Provando a existência de Deus

Quando as pessoas começam a falar de religiões, normalmente uma discussão sem fim se desencadeia. Mas será que essas discussões intermináveis não podem ser resolvidas de forma simples e efetiva?




O ônus da prova

deus

Para quem não conhece, o ônus da prova é como uma regra criada para deixar as discussões mais lógicas. Ela diz que a pessoa que afirma algo é a responsável por provar aquilo que afirma. Caso alguém simplesmente diga algo e não possua provas disso, o que foi dito deve ser desconsiderado.

Esse tipo de pensamento é levado muito a sério, tanto que, na verdade, todos os sistemas de justiça se baseiam nele. Quando alguém é julgado, o promotor sempre precisa provar que o réu é culpado, afinal, o ônus da prova é dele, que está acusando a pessoa. O réu, que está simplesmente negando a acusação, não precisa provar nada. Ou seja, se o acusador não for capaz de provar a culpa do réu, o réu não precisa provar que não cometeu o crime. Isso ocorre porque quem fez a afirmação de culpa foi o acusador e, como ele não foi capaz de comprovar sua história, ela é descartada como falsa.

Para facilitar o entendimento, vamos pegar um exemplo exagerado. Imagine que você está na rua e alguém lhe pare e conte a seguinte história: “Ontem eu estava em casa de noite e vi uma vaca voando em cima da minha cama, depois ela pousou e falou para mim que hoje o mundo vai acabar. Após tomar café na mesa, ela saiu voando de novo, enquanto leite rosa saía de suas tetas”.

A pergunta que surge é: Quem tem que provar alguma coisa sobre essa história? O contador dela ou você? A resposta lógica é que o contador deve ser o responsável pelas provas, afinal foi ele quem fez a afirmação inicial. Imagine se toda vez que uma pessoa ouve algo absurdo, ela tivesse que desmentir a história… Certamente tudo ficaria mais complicado.

sky

A mesma situação ocorre com uma discussão religiosa. Em muitos casos, quando um religioso afirma algo, ele joga a responsabilidade de provar o contrário a quem discorda dele, mas a afirmação primordial da discussão é feita pelo mesmo, afirmando que algo aconteceu ou existe.

Ou seja, em qualquer situação da vida, quando você afirmar algo, saiba que a responsabilidade de provar sua história cabe apenas a você e a mais ninguém.




Prove que não existe

invisible_pink_unicorn_by_dethklocalypse-d4gsh12

Um argumento bastante repetitivo em uma discussão religiosa é o seguinte: “Você não pode provar que Alá/Deus/Ganesha não existe.” Realmente, ninguém pode provar que não existe, mas ninguém é capaz de provar a inexistência de qualquer coisa… Pense um segundo.

99,999999% das pessoas não acreditam que existam macacos rosas voadores. Você provavelmente não acredita neles também. Mas teria como provar que eles não existem?

Você poderia dizer que nunca viu um, que não existem relatos, fotos, vídeos ou que seria impossível tal bicho existir devido as suas características. Mesmo assim, isso não provaria que ele não existe, afinal, pode haver um mundo no Universo onde eles existem. Ou seja, ninguém pode provar que algo não existe. Até porque se algo não existe, esse algo não vai deixar nenhuma prova de sua inexistência por aí…

É por isso que todas as pessoas acreditam em coisas que podem ver, tocar, cheirar ou comprovar sua existência das mais diversas maneiras. Também é por isso que algumas pessoas não acreditam em diversas coisas, não por ter sido provado que não existem, mas sim devido à falta de evidências de que tal coisa exista.

Por isso, a falta de evidências de que algo existe é aceito como argumento de não existência, caso contrário, qualquer coisa maluca que uma pessoa disser existir (vide exemplo da vaca voadora), teria que ser aceita como real.

  1. Cledson Oliveira Souza

    20 de abril de 2016 em 08:35

    Além mentiroso é cego! como é que um post desse tem tantos inscritos?

  2. Arnaldo Ribeiro

    16 de novembro de 2015 em 17:04

    (JR.3.19)–MAS EU A MIM ME PERGUNTAVA: SERÁ QUE DEUS É BRASILEIRO?
    (TB.12.6) – Então lhes falou o Anjo assim em segredo:
    (ES.68.5) – O SENHOR DEUS QUERIA SER O SABER NO ESPÍRITO BRASILEIRO, E REALMENTE O SERÁ: ALELUIA !… (AR.68.5)
    (LC.11.49) – Por isso também disse a sabedoria de Deus: Recomponho as 68 letras e 5 sinais acima, para marcar o princípio da Santa Jornada que a Providência Divina predestinou aos Cristãos, ao lermos assim:
    (IL.68.5) – ARNALDO RIBEIRO: O SENHOR É O SER QUE SABE LER A SI, E O TEU NOME ESPIRITUAL SERÁ ISRAEL !
    (AP.3.7) – ESTAS COUSAS DIZ O SANTO, O VERDADEIRO, AQUELE QUE TEM A CHAVE DE DAVI, QUE ABRE, E NINGUÉM FECHARÁ, E QUE FECHA, E NINGUÉM ABRIRÁ: (AR.100.8)
    Faço o mesmo com as 100 letras e 8 sinais acima, mostrando que:
    FIZ UM SANTO GUIA DOS GUIAS, QUE SE CHAMA ARNALDO RIBEIRO, QUE TEM FÉ E SABE VIVER, QUE ENTENDE, QUE CONHECE A VERDADE, E A ACHARÁ: (IL.100.8)
    (JB.6.45) – ESTÁ ESCRITO NOS PROFETAS: (LE.7.12) – A SABEDORIA PROTEGE COMO PROTEGE O DINHEIRO; MAS O PROVEITO DA SABEDORIA É QUE ELA DÁ VIDA AO SEU POSSUIDOR: (109.6)
    Idem, idem, 109 letras e 8 sinais, idem…
    E O PAI DO GUÍA DOS GUÍAS SE CHAMA ARNALDO RIBEIRO: E O ESPÍRITO SANTO SABE QUE É VERDADE; E CRISTO PODE MOSTRAR ESSE PROFETA À TODO O POVO: (IL.109.6)
    (PV.16.1) – O CORAÇÃO DO HOMEM PODE FAZER PLANOS, MAS A RESPOSTA CERTA VEM DOS LABIOS DO SENHOR: (AR.67.3)
    Idem, idem, 67 letras e 3 sinais, idem…
    NOSSO HOMEM TEM PASSADO PROVA DE SABER, PELA CERTEZA NO CORAÇÃO DOS FILHOS DO AMOR: (IL.67.3)
    (TB.5.21) – Fazei boa jornada, e Deus seja convosco no vosso caminho, e o seu Anjo vá em vossa companhia.

  3. Arnaldo Ribeiro

    28 de janeiro de 2015 em 14:48

    DEUS É AMOR: E É O EXERCÍCIO DESTE AMOR QUE PROVA A SUA EXISTÊNCIA:
    (JR.5.21) Ouvi agora isto, ó povo insensato que tendes olhos e não vedes, tendes ouvidos e não ouvis; (1TS.4.3) pois esta é a vontade de Deus: A vossa santificação, que vos abstenhais da prostituição; (LS.1.12/13) porqu Deus não fez a morte, nem se alegra na perdição dos vivos: Não queirais buscar ansiosos a morte, no descaminho da vossa vida, nem adquirais a perdição com as obras das vossas mãos:
    (HC.2.19) Ai daquele que diz ao pau: Acorda! E à pedra muda: Desperta! Pode o ídolo ensinar? Eis que está coberto de ouro e de prata, mas no seu interior não há fôlego nenhum: (AT.3.15) Dessarte, matastes o Autor da Vida, a quem Deus ressuscitou dentre os mortos, do que nós somos testemunhas: (JB.7.48) Porventura creu Nele alguém dentre as autoridades, ou algum dos fariseus? (RM.3.3) E daí? Se alguns não creram, a incredulidade deles virá desfazer a fidelidade de Deus? (JB.3.23) Ora, o seu mandamento é este: (MC.12.33) Amar a Deus de todo o coração, de todo o entendimento e de toda a força, e amar ao próximo como a si mesmo:
    (JB.4.23) Mas vem a hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores: (LS.19.23) E há quem fala francamente e não diz senão a verdade, (RM.4.3) pois que diz a escritura? (JB.4.24)Deus é Espírito;e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade, (RM.1.20) porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade; claramente se reconhecem desde o principio do mundo, sendo reconhecidos pelas cousas que foram criadas:
    (HB.11.1) Ora, a fé é a certeza de cousas que se esperam, a convicção de fatos que não se vêem: ((SL.100.3) Sabei que o Senhor é Deus, foi Ele quem nos fez e Dele somos; somos o seu povo e o rebanho do seu pastoreio: (CL.3.23/24) Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como sendo para o Senhor, e não parta homens; cientes de que recebereis do Senhor a recompensa da herança: A Cristo, o Senhor, é que estais servindo; (DT.1.38) porque Ele fará com que Israel a receba: (SL.32.11) Alegrai-vos no Senhor e regozijai-vos, ó Justos, exultai-vos, todos que sois retos de coração; (1TS.3.8) porque agora vivemos, se é que estais firmes no Senhor: (1cO.15.38) Portanto, amados irmãos, sede firmes, inabaláveis e abundantes na Obra do Senhor, Sabendo que no Senhor o vosso trabalho não é vão:
    (LE.12.13) De tudo o que se tem ouvido a suma é: Temei a Deus e guardai os seus mandamentos;porque isto é dever de todo Homem: (JR.21.8) Eis que ponho diante de vós o caminho da vida e o caminho da morte: (JB.14.6) Eu sou o caminho a verdade e a vida: (LV.19.4) Não vos virareis para os ídolos, nem vos fareis deuses de fundição: Eu sou o Senhor Vosso Deus: (IS.41.4) Quem fêz e executou tudo isto?(DT.27.26) Maldito aquele que não confirmar as palavras desta lei, não as cumprindo: (IS.46.8) Lembrai-vos disto e tende ânimo, ó prevaricadores; (LS.14.12) porque o culto aos ídolos é o princípio da corrupção da vida:
    (AT.3.17) Agora, Irmãos, Eu sei que o fizestes por ignorância, como também as vossas autoridades; (IS.9.16) porque os Guias deste povo são enganadores, e os que Por eles são dirigidos, são devorados:(TG.121) Portanto, despojando-vos de toda impureza e acumulo de maldade; acolhei, com mansidão, a palavra em vós implantada, a qual é poderosa para salvar a vossa alma:

  4. Dimitre calandrini Abrahamov

    22 de setembro de 2014 em 13:43

    “É possível que repentinamente, sem intenção, tenhamos nos deparado com a prova científica da existência de um ser supremo?”.
    Essa afirmação é do cientistas George Greenstein;
    Os que não possuem fé não foram capazes de explicar as incríveis “coincidências” para o surgimento da vida na terra . O físico teórico Stephen Hawking, um agnóstico, escreve:
    “O fato incrível é que os valores desses números parecem ter sido ajustados com muita exatidão para tornar
    possível o desenvolvimento da vida”.[6]
    Os cientistas avaliaram a probabilidade de tal ajuste assombroso ter sido acidental. Os estatísticos sabem que
    mesmo tiros às cegas podem acertar o alvo. Então, qual é a probabilidade contra a existência de vida por puro
    acaso? De acordo com a maioria dos cientistas, as chances de nós estarmos aqui por puro acaso é impossível.
    Os cosmologistas compararam as probabilidades contra a vida ocorrer por acidente os as de atirar uma flecha da
    Terra em um pequeno alvo em Plutão e acertar na mosca. Imagine a engenharia necessária para que tal façanha
    fosse possível. Tal probabilidade seria comparável com ganhar mais de cem loterias comprando apenas um
    tíquete de cada uma. Impossível — a menos que este resultado fosse arranjado por alguém nos bastidores. E é
    isso que muitos cientistas vêm concluindo — que alguém nos bastidores projetou e criou o universo.

