Natureza assassina #1

O homem tem a mania de se achar superior aos outros animais por possuir a inteligência como uma de suas características, mas existem tantos outros seres com poderes incríveis. Inclusive alguns possuem poder o bastante para matar um humano sem muitos problemas:




Baiacu

baiacu-203664-50eeeb2eb3ca9

Sabe aquele peixe bonitinho que infla quando quer? Pois bem, saiba que ele é um dos seres mais venenosos de todo o planeta Terra. Praticamente todos os peixes dessa família, chamada Tetraodontidae, possuem a capacidade de inflar e também de matar.

Das 120 espécies desse peixe, a maioria é pequena e vive em lugares tropicais, porém existem relatos de baiacus que chegaram a ter um metro de comprimento e isso não é a pior parte.

Quando sentem-se ameaçados, os baiacus inflam, sugando uma grande quantidade de água para dentro de si. Nesse mesmo momento, os espinhos que protegem sua pele ficam eriçados, transformando-o em uma espécie de porco-espinho marinho e venenoso.

490x0_80_1_c_FFFFFF_a5ee919db57f09e7c9746c6b84876011

Existe nesses peixes uma bactéria que produz Tetrodotoxina, uma poderosa neurotoxina. Após a ingestão do animal, a pessoa pode morrer entre 20 minutos e 8 horas. Os primeiros sintomas são a boca dormente, depois surge a sensação de leveza, seguida de paralisia corporal. Aos poucos, essa substância vai destruindo os nervos, até que a pessoa chega em um estado onde o corpo não aguenta mais. O pior de tudo é que o processo normalmente é acompanhando pela pessoa lúcida e somente muito perto da morte que ela perde os sentidos.

Cada baiacu tem, em média, veneno o bastante para exterminar 30 pessoas. O pior é que esse peixe é consumido em alguns países do mundo, como sendo uma iguaria. Obviamente, vários casos de envenenamento são registrados em tais lugares. O Japão sozinho teve mais de 600 casos de envenenamento em 9 anos, totalizando 179 mortes.




Box jellyfish

Malo-Kingi-002

Se um dia você sonhou em ter uma morte rápida, torça para que encontre um bicho desse perto do fim. Essa espécie de água viva existe em diversos lugares do mundo, sendo que apenas algumas são venenosas.

Uma delas é a malo kingi uma água-viva que tem poucos centímetros de tamanho, não sendo maior do que um dedo humano. Ela vive perto da Austrália e seu veneno causa algo chamado síndrome de Irukandji. Essa condição médica não costuma ser fatal, porém o tratamento tem que ser feito de maneira imediata, caso contrário o veneno pode se espalhar e causar a morte em pouco mais de vinte minutos.

box-jellyfish-chironex-fleckeri

A chironex fleckeri, também conhecida como vespa do mar, é um ser enorme, que vaga pelos oceanos, podendo ser encontrada desde a Austrália até o Vietnã. Ela chega a medir três metros e quando encosta os tentáculos em algo, solta pequenos espinhos que distribuem em veneno poderoso. O primeiro sintoma é uma dor indescritível, depois bastam três minutos para que a vítima morra.




Elefante

elefante2

Os elefantes parecem amigáveis, sempre com aquele jeitão meio lerdo, mas a verdade é que eles são assassinos de primeira, matando centenas de vezes mais do que tubarões, ursos e outros animais temidos.

Só na Índia, todos os anos morrem 100 pessoas devido a problemas com esses animais gigantes e ainda existe o Kenya, que dobra esse número. Fora todas as outras mortes ocorridas em outros países onde esses números nem chegam a ser registrados.

A verdade é que os pacíficos elefantes ficam furiosos em certas ocasiões, onde suas sete toneladas podem causar estragos sem iguais.

Um fato interessante é que no passado, os elefantes eram usados como carrascos em diversos países. Neles, pessoas condenadas a morte podiam ser pisoteadas pelos animais ou mesmo ter seus membros arrancados por dois ou mais elefantes. Felizmente esse tipo de pena de morte foi extinta no século XIX.

