Os maiores mistérios da humanidade #6

Semana passada nós falamos sobre o misterioso “Triângulo do Dragão”, que assombra as águas costeiras japonesas. Hoje falaremos sobre:




Danell Standing: O Andarilho das Estrelas

O_ANDARILHO_DAS_ESTRELAS__1231210538P

Danell Standing era uma pessoa comum, professor de faculdade, que vivia tranquilamente na Califórnia. Até o dia em que foi pego matando um colega de trabalho em um dos laboratórios da universidade.

imagesPor esse crime ele acabou sendo preso e torturado na cadeia. Por oito anos ele ficou encarcerado, sendo cinco anos na solitária, onde passava a maior parte do tempo em uma camisa de força, depois ele acabou enforcado.

A parte interessante da história se passa na época em que ele ficou isolado do mundo, preso em uma camisa de força. Pois de alguma maneira Danell conseguiu desenvolver técnicas para controlar suas dores e sua mente, chegando ao ponto de conseguir se auto-hipnotizar.

Dessa forma ele parecia ficar boa parte do seu tempo em um estado de coma, mas na verdade ele estava “vivenciando suas vidas passadas”.

Claro que todos achavam que essas suas experiências eram uma bobagem completa, porém uma das histórias que ele relatou se mostrou bastante intrigante. Um dia Danell revelou que em uma vida passada fora um marinheiro e que no ano de 1809 partiu do porto da Filadélfia com destino às Ilhas da Amizade.

regressao_vidas_passadas

No meio dessa suposta viagem seu navio teria naufragado e ele teria sido o único sobrevivente. Durante 8 anos ele teria ficado preso em uma ilha, até que foi resgatado por um navio que passou por lá. No dia que foi salvo, ele carregava um remo continha esse texto:

"Serve esta para informar pessoa em cujas
mãos este Remo vier a cair que
DANIEL
FOSS
, natural de Elkton, Maryland, um
dos Estados Unidos da América do Norte, e
que zarpou do porto da Filadélfia em 1809
a bordo do brigue
NEGOTIATOR rumo às
Ilhas da Amizade, foi lançado nesta ilha
desolada em fevereiro do ano seguinte e ali
erigiu uma cabana e viveu inúmeros anos,
subsistindo com carne de foca – sendo ele
o último sobrevivente da tripulação do dito
brigue, que colidiu com uma ilha de gelo e
naufragou aos 25 de novembro de 1809.”

De início ninguém acreditou nessa história, porém Danell Standing pediu que a enviassem para o curador do Museu da Filadélfia o que ele havia escrito e assim foi feito. Em resposta essa carta foi enviada pelo curador:

carta

A questão que fica é: “Como poderia Danell Standing saber da existência do remo e de toda a história se mesmo o curador do museu não sabia?”

andarilho

Será que Danell realmente conseguia ver suas vidas passadas?

  1. Ediane Menezes

    12 de junho de 2014 em 12:58

    Incrível, e eu acredito sim que tenha acontecido

  2. Rubi Ariadne

    20 de maio de 2013 em 00:15

    Incrivel! Eu já tinha escutado algo sobre essa história, mas não prestei muita atenção. Muito intrigante ou apenas comprova uma tese muito antiga que existiu em quase todas as culturas da Antuiguidade: a reencarnção.

  3. Wellington Bianchi

    25 de abril de 2013 em 21:14

    Sei não… muito estranho, acho q de algum modo ele ja sabia da historia e resolveu faser média.

  4. Cristiano Rufino

    18 de abril de 2013 em 17:23

    ate em vida passada ele se fudeu pqp

  5. Vinicius Freitas

    9 de abril de 2013 em 16:56

    a questão do papo foi porque ele matou o colega de trabalho

  6. Joy S2

    25 de fevereiro de 2013 em 13:13

    kkkkkkkkkkkkkkkkk Blzaaaaaaaaaa kkkkkkkkkk sem tela preta kkkkkkkkkkkkkkkk

  7. GD

    21 de janeiro de 2013 em 22:59

    Intrigante o fato dele em sua vida passada ter ficado preso por 8 anos em uma ilha, o mesmo tempo que ele ficou na cadeia, não gosto de pensar na idéia de que não podemos controlar nosso destino, e que estamos fadados a algo que não podemos evitar e que já esta traçado…

  8. Gabriel Torres

    16 de janeiro de 2013 em 11:47

    Acho que de alguma forma ela conhecia a história e queria ser considerado com alguma importância.

    Por que haveria ele enviado a carta justo ao museu em q estava o remo.
  9. Willian Morel

    25 de novembro de 2012 em 17:02

    para mim ele usou tanta a capacidade de cérebro que acabou ficando “louco”, posso acreditar que ele conseguiu dominar totalmente seu cérebro mas para isso ele perdeu sua lucides.