  5. Wagner Fernandes Albernaz Fernandes

    6 de agosto de 2014 em 00:10

    boa

  6. Julio Pezente

    30 de julho de 2014 em 13:35

    DEUS É TÃO ONIPOTENTE E TUDO MAIS QUE TEVE A PACIÊNCIA DE NOS DAR O LIVRE ARBITRIO PARA TOMAR-MOS NOSSAS PRÓPRIAS DECISÕES SE QUEREMOS TOMAR GUARANA OU CERVEJA POR EXEMPLO, SE QUEREMOS SER BOM OU RUIM, AGIR CERTO OU ERRADO E ASSIM POR DIANTE.
    E SÓ INTERFERE QUANDO ALGO CHEGA NO EXTREMO E PODE AFETAR A HUMANIDADE INTEIRA, CASO EM QUE SÓ ELE PODE PREVER POR SER ONICIENTE, E AI ACONTECE ALGUMAS CATASTROFES INACREDITAVÉS, PARA TENTAR MOSTRAR A NÓS, SERES HUMANOS…….. , QUE SOMOS CRIATURA E O CRIADOR É ELE. MAS AINDA ASSIM TEMOS PESSOAS NO PODER QUE SE ACHAM DEUSES, OU QUASE ISTO, SÓ PENSAM EM LUXO, RIQUESAS, PODER, E APESAR DE TEREM MUITO AINDA QUEREM MAIS E SE ESQUECEM, DOS MENOS NECESSITADOS, QUE DEPENDEM DE SUAS DECISÕES LA EM CIMA, PARA VIVEREM COM UM POUQUINHO DE DIGNIDADE AQUI EM BAIXO, COMO POR EXEMPLO A FALTA DE EDUCAÇÃO, QUE PARA OS GOVERNANTES É MUITO COMODO POIS PESSOAS MAL EDUCADAS QUE NÃO SABEM EXERCER SEU PODER NA SOCIEDADE, E DIFERENCIAR OS QUE SÃO HONESTOS DOS FALSOS, SÃO “MELHOR CONDUZIDAS” ATRAVÉS DA MIDIA, E ATÉ MESMO DAS RELIGIÕES.
    A FALTA DE SAUDE PUBLICA, QUE TANTO NOS FALTA NOS NOS MAIS VARIADOS LOCAIS, ONDE MUITAS VEZES DEPENDEMOS DE FAVORES PARA SERMOS ATENDIDOS EM SITUAÇÕES QUE TODOS SABEMOS SER DE OBRIGAÇÃO PUBLICA O ATENDIMENTO E QUANDO NÃO TEMOS A QUEM RECORRER PESSOAS MORREM EM UM CORREDOR DE HOSPITAL, POR FALTA DE ATENDIMENTO. E POR ULTIMO E NÃO MENOS IMPORTANTE, A FALTA DE SEGURANÇA, QUE HOJE ESTA DESVALORIZADA, DESMOTIVADA, E É USADA DE FORMA A DEFENDER INTERESSES PARTICULARES DOS PODEROSOS QUE ESTÃO NO GOVERNO. ENGANANDO O POVO E OS PRÓPRIOS AGENTES DA LEI QUE SÃO USADOS COMO MOEDA DE TROCA, COMO POR EXEMPLO NOS EVENTOS GRANDES COMO JOGOS DE FUTEBOL, FESTA DE PEÃO DE BOIADEIRO, E VÁRIAS OUTRAS. ONDE SE DA O NOME SEGURANÇA PUBLICA, QUANDO NA VERDADE DEVERIA SER TROCA DE FAVORES, POIS OS MAIORAIS FORNECEM A MÃO DE OBRA “OS AGENTES DE SEGURANÇA” EM TROCA GANHAM TODO TIPO DE MORDOMIA NOS EVENTOS E NA VERDADE AS PESSOAS QUE REALMENTE MERECEM NÃO GANHAM NADA NEM MESMO A “DITA SEGURANÇA”, AFINAL HOJE EM DIA SE MATA POR UM PAR DE TÊNIS OU ATÉ MENOS.
    BEM MAIS O FATOS É QUE DEUS EXISTE, TENHA CERTEZA E ISTO É A UNICA COISA QUE PODEMOS CRER COM TODA A CERTEZA E ESTA NOS OBSERVANDO E AGUARDANDO O DIA EM QUE RETORNARÁ PARA A COLHEITA, DAS ALMAS DOS PUROS DE CORAÇÃO, ENQUANTO QUE OS OUTROS SERÃO APENAS LEMBRADOS DE SEUS ATOS FALHOS E CONDUZIDOS AO DEVIDO LUGAR.
    QUANTO A RELIGIÃO EXISTEM MUITAS, ALGUMAS BOAS E SINCERAS OUTRAS RUINS E DESONESTAS, PORÉM DEUS É UM SÓ E É ONICIENTE, NO DIA DO JUIZO FINAL VOCÊ SABERA SE VALEU A PENA SEU ESTILO DE VIDA.
    EU PESSOALMENTE LANÇO UM PEQUENO E SIMBÓLICO DESAFIO……..
    ESTOU MEIO QUE COPIANDO, MAS COPIAR COISAS BOAS NÃO É PECADO……
    SUPONDO QUE ESTAMOS EM DUAS PESSOAS EU E MAIS ALGUÉM EU CONFIO EM DEUS QUE ELE EXISTE E VAI VOLTAR UM DIA PARA BUSCAR OS JUSTOS PARA SEU CONVIVIO.
    E A OUTRA PESSOA NÃO ACREDITA EM DEUS, ELE NÃO EXITE TUDO ISTO DE FÉ É BOBAGEM……….
    BEM ENTÃO ACHO AS CHANCES DEVEM SER DIVIDIDAS EM 50%, PARA MIM E 50% PARA ESTA OUTRA PESSOA É JUSTO NÃO?….
    BEM ENTÃO VAMOS LÁ.
    EU ACREDITANDO EM DEUS, TENTO ERRAR CADA VEZ MENOS, ESTOU SENDO UM MELHOR PAI, UM MELHOR MARIDO, UM MELHOR AMIGO ENFIM UMA PESSOA MELHOR.
    SE NO FINAL DA MUNHA VIDA, DEUS NÃO EXITIR, TUDO EM QUE EU ACREDITEI FOR MENTIRA…BEM …O QUE EU PERDI…. VOMOS VER. VIVI MELHOR, SENDO HONESTO, FAZENDO O BEM AOS OUTROS, NÃO TRAI MINHA ESPOSA NEM MEUS FILHOS, FIZ AMIZADES, EVITEI DE FAZER FOFOCAS.
    BEM ACHO QUE NÃO PERDI NADA…..
    BEM ENTÃO VAMOS AGORA VER A OUTRA PESSOA, A QUE NÃO ACREDITAVA EM DEUS E EM SUA PALAVRAS.
    O QUE VOCÊ PERDEU…..
    BEM IRMÃO, ACHO QUE PERDEU TUDO…..
    VAI PASSAR A ETERNIDADE NO SOFRIMENTO, LEMBRANDO DAS COISAS BOAS QUE PODERIA TER FEITO, MAS ESTAVA OCUPADO APROVEITANDO, OS PRAZERES DA VIDA HUMANA E NÃO PODE DAR UM POUQUINHO DESTE TEMPO PARA FAZER AS COISAS DE DEUS.
    DIGO ISTO PORQUE JÁ FUI DO MUNDO E VIVI ERRADAMENTE, COISAS QUE TENHO ATÉ VERGONHA DE LEMBRA, EU FIZ.
    NÃO SEI SE ESTOU PERDOADO OU SE VOU MORAR COM ELE NA CIDADE SANTA.
    MAS TE GARANTO QUE ESTOU ME ESFORÇANDO PARA ERRAR MENOS E MUITAS VITÓRIAS TENHO CONSEGUIDO.
    FIQUEM COM DEUS …IRMÃOS.
    AMÉM…….

  7. Wagner Gustavo

    26 de julho de 2014 em 23:13

    prova da existencia de Deus por Olavo de Carvalho https://www.youtube.com/watch?v=0Xsst7YtDKQ

  8. Marcos Duque

    4 de julho de 2014 em 11:13

    O post tem razão. Eu também não acredito em Big Bang, Evolução das espécies e outros dogmas científicos. Isso só vai mudar se eu mesmo comprovar os fatos. Pensei em jogar um iPhone no meio de uma tribo que NUNCA viu um homem branco para testemunhar, na surdina, índios rirem de quem defender que aquilo foi feito por alguém jamais visto. Ser ateu jamais será sinônimo de inteligência, demonstra, apenas, a incapacidade de acreditar que tudo que existe surgiu espontaneamente é deveras… fantasiosa!

  9. Allan Reichert

    26 de junho de 2014 em 21:21

    Entendi que o texto confunde a regra de “o indivíduo não precisar provar algo que não fez”. Tem que provar que existe e não a “Não-existência”. Apenas questionando o texto e não a crença.