  1. Rens Ricardo

    19 de outubro de 2014 em 12:11

    o que doideira o baiacu e perigoso mais pesquisa também ouriço que morde

  2. Reinaldo

    11 de agosto de 2014 em 11:10

    Baiacu já é bem conhecido

  3. Ophelia Dilaurentis Soares

    9 de agosto de 2014 em 15:32

    como a natureza é linda 🙂

  4. Junior da Silva

    9 de agosto de 2014 em 15:00

    O homem ainda é mais inteligente que eles, em quase tudo.

  5. Vinicius Passos

    9 de agosto de 2014 em 10:33

    Uma baiacu pequeno já mordeu meu dedo, doeu muito, ainda bem q ele não inflou.

  6. Dr.V

    9 de agosto de 2014 em 10:09

    Ótima matéria.

  7. chapolim do mal

    9 de agosto de 2014 em 08:36

    Estranho eu estava assistindo ontem no discovery a história de um japones que queria dar uma de machão e pediu o orgão do baiacu onde produz o veneno, o chefe até negou mas ele pagou muita grana e o chefe acabou fazendo e ele comeu e morreu na mesma hora.

    • Adriano Saadeh

      11 de agosto de 2014 em 10:32

      Que paspalhão!
      hauhauhauhauhau

  8. Match

    9 de agosto de 2014 em 00:57

    Faltou os humanos ae, que também parecem amigáveis,mas, matam e desmatam (contraditório não?) mais que qualquer outra espécie.

    • Dracmageel

      10 de agosto de 2014 em 08:34

      na verdade o maior assassino é o mosquito 🙂

      • Match

        10 de agosto de 2014 em 11:23

        Mas provavelmente o humano pensa “Vou matar isso , vou ganhar dinheiro”, ja o mosquito pensa “OMG, sangue *–*”.
        Entendeu a diferença?
        O humano mata por ganancia, o mosquito provavelmente nem sabe que esta matando.
        A não ser que eles tenham um plano de destruir a humanidade e dominar o mundo, ai sim.

        • Emmanov Kozövisck

          10 de agosto de 2014 em 12:18

          Dizer que o homem é o maior “assassino e destruidor da natureza” é um clichê cansativo e desnecessário, que se repete em todas as matérias e assuntos pautáveis sobre a natureza. Eu, francamente, já estou enjoado dessa frase que embora seja verdadeira, não acrescenta em nada uma discussão biológica ou ambiental. Paremos de ter aquela maldita velha opinião formada sobre tudo e comecemos a discutir, ao invés de repetir frases já conhecidas por 90% da população mundial.

          Eu odeio os maniqueísmos de nossa humanidade, pois os “vilões” são sempre os humanos e os “santos” são as demais espécies que foram por nós destruídas. Primeiramente, vivemos em um sistema biológico no qual o mais apto sobrevive e o mais fraco morre; portanto, se o homem como um ser está no topo da cadeia é porque ele foi apto a atingir essa marca. É claro que não defendo a ideia de que “danem-se os animais, o planeta é nosso e podemos fazer o que quisermos com ele”, pois vivemos em um sistema de dependências múltiplas, ou seja, com o fim de uma espécie, outras morreram de forma progressiva e isso afetará diretamente o nosso planeta.
          Entretanto, eu gostaria de abordar uma questão que me inquieta há muito tempo: por que as pessoas dizem que animais tem sentimentos, como o amor, carinho e afeto, mas sempre ignoram o ódio, o ciúme, a inveja, a gula? Os animai, de maneira geral, matam para sobreviverem, mas não são incomuns os casos de atentados violentos motivados por sentimentos que são chamados erroneamente de “humanos”.

          E embora não justifique a questão, darei um exemplo razoável de minha opinião. A cadela de minha avó paterna ama-a e é muito apegada a ela, e por tal motivo ele intercepta e intervém nas relações entre ela e outros integrantes da família e animais.

          • Match

            10 de agosto de 2014 em 12:53

            Concordo Emmanov, mas pensa, qualquer ser que evoluísse a uma inteligencia superior( a ponto de criar armas e botar valor em papel) causaria uma grande destruição no planeta. Pois isso ocorre sempre, a espécie mais evoluida acaba expulsando ou destruindo o habitat de outras por ganancia ou fins próprios.
            Outra exemplo pode ser de animais mais adaptados que acabam invadindo outros territórios e expulsando os animais mais fracos e marcando aquele território como seu.
            O que quero dizer é o seguinte, a espécie menos evoluida sempre vai sofrer com os atos da mais evoluida sejam “animais” ou “humanos”.