  10. Willy Nery

    2 de novembro de 2012 em 15:32

    ñ entendi nada?

  11. john lariat

    19 de outubro de 2012 em 22:22

    Não é “Danell”, é Derril Standing. 

  12. Nanda Barsou

    19 de julho de 2012 em 00:24

    Bem, acredito que alguém possa relembrar experiências de vidas passadas mas isso, em todas as religiões que creem nisso, só é possível depois de um preparação.

  13. Richard Frederick

    24 de junho de 2012 em 22:43

    Bom, ele era professor né?! Vai ver ele sabia algo do que ninguém sabia, vai ver essa história foi contada por seu avô ou etc. Se ele poderia visitar suas vidas passadas, por que não visitou as outras e só deu detalhe de uma?

  14. Psycho The Cat

    15 de maio de 2012 em 15:25

    ele já deveria conhecer a historia do remo e em momentos de alucinação ele se imaginou um marinheiro da epoca

  15. Marcia Colucci

    17 de março de 2012 em 04:45

    intao so sei q ele sabia ué

  16. Guilherme

    11 de fevereiro de 2012 em 13:34

    Como não mexo e sou neutro nessas coisas, prefiro não opinar… mas é intrigante.

  17. Carlos Vasconcelos

    21 de janeiro de 2012 em 20:13

    Caramba, muito bizarro o.O

  18. Yasmim Magalhães

    29 de dezembro de 2011 em 00:10

    Acredito em vidas passadas, portanto o Andarilho das Estrelas faz sentido, na minha opinião.

  19. sem problemas

    28 de outubro de 2011 em 15:27

    História realmente incrível…

  20. Anderson Thiago

    2 de setembro de 2011 em 10:18

    Falando nada cientificamente, acredito que estas experiências de supostas reencarnações são, somente, memórias passadas de ancestrais, e nada mais. Na minha opinião, era um parente dele (pai, avô, bisavô, tataravô, ou o que seja) e essa memória permanece em nossos cérebros, passados geneticamente, e assim, algumas pessoas consegue buscá-la, como em terapias de vida passada, hipnose, etc.
    🙂

    • Saks a

      1 de janeiro de 2015 em 14:20

      Penso da mesma forma, isso ia explicar muita coisa, mas de reto existe a possibilidade dessa historia ser furada ,pura ficcção para divertir o povo da época ou causar

  21. snaggletooth

    30 de junho de 2011 em 20:47

    Hum…Ele usou o animus!

  22. O Astro (Alone)

    13 de maio de 2011 em 19:39

    Que estranho, queria ter essa habilidade desse cara d+.

  23. Claudio Marques

    4 de janeiro de 2011 em 21:58

    Caraca eh de arrepiar… argggggggg

  24. Luiz fernando Maurina

    16 de dezembro de 2010 em 03:18

    O kra conseguia ter sonhos lúcidos.

  25. lordgeek

    19 de outubro de 2010 em 14:34

    nao acredito na reencarnaçao
    ja ouviu falar de Experiencia quase morte?
    pessoas presenciaram o paraiso o Reino de Deus ou o Inferno…
    entao …
    Fica a duvida!

  26. Ricardo Filho

    18 de outubro de 2010 em 20:15

    Onde acham esses negócios, será que tem algum livro?

    Queria comprar..

  27. einstein

    16 de outubro de 2010 em 19:07

    cara para mim ele tinha contato com espiritos q informarão a ele sobre uma historia q nem o mais inteligente sabia…… to zuando mas q e provavel sim mas e a mesma possibilidade de ele ter estudado esta historia . 

    • Paulo Vascaíno

      27 de janeiro de 2012 em 16:34

      ele deve ter estudado ‘-‘

    • Luís

      27 de janeiro de 2012 em 16:25

      é verdade ainda mais que ele era professor daí na solitária ele surtou

    • Jonathan Pride

      21 de janeiro de 2012 em 21:32

      Einstein que comentario tosco, Veio  do seculo 20 falar merda

  28. Douglas Moura

    16 de outubro de 2010 em 18:51

    mto bom… parabéns pela ‘série’

    • Rodrigo Nunes

      4 de janeiro de 2011 em 22:05

      acho que ele conseguia se auto hipnotizar devido o uso de uma parte do cérebro ao qual nao utilizamos,e saber de suas vidas,pelo subconciente hipnotizado,uma pessoa hipnotizada lembra de muito mais coisas do que uma pessoa conciente, e acredito que ele era super-dotado ou apenas um homem que conseguiu utilizar muita melhor seu cérebero,dominar a dor é algo mais comum,todos nós conseguimos,basta concentraçao

33 Comentários
mais Posts
Topo