Minilua

Os mais insanos cenários do cinema

Nós vivemos uma fase onde a maior parte dos cenários em um filme são mera produção eletrônica, gerada por computador. Mas em alguns casos os diretores investem em algo a mais, criando cenários reais que são inacreditáveis:

Matrix

Matrix foi um filme que ficou conhecido por toda inovação gráfica que apresentou. Muitas cenas clássicas do filme eram montagens de computador, que na época ainda não eram tão comuns quanto hoje em dia. Mas um das principais cenas do segundo filme foi gravada em um cenário real inacreditável.

Lá pelas tantas, Neo e seu grupo estão na Matrix fugindo dos Gêmeos, que trabalham para o “Merovingian”. A cena se passa em uma estrada movimentada, onde centenas de carros trafegam. Muito dos eventos que ocorrem nessa fuga/luta são efeitos especiais de computador, mas para criar um clima mais realista, o diretor mandou construir uma estrada com mais de 2 quilômetros de extensão!

Primeiramente, os diretores queriam fechar uma estrada pública, mas as gravações levariam semanas e poderiam causar graves danos ao asfalto devido a destruição real de alguns carros. Por isso, eles resolveram construir sua estrada particular para gravação dessa cena.

Além disso, com o patrocínio da General Motors, os produtores receberam 100 carros para serem usados e todos foram destruídos de verdade no filme.

Full Metal Jacket

Full Metal Jacket é um dos maiores clássicos de guerra de todos os tempos. O filme ficou conhecido por uma cena clássica, onde Sergeant Hartman destrói o pelotão:

Porém, mais para o final do filme, na cena onde os soldados estão em uma batalha, existe um dos cenários mais bem elaborados de toda a história. Como não podiam simplesmente ir até o Vietnã e pegar uma cidade emprestada para trabalhar, Kubrick resolveu recriar uma cidade inteira para seu filme.

Para dar uma impressão ainda mais real, os prédios foram construídos normalmente e depois tiveram suas fundações destruídas, para criar o exato cenário deixado por um bombardeio de verdade. A ideia da produção era explodir algumas casas com dinamite de verdade, mas os bombeiros locais não deixaram isso acontecer. Mesmo assim, a cidade simulada ficou incrivelmente real.

The Dark Knight

The Dark Knight foi um filme memorável, tanto pela obra em si, quanto pela interpretação genial de Heath Ledger como Coringa. Outra coisa que chamou a atenção foi o realismo de algumas cenas, pois o diretor, em vez de apostar tudo em computação gráfica, resolveu criar cenários incríveis, com destaque para o hospital.

Todo aquele hospital que explode ao comando do Coringa foi construído de verdade em um estacionamento e realmente explodiu durante a cena. Até mesmo a filmagem do Coringa andando perto do prédio indo abaixo é real, não houve nenhuma montagem.