          • Emmanov Kozövisck

            10 de agosto de 2014 em 17:45

            Da mais apta, e não da mais evoluída.

          • Match

            10 de agosto de 2014 em 19:32

            Pode ser, não me veio essa palavra em mente na hora que estava escrevendo a resposta.

  9. O Mentalista

    9 de agosto de 2014 em 00:01

    A pior coisa da natureza é a burrice humana….

    • Thanatos

      9 de agosto de 2014 em 08:10

      Não, é a prepotência.

      • Adriano Saadeh

        11 de agosto de 2014 em 10:31

        Sem dúvidas!

  10. Ponto.

    8 de agosto de 2014 em 22:46

    Existe um peixe que produz uma toxina usada em torturas, ela paralisa seu corpo por inteiro porém você ainda permanece com todos os sentidos, além disso a pessoa não consegue perder a consciência ja que o corpo ta paralisado ela não passa por stress. Tenso.

  11. Terrorista

    8 de agosto de 2014 em 22:15

    São inofensivos se comparados com a maldade humana.

    • Terrorista

      8 de agosto de 2014 em 22:16

      Eu tô em touch né, daí quase que eu comento “analdade humana” sem querer.

      • Luís Felipe

        8 de agosto de 2014 em 22:48

        Nobody yes door.

        • Terrorista

          8 de agosto de 2014 em 23:23

          vai toma no cu amg

  12. Luís Felipe

    8 de agosto de 2014 em 22:06

    Hj eu tô d bom humor. Lá vai uma piada sem graça:
    “Qual nome de peixe q junta um estado brasileiro e uma parte do corpo?”

    • Mutley

      9 de agosto de 2014 em 11:18

      HIPER BLASTA MEGA FUCKAWESOME PRASSA

    • cara anonimo

      9 de agosto de 2014 em 00:05

      O cara da praça é nossa vai te contratar antes do Zorra !

    • bais ou benos

      8 de agosto de 2014 em 23:32

      Fruta que partiu mano kkkkk tão ruim que chega a ser engraçado kkk

    • XlukazX

      8 de agosto de 2014 em 22:47

      BAHIA CU kkkkkkkkkkkkk

  13. Jeff Dantas

    8 de agosto de 2014 em 21:58

    • Mutley

      9 de agosto de 2014 em 11:10

      Tem cara de mafioso [i] Andrà alla famiglia Corleone [/i]

    • Little pip

      8 de agosto de 2014 em 22:43

      [img]http://media.giphy.com/media/v9XOvFXsEZlKM/giphy.gif[/img]

    • Allen Walker

      8 de agosto de 2014 em 22:29

      Eu acho tão fofin :3

      • DCemblemático

        8 de agosto de 2014 em 23:08

        Voltou com o perfil do Allen de novo, descobriu que o kirito é realmente traveco né he-he-he

  14. Emmanov Kozövisck

    8 de agosto de 2014 em 21:55

    Nenhum ser do reino animal é totalmente pacífico, pois o que rege a natureza e os seres é a lei da sobrevivência; vida ou morte.

    • Francisco Junior

      12 de agosto de 2014 em 23:35

      Você mataria alguém pra sobreviver?

  15. DCemblemático

    8 de agosto de 2014 em 21:51

    Elefantes nunca esquecem he-he-he

  16. cara anonimo

    8 de agosto de 2014 em 21:45

    Eu gostava desses animais, agora eu não gosto mais ! ;-;

    • Jeff Dantas

      8 de agosto de 2014 em 21:58

      Nossa, mas pq? O que eles te fizeram? 🙂

      • cara anonimo

        9 de agosto de 2014 em 00:04

        Mas já sabia que eles matavam pessoas ! 🙂

      • cara anonimo

        9 de agosto de 2014 em 00:03

        Nada, mais fiquei com medo deles agora ! ( P.S : Achava que elefantes não matavam pessoas ! )

42 Comentários
Topo