Minilua

Por onde andam os atores de “Arquivo X”? #29

Arquivo X (The X-Files) foi uma premiada série de ficção científica da FOX nos anos 90. Criada por Chris Carter, a série teve nove temporadas (de setembro de 1993 à maio de 2002) e os personagens e slogans, como por exemplo, “The Truth Is Out There” (A verdade está lá fora), “Trust No One” (Não confie em ninguém), “I Want to Believe” (Eu quero acreditar), tornaram-se marcos na cultura pop na década de 1990.

Na série, os agentes do FBI, Fox Mulder (David Duchovny) e Dana Scully (Gillian Anderson) são investigadores de casos não solucionados envolvendo fenômenos paranormais. Mulder acredita na existência de extraterrestres e em paranormalidade, enquanto Scully, uma médica cética, é designada para fazer análises científicas das descobertas de Mulder. Ainda no começo da série ambos agentes tornam-se alvo de uma trama conspiratória, e passam a confiar apenas um no outro. Eles desenvolvem um relacionamento próximo, começando com um sentimento platônico e depois… enfim.

No Brasil a série foi exibida pela Rede Record e pela FOX Brasil, e atualmente pode ser assistida no TCM ou através do Netflix.

 

David William Duchovny (Fox Mulder)

Duchovny, nascido em 7 de Agosto de 1960, atualmente interpreta um escritor fracassado e viciado em sexo chamado Hank Moody na série Californication, que já está chegando em sua sétima temporada.

Na vida real, em 2008, Duchovny revelou que havia se internado em uma clínica de reabilitação para se tratar de seus problemas de compulsão sexual. Especialistas em distúrbios sexuais estimam que cerca entre 3 e 5 por cento dos norte-americanos – inclusive mulheres – tenham essa compulsão.

Segundo a Clínica Mayo, os sintomas podem incluir uma grande promiscuidade sexual, passar horas vendo pornografia e usar o sexo como válvula de escape para problemas como depressão ou estresse. Normalmente esse comportamento é cercado por segredo e vergonha, e o paciente tem dificuldades no envolvimento emocional.

“A Internet forneceu um nível de acesso [à pornografia] antes indisponível. Muita gente tem esse problema, e a Internet induziu a isso”, disse Rob Weiss, diretor-executivo do Instituto de Recuperação Sexual, de Los Angeles.

Duchovny foi casado com a também atriz Téa Leoni (de “As Loucuras de Dick e Jane”), com quem possui dois filhos, Madelaine West Duchovny, nascida em 1997 e Kyd Miller Duchovny, nascido em 2002. O casal se separou em 2011 e atualmente, quando não está trabalhando, o ator passa seu tempo praticando yoga ou esportes como natação, boxe e basquete.

 

 

Gillian Leigh Anderson (Dana Scully)

Nascida em 9 de agosto de 1968, a atriz é a que mais participou da série rodando 198 dos 201 episódios produzidos. Ela se afastou da produção do programa durante três capítulos na segunda temporada para dar a luz a sua primeira filha Pipper Maru Anderson (foto abaixo), que teve com o produtor da série, Clyde Klotz.

Após o final da série, Gillian se mudou com a família para Inglaterra onde participou de produções locais, principalmente mini series produzidas pela BBC. Ela trabalhou pouco na TV e no cinema, justamente para cuidar um pouco da vida pessoal e de sua paixão pelo teatro.

Em 2006 se divorciou do jornalista e documentarista Julian Ozanne e passou a viver com o namorado Mark Griffiths, com quem teve dois filhos, o Oscar Griffiths, nascido em 2006 e Felix Griffiths (foto abaixo) nascido em 2008.

Voltou aos holofotes nos ano de 2008 ao rodar o filme Arquivo X – Eu Quero Acreditar e em 2011 com O Retorno de Johnny English, ao lado do grande Rowan Aktinson, o Mr Bean.

Em agosto de 2012, após seis anos juntos, Gillian Anderson e Mark Griffiths se separaram.

 

Robert Patrick (John Doggett)

O eterno T-1000 de Exterminador do Futuro 2: O Julgamento Final participou da 8ª e 9ª temporadas da série. É casado com a atriz Barbara Patrick, com quem possui dois filhos, Austin e Samuel. Atuou em dezenas de filmes desde o fim da série e segue na ativa, inclusive fazendo participações em inúmeras séries.

Participa ativamente de quase todas as edições do Love Ride, uma corrida de motocicleta de caridade que acontece anualmente na parte sul da Califórnia. Robert é irmão de Richard Patrick, ex – guitarrista do Nine Inch Nails.

 

Anne Elizabeth Gish (Monica Reyes)

Nascida em 1971, Annabeth Gish (nome artístico) entrou na série para os produtores darem um pouco de descanso para Gillian Anderson que ficava cada vez mais exausta com a rotina intensa de gravações. Sua personagem virou fixa no nono ano e, assim como Robert Patrick, conquistou os fãs aos poucos.

Participou de vários seriados após o fim da série, seu papel de maior destaque foi no elogiado drama Brotherhood onde fez uma dona de casa com depressão. Participou também de seriados como Once Upon a Time, Pretty Little Liars e Parks and Recreation.

 

William Bruce Davis (O Canceroso)

Apesar de ser conhecido por seu personagem fumante, Davis parou de fumar na década de 1970. O ator e diretor usou sua notoriedade na série para ajudar a Sociedade Canadense do Câncer e seus programas contra o fumo.

Em sua vida pessoal, trabalha na Sociedade Canadense do Câncer e apresenta palestras sobre ceticismo. Também é um antigo campeão de esqui aquático e por um tempo deteve vários recordes em divisões da terceira idade.

Atuou em séries como Stargate SG-1 e Smallville e, mais recentemente, voltou a direção escrevendo e dirigindo peças, curta-metragens e alguns episódios da série 49th & Main.

 

Mitchell Craig Pileggi (Walter Skinner)

Bastante querido pelos fãs de Arquivo X, mesmo com seu personagem não aparecendo tanto quanto deveria, Mitch é o ex-ator da serie mais atuante. Nos últimos anos, ele emplacou como astro convidado nos seriados Lei e Ordem: Unidade de Vitimas Especiais, The West Wing: Nos Bastidores do Poder, Estética, CSI, Arquivo Morto, Reaper, Castle, The Finder e Contra a Parede. Também ganhou personagens recorrentes nas series Stargate: Atlantis, Sobrenatural, Sons of Anarchy, Grey’s Anatomy e atualmente está na continuação de Dallas.

 

Brian Thompson (caçador de alienígenas)

Nascido em 1959, o ator americano sempre atuou principalmente em filmes de ação, com sua combinação de mandíbula quadrada, voz poderosa e estatura imponente (1,93m).

Após o fim da série Brian atuou em poucos filmes mas fez diversas participações em séries como NCIS, Star Trek: Enterprise, Chuck e Californication.

 

Nicholas Lea (Alex Krycec)

Apesar de vilão, Krycec caiu nas graças do publico feminino da serie por fazer o tipo cafajeste. Assim como Willian B. Davis, Nicholas Lea mora no Canadá e fez participações em filmes e séries rodadas lá. Entre os mais conhecidos estão V: Visitantes, Sobrenatural, Once Upon a Time e Continuum.