Minilua

Incríveis fatos sobre pássaros

Os pássaros são animais bonitinhos que vivem a nossa volta, com suas belas penas e seus cantos, mas, apesar da beleza, eles são bem estranhos:

Pássaros não tem pênis

Um dos preceitos básicos da evolução é a capacidade de reprodução de um ser. Mas ao longo dos anos, 97% das aves perderam o pênis. Tal fato intriga demais os cientistas, afinal isso parece dificultar a reprodução. Além disso, as aves possuem outras características que as tornam bem diferentes, como a ausência de dentes e inexistência de cauda.

Voltando ao pênis perdido: Antes que você fique imaginando loucura para tentar descobrir como uma ave macho pode se reproduzir, fique sabendo que ela usa a mesma saída das fezes para isso! O sêmen dessas aves, que não possuem pênis, sai pela cloaca, assim, quando vão fazer sexo, as aves juntam as bundas e fazem um belo sexo cloacal.

Vida difícil

Além de sofrer com a falta de seu instrumento de prazer, as aves machos também precisam se esforçar para acasalar.

As fêmeas não são nada fáceis, por isso os machos precisam “dar a cara a tapa” e ostentar toda sua capacidade em um show de dança e exibição. Cada pássaro possui um ritual de acasalamento diferente, mas, em geral, o macho se mostra para fêmea, até que ela se interesse por seus dotes físicos. Esse papo de beleza interior não cola com as aves, se o macho não for bonito e “bom de pé”, vai ficar na mão (nesse caso, na asa).

Vagina de “rosquear”

Ao contrário das outras aves, o pato possui um pênis e por causa dele sua vida é uma loucura.

A verdade é que os patos são muito safados e adoram forçar o sexo com as fêmeas. Por isso, a evolução criou um esquema bastante interessante para impedir o estupro animal. O pênis do pato tem forma de parafuso em sentido anti-horário e a vagina da fêmea também, só que para o lado oposto. Assim, quando ela não quer transar, basta fechar as portas que, de jeito nenhum, o macho consegue fecundar o ovo. Isso ocorre, pois 50% dos casos de sexo entre patos é uma “forçação de barra” do macho.

Essa agressividade sexual do pato se explica. Quando excitado, o pato tem uma ereção que dura menos de um segundo e imediatamente ele ejacula. Ou seja, em dois ou três segundo tudo está feito, por isso o sexo forçado é um bom negócio. Outra fato estranho é que o pênis do pato chega a medir 9 polegadas na época de acasalamento, mas encolhe para apenas uma polegada no inverno.