Os maiores mistérios da ciência #5

A ciência não sabe tudo, nem deseja, ela apenas quer aprender tudo que puder para tornar nosso entendimento da realidade melhor e, consequentemente, melhorar nossa condição de habitantes do Universo. Mas apesar de termos aprendidos milhões de coisas durante toda nossa história, ainda existem muitas questões que deixam os cientistas de cabelo em pé:




As vacas

cow1

As vacas estão junto dos humanos há mais de 6 mil anos. No início, esses seres foram domesticados para servirem de animais de carga e provedores de leite. No passado, era incomum que as vacas fossem mortas para o consumo de carne. O mais comum era esperar a morte natural do animal e depois consumi-lo, afinal tê-lo vivo era muito mais lucrativo, devido ao leite e serviços de carga.

As vacas estão em todos os lugares do mundo atualmente, principalmente pelo fato delas serem o tipo de carne mais consumido no planeta e fornecerem o tão apreciado leite. Tirando alguns lugares, como a Índia, onde esses animais são sagrados, nos demais locais elas são consumidas em grandes quantidades.




O mistério da alimentação

607271-cow

Durante esses seis mil anos de convivência, os seres humanos nunca notaram um comportamento bem incomum desses animais. Em 2008, Dr. Sabine Begall, um cientista alemão, e sua esquipe estavam fazendo uma pesquisa sobre roedores e como o campo magnético afetava esses animais. Durante o estudo, onde estavam usando o Google Earth como fonte de dados, eles resolveram aproveitar a vastidão de dados e também incluir outros seres nessa pesquisa e foi aí que a “vaca foi para o brejo”.

Todas os tipos de vacas, em todos os cantos do planeta, além de terem uma carne deliciosa, possuem outra coisa em comum: todas elas comem grama com o corpo virado para o polo norte ou sul da Terra. De alguma maneira, todas as vacas do mundo, com uma margem de erro de apenas 5 graus, ficam alinhadas com os polos magnéticos do planeta na hora de comerem.

Essa descoberta intrigou os cientistas. Afinal, porque esses animais, que não possuem nenhum histórico de migração, consegue sentir o campo magnético da Terra, da mesma maneira que alguns pássaros e insetos?

Muitos seres, principalmente aqueles que costumam migrar ou são pequenos, tem a capacidade de sentir o campo magnético da Terra. Assim, eles se guiam pelos lugares, sem que acabem se perdendo. Porém tal capacidade é incomum em seres de grande porte, pois eles conseguem se localizar melhor no espaço, porque conseguem memorizar coisas a sua volta, como um morro ou uma árvore.

Por todos esses motivos, as vacas se tornaram um mistério para a ciência. Ninguém imagina porque elas possuem tal característica e quais são as implicações. Uma das hipóteses diz que, talvez, no passado bem distante, as vacas tenham vivido em florestas densas e tenham adquirido tal característica para se moverem nesses locais, onde os pontos de referência não são eficazes.

Os cientistas continuam estudando esse comportamento das vacas, pois entender essa característica pode ser importante para melhorar a produção de alimentos. Afinal, entender o porquê de todas as vacas do mundo comem de um certo jeito, pode se importante para melhorarmos a criação delas.

  1. VanDrak SubZero

    14 de abril de 2015 em 13:09

    Se a frente é o Norte e as costas é o Sul… então é normal a vaca comer pro Norte (boca), pois é impossível comer pelo lado sul (ku).

  2. Hotarius Hilarius Repugnants

    14 de abril de 2015 em 11:49

    então se prender uma vaca desalinhada com o campo magnetico da Terra, ela vai morrer de fome? huehue

    • Jeff Dantas

      14 de abril de 2015 em 13:32

      Hhahahaah tai algo, pra se pensar!! 🙂

      • Ione Vitória

        26 de julho de 2016 em 21:50

        Tadinha…

  3. Giovan Paulo Caovilla

    13 de abril de 2015 em 21:28

    alinhadas ao campo magnético? ou com um olho no sol? afinal elas são presas e não predadores, com uma visão fraca.

  4. Artur Antunes

    13 de abril de 2015 em 21:15

    Seria legal se vocês publicassem as fontes dos estudos.

