Minilua

Monte a sua matéria: A falta de água em sua torneira #126

Pois é, e antes de tudo, queremos a sua participação. O e-mail de contato: equipe@minilua.com! A todos, uma excelente semana!

A falta de água em sua torneira

Por: Senísio Antônio

O fogo consome rapidamente, a água desgasta lentamente,  morrer queimado seria melhor do que de sede. Faça um teste: pergunte para algumas pessoas se elas conseguem te dar 4 motivos ambientais ou socioeconômicos para evitarmos a destruição de matas. 

É bem provável que nenhuma delas consiga lhe dizer nem 2 motivos coerentes, os governantes e legisladores do nosso país têm a mesma consciência sobre o assunto.Entre os diversos recursos que a natureza disponibiliza, a água é o mais essencial à vida do homem e de todas as espécies de plantas e animais que habitam o nosso planeta.

Ela é, também, considerada um importante regulador do clima na Terra.Trata-se de um recurso natural presente em todas as partes da crosta e na atmosfera terrestre. É indispensável à existência e ao bem-estar do homem, e à manutenção dos ecossistemas do planeta.

Portanto, não é nenhum exagero dizer que a água, tal como o sol, é praticamente indissociável da vida na Terra.Tendo em vista a vital importância da água de boa qualidade e a possibilidade de ocorrer a sua escassez em várias regiões do planeta, em um futuro mais próximo do que muitos imaginam, esse problema tornou–se uma das maiores preocupações de especialistas no assunto.

Portanto, embora a água seja um recurso natural renovável, o que se espera é que haja uma corrida contra o tempo visando a um uso racional, tratando a água com muito cuidado, evitando gastos excessivos e indiscriminados, e a poluição. Caso contrário, futuramente, os sérios transtornos no abastecimento serão inevitáveis.

O desmatamento nas nascentes além de secá-las causa o assoreamento dos rios, ribeirões e córregos,lagos, lagoas. Assoreamento é a obstrução, por sedimentos, areia ou detritos quaisquer, de um estuário, rio, baía, lago ou canal. As principais causas do Assoreamento de rios, ribeirões e córregos,lagos, lagoas e nascentes estão relacionadas aos desmatamentos, tanto das matas ciliares quanto das demais coberturas vegetais que, naturalmente, protegem os solos.

A exposição dos solos para práticas agrícolas, exploração agropecuária, mineração ou para ocupações urbanas, em geral acompanhadas de movimentação de terra e da impermeabilização do solo, abrem caminho para os processos erosivos e para o transporte de materiais orgânicos e inorgânicos, que são drenados até o depósito final nos leitos dos cursos de água e dos lagos.

Como consequência deste desmatamento, acaba-se obtendo alguns prejuízos ambientais como:

1 – Perda de biodiversidade:

Os seres vivos que hoje estão nas vegetações nativas foram originados por um lento processo evolutivo, que levou bilhares de anos.A perda da diversidade de seres, além da perda de variedade genética, é um processo irreversível. O que abala qualquer forma de ecossistema;

2 – Degradação dos mananciais:

A retirada da mata que protege as nascentes causa sérios problemas ao bem que está cada vez mais escasso em todo o mundo: a água. Isso ocorre principalmente devido à impermeabilização do solo em torno da água;

3 – Aterramento de rios e lagos:

Com o solo sem cobertura vegetal abundante, a erosão ocorre em intensidade e frequência espantosas, sendo o solo levado diretamente aos rios e lagos. Lembrando que a erosão é a perda de solo causada por água e vento. Esse processo faz com que o volume dos lagos seja limitado, e a vazão dos rios seja comprometida.

Portanto, a falta de água bate a vossas torneiras deixando-as secas como areia fora do rio, antes que sejas tarde junte e lute para não secar a garganta. Se fores preciso guerreai contra o caçador que estais no poder, melhor ser caça ferida podendo ser curada do que uma levada nas costas.

Juntai-vos tarde do que nunca, liberdade antes tarde do que jamais.