  10. Lucas Araujo Maciel

    26 de junho de 2014 em 20:27

    Legal vamos todos acreditar que há um homem invisível nas nuvens olhando por você, só pode ser a decisão mais sensata possível !
    A religião foi criada como forma de manipular o povo, basta o mínimo conhecimento histórico da humanidade para se notar toda a manipulação por traz de seus falsos dogmas
    Deus foi criado como um símbolo de esperança para humanos terem em que se apoiar em momentos de dificuldades e principalmente para controlar revoltas em frente aos problemas.
    Eu desprezo qualquer religião, acho um grande atraso a humanidade, mas não confunda meu desprezo com oposição, vc tem o total direito de acreditar na loucura que quiser.
    Citando Voltaire (não exatamente nas mesmas palavras): posso não concordar com um palavra do que disse, mas defendo até o morte o seu direito de dizê-las
    Uma vez que seja necessário uma guia para ser bom, vc não passa de um animal irracional domesticado!
    ABORTO—-PENA DE MORTE—-DESENVOLVIMENTOS TÉCNICOS/CIENTÍFICOS—-LIBERDADE—-Dentre muitos outros !
    O homem deixa de existir quando abre mão da razão!

  11. VanDrak SubZero

    26 de junho de 2014 em 15:25

    Quem disse que não existem Vacas voadoras?! u.u
    ELAS EXISTEM SIM!

  12. Jonas Lopes

    26 de junho de 2014 em 10:59

    A questão de provar a existência de Deus é extremamente fácil a minha opinião.
    Não entro aqui na discussão sobre sua existência quanto matéria, algo palpável, mas sim quanto algo influenciador. Algo que influencia milhares de pessoas capazes de ações cruéis ou altruístas já se prova como real para os humanos.
    Não entrarei no mérito das ações (que fazem da Igreja Católica o “mau” perante muitos e a maior instituição de caridade da história da humanidade para outros).
    Quero apenas dizer que enquanto existir a fé em algo e esta fé influenciar pessoas, este algo existi. Dessa forma ocorre a existência de Deus devido aos sacrifícios, caridades, guerras e conciliações que Ele provoca, assim como ocorreu a existência de Zeus durante a antiga Grécia, tupã perante algumas tribo, o poder místico do pajé e etc. O fato de eu acreditar ou não e poder provar ou não o que é real ou imaginária não a transforma em irreal a partir do momento que me impacta. Eu devo assumir a sua “existência como algo”, mesmo que não concorde com essa existência.

  13. Iron Man

    26 de junho de 2014 em 01:10

    Eu quero mais que todo mundo acredite mesmo , assim eu vou ser o único macaco pelado com cérebro … o/

  14. Totalmente sem sal

    25 de junho de 2014 em 19:12

    Interessante a matéria. Basicamente ela diz que se você disser algo, você é obrigado a comprovar aquilo. No entanto, ao mesmo tempo não da pra dizer que algo não exista, pois pode existir em algum lugar.
    Mas acho que isso talvez não se aplique a um religioso. A religião, diferente da ciência não exige “provas”. um religioso é movido pela fé. Que seria a idéia de acreditar sem ter provas. Acho que por isso essas discussões entre Ateus e religiosos sempre acabam dando em nada. porque os dois se baseiam em criterios completamente diferentes. Um acredita sem provas, seguindo uma escritura, histórias, fábulas ou essas coisas. O outro necessita de provas ciêntificas dos fatos.
    Ou seja. existe o ônus da prova que prevê que você deve comprovar o que diz. Mas nem todos necessariamente vivem de acordo com o ônus da prova. Eles simplesmente pensam fora desse paradigma. Isso talvez não queira dizer que esse alguém está errado. Talvez ele simplesmente não siga esse padrão que toda a sociedade segue.

    • Iron Man

      26 de junho de 2014 em 01:13

      Acreditar sem ter provas é uma coisa esquizofrenia kkk xD , na verdade o esquizofrénico é mais racional do que o crédulo porque este escolhe uma verdade mais reconfortante e assim engana a si mesmo , jah o esquizofrénico é enganado por sua mente e não tem como ser racional ..

  15. Felipe Lisboa

    25 de junho de 2014 em 18:34

    Só eu que acho que a categoria “religião” do Minilua deveria ser mudada para “anti-religião”? Por mais que tenham alguns posts bons nessa categoria, a maioria são estúpidos e sem-noção, como esse… O próprio escritor se contradiz na sua pseudo-argumentação. Pra começar a refutação “prove-me” que não existe é extremamente válida e comparar a existência de Deus com a de macacos rosas voadores ou a da vaca é uma ideia tão estúpida quanto comparar a lua e um sapo para um advogado. Uma coisa é você inventar uma ideia retardada de uma hora pra outra, outra é você negar uma porrada de artefatos, livros, relatos e argumentos. Um crente passaria a vida inteira jogando na sua cara as provas de que Deus existe e você passaria uma vida tentando provar que essas provas são falsas. Lembrando que muitas mantém-se sem nenhuma explicação científica até hoje e já foram estudadas por centenas de pessoas, por centenas de anos. A existência de Deus só não é cientificamente aceita por que não há uma prova lógica direta da existência de Deus, mas as indiretas existem e são muitas. Os “cientistas” que não a aceitam simplesmente não o fazem por teimosia.

    • Iron Man

      26 de junho de 2014 em 01:14

      Que coisas estão sem explicação cientifica ?

    • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

      25 de junho de 2014 em 23:01

      Esses fanáticos religiosos são foda, só porque o post é de ciência, ou é contra a religião dele, ele diz que é um post “estúpido e sem-noção”.
      E o ônus da prova não é uma pseudo-argumentação, ele é serio, tanto que como o próprio post diz, todos os sistemas de justiça se baseiam nele, esse pessoal que não lê o post e já vem falar merda nos comentários é foda.
      E não, provar que não existe não é algo valido, até porque é impossível provar a inexistência de algo.
      Isso que você diz é muito estupido cara, porque se fosse logico ter que provar que o outro esta errado quando o outro afirma algo, eu poderia simplesmente falar que você é assassino e estuprador, e seria você que teria provar que não é um assassino e um estuprador, enquanto o mais logico nessa situação é EU provar o que eu disse.
      E não, não é estupides comparar o tal deus com um macaco rosa voador, já que os dois tem as mesmas chances de existência, que são de 50%.
      E essa comparação que você fez ai… Bom… Acho melhor nem comentar, né…
      Nenhum desses artefatos são comprovadamente real, alias, muitos deles foram provados como falsos, os livros, podem ser escritos por qualquer um, relatos podem ser inventados, ou pode ser o cérebro da pessoa a enganando, argumentos sobre a existência do deus cristão? Quero que me apresente aqui pelo menos 3 argumentos validos sobre a existência do mesmo.
      Então me de também pelo menos 3 provas da existência do tal deus, e vê se não da prova besta tipo “conheço um cara que já viu deus” ou coisas do tipo.
      Perai, muitas das provas de que deus existe não tem nenhuma confirmação cientifica, e já foram estudadas por muitas pessoas durante muito tempo? Então acreditar nelas é besteira cara.
      Até que enfim alguma coisa que presta nesse seu comentário, sim, não existem provas logicas pra existência de um deus. E sobre o que falou depois, quero que me de pelo menos 3 dessas provas indiretas, seja la que merda isso signifique.
      E não é assim que funciona cara “não há nenhuma prova de que isso não existe, logo é real, e quem diz que não é, diz isso por teimosia”, se fosse assim, macacos rosas voadores existiriam, pois não há nenhuma prova de que eles não existem.

  16. KLEBER CMIRANDA

    25 de junho de 2014 em 05:28

    O que vc tem a dizer sobre a matéria escura?
    Prove que ela existe!

    • Diego Martins

      26 de junho de 2014 em 01:31

      Ninguém pode provar. Isso é só um nome dado a uma coisa desconhecida que gera uma força antigravitacional sobre os corpos. Sabemos que ela existe pois essa força não pode vir do nada, mas, de fato, não temos como observá-la ou testá-la diretamente.

    • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

      25 de junho de 2014 em 22:40

      E quem foi que disse que a matéria escura existe?
      Esses analfabetos funcionais são foda…

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        26 de junho de 2014 em 20:35

        Para evitar interpretações errôneas, resolvi explicar aqui que não disse que a matéria escura não existe, e sim que ninguém afirmou que ela existe.

  17. Pensador Alternativo

    25 de junho de 2014 em 01:32

    Muito legal o texto (y)

  18. Vinicio Conrado

    24 de junho de 2014 em 23:40

    Post maneiro, bem informativo. Mas no título diz “Provando a existência de Deus”, então quando eu li a matéria me senti um pouco enganado (rsrs) pois, tinha certeza de que se tratava de uma exposição de algumas provas da existência de Deus. Não foi uma interpretação subjetiva ou errônea da minha parte, pois não há nenhuma referência a ironias (como o uso de aspas). Não estou me posicionando contra a matéria em si, só acho que quem escreve, deve dar um título concernente ao conteúdo da matéria. Seria como se eu escrevesse algo com o título: As qualidades do Rock N’ Roll e na matéria criticasse negativamente esse estilo musical.

  19. Cenystro Luiz Antunes

    24 de junho de 2014 em 01:47

    “Realmente, ninguém pode provar que não existe, mas ninguém é capaz de provar a inexistência de qualquer coisa…”
    Não se prova o que não existe. PENSE UM SEGUNDO!

  20. Vitor Pacheco

    23 de junho de 2014 em 22:55

    O meu grande problema com religião não é Deus existir, não é as pessoas, o problema é que a fé que as pessoas colocam sobre uma entidade é usada de forma incorreta, a filosofia cristã é bonita e de muitas outras também é mas a fé nestes casos é usado para manipular as pessoas e como sempre os seres humanos se tornarão alienados por sua própria fé. Se Deus existe ou não isso não sera comprovado nunca, nunca mesmo, mesmo que tenhamos a melhor das tecnologias o universo e Deus são duas “coisas” muito além da capacidade mental humana mesmo acreditando que o indivíduo possa alcançar todos os seus objetivos isso é algo além de nossa mera visão, chegando a um ponto final, não existe problema em crer em um Deus mas sim usar sua fé como massa de manobra para beneficio próprio ou de um certo grupo.

    • artur3855

      23 de junho de 2014 em 23:17

      Verdade verdadeira issaê manolo. Só não concordo muito com a parte de que Deus e o Universo são coisas além de nossas capacidades intelectuais. Na sociedade e tecnologia de hoje, isso é verdade, mas eu tenho fé que nossos descendentes, daki a 1, 2 milhões de anos (talvez até menos) terão capacidade suficiente para descobrir ao menos algo que aumente as chances da existência de Deus para mais do que os atuais 50/50%, a infame porcentagem do “tem como saber sápoha não”

  21. Android

    23 de junho de 2014 em 22:03

    [img]http://imgur.com/AM60dqD[/img]

    • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

      23 de junho de 2014 em 22:17

      Pena que não

  22. Nome em reforma

    23 de junho de 2014 em 19:11

    Macacos rosas voadores existem sim, um dia todos perceberam, vlw flw.

