se discute, sinto muito lhe informar, é coisa de ignorantes, ou de corruptos defendendo outros.

  4. Claudinei Ruiz

    18 de março de 2016 em 21:45

    Desculpe. Não era para curtir. cliquei no link errado.

    A matéria não fala nada sobre politicagem e as pessoas tem mania de ficar comentando. Comente algo a respeito da matéria ou então procure algo que fale sobre politicagem para comentar sobre politicagem.

7 Comentários
mais Posts
Topo