Monte a sua matéria: Pálido ponto azul #121

Pois é, e para participar, é muito fácil. Para tal, envie o seu texto para: [email protected]! A todos, é claro, uma excelente leitura!




Pálido ponto azul

Por: José Victor

Carl Sagan, um notável astrônomo, foi um escritor de ficção científica, e muito famoso por seus textos de impacto sobre o universo em relação à nos seres humanos. Imagine se você pudesse ver a imensidão do espaço em si, e perceber que somos praticamente nada? Foi exatamente isso o que Sagan notou vendo uma imagem espacial tirada de Voyager 1, o que o inspirou a criar um livro, chamado Pálido ponto azul. Abaixo retirado o texto mais marcante desta obra.

Olhem de novo para esse ponto. Isso é a nossa casa, isso somos nós. Nele, todos a quem ama, todos a quem conhece, qualquer um dos que escutamos falar, cada ser humano que existiu, viveu a sua vida aqui. O agregado da nossa alegria e nosso sofrimento, milhares de religiões autênticas, ideologias e doutrinas econômicas, cada caçador e colheitador, cada herói e covarde, cada criador e destruidor de civilização, cada rei e camponês, cada casal de namorados, cada mãe e pai, criança cheia de esperança, inventor e explorador, cada mestre de ética, cada político corrupto, cada superestrela, cada líder supremo, cada santo e pecador na história da nossa espécie viveu aí, num grão de pó suspenso num raio de sol.

A Terra é um cenário muito pequeno numa vasta arena cósmica. Pensai nos rios de sangue derramados por todos aqueles generais e imperadores, para que, na sua glória e triunfo, vieram eles ser amos momentâneos duma fração desse ponto. Pensai nas crueldades sem fim infligidas pelos moradores dum canto deste pixel aos quase indistinguíveis moradores dalgum outro canto, quão frequentes as suas incompreensões, quão ávidos de se matar uns aos outros, quão veementes os seus ódios.

As nossas exageradas atitudes, a nossa suposta auto importância, a ilusão de termos qualquer posição de privilégio no Universo, são reptadas por este pontinho de luz frouxa. O nosso planeta é um grão solitário na grande e envolvente escuridão cósmica. Na nossa obscuridade, em toda esta vastidão, não há indícios de que vá chegar ajuda de algures para nos salvar de nós próprios.

A Terra é o único mundo conhecido, até hoje, que abriga a vida. Não há mais algum, pelo menos no próximo futuro, onde a nossa espécie puder emigrar. Visitar, pôde. Assentar-se, ainda não. Gostarmos ou não, por enquanto, a Terra é onde temos de ficar.

Tem-se falado da astronomia como uma experiência criadora de firmeza e humildade. Não há, talvez, melhor demonstração das tolas e vãs soberbas humanas do que esta distante imagem do nosso miúdo mundo. Para mim, acentua a nossa responsabilidade para nos portar mais amavelmente uns para com os outros, e para protegermos e acarinharmos o ponto azul pálido, o único lar que tenhamos conhecido. 

O texto já ganhou várias versões narradas, o que lhe confere mais vida ainda. Vale a pena conferir:

  1. Daniel Ribeiro

    25 de fevereiro de 2014 em 17:43

    Cada estrela pode ser o Sol de alguém.

  2. Kuzan

    21 de fevereiro de 2014 em 12:42

    Somos como um pequeno elétron girando ao redor do nucleo de um átomo (sol) que faz parte de uma grande matéria (universo) com trilhões de outros como nós.

  3. Shun

    21 de fevereiro de 2014 em 11:39

    O vídeo é legal, mas a voz desse cara me deu sono…

    • SiegfriedWS

      21 de fevereiro de 2014 em 12:54

      Como assim cara? tinha que ser o viado do Shun para achar isso mesmo.
      O Guilherme Briggs é foda.

      • Shun

        21 de fevereiro de 2014 em 13:09

        Não disse que ele não é foda, só disse que fiquei com sono ao ouvir a voz dele (talvez pela maneira com que ele narrou o vídeo)

        • SiegfriedWS

          21 de fevereiro de 2014 em 13:26

          E alias, vamos pro momento propaganda kkkk
          Recomendo assistir ao nerdcast, é muito foda.

          • Shun

            21 de fevereiro de 2014 em 13:38

            Aquele lá do jovem nerd? nunca assisti, mas muita gente fala que é legal xD

          • SiegfriedWS

            21 de fevereiro de 2014 em 13:43

            Ele mesmo.