  23. Riddle Boy®

    23 de junho de 2014 em 16:47

    “Assim diz o Senhor, o rei de Israel, o seu redentor, o Senhor dos Exércitos: Eu sou o primeiro e eu sou o último; além de mim não há Deus.
    Quem então é como eu? Que ele o anuncie, que ele declare e exponha diante de mim o que aconteceu desde que estabeleci meu antigo povo, e o que ainda está para vir; que todos eles predigam as coisas futuras e o que irá acontecer.
    Não tremam, nem tenham medo. Não anunciei isto e não o predisse muito tempo atrás? Vocês são minhas testemunhas. Há outro Deus além de mim? Não, não existe nenhuma outra Rocha; não conheço nenhuma. ”

    Isaías 44:6-8
    um computador poderia “criar-se a si mesmo”, sem que alguém o fabricasse? Analogamente, o cérebro humano, milhões de vezes mais complexo do que um computador, jamais poderia ter-se desenvolvido sem uma inteligência criadora, assim como todos os seres vivos. O que dizer então de nossa “individualidade”, de nossa “consciência”, de nossa capacidade de raciocinar como um ser individual e consciente? Questão de lógica e coerência.
    Outro bom exemplo são os parâmetros que estão sendo utilizados por cientistas que buscam, através dos sinais captados pelos radiotelescópios, encontrar vida inteligente fora do Planeta Terra.
    Os sinais provenientes da radiação emitida pelas estrelas não apresentam nenhuma sequência lógica. Transformados em números, apresentam uma sequência totalmente aleatória. No entanto, se um dia forem captados sinais em uma sequência lógica, formando uma mensagem em uma linguagem inteligente, chegaremos à conclusão, inquestionável, de que tal mensagem foi emitida por um ser inteligente. Jamais poderia ter sido criada de forma aleatória.
    Isto demonstra que “jamais poderia haver um efeito inteligente sem uma causa inteligente…”
    Não temos ainda condições de saber detalhes a respeito da “essência” desta força criadora a quem chamamos “Deus”. Apenas podemos demonstrar sua existência, observando seus efeitos…
    Ora, o fato de não vermos algo não significa que tal coisa não exista. Podemos citar como exemplo a força da gravidade, que não podemos ver, mas sabemos que ela existe, pois sentimos seus efeitos. Da mesma forma as ondas de rádio, que também não podemos ver, mas podemos captá-las. Os pensamentos também não são visíveis, porém sabemos que eles existem!
    Na verdade, podemos demonstrar a existência de algo pelos seus efeitos, e, como veremos mais adiante, há, na natureza, milhares de “efeitos inteligentes” que demonstram a existência de uma força criadora. Então este argumento ateísta não se sustenta.
    Eu já falei isto aqui, a fé não é como a Ciência que precisa de experiencias vividas para a acreditar a fé é certeza mesmo sem experiencia vivida é crer que no que foi dito não precisa de provas, a fé não é não é irracional, ela se desenvolve assim como a atividade de pensar.
    Esse post no começo espoe uma analogia interessante mas tem uma falha grave, Deus não pode se comparar com uma fabula infantil, oque os mais grandiosos filósofos nem se atreveram a dar suas posições sobre o assunto este post peca nesta parte “Por isso, a falta de evidências de que algo existe é aceito como argumento de não existência, caso contrário, qualquer coisa maluca que uma pessoa disser existir (vide exemplo da vaca voadora), teria que ser aceita como real.” os metodos cinetificos atuais não podem provar se existe ou não, resumindo para “ciência” não se podem explicar se Deus existe ou não.

  24. Gabriel Frazão

    23 de junho de 2014 em 16:38

    Acredito que Deus exista e acredito que é como um vento, ou o ar, tipo vc não vê mas vc sente. Tem pessoas que sentem e tem pessoas que usam a fé e mesmo não sentindo ou não vendo acreditam. A gente vê muita coisa por aí e que não acredito que seja apenas coincidência.

    • DCxMarvel corno

      23 de junho de 2014 em 16:47

      Mas o problemas é que você não pode ter certeza que foi Deus que te fez sentir essas coisas. Tente imaginar que um tronco cai na sua cabeça,mas você só acredita que os cavalos conseguem bater com tamanha força. Você acha que foi o cavalo e espalha pra todos que o cavalo te atingiu,mas foi o tronco e você, sem ter visto, diz que foi o cavalo já que só crê nos cavalos. Poderia ter sido o tronco, uma viga, uma bigorna, um elefante, um sofá e tudo mais,mas só o cavalo é culpado.

      • artur3855

        23 de junho de 2014 em 23:26

        Bem, é um bom exemplo. Mas na vida real, ninguém saiu da “caverna” pra saber de onde vem a luz que os religiosos atribuem a Deus. A verdade é que, analisando os dados que temos hoje acesso, as chances de Deus existir é de 50%, nem mais, nem menos.
        O que você disse pode se atribuir muito bem a teoria do “acaso” que os cientistas usam para explicar o porquê que as coisas se desenvolveram do jeito que aconteceram. E se fosse Deus que criou o Universo, junto com todas as suas leis físicas e químicas, e se Deus posicionou todas as moléculas antes mesmo do Big Bang acontecer com tamanha precisão ao ponto de que todas as organizações, constelações, estrelas e planetas do Universo fossem planejados até o surgimento da humanidade da maneira que ele queria? Os cientistas dizem que apenas o acaso pode explicar nossa existência, já que a teoria do Caos demonstra que o aleatório existe. Mas e se Deus for a tora e o acaso for o cavalo?

        • Gabriel Frazão

          24 de junho de 2014 em 05:26

          E penso o seguinte. Todo ser vivo nasce de algo que é vivo. Um macaco nasce de um macaco vivo e por aí vai. A bíblia diz que o homem foi criado a imagem e semelhança de Deus. Então somos criaturas de Deus, ta aí a prova somos nós mesmo. Agora acredita se quiser. Mas não estamos sozinhos não e existe o mal também, pois como pode tanta violência hj em dia. Como pode uma pessoa esquartejar outra, o pais violentar e matar um filho?! Isso não é normal amigo. E outra como pode tudo que está na Bíblia estar se cumprindo?! E como pode logo os cristãos serem mais perseguidos? Vai na igreja e o pastor prega e parece até que ele te conhece pois a palavra parece ser pra vc. Vai na igreja e se sente mais leve, como pode isso.? Como eu disse não podemos ver mas podemos sentir.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            24 de junho de 2014 em 20:56

            “E penso o seguinte. Todo ser vivo nasce de algo que é vivo. Um macaco nasce de um macaco vivo e por aí vai. A bíblia diz que o homem foi criado a imagem e semelhança de Deus. Então somos criaturas de Deus, ta aí a prova somos nós mesmo.”
            Essas afirmações não provam a existência de deus, só diz algo que na verdade, não tem muito sentido.
            “Agora acredita se quiser. Mas não estamos sozinhos não e existe o mal também, pois como pode tanta violência hj em dia. Como pode uma pessoa esquartejar outra, o pais violentar e matar um filho?! Isso não é normal amigo.”
            Até que é normal, é o nosso instinto animal, ou você acha que o reino animal é um lugar lindo que os animais ajudam uns aos outros e tudo é perfeito?
            “E outra como pode tudo que está na Bíblia estar se cumprindo?!”
            Me diga pelo menos 3 dessas coisas que estão se cumprindo.
            “E como pode logo os cristãos serem mais perseguidos? ”
            Os cristãos são a maioria por aqui, por isso são os mais “perseguidos”.
            “Vai na igreja e o pastor prega e parece até que ele te conhece pois a palavra parece ser pra vc.”
            Muitos leem o horoscopo e acham que aquilo la foi escrito pra eles, então isso quer dizer que a astrologia funciona?
            Alias, sabia que foi feito um estudo, no qual juntaram varias pessoas em uma sala, deram uma folha de horoscopo pra eles, e pediram pra falar se aquilo tinha algo a ver com ele, a maioria disse que tinha algo a ver com eles, e no final do teste, pediram pra trocar a folha com quem tava do lado dele, e em todas as folhas estavam escrito exatamente a MESMA coisa.
            “Vai na igreja e se sente mais leve, como pode isso.?”
            Wat? Não entendo o que você quer dizer com se sentir mais “leve”.
            “Como eu disse não podemos ver mas podemos sentir.”
            Então me diga, como se sente deus?

          • Gabriel Frazão

            25 de junho de 2014 em 22:03

            Ué, fome, guerras, terremotos e por aí vai. Agora prova que Deus não existe então. Não temos que provar que existe, então pq não provar que não existe. Quanto a sentir tem pessoas que sentem ou já sentiram, mas eu não sei pq, talvez pq tenha buscado. Tem pessoas que veem gente morta, tem pessoas que ouçam vozes e por aí vai. Esse teste aí que fizeram, hum interessante, onde foi, vc tem a fonte pra que eu possa ver? Cara eu acredito, entendeu, então a violência faz parte do nosso instinto animal não é?! Pq somos animais então não é? Então como pode nós humanos saber de tantas coisas, então me responde pq nós somos diferentes dos outros animais? Sabemos ler, escrever, usamos a lógica, inventamos o avião, o home pode ir ao espaço, a medicina ta aí com tantas descobertas e curas. Me diz de onde nós herdamos esse conhecimento todo? Quer mais prova que isso. Ora se Deus não existe de onde vem a inteligência que o homem tem. Vê se os outros animais sabem tanto quanto nós humanos. E isso também se eu não me engando (me desculpe é que eu não estudo muito a Bíblia mas algumas coisas eu sei) está escrito sim que o homem teria poder sobre outros animais. Quanto a sair leve da igreja, ao menos nas vezes que eu fui (pois atualmente não frequento igreja nenhuma as vezes até vou na Universal) eu saí de lá um mais “leve”, não sei como explicar só a pessoa indo mesmo.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            25 de junho de 2014 em 22:37

            O post não te ensinou nada né? Quem fez a afirmação primeiro é você, então quem tem que provar que o tal deus existe é você, e não sou eu que tenho que provar a inexistência do mesmo, até porque é praticamente impossível provar a inexistência de algo.
            E como você prova que a pessoa realmente sentiu algo? Como você pode provar que a pessoa realmente viu ou conversou com o morto? Como você pode provar que a pessoa ouviu a voz?
            E além disso, esses casos podem se tratar de um charlatão, ou de um caso de esquizofrenia.
            Não fico guardando a fonte de tudo que vejo na net, e vejo muita coisa em um dia, mas vou tentar lembrar onde que vi esse estudo, e se lembrar, colocarei aqui.
            Isso que você diz não prova nada, a nossa diferença pro outros animais é que adquirimos consciência, e tivemos uma boa evolução(vocabulário comum, não cientifico, já expliquei a diferença la em cima) do cérebro. Sim, nos somos animais, e não há jeito de refutar isso.
            A inteligencia vem do cérebro ué, e já disse, nos sabemos “tanto”(ainda sabemos bem pouco) porque nos adquirimos a consciência, estude a teoria da evolução e entenderá melhor.
            Sim, a bíblia diz que podemos fazer o que quiser com os animais, desde que não bebamos o sangue deles, se não me engano isso esta no começo de gênesis, mas esse fato não explica nada.

