Mitos sobre hackers que muitas pessoas acreditam

Hollywood adora criar mitos e fantasias sobre algumas “profissões” e isso inclui os hackers. Nos filmes, eles fazem coisas que, nem de longe, são parecidas com a vida real. E, no final das contas, a incrível batalha que os hackers travam nas telonas não se parece nada com a tediosa tarefa de hackear de verdade.




Hackers são pessoas excêntricas e malucas

Al_Sheedakim,_Hacker_and_Programmer

Em quase todos os filmes de Hollywood, os hackers são pessoas estranhas, que vivem em porões, cercados por computadores velhos ou são gordinhos, com o quarto cheio de pacotes de comida, que não tem vida social. Mas a realidade é bem diferente disso. A grande maioria dos hackers são pessoas comuns, que gostam de programação e computadores! Eles só escolheram viver a vida dessa maneira.

Muitos hackers, hoje em dia, trabalham para empresas como Google e Facebook, procurando bugs em suas aplicações e ganhando muita grana por isso. A gigante das buscas chega a pagar 20 mil por problemas encontrados em seus softwares.




Hacker usam programas malucos

matrix

Toda vez que um filme vai mostrar um hacker fazendo alguma coisa, sempre surge uma imagem desse tipo:

220355_v1

Por mais legal que seja uma tela cheia de caracteres verdes subindo, no mundo real as coisas são assim:

49035

Hackers são programadores que, na maior parte do tempo, ficam procurando falhas em programas e sites, por isso eles usam softwares comuns, iguais ao que todo mundo usa.




Hackers fazem invasões em tempo real

hacker-20120915111354

Isso aparece em todo filme que envolva computadores: Um hacker tenta acessar o “mainframe” de uma empresa e, em tempo real, ele vai digitando o código furiosamente no teclado, como se ele precisasse ser mais rápido que o computador que está atacando.

O trabalho de hackear um site ou servidor, na grande maioria dos casos, é bem mais tedioso e simples. Primeiro se escolhe a ferramenta certa ou mesmo cria-se uma, depois basta apertar “start” e esperar o resultado.

Enquanto o programa que busca brechas vasculha o alvo, o hacker fica dormindo, tomando um café ou bebendo uma cerveja com os amigos. Nada de “teclado de artilharia” ou coisas assim.




Hackear precisa de dedicação de monge

13jun2013---monge-budista-fotografa-com-tablet-durante-conferencia-sobre-violencia-religiosa-em-um-monasterio-de-yangon-em-mianmar-1371135858210_956x500

Em filmes, os hackers são pessoas que ficam trancadas em seus quartos e fazem aquilo todos os dias da vida, como se, para se tornar hacker, fosse necessário dezenas de anos de estudo e aprendizagem.

Contudo, bem na verdade, qualquer pessoa com um pouco de conhecimento pode se tornar um hacker. Claro que algumas coisas mais complexas necessitam de mais experiência, mas o básico pode ser aprendido em pouco tempo.

Caleb Brinkman, um hacker que ganha a vida encontrando falhas em aplicações para web, afirma: “Com um bom treinamento, uma pessoa sem conhecimento nenhum pode estar hackeando em seis meses.”

Talvez a glamorosa vida dos hackers não seja assim tão extraordinária como nos filmes…

Siga Diego Martins no Google+: gplus/diegomartins

Ou adicione no Facebook: http://www.facebook.com/diegominilua

Faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/

  1. Brayan Wellingtom

    3 de janeiro de 2014 em 21:16

    Esqueceu de comentar algo que a grande maioria das pessoas não sabem. Os HACKERS não são pessoas que invadem computadores/sites por maldade, eles geralmente invadem para avisar sobre alguma brecha na segurança do computador/site e recebem como se fosse um emprego normal. Os maliciosos que invadem para fazer coisas ruins são chamados CRACKERS.

  2. Bruno Augusto

    3 de janeiro de 2014 em 10:16

    Esse… “Efeito Hollywood” é necessário justamente pra que a tarefa demorada e tediosa de um hacker tenha espaço no cinema.

    Imagina como seria o filme “Swordfish” se nada hora que o Hugh Jackman estava criando a Hydra ele estivesse usando um computadorzinho chulé sentado numa sala durante horas.