    • Lucas D

      21 de fevereiro de 2014 em 11:54

      É o dublador do Superman cara… Ou vai dizer que ficava com sono toda vez que assistia Liga da Justiça? XD

      • Shun

        21 de fevereiro de 2014 em 12:15

        Eu nunca assisti Liga da Justiça (se assisti, não me lembro muito bem)

        • Lucas D

          21 de fevereiro de 2014 em 12:36

          Ah é, esqueci que você já é tiozinho…

          • Shun

            21 de fevereiro de 2014 em 12:51

            Se eu que não tenho nem 20 anos ainda sou considerado tiozinho, então vocês devem uns 12 ou 14 anos, né aushuahsus

  4. Lucas Rodrigues

    21 de fevereiro de 2014 em 06:36

    O trecho tirado do livro é fantástico. E o vídeo com a narração do Guilherme Briggs foi melhor ainda, achava que era o Superman que estava narrando ou até mesmo o Optimus Prime rsrsrs
    Ótima matéria;

  5. Wellington Bianchi

    21 de fevereiro de 2014 em 01:20

    Muito legal o vídeo…

  6. Xface Xbook

    21 de fevereiro de 2014 em 01:06

    [img]http://1.bp.blogspot.com/-vOtXJAfM-cw/UOeBUNtyrPI/AAAAAAAAyTU/jllG3BGcK2w/s1600/piadas-+para+-facebook-piadas+(8).jpg[/img]

  7. Matheus Bitencourt

    21 de fevereiro de 2014 em 00:17

    EU AMO CARL SAGAN. Simplesmente o maior cientista de todos os tempos. Já li metade de suas obras, esse cara é um gênio.

  8. el chupacabra

    21 de fevereiro de 2014 em 00:13

    o universo é infinito as possibilidade também

  9. SiegfriedWS

    20 de fevereiro de 2014 em 23:46

    Guilherme Briggs é foda.
    E esse trecho foi retirado do Nerdcast 323, recomendo verem o Nerdcast, é muito foda.

    • Kuzan

      21 de fevereiro de 2014 em 12:30

      Ouvir né? mas nerdcast é foda 😀

      • SiegfriedWS

        21 de fevereiro de 2014 em 12:50

        Exatamente, ouvir, e espero que bastante miniluaticos vão la ouvir, porque é muito foda, e antes que me perguntem, ninguém me pagou por essa propaganda. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  10. wesley reis

    20 de fevereiro de 2014 em 23:38

    putz! vi esse videos hj na escola.
    Coincidencia ???

    • Marvelunatico

      20 de fevereiro de 2014 em 23:46

      Não! Na verdade isso foi uma conspiração, já que o Minilua é uma sociedade secreta altamente terrorista criada pelos Illuminatis, posteriormente chamados de Minillunatis, que obtiveram grande influencia no meio educacional, manipulando as materias estudadas nas escolas, concentrando seus interesses especiamente na sua escola, para que vc visse o mesmo video q foi postado aki e desse seu comentario altamente conspiratório, revelando toda a situação ja mencionada. Cuidado! Os Minillunatis estão atrás de você!

      • Kuzan

        21 de fevereiro de 2014 em 12:31

        Todos os ateus (eu tbm) daqui fazem parte dessa conspiração e estão querendo também tirar sua fé em Deus.

        • SiegfriedWS

          21 de fevereiro de 2014 em 12:53

          Prefiro a teoria de que o Diego é o capeta e que nos ateus do minilua somos demônios que o ajudam a converter os miniluaticos. KKK
          E sim, isso mesmo “KKK”, nenhum “K” a mais e nenhum “K” a menos.

  11. Marvelunatico

    20 de fevereiro de 2014 em 22:56

    Mt legal posts como esse!
    Essa questão toda de único mundo conhecidoe tal, me fez lembrar dos “Maiores Mistérios da Humanidade”…saudade
    #VOLTAMISTERIOS

  12. José Victor Coutinho

    20 de fevereiro de 2014 em 22:55

    “Somos feito de poeira cósmica…” Carl Sagan.

    Será que tudo isso importa?Religião, trabalho,escola…isso tudo concentrado em um pixel do universo, toda a nossa vida não passa de milisegundos para o grande universo. Somos nada comparado ao universo.