          • Gabriel Frazão

            26 de junho de 2014 em 00:25

            A um tempo atrás, eu estava meio eu desanimado, eu tenho um colega e a gente sempre ficava jogando PES no PC até a madruga. Eu continuo jogando muitos jogos ainda, mas esse meu colega já faz um tempinho que não vem aq em casa.
            Então ele não ia em nenhuma igreja mas já tinha sido cristão um dia, assim como eu. Sendo que ele sempre dizia que orava, procurava sempre me orientar a fazer isso tambem, e falava pra de vez enquando ira a uma igreja, e tals.
            Um certo dia eu fui em um domingo e senti algo diferente, eu senti dentro de mim um amor, sim alguem que me ama tanto, e disse não em palavras que era comigo.
            Olha eu não sei como explicar, e não estou mentindo e nem tenho como provar, mas pra que que eu iria inventar um lance desse. Pow tanta coisa pra eu fazer
            e eu podendo está agora terminando de zerar Skyrim, estou aq conversando sobre isso. Bom então eu estava deixando de acreditar em Deus tambem. Mas foi em
            uma outra vez na Quarta Feira que eu assisti outra reunião e na hora da gente orar buscar eu senti novamente mas antes o pastor da igreja tinha perguntado a
            quem quisesse aceitar Jesus pra ira na frente do altar e eu não fui. Quando eu estava orando baixinho eu senti, como eu disse não sei como explicar, mas
            é dentro do coraçao que sente e falou comigo e me perguntou: “Por que você não está lá na frente ainda Gabriel?!” Foi desse mesmo jeito, não foi em palavras
            mas deu pra entender isso. E eu não fui. Após isso eu ia de vez enquando, até que parei de ir. Tudo parecia estar melhorando. Mas comecei a ter uns sonhos estranhos, e sentia que algo estava pra acontecer
            uma certa vez eu estava dormindo e senti alguem estar tampando meus olhos fazendo aquela brincadeira de “adivinha quem é” e era uma mão masculina mulato e quando
            eu tirei a mão eu vi a pessoa que tinha a forma de um homem baixo e estava sem blusa só de bermuda tipo canjinha e vi saindo e quando fui olhar não tinha ninguém.
            Ilusão, não sei, eu só sei que o esposo da minha avó viu essa mesma pessoa aq em casa passando sobre ele e sumiu na frente dele, na hora ele ficou arrepiado
            e falou pra minha avó minha avó ficou com medo e pediu pra minha esposa colocar sal grosso na porta, na hora que a minha esposa foi buscar o sal grosso ela disse que
            sentiu como se alguem estava atrás dela, e olha que minha esposa nunca vu ou sentiu essas coisas. Bom não demorou muito minha mãe faleceu, passou mal dormindo
            e foi para o hospital e dessa vez ela não voltou. Então depois eu fui a igreja, detalhe foi em outra igreja, e o pastor sem me conhecer disse assim na hora da reunião
            que tem pessoas que já ouviram a palavra, frequantou outras igrejas e continua no erro, e que pessoas assim só tem a perder, e o que eu iria esperar mais perder?
            Eu entendi que foi pra mim, pois tinha ouvido a palavra, não pratiquei e tinha perdido minha mãe. Então hj estou falando isso, um detalhe eu não sou batizado,
            não frequento igreja, então não estou falando isso pq eu acho que o que aconteceu pode servir para alertar algumas pessoas para voltarem a crer em Deus. Sou uma pessoa normal,
            tenho 3 lindos filhos e uma esposa maravilhos é essa a minha maior riqueza, não sou rico, estou desempregado, cheio de problemas gosto muito de um jogar no PC, mas isso aconteceu e sim é verdade
            agora acredite se quiser.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 20:29

            E claro que não estou te chamando de louco por ter ilusões, eu mesmo tinha algumas há um tempo atras.

          • Gabriel Frazão

            26 de junho de 2014 em 21:10

            Mas eu não tinha falado pra ele não, não tinha falado pra ninguém, pq até eu achei que fosse ilusão, mas depois aconteceu com ele e ele falou pra gente, então foi quando eu contei minha versão.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            27 de junho de 2014 em 03:53

            Opa, achei a fonte daquele estudo, na verdade já tinha desistido de procurar mas acabei achando sem querer, HUE, o estudo foi feito por Bertram R. Forer, e esqueci de citar antes que ele havia pegado os nomes, data e hora de nascimento de quem participou do teste, e depois de alguns dias que apareceu com o texto. E também falei que a pessoa tinha que dizer se aquilo tinha ou não algo a ver com ele, enquanto na verdade recebeu os textos tinha que dar uma nota de 0 a 5 sobre como aquilo tinha a ver com a personalidade dela, O texto era o seguinte:
            “Você tem uma necessidade de ser querido e admirado por outros, e mesmo assim você faz críticas a si mesmo. Você possui certas fraquezas de personalidade mas, no geral, consegue compensá-las. Você tem uma capacidade não utilizada que ainda não a tomou em seu favor. Disciplinado e com auto-controle, você tende a se preocupar e ser inseguro por dentro. Às vezes tem dúvidas se tomou a decisão certa ou se fez a coisa certa. Você prefere certas mudanças e variedade, e fica insatisfeito com restrições e limitações. Você tem orgulho por ser um pensador independente, e não aceita as opiniões dos outros sem uma comprovação satisfatória. Mas você descobriu que é melhor não ser tão franco ao falar de si para os outros. Você é extrovertido e sociável, mas há momentos em que você é introvertido e reservado. Por fim, algumas de suas aspirações tendem a fugir da realidade. ”
            Bom, o resto você pode ver nos links que irei deixar.
            Aqui você pode ver mais detalhes sobre esse estudo e sobre o efeito Forer:
            [url]http://brazil.skepdic.com/forer.html[/url]
            Tbm achei o artigo cientifico completo:
            [url]http://apsychoserver.psych.arizona.edu/JJBAReprints/PSYC621/Forer_The%20fallacy%20of%20personal%20validation_1949.pdf[/url]
            Se quiser pesquisar mais sobre isso, irei deixar o estudo aqui:
            Forer, B. R. (1949). “The fallacy of personal validation: A classroom demonstration of gullibility”. Journal of Abnormal and Social Psychology 44 (1): 118–123. American Psychological Association.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            27 de junho de 2014 em 04:29

            a referencia bibliográfica do estudo*

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            27 de junho de 2014 em 03:56

            E a media deu 4,26. Apesar de isso ser citado nos links que deixei, achei melhor disser isso aqui.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            27 de junho de 2014 em 03:54

            quem recebeu*

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 21:16

            Então pode ter acontecido o contrario, ele contou pra você a ilusão dele, e isso induziu você a achar que o homem de sua visão era igual o homem da visão dele.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 00:57

            Esse coisa que você sente pode ser simplesmente algo que você foi induzido a sentir, por ter muita fé naquilo.
            Sobre o tal homem, acredito que seja ilusão, e sobre seu vô ter tido ela tbm, acredito que seja porque ele teve alguma ilusão parecida, já que essa até que seria comum, só que ao você contar as características do homem da sua, ele acabou sendo induzido a achar que o homem da visão dele era parecido, sendo que provavelmente não lembrava muito bem.
            O cérebro adora pregar peças cara, principalmente quando se trata da memoria.
            Depois, você pareceu usar a falacia Post Hoc Ergo Propter Hoc(depois disso, logo causado por isso), usando dois fatos que não tinham muita ligação, pra falar que um aconteceu por causa do outro.
            E o pastor não estava necessariamente falando aquilo pra tu, já que a frase não foi muito objetiva, e varias pessoas podem acabar se identificando com ela.
            Além disso, muitas pessoas se identificam com varias frases que outros dizem, as vezes sendo que quem diz até mesmo fala que aquilo é pra pessoa(horoscopo e cia), sendo que as vezes aquilo nem tem a ver com a pessoa ou o que ela passou, bom, ai caímos naquele estudo de novo, infelizmente não achei a fonte, mas achei até bom você pedi-la, pois vejo muita gente usando pseudo-ciência por ai e muitos acreditando sem nem verificar a fonte daquilo, e ver se é confiável.

      • Gabriel Frazão

        23 de junho de 2014 em 22:57

        Mas sendo Deus existe a certeza vey. Não sei como explicar mas é verdade. Acho que é só pedir, tipo, pedir um sinal, uma prova, tipo assim, acontecerá alguma coisa que vei te fazer crer.

        • artur3855

          23 de junho de 2014 em 23:26

          Desculpa, respondi a pessoa errada ^^’

        • artur3855

          23 de junho de 2014 em 23:25

          Bem, é um bom exemplo. Mas na vida real, ninguém saiu da “caverna” pra saber de onde vem a luz que os religiosos atribuem a Deus. A verdade é que, analisando os dados que temos hoje acesso, as chances de Deus existir é de 50%, nem mais, nem menos.

          O que você disse pode se atribuir muito bem a teoria do “acaso” que os cientistas usam para explicar o porquê que as coisas se desenvolveram do jeito que aconteceram. E se fosse Deus que criou o Universo, junto com todas as suas leis físicas e químicas, e se Deus posicionou todas as moléculas antes mesmo do Big Bang acontecer com tamanha precisão ao ponto de que todas as organizações, constelações, estrelas e planetas do Universo fossem planejados até o surgimento da humanidade da maneira que ele queria? Os cientistas dizem que apenas o acaso pode explicar nossa existência, já que a teoria do Caos demonstra que o aleatório existe. Mas e se Deus for a tora e o acaso for o cavalo?

  25. Little Uchiha™

    23 de junho de 2014 em 15:56

    Realmente, muito justo que pra afirmar tem q ter provas, mas usar o Ânus da prova e a desculpa de não poder provar q Deus não existe para simplesmente dizerem “vc não tem como provar.
    Pra mim parece balela.