  5. Oseias Filipe

    13 de abril de 2015 em 20:29

    Engraçado no tempo de Moisés, se eles tivessem comido as vacas em vez dos pombos, daria pra fazer um grande churrasco kkkkk

    • Ione Vitória

      26 de julho de 2016 em 21:45

      ?

  6. Kuzan

    13 de abril de 2015 em 15:51

    Vacas são uma delícia amo elas <3

  7. chapolim do mal

    13 de abril de 2015 em 11:17

    Isso eu não sei mas que a carne delas é uma diliça eu sei. Hamburger, costela, carne de sol, filés diversos e muitos outros tipos de alimentação com vacas.

  8. Elyane

    12 de abril de 2015 em 21:22

    Um estudo bem interessante, entretanto independente do que descobrirem as coitadas continuarão a virar bife, talvez um bife com um Q.I. mais alto.

    • Fred Baskerville

      19 de abril de 2015 em 03:29

      Você fala como se fosse uma coisa ruim.

      • Elyane

        19 de abril de 2015 em 11:30

        Não acho que seja uma coisa ruim, conhecimento nunca é demais, apenas estava analisando que do ponto de vista da vaquinha não vai mudar nada.

    • Guilherme Gonçalves da Silva

      12 de abril de 2015 em 21:26

      Mas elas não percebem o campo magnético por inteligência, é apenas instinto.

      • Elyane

        12 de abril de 2015 em 21:36

        Nisso vc tem razão.

        • Kuzan

          13 de abril de 2015 em 15:50

          Nem se fosse o QI delas não iria mudar, porque isso já vinha desde antes.

  9. Felino

    12 de abril de 2015 em 20:35

    Curioso… gostei do post. Mas uma duvida não sai da minha cabeça, mesmo que as vacas sintam os campos magnéticos da Terra e tals, para que comer com o corpo virado ao polo norte ao polo sul? No que isso ajuda em sua sobrevivência?

    • Jeff Dantas

      14 de abril de 2015 em 13:32

      Nossa, que cena horrível! Melhor nem imaginar.. 🙂

    • Guilherme Gonçalves da Silva

      12 de abril de 2015 em 21:23

      “Uma das hipóteses diz que, talvez, no passado bem distante, as vacas tenham vivido em florestas densas e tenham adquirido tal característica para se moverem nesses locais, onde os pontos de referência não são eficazes.” Resumindo: Se for por esse motivo mesmo, esse abito tinha um sentido mas atualmente é inútil. Vou lhe dar um exemplo : ” Você sabe por que nós seres humanos ficamos arrepiados quando estamos assustados? ” Resposta: ” É porque antigamente nossos ancestrais primitivos tinham predadores, animais que caçavam e se alimentavam dos “homens macacos”, e como na época a espécie possuía pelos eles ficavam arrepiados nos momentos de tensão para que o predador tivesse a impressão de que a caça era maior e mais forte. Ou seja, era um modo de defesa nossa, mas que nos dias de hoje é inútil, visto que não possuímos predadores naturais e não temos pelos.

      • Guilherme Gonçalves da Silva

        12 de abril de 2015 em 21:25

        *Corrigindo: Não temos pelos grossos, em grande quantidade como um chimpanzé, por exemplo.

  10. Mestre Makarov

    12 de abril de 2015 em 20:03

    Já vi no interior … os morcegos chupando o sangue tanto de vaca como de porco … acho que elas nem sentem pois não se manifestavam …

  11. Andre Willian Moraes Negrao De Oliveira

    12 de abril de 2015 em 19:34

    oq eu sinto muita falta em todos os posts, é a ausencia de referencia!

    • Básia Malfatti

      11 de novembro de 2015 em 19:52

      nesse mesmo, canse de ver vaca comendo uma de frente pra outra…

  12. Caciano

    12 de abril de 2015 em 17:44

    a carne de vaca não é tão comum aqui no brasil, mas é bastante vendida, como citado no artigo, hoje ocorre o mesmo a vaca é carneada quando está velha, ou sem leite, ou com um doença local que não afeta toda a carne.. isso é tudo pessoal!

24 Comentários
Topo