Minilua

Mulheres que venderam sua virgindade: Natalie Dylan #5

Após algum tempo na geladeira, resolvi retornar com a série “Mulheres que venderam a virgindade”, visto que se trata de um tema polêmico e interessante, sendo capaz de gerar uma boa discussão sobre o que é “certo” e o que é “errado”. Até onde uma pessoa pode chegar por dinheiro e fama? Existe um limite?

Essas mulheres superaram todos os limites e tabus e colocaram a cara a tapa, o motivo? Elas simplesmente leiloaram suas virgindades na internet e acabaram, pelo menos, ficando bastante famosas por sua coragem.

A história de hoje é de Natalie Dylan, uma jovem norte-americana que resolveu vender sua virgindade para pagar a universidade. O caso aconteceu em 2008, quando a moça tinha apenas 22 anos.

O local usado para o anúncio do leilão foi o Moonlite Bunny Ranch (um bordel licenciado e muito famoso na região de Mound House, Nevada, nos Estados Unidos). Em sua descrição, Natalie alegava que tinha o sonho de se formar na universidade, mas que não possuía condições financeiras suficientes para alcançar esse objetivo. “Sem outras opções”, ela teve a brilhante ideia de leiloar a sua castidade.

As transações e publicidade do anúncio foram bancados pelo programa “Howard Stern Show”. Após o fim de todos os lances, Natalie Dylan conseguiu arrecadar cerca de US$ 3,7 milhões, o que equivale a aproximadamente R$ 10,1 milhões.

Após finalizar o anúncio, Dylan virou uma celebridade e participou de diversos programas, além de conceder diversas entrevistas. Em uma delas, mais precisamente ao Dailymail, a jovem deu a seguinte declaração: “Fico chocada que alguém queira pagar tanto assim pela virgindade de outra pessoa – algo que nem é tão valorizado hoje em dia”.

Pouco se sabe sobre Natalie Dylan após ter leiloado sua virgindade, visto que a norte-americana sumiu do mapa com sua nova “fortuna”. Será que ela conseguiu ingressar e concluir a sua tão sonhada universidade?

Gostou do artigo? Deixe o seu comentário!