  26. Kuzan

    23 de junho de 2014 em 15:23

    Que o Tamanduá-Bandeira Marinho Gigante abençoe vocês e que os salve das formigas que dilacerarão o mundo. amém

  27. Kuzan

    23 de junho de 2014 em 15:19

    Muito interessante essa matéria, espero participar das tretas de forma racional e “botar mais lenha na fogueira”.

  28. Waldenei C.

    23 de junho de 2014 em 14:39

    Querem provar que Deus existe, acham que Ele se colocaria na posição de um rato de laboratorio pros cientistas fazerem testes nEle, pra assim acreditarem. É preciso ter fé. Só isso.

    • Bernardo Dutra

      23 de junho de 2014 em 15:29

      Então, se Deus não precisa mostrar para ninguém que existe, o simples fato da pessoa ter discernimento vai mandar essa pessoa para o inferno?Se a pessoa usa o cérebro (que, considerando assim, foi o próprio Deus que deu), tendo coerência sobre as suas crenças, a pessoa está errada?Sendo assim, a pessoa deve crer cegamente, independentemente de ser coerente ou não, ou vai para o inferno?Você vê e toca em um copo cheio; ou você acredita que esse copo está vazio ou vai para o inferno?Lembrando que pesquisas mostram que NA MÉDIA ateus têm o QI mais alto (inclusive, países desenvolvidos têm taxas de ateísmo mais altas), consequentemente, quanto mais inteligente a pessoa for, mais chance de ir para o inferno essa pessoa tem?E existem milhares de religiões no mundo (muitas, inclusive, já desapareceram), a pessoa nesse caso precisa escolher uma aleatoriamente ou achar que a religião do lugar que vive é a religião certa?Irônico, não?

      • Senhor do Tempo

        23 de junho de 2014 em 15:42

        Nada a ver velho generalizou demais hein?

        • Bernardo Dutra

          24 de junho de 2014 em 12:26

          Nada a ver ou você que quer fingir que não é verdade?

          • Senhor do Tempo

            25 de junho de 2014 em 00:35

            não dá pra fingir que não é verdade o seu próprio argumento já não sentido nenhum n_n

  29. Bru No

    23 de junho de 2014 em 12:13

    É errado afirmar que não existe sem provas, assim como é errado afirmar que existe se não há provas. É por isso que o religioso (acreditador) deve apenas acreditar ou não(ateísmo, de acordo com a lógica, não passa de uma afirmação “Nada divino existe”, que não pode ser provada. Logo, ateísmo é uma religião). Convencer a acreditar não é afirmar. Ora, para mim, algo é verdadeiro se aquela pessoa acredita que seja. É verdadeiro, mas não pode ser visto concretamente. Um pensamento é falso? Não, se não este não existiria. Se não existe, o que ele é? Mentiras são verdades, assim como verdades são mentiras: depende do observador (conceito de física). O que devemos fazer não é julgar o próximo pela sua crença, muito menos ridicularizar o mesmo. Ateus, religioso não é burro. Religiosos: ateus não são cegos. Crença é algo pessoal, mas tudo o que é pessoal pode ser repassado. Aceite ou negue o convite do outro, só não o jogue ao fogo como se não tivesse lógica por trás.

    • Caciano

      23 de junho de 2014 em 13:42

      ótimo comentário..

  30. David Conte

    23 de junho de 2014 em 11:29

    Então prove-me que Deus existe!

    • Caciano

      23 de junho de 2014 em 13:57

      não tem como provar que ele exista, nem que ele não exista..
      diego argumentou com a logica, que determinável variável que não se conhece o valor pode se considerar falsa, mas dentre tantos métodos nem sempre ela se torna um bom argumento.
      eu acredito na ciência, mas ela não pode se provar completamente

  31. Greg

    23 de junho de 2014 em 11:10

    Achei que o post ia provar a existencia de Deus rçlrçrçrçrçrçrçr fui trollado
    [img]http://cloud-4.steampowered.com/ugc/559884598075843078/78E87A933546DCF40F8BF05D940B587C73599D55/[/img]

    • cara anonimo

      23 de junho de 2014 em 15:16

      Então somos dois -_-

  32. P Pierrot

    23 de junho de 2014 em 11:00

    Eu não posso deixar de me surpreender com esse post. De inicio pela manchete e pelo Diego ser o autor. Será que podemos entender isso como um post de bandeira branca para que nós , pessoas de fé ou não, paremos de guerras por aqui?

    • Senhor do Tempo

      23 de junho de 2014 em 12:35

      Bandeira branca? huehuehuehue A idéia principal do Diego e causar conflitos mesmo 😉

  33. Thanatos

    23 de junho de 2014 em 10:41

    “[…] Mas será que essas discussões intermináveis não podem ser resolvidas de forma simples e efetiva?”
    Não, pois muitos preferem soluções “complicadas”. Leia-se, brigar no minilua com “bons” argumentos. “Deus não existe vlw flw”(sic),por exemplo.

    • Nome em reforma

      23 de junho de 2014 em 19:47

      Deus não existe, vlw flw.

    • Caciano

      23 de junho de 2014 em 13:59

      isso não é briga, isso é provocação. kkkkkkk

  34. Arthur Salomão

    23 de junho de 2014 em 09:38

    O que alguém deve “provar” é sua experiência com “Deus” (a causa, o que contém e/ou a unicidade da Existência), não a sua existência.

    “Deus” é incognoscível e inquestionável. Leia o “Teorema de Gödel”. Seja o “Nada”, a “Eternidade” (o Universo sempre existiu) ou o “Infinito” (a infinita criação e extinção dos Universos), todos são fenômenos irracionais e ilógicos, incognoscíveis, mas inegáveis: A Causa, o que contém e/ou a Unicidade da Existência – são sinônimos para “Deus”.

    “Deus” não surge do testemunho de alguém, se assim fosse, haveriam povos primitivos ateus. Assim como não há testemunho do “Infinito”, da “Eternidade” ou do “Nada”, entretanto tais conceitos incognoscíveis estão presentes em todos os povos, desde os primórdios da humanidade, inseparáveis da linguagem e do raciocínio humano, tanto que todos estão presentes na nossa matemática, inclusive “Deus”, no “Teorema de Gödel”.

    A prova da existência de “Deus” (a causa, o que contém e/ou a unicidade da Existência) é a própria existência. Se alguém argumenta que existimos por nós mesmos (um evento também sobrenatural e infactível) está somente afirmando mais um sinônimo de “Deus” (a Unicidade da Existência).

    Agora, já alguém dizer que teve uma experiência com “Deus” (a causa, o que contém e/ou a unicidade da Existência), ou que conhece os propósitos de “Deus”, ou que “Deus” lhe mandou escrever um livro, aí é outra história.

    O argumento científico vem primeiro de um fato (nós existimos), depois de uma pergunta (qual a causa?), depois de uma teoria (foi Deus?), e depois vem o experimento.

    “Deus” não se isola, mas está próximo de quem quiser buscá-lo para fazer um “experimento”. Portanto, negar a existência sem fazer o “experimento”, é tanta ignorância quanto dizer que existe uma vaca amarela voando nos céus.

  35. Protoman_Master

    23 de junho de 2014 em 09:37

    Finalmente um post de Religião bom, aeeeeeeeeeeeeeeeee

  36. William Barreto

    23 de junho de 2014 em 09:34

    Como é que posso provar que o suco que estou tomando está realmente doce se você não experimentar? Deus não se vê (ainda), Deus se sente. Quem não tentar senti-lo jamais vai entender mesmo.. E bem na verdade, é preciso ter muita fé pra crer que tudo que existe é obra do acaso..

    • Diego Martins

      26 de junho de 2014 em 01:28

      Simples, faça uma análise química do suco. Não precisa ter fé. Ninguém sabe a origem exata do Universo e sabe o que os cientistas dizem: Não sei. Em vez de ser igual a vocês religiosos, que acham possuir a resposta para tudo.

  37. Tio Page

    23 de junho de 2014 em 08:45

    O que eu entendi:
    Nao se pode provar se nao existe mas se nao sabe se existe pode provar porque provavelmente existe em outro universo onde existe macacos rosas que podem ou nao existir nesse mesmo universo onde toda existência e aceitada podendo prova que existe pois pode existir em algum lugar. Obs.: só cheguei à essa conclusão porque uma vaca voadora que jorra leite rosa me explicou tudo.

  38. Le Mateus

    23 de junho de 2014 em 08:29

    Bom, eu penso o seguinte:
    -A prova que Deus existe são os milagres .
    -Sua afirmação provavelmente será que tais milagres são forjados.
    -Então eu pediria que você fosse na Igreja do tal Valdemiro Santiago e provasse que cada um dos exames são falsos (cada um dos exames, pois, um só não serve de amostra para todos)
    -Se você provar que todos aqueles milagres são falsos; parabéns você acredita de me convencer que Deus não existe

    • Iron Man

      26 de junho de 2014 em 01:19

      Alguem já chegou sem perna na igreja do Valdomiro e ele deu uma reza fez o sinal da cruz e olhou pro céu e disse “PELOS PODERES DE JESUS CRISTO , EU TENHO O PODER ! “e a perna do cara cresceu de novo ? todos os milagres que vejo dele podem ter inúmeras explicações , mas ele até hoje não fez um milagre impossível de explicar tenho certeza .

    • Zeref

      23 de junho de 2014 em 16:20

      Provar q o Valdemiro é estelionatário (e é mesmo) não prova que Deus não existe,e os milagres dele que dão certo têm chance de serem Efeito Placebo,mas isso também não prova que Deus existe

  39. Rafael Silva

    23 de junho de 2014 em 05:50

    não respondeu porra nenhuma

    • Nome em reforma

      23 de junho de 2014 em 19:45

      E o que o post deveria responder?

  40. Senhor do Tempo

    23 de junho de 2014 em 02:02

    Falo nada sobre esse post… O Minilua está em decadência hein? Cada vez mais apelativo, mas minha opinião não interessa a respeito disso .-.

    • Marvelunatico

      23 de junho de 2014 em 06:19

      Eu já achei que esse foi um dos posts do Diego sobre religião que foram menos tendenciosos. E também, não vejo mal no Minilua “apelar” um pouco em certos assuntos. Faz parte da mídia e dá certo, então é válido.