  13. Marvelunatico

    20 de fevereiro de 2014 em 22:49

    • 3 Hits

      20 de fevereiro de 2014 em 22:52

      Vaaaaaaaai planeta. kkkk

  14. Jeff Dantas

    20 de fevereiro de 2014 em 22:47

    E a pergunta que fica é: Estamos ou não sozinhos no universo? http://arquivoufo.com.br/wp-content/uploads/2012/04/aliens-ets.jpg

    • Ilto Campos

      21 de fevereiro de 2014 em 20:46

      Bilhoes de galaxias, trilhoes de sois e quatrihoes de planetas. Provavelmente exista vida sim, a unica questao seria a tecnologia.
      Sera que existe uma velocidade acima da luz?
      Sinceramente, se um dia alguns alienigenas vieram ate nois, pode ter certeza que estamos na idade da pedra, somos iguais aos homens de nandertal, enfim, estamos 50 mil anos atras desses seres, que pra nos poderiam serem considerados como Deuses.

      • Jabuscrêison

        21 de fevereiro de 2014 em 20:51

        Gostei de seu comentário e gostaria de conhecer-lo melhor. Aparenta ser uma pessoa agradável 🙂

    • Lucas Rodrigues

      21 de fevereiro de 2014 em 06:34

      Eu creio que não, acredito que eles já nos visitaram no passado e provavelmente estejam entre nós atualmente, só que muito bem escondidos.

    • SiegfriedWS

      20 de fevereiro de 2014 em 23:49

      O universo tem tantos planetas habitáveis, e se a vida ocorreu uma vez porque não poderia ocorrer novamente?

    • Terrorista

      20 de fevereiro de 2014 em 23:04

    • Vayne, A Cupida Mortal

      20 de fevereiro de 2014 em 22:56

      ss

    • Logan

      20 de fevereiro de 2014 em 22:51

      Existem relatos que levar a crer que sim, existe vida além desse planeta.

    • 3 Hits

      20 de fevereiro de 2014 em 22:49

      Eu acho que não. Penso que o universo é tão grande, que a possibilidade de ter vida de porte e pensamento razoalvelmente notáveis tem grande possibilidade. Agora, se nós ja fomos visitados ou não, ai ja é outra questão mais complicada.

    • O Mentalista

      20 de fevereiro de 2014 em 22:48

      Se existe vida em pelo menos um ponto do universo, pode existir em qualquer outro ponto.

  15. Logan

    20 de fevereiro de 2014 em 22:46

    Legal… mais Jeff coloca aí uns posts sobre Stephen King…

    • el chupacabra

      21 de fevereiro de 2014 em 00:09

      the mist é a minha obra preferida

      • Logan

        21 de fevereiro de 2014 em 00:26

        A Colheita Maldita também é muito foda…

  16. 3 Hits

    20 de fevereiro de 2014 em 22:46

    Muito boa a matéria: Carl Sagan é um grande homem, que ajudou o homem a criar uma visão sobre o espaço, e entendê-lo melhor.

  17. 3 Hits

    20 de fevereiro de 2014 em 22:44

    Muitos se acham importantes. As pessoas tentam centralizar sua existencia, e mostrar a todos que podem ser importantes. No ambito espacial são taõ desprezíveis que podem ser comparadas a um limite matemático, tendendo a zero. Mas ficar melancólico por isso não faz o menor sentido, pois nada disso importa. Cada um no espaço é como uma célula para os leigos: algo ínfimo. Mas os cientistas, com sua precisão, conseguem observar o que é uma célula, e conseguem entender a importancia de algo tão pequeno. O ser humano pode não ser nada comparado à imensidão do universo, mas o que ele sente, é o que realmente importa. Ele pode não ser nada, e ainda assim ser tudo: um ser capaz de ter emoções, entender o que há ao seu redor. Perceber que nao é nada é fácil, mas perceber que esse nada tem sua importancia, isso sim é uma virtude.

    • Kuzan

      21 de fevereiro de 2014 em 12:28

      Mais um voltou 😀

    • Lucas Rodrigues

      21 de fevereiro de 2014 em 06:31

      Mais um comment que precisa ir pro MDS 🙂

    • Logan

      20 de fevereiro de 2014 em 22:54

      Muito bom.

    • O Mentalista

      20 de fevereiro de 2014 em 22:46

      Muito boa observação.

      • Logan

        20 de fevereiro de 2014 em 22:49

        Muito bom.

48 Comentários
mais Posts
Topo