  3. Jean Cordeiro

    31 de dezembro de 2013 em 16:58

    A TV CRIA UMA MAGEN DE UN SER QUE PODE FAZER TUDO COM UM SIMPLES NOTBOOK

  4. Arqueiro de Araluen

    30 de dezembro de 2013 em 14:56

    Imagem 3. Pior que isso so a interface do Dwarf Fortress.

    • ultramen Tiga

      6 de janeiro de 2014 em 05:15

      kkkk pior que é mesmo.

  5. Mr. Time

    29 de dezembro de 2013 em 15:08

    Hackear é fácil, você aprende a programar em tal linguagem, você sabe hackear coisas escritas naquela linguagem. É só saber entender como funciona o sistema e encontrar brechas.

  6. Shun dlç

    29 de dezembro de 2013 em 11:52

    Hackers são chantagistas… ou vc faz o que eles querem, ou eles ameaçam invadir seu pc

    • diogo dj

      2 de janeiro de 2015 em 17:01

      Hackers não fazem isso, O nome é crackers..

    • Wolf Black

      30 de dezembro de 2013 em 17:28

      esses não são os “hackers” são os crackers ‘-‘

    • Ponto.

      29 de dezembro de 2013 em 22:34

      wtf

    • Riddle Boy®

      29 de dezembro de 2013 em 13:54

      Nem é tão assim.-.

  7. Leonam

    29 de dezembro de 2013 em 08:00

    “Com um bom treinamento, uma pessoa sem conhecimento nenhum pode estar hackeando em seis meses.”

    Interessante, Interessante, Muito interessante, interessantíssimo .

  8. Maloqueiro popai

    29 de dezembro de 2013 em 06:40

    A galera sempre imagina que eles são assim xD
    [img]http://http://www.naoclick.com.br/nao_click/wp-content/uploads/2012/04/nao-click_gordo_hacker.png[/img]

  9. Jaque-chan

    28 de dezembro de 2013 em 20:55

    Tão fácil assim?
    Eu atéé viraria hacker, mas… Tem muitos yaois pra eu assistir ainda… (fujoshi nova e_e)
    E eu estou com preguiça. ._.

    • Little Uchiha™

      29 de dezembro de 2013 em 12:09

      [img]http://memetizando.com/wp-content/uploads/2012/09/cuspindo1.jpg[/img]

      • Jaque-chan

        29 de dezembro de 2013 em 12:39

        HUSAUHSAUA’ Que foi? Nunca, na sua vida, você viu uma fujoshi? Kkkkkkkkk’
        *assistindo Junjou Romantica*

        • Metalborn (you can't kill The Metal)

          30 de dezembro de 2013 em 15:28

          Fujoshis me lembram uma pessoa .-.

          • Jaque-chan

            30 de dezembro de 2013 em 16:37

            Quem? Shun? .-.

          • Metalborn (you can't kill The Metal)

            30 de dezembro de 2013 em 17:06

            LOL No, uma outra usuária que tinha ae…. mais antiga que ele até .-.

          • Jaque-chan

            30 de dezembro de 2013 em 17:57

            Ah, não conheço. =/
            Estou comentando aqui faz só 8 meses(desde abril), então não conheço direito os membros mais antigos. :/

  10. Joel Alvarenga

    28 de dezembro de 2013 em 20:16

    “A grande maioria dos hackers são pessoas comuns, que gostam de programação e computadores!”
    Agora tente achar uma pessoa comum que gosta de programação de computadores, fiz SENAI e acredite, na sala de T.I não tem muitas pessoas normais.

    • Soriano

      31 de dezembro de 2013 em 15:18

      concordo que não sou a normalidade em pessoa mas não sou tão anormal só por fazer engenharia da computação

    • Metalborn (you can't kill The Metal)

      28 de dezembro de 2013 em 20:28

      Eu e meus colegas que fazemos Ciência da Computação somos todos normais…. ou pelo menos eles são .-.

  11. Luís Felipe

    28 de dezembro de 2013 em 19:58

    No futuro, eles serão os mais procurados no mercado d trabalho, vão ganhar dinheiro pacas.

  12. Near

    28 de dezembro de 2013 em 19:53

    hackers são virjs vida loka q acha q manda no seu pc só isso

    • Android

      28 de dezembro de 2013 em 19:56

      De certo modo eles mandam.