      • Senhor do Tempo

        23 de junho de 2014 em 12:34

        To sabendo, mas se for ver os posts de 1 ano atrás por aí, não era necessário ficar focando só nesse tema o site era muito legal nessa época, sem conflitos somente paz :3

        • Nome em reforma

          23 de junho de 2014 em 19:45

          HEUHEUHEUHEUHEUHUEHUEHUEHUEUHEUHEUHEUHEUEHUEHUHEUE
          O site pacifico ha um ano atras???????????????
          Se tivesse falado dois anos até taria certo, HUE
          E os membros mudaram, os atuais estão mais agressivos mesmo…

          • artur3855

            23 de junho de 2014 em 22:52

            Nem me lembro mais quando foi a era do çoç…. Aiai, velhos tempos…..

        • Dr.V

          23 de junho de 2014 em 13:26

          Concordo.Há um ano atrás o site era mais pacifico 😛

          • Senhor do Tempo

            23 de junho de 2014 em 13:31

            Eu nem tinha conta aqui ainda, parecia ser mais legal antes 😉

    • Bernardo Dutra

      23 de junho de 2014 em 05:32

      Só porque você não gostou significa que o site está em decadência?

      • Senhor do Tempo

        23 de junho de 2014 em 12:31

        Sabe de nada inocente XD

  41. Caciano

    23 de junho de 2014 em 01:20

    diego quer falar de logica..

    experimente fazer a tabela verdade…

    kkkkkkkkk

    • Diego Martins

      26 de junho de 2014 em 01:27

      Desculpa, mas eu curso Engenharia da Computação… Tabela verdade é coisa de nível técnico…

  42. Wesley Silva

    23 de junho de 2014 em 00:46

    E eu também queria ver alguém provar a teoria da evolução por exemplo. Vamos deixar uma coisa bem clara aqui, todas as teorias bíblicas para serem aceitas, elas passam pelo teste da fé, por exemplo eu nunca vi Deus, mas tenho fé que ele existe caso contrário ninguém me convenceria q ele existe. Agora toda a teoria científica para ser aceita, tem q obrigatoriamente passar pelo teste da prova, ou seja, ou é verdade absoluta ou não é verdade. Por exemplo se eu como cientista criar uma teoria para o surgimento do universo, eu tenho q provar com 100% de certeza a minha teoria, caso contrário não passa de um “besterol teológico”. Agora eu desafio alguém a me provar com 100% de certeza o surgimento do universo e a evolução das espécies, q por sinal uma espécie q evolui não retrocede (ex.: se um macaco evoluísse para ser humano, não nasceria mais macacos, somente seres humano. Isso é regra e uma obviedade). Grande abraço a tds.

    • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

      24 de junho de 2014 em 20:38

      O homem não veio do macaco, ele É um macaco, o que acontece é que temos um ancestral em comum com o que muitos chamam de “macaco”.
      Isso que dizem sobre o homem vir do “macaco” não se passa de um grave erro de interpretação.
      E só pra constar, a teoria da evolução NÃO se baseia somente a evolução dos primatas, alias, sabia que existe o fato evolutivo e a teoria evolutiva?
      O fato evolutivo é o seguinte: Os animais se modificam enquanto o tempo passa.
      E a teoria evolutiva é o que explica essa modificação.

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        24 de junho de 2014 em 22:51

        E só pra constar, resolvi explicar duas coisas aqui.
        Evolução na ciência e no vocabulário comum são duas coisas totalmente diferentes, e acontece com o termo “teoria”.
        Resumidamente, no vocabulário comum, evolução é usado pra dizer que algo melhorou, por exemplo “as estruturas dessa cidade evoluíram”.
        Enquanto na ciência, evolução é a descendência com modificações.
        Teoria, no vocabulário comum, seria como uma hipótese, uma ideia, um chute, ou algo do tipo.
        Enquanto na ciência, teoria é um conjunto de explicações que tem evidencias que a suportam, e que explicam um determinado fenômeno.

        • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

          26 de junho de 2014 em 20:27

          acontece o mesmo com*

    • Wesley Silva

      24 de junho de 2014 em 20:10

      Pessoal aceita qualquer teoria sem ter provas… ai eu não intendo. Vou repetir, tem cientistas q discordam das teorias de Darwin, ou seja, já se cansaram procurando uma forma de provar essa teoria e não conseguiram, ou eu to errado? Agora eu só volto a falar disso quando provarem a teoria de Darwin.

      • Bernardo Dutra

        25 de junho de 2014 em 03:28

        Vou falar de novo, o que está acontecendo hoje é possível ver, mas, obviamente, você não pode presenciar o que ocorreu há milhões de anos.Esse tipo de prova que você está querendo é simplesmente impossível.Ou você vê um dinossauro vivo ou vai duvidar que ele existiu?Repito, não confunda prova com evidência.Vou colocar o link de novo, caso não tenha lido, peço que tire 5 minutos para ler:
        http://www.deuscienciaereligiao.com/2009/05/por-que-ainda-existem-macacos_22.html

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        24 de junho de 2014 em 20:19

        Você esta errado, a teoria da evolução é a mais aceita atualmente.

        • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

          25 de junho de 2014 em 00:37

          é uma das*

    • Bernardo Dutra

      24 de junho de 2014 em 04:21

      “Se um macaco evoluísse para ser humano, não nasceria mais macacos, somente seres humanos.”Então, seguindo esse raciocínio, se o cristianismo surgiu do judaísmo, não deveriam existir mais judeus, certo?

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        24 de junho de 2014 em 20:40

        E como já expliquei la em baixo, essa interpretação esta errada, o homem não veio do macaco, ele É um macaco.

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        24 de junho de 2014 em 20:18

        E se o homem surgiu do barro, não deveria mais existir barro.

    • Renato Macena

      23 de junho de 2014 em 21:21

      nao evoluimos de macacos, mas se tivessemos evoluidos faria muito mais sentido doque termos nascidos de argila”segundo a biblia”, a teoria diz que tivemos um ancestral EM COMUM nao que viemos de um macaco, e tambem se viemos do barro pq nos reproduzimos, se fossemos feutos através do barro era apenas chover para sermos criados.

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        23 de junho de 2014 em 22:14

        Na verdade os primeiros capítulos do gênesis se tratam de uma etiologia, mas tem gente que leva ao pé da letra né…

    • Igor Mendes de Mattos

      23 de junho de 2014 em 05:41

      Com todo respeito, eu nunca vi tanta besteira em 1 comentário só. É difícil até de começar, mas vamos lá. Primeiro, eu não conheço nem um traço de distinção em teorias bíblicas ou cientificas na maneira de identifica-las como verdade ou não, metodologia básica, você pega uma teoria e tenta refuta-la, quanto mais ela sobreviver a esses ataques, mais forte e logica ela se torna. Quando você diz que “teorias bíblicas” existem somente quando se há fé, não muda nada, ela não se torna um fato só por que você acredita, nem para você mesmo, eu posso crer em qualquer coisa se tomarmos fé como base. Agora quando falamos de teorias cientificas, elas passam por rigorosos testes e avaliações e são completamente falíveis, o que as tornam poderosas ferramentes de descoberta, ou você acha que chegou um cara e falou “viemos do macaco pq são bípedes” e pronto. Outra coisa, esse seu entendimento sobre a teoria da evolução esta completamente equivocado, a teoria de evolução de darwin não diz que uma especie se modifica ou adquiri características para melhorar, essas tais características são aleatórias e prevalecem nos animais pelo simples motivo de ajudar a sobrevivência em um determinado local, um exemplo para entender, um determinado macaco sofre uma mutação onde perde seu dedão esquerdo do pé, isso passa para 2 gerações da sua especie, porem esse dedão é fundamental para sobreviver de seus predadores, a tendencia dessa geração é desaparecer, agora se ele ganha alguma vantagem essa tendencia seria invertida, ele procriaria mais e levaria essa vantagem para todas próximas gerações(por pura cagada, poderia desaparecer também), tornando-a uma característica fundamental a sobrevivência, agora é so você multiplicar esse exemplo banal em milhares de centenas de milhões de anos e verá o resultado que vê hoje. O ser humano é um milagre probabilístico, a grosso modo “uma cagada improvável”

      • Wesley Silva

        23 de junho de 2014 em 20:12

        Eu respeito sim a opinião de vocês, mas eu só queria deixar uma coisa bem clara, ninguém conseguiu provar com vias de fato a teoria de Darwin, nem ele nem cientista algum. Deixa eu só explicar uma coisa, a alguns anos talvez décadas atrás cientista algum ousaria falar algo contra a teoria darwinista, mas hoje por falta de provas, muitos cientistas ateus já buscam outras formas de explicar a evolução das espécies, inclusive já circulam abaixo assinados apenas para quem tem Ph. D. numa área científica ou é pós graduado em medicina assinarem, dizendo-se céticos que a capacidade de mutação aleatória e da seleção natural expliquem a complexidade da vida. Esses cientistas querem q um estudo cuidadoso seja feito sobre a teoria de Darwin. Ai entra o Ônus q se refere a matéria, não seria os Darwinistas q deveriam provar as suas teorias? Ou será q esse Ônus só vale para as coisas q as convém? Será q é necessário q cientistas busquem provas contrárias a algo q nem foi provado? Apenas pra encerrar, enquanto não provarem a teoria de Darwin, pra mim e pra vários cientistas não passa de um “besterol teológico”.

        • Bernardo Dutra

          24 de junho de 2014 em 03:12

          Só para colocar um último comentário, sabe o que é mais complicado nesse tipo de assunto?Que as pessoas tentam rebater a ciência usando a própria ciência.É o mesmo que tentar provar que a Bíblia está errada, usando a própria Bíblia.Eu vou falar isso de novo, qualquer teoria é aceita até justamente que alguém mostre argumentos que mostrem que ela está errada (batemos na mesma tecla).É justamente essa ausência de verdades absolutas que dão espaço para o debate e a imparcialidade.Qualquer um pode criar uma teoria ou acreditar que alguma está certa, mas para ter a aceitação mundial você precisa mostrar evidências de que ela é verdadeira.Não é porque uma teoria existe que ela necessariamente está correta.Quer um exemplo?Existem pessoas que defendem que extraterrestres controlam o Vaticano e a economia da Terra.Qualquer um pode acreditar nisso também, mas, para ser amplamente aceito é preciso ter evidências, que, nesse caso, são insuficientes.Mas, o problema é que as pessoas não são contra a teoria da evolução em si, as pessoas são contra o fato dela não concordar com a Bíblia.O Galileu, na época, precisou mentir sobre o que defendia por perseguição.A diferença é que, o que está acontecendo hoje é possível ver, mas, obviamente, você não pode presenciar o que ocorreu há milhões de anos (não confunda prova com evidência).Muitas vezes, a pessoa se diz contra algo que nem conhece, na prática.Repito, não é possível todas as pessoas terem todo o conhecimento científico adquirido pela humanidade, então, muitas vezes, a pessoa está enchendo o peito para falar sobre um tema que, na prática, não tem conhecimento suficiente.É justamente por isso que existem distorções, não apenas nisso, mas em muitos temas.Cada um é livre para ficar com a sua pseudociência, não sou eu que vou me esquentar com isso.Só peço que essas pessoas tenham consciência do que estão falando e que não fiquem vendo isso como uma verdade absoluta.”Ciência: aqui estão os fatos!Quais conclusões podemos tirar deles? – Pseudociência: aqui estão as conclusões!Quais fatos podemos usar para respaldá-la?”

