Minilua

A infância não é mais a mesma… #2

Antigamente para muitas crianças diversão significava brincar na casa do amiguinho, jogar futebol, ir ao shopping ver um filme, ganhar um álbum de figurinhas ou comprar um videogame. Hoje nada disso tem sido interessante, e cada vez mais cedo eles se ingressam na vida adulta.

É fácil perceber que não só as brincadeiras mudaram, mas também a forma de brincar, se proteger, e o medo de se arriscar, de se sujar e realmente “ser criança”!

Convido vocês a relembrarem uma infância marcada por brincadeiras, na qual o único objetivo era se divertir. Perceba como as coisas eram diferentes:

Os carros não tinham cintos de segurança, apoios de cabeça ou air-bag, e quando passeávamos com a família íamos no banco de trás fazendo a maior farra. Hoje nesses passeios, as crianças devem ir sentadas, amarradas e sem dar nenhum pio!

Os brinquedos eram simples, multicoloridos, pintados com tintas duvidosas, muitos até continham chumbo ou outro veneno, como por exemplo, pipa, carrinho de rolimã, que nós mesmos fazíamos, e nos proporcionavam muitos momentos legais com os amigos.

Quando andávamos de bicicleta, patins, skate, não usávamos capacetes ou joelheiras e a diversão era sempre garantida! E os tombos faziam parte desse momento de felicidade…

Na infância muitos de nós bebia água de torneira, de uma mangueira e nada de água mineral em garrafas esterilizadas…

Não tínhamos celulares e não usávamos o telefone fixo, saímos de porta em porta juntando a galera para mais um dia de brincadeiras.

Comíamos doces, balas, tomávamos sorvete a vontade, sem essa preocupação louca que existe hoje, que fazem as crianças comerem pão integral e soja.

Dividíamos o mesmo refrigerante, tubaína ou guarapan com os nossos amigos, e ninguém nunca morreu por isso.

Até os cuidados que tínhamos com nossos bichinhos de estimação eram diferentes, nada de shampoo, banho quente, ração cara… Lembro que para dar banho, um segurava o cachorro e o outro a mangueira, e ia jogando água, esfregando… Era a maior alegria!

Jogávamos vôlei e futebol na rua, colocávamos os chinelos ou pedras como trave de gol, pegávamos bolas de leite ou qualquer outra que aparecesse e ficávamos horas nos divertindo. Sem contar as brincadeiras como bolinhas de gude, esconde-esconde…

Quem não sente saudades dessa época de liberdade, fracassos, sucessos, e de muita, mas muita diversão?

Hoje a infância não é mais a mesma, as formas de se divertir são outras, e nada se parece com atividades destinadas a crianças. Não se aproveita uma infância como antigamente. Os detalhes e a simplicidade tem sido esquecida…

Divulgue a matéria para os seus amigos! (@Nandy Martins)