  13. eduardo (eduh)

    28 de dezembro de 2013 em 19:46

    ”…que não tem vida social. Mas a realidade é bem diferente disso. A grande maioria dos hackers são pessoas comuns, que gostam de programação e computadores! ELES SÓ ESCOLHERAM VIVER A VIDA DESSA MANEIRA.”
    esse primeiro item do post não desmentiu nada…se na realidade é diferente, com então eles tem a vida dessa maneira?…mesmo escolhendo ou não eles tem…

    • Metalborn (you can't kill The Metal)

      28 de dezembro de 2013 em 20:06

      Escolheram viver programando e mexendo no PC…. não enfiados numa toca de rato mexendo em um monte de PC velho no escuro enquanto baixam dados das contas bancárias de milhares de pessoas…. bom, a parte da conta bancária, talvez…. mas o resto não .-.

      • eduardo (eduh)

        28 de dezembro de 2013 em 20:21

        pode ser nikulas,então tem duas interpretação ai…

        • Metalborn (you can't kill The Metal)

          28 de dezembro de 2013 em 20:27

          Sim…. tem a do Dudu e tem a certa .-.

  14. ultramen Tiga

    28 de dezembro de 2013 em 19:46

    não é igual nos filmes, mas também não é tão simples como o post fala.
    um hacker precisa de conhecimento avançado de programação em diversas linguagens.

    • Luís Felipe

      28 de dezembro de 2013 em 19:54

      Depende,vc se refere aos hackers fodões, mas existem os fuleiros tbm.

      • Android

        28 de dezembro de 2013 em 19:56

        kkkkkk sempre tem os fuleiros!

  15. Lucas Lozano

    28 de dezembro de 2013 em 19:38

    Nunca achei que Hackers são como nos filmes,mas tb não achei que era tão “simples” assim

  16. Metalborn (you can't kill The Metal)

    28 de dezembro de 2013 em 19:22

    Eu sei fazer debug nos meus programinhas da faculdade, sou um hacker .-.

    • Diego Martins

      30 de dezembro de 2013 em 13:10

      Faz faculdade de que?

      • Metalborn (you can't kill The Metal)

        30 de dezembro de 2013 em 15:23

        Ciência da Computação…. eu gosto da área e de desenvolver, mas requer muita paciência e dedicação <.<

  17. Moonlight

    28 de dezembro de 2013 em 18:50

    Deu até vontade de virar hacker depois desse incentivo subliminar do post, mas… Não, tenho coisa melhor pra fazer 😛 😛 😛

  18. Luís Felipe

    28 de dezembro de 2013 em 18:48

    Alguém, mentalmente são, acredita em algo q viu em Hollywood?

    • Little Uchiha™

      29 de dezembro de 2013 em 12:07

      Q q tu tá falando aí ow, vai dizer que não é possível tirar uma bomba debaixo de um carro dando uma pirueta num guindaste?

    • Terrorista

      28 de dezembro de 2013 em 20:14

      Acreditar nas coisas de Hollywood é o mesmo que acreditar nas palavras dos judeus…E isso é ser manipulado,claro.

    • Kuzan

      28 de dezembro de 2013 em 19:15

      eu acredito no batimá

      • Capitão Jack Sparrow

        28 de dezembro de 2013 em 19:27

        mininu burru eskreveu erradu é bátiman.

        • Wasd Mouse

          28 de dezembro de 2013 em 20:41

          Bátima*

  19. Melhor Alone do Mundo

    28 de dezembro de 2013 em 18:45

    Tenho alguns amigos hackers, e concordo q esses filmes iludem muito. Qualquer pessoa que se interesse no assunto pode se tornar um hacker, basta apenas saber o que fazer… Hackers são anônimos por trás das “câmeras”, porém são pessoas que, como diz o post, são iguais a nós.

    • Vayne, A Caçadora de Travestis

      28 de dezembro de 2013 em 20:38

      Na verdade hackers são seres de 5 patas com apenas 1 dedo por mão super ágil que ficam o dia inteiro fazendo programas que prejudicam os outros.

      • The requiem

        29 de dezembro de 2013 em 11:00

        Esses daí são os crackers, hackers não vão atacar pessoas sem motivo algum.

47 Comentários
mais Posts
Topo