        • Bernardo Dutra

          24 de junho de 2014 em 01:23

          Não vou digitar tudo de novo, até porque seria desnecessário: http://www.deuscienciaereligiao.com/2009/05/por-que-ainda-existem-macacos_22.html

    • Bernardo Dutra

      23 de junho de 2014 em 03:30

      Na verdade, para a ciência, qualquer teoria é aceita até justamente que alguém mostre argumentos que mostrem que ela está errada (batemos na mesma tecla).É justamente essa ausência de verdades absolutas que dão espaço para o debate e a imparcialidade.Nesse site explica, de maneira resumida, o que é a teoria da evolução.É uma explicação justamente focando em distorções comuns, peço que leia: http://www.deuscienciaereligiao.com/2009/05/por-que-ainda-existem-macacos_22.html
      O maior problema, agora falando pela minha opinião, é que não é possível todas as pessoas terem todo o conhecimento científico adquirido pela humanidade, então, muitas vezes, a pessoa está enchendo o peito para falar sobre um tema que, na prática, não tem conhecimento suficiente.É justamente por isso que existem distorções, não apenas nisso, mas em muitos temas.Um bom exemplo é que tem gente que acha que os cientistas “chutam” a idade de um fóssil e os hábitos daquela espécie, quando, na verdade, existem testes para saber a idade aproximada desse fóssil (e evidências ao redor do mundo, que mostram quais eram as condições de vida naquele momento), além de evidências no próprio esqueleto.Por exemplo, animais carnívoros têm dentes próprios para comerem carne; animais herbívoros têm dentes preparados para um outro tipo de alimentação.Animais que vivem em árvores têm formas próprias para esse tipo de vida, enquanto animais que vivem no chão vão ter um esqueleto diferente.Para quem não sabe, cada parte do cérebro é responsável por uma função, e, dessa maneira, já dá para ter evidências das adaptações dessa espécie (crânio).Pássaros que se alimentam de frutos têm o bico diferente de pássaros que se alimentam de sementes (essa é básica).Entre muitas outras coisas.Repito, não é possível todas as pessoas terem todo o conhecimento científico adquirido pela humanidade, então, muitas vezes, a pessoa está enchendo o peito para falar sobre um tema que, na prática, não tem conhecimento suficiente.É justamente por isso que existem distorções, não apenas nisso, mas em muitos temas.Relembrando, peço que leia o que está no link (é rapidinho).

  43. Luís Felipe

    23 de junho de 2014 em 00:36

    Aproveitando o papo sobre Deuses
    [img]https://fbcdn-sphotos-c-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xpa1/t1.0-9/10385393_403388639802249_3393385971423629602_n.jpg[/img]

    • Lucas D

      23 de junho de 2014 em 00:39

      Menos Afrodite :v

      • Luís Felipe

        23 de junho de 2014 em 00:52

        Claro, eu tbm n mataria. Mas n foi provado q ela ficou viva. Ela pod ter gerado um filho d Kratos q a matou enquanto ainda estava no ventre. kkkkk
        Mas, pensando agr, seria uma boa ideia para a sequência de God of War colocar o filho de Kratos e Afrodite, onde ele tentaria matar o pai e restaurar o Olimpo. É, viajei.

        • Nome em reforma

          23 de junho de 2014 em 19:42

          Fala isso não cara, essas historias que eles colocam o filho do protagonista sempre fica uma merda, HUEHUEHUE

  44. Jonas Andrade

    23 de junho de 2014 em 00:11

    Olha só. Quem crê em Deus não precisa de provas de sua existência. Eu sempre bato nessa tecla. Mesmo porque, Deus não é material, pelo contrário, é um ser espiritual. Já os ateus, cientistas e outros tantos, se incomodam do fato de haverem pessoas que creem em Deus. Sendo assim, como as pessoas que creem em Deus são felizes, dormem tranquilamente em suas camas à noite, acordam e fazem todas as coisas que precisam fazer para viver nesse mundo e continuam crendo em Deus, e, em uma existência após a morte com Ele (Deus), não precisam provar nada. Agora os ateus ou os homens de ciência é que precisam provar ou não a sua existência, pelo simples fato de se incomodarem, devem provar isso, inclusive, para si mesmos. Porque nós, os crentes, não estamos preocupados com isso. E não estamos preocupados com o que os Ateus pensam (aqueles que se incomodam não deveriam), vivemos nossas vidas crendo e em paz com isso. (Hb 11:1 ORA, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem.).

    • DCemblemático

      23 de junho de 2014 em 10:09

      Acho que certo errado é uma questão de ponto de vista, e eu não sou ateu he-he-he nem cristão. Eu não sigo nenhuma religião por acreditar que nenhuma diz a verdade. Todas as centenas delas acreditam que estão certas e as outras estão erradas… Mas a bíblia não caiu do céu, SE ela foi inspirada por um deus, com certeza o conteúdo original já se perdeu a muito tempo! sobraram apenas histórias distorcidas, mau contadas e até mesmo inventadas por líderes que visavam muito mais o poder do que a catequização das pessoas. você acredita em “fatos” bíblicos que são muito questionáveis e isso abala a credibilidade, nem podem ser chamados de fatos

      • Jonas Andrade

        23 de junho de 2014 em 16:55

        A bíblia não é um livro espiritual você devia levar isso em consideração. O objetivo da bíblia não é provar nada sobre história, ou qualquer outro tipo de ciência. Senão estaria fugindo ao objetivo dela, fugindo ao tema. (Gl 1:8 Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.). (Ap 22:18-19 Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro; E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro.).

    • Bernardo Dutra

      23 de junho de 2014 em 03:05

      Discordo que são os ateus que se incomodam com isso.A história já mostrou o contrário e ainda mostra.Por exemplo, ainda existem lugares do mundo que o simples fato da pessoa não seguir a religião oficial daquele local é motivo para a pessoa ser presa ou mesmo executada.Há alguns dias inclusive, apareceu uma notícia que uma sudanesa grávida foi condenada a morte por ter seguido o cristianismo.E, há algum tempo, vi aqui mesmo no Minilua uma pesquisa que mostrava que o grupo que os brasileiros mais diziam odiar é justamente o de ateus, com ódio de 17% da população e antipatia de 25% dos entrevistados.

      • Jonas Andrade

        23 de junho de 2014 em 16:33

        Estamos falando da existência de Deus ou não. Os ateus se incomodam sim. Veja a minha resposta ao comentário do Super Choque.

      • Bruno NOL

        23 de junho de 2014 em 03:33

        Existem ateus e ateus, religiosos e religiosos.

    • Super Choque

      23 de junho de 2014 em 02:04

      A felicidade não está ligada a Deus algum,a vários motivos para alguém ser infeliz ou não, ser religosos ou ateus são apenas variáveis, não existe um manual da felicidade, ou você está feliz ou triste, é algo que vêm de dentro de você e não depende de mais ninguém, é psicológico. Se deus é material, espiritual, ou seja não pode ser visto, você não pode provar que ele existe, e logicamente se você diz que não precisa provar que ele existe, porque alguém que não acredita precisa provar que não existe? Se um não quer formar um tese o outro também não é obrigado a formar uma, só há uma discussão quando os 2 estão argumentando.

      • Jonas Andrade

        23 de junho de 2014 em 16:29

        Você tirou do contexto o que eu disse. Eu disse que os crentes continuam felizes. Independente do que falem que Deus existe ou não. Não nos importa o debate. O debate sobre a existência ou não de Deus fica para o mundo, para os ateus, para os cientistas. Nós cremos e pronto. Simples assim. E vivemos nossa ignorância (afinal é assim que vocês entendem) e felizes. Entendeu? Eu não preciso de provas. Agora, porque existem pessoas que se importam com isso?? Porquê há pessoas que querem desmerecer? Sabe porque? Porque isso as incomoda. Elas precisam provar par si mesmas que Deus não existe. Talvez para se sentirem bem consigo mesmas. Mas acho não deveriam perder seu tempo, já que não acreditam em Deus. Deviam tentar achar a cura para o HIV, o câncer ou gastar suas energias em pesquisar a vida em outros planetas e não se preocupar na existência ou não de Deus. Porque, uma pessoa que produz um artigo ou posta na internet, qualquer matéria desmerecendo, criticando, maldizendo uma fé, crença, demostra que ela está incomodada, insegura, porque precisa que ela mesma e os outros deixem de acreditar em Deus. Por exemplo. Quando você anda por aí, você se preocupa com as formigas que está pisando? Elas são tão insignificantes para você, que você não sai desviando, simplesmente anda e fatalmente pisa e vai para casa, dorme o sono dos justos e não pensa sobre isso. O ateu, e todos que não creem que Deus não exista, não deviam se preocupar com as formigas, deviam pisar por cima e viverem suas vidas e se quer pensar sobre isso. Agora, quando alguém perde um valioso tempo de sua vida, produzindo artigos, posts, e tantas outras coisas desmerecendo, criticando, invalidando a fé e a crença em Deus, é porque algo está errado, elas estão pensando demais nisso para alguém que diz que não se precisa provar algo que sequer existe.

  45. O Mentalista

    23 de junho de 2014 em 00:09

    A afirmação a seguir é uma verdade ou uma mentira? ===> “Eu só conto mentiras”
    Vocês nunca saberão.

    • DCxMarvel corno

      23 de junho de 2014 em 17:04

      A afirmação em si é mentirosa pois pode ser que você estejas mentindo agora, mas isto não impede que fales a verdade. Um paradoxo. Se eu considerá-la como mentira seria dizer que você ja contou uma verdade, e não que você só conta verdades.Essa é mentira,as outras são verdade.
      Mas se eu digo que ela é verdadeira entraria e contradição e teria que assumir ela como verdadeira e falsa ao mesmo tempo.
      Portanto assumo que ela é mentirosa e que você diz sim algumas verdades

    • Bruno NOL

      23 de junho de 2014 em 02:43

      “Abri a torneira, acabou a água.”
      Isso é verdade ou mentira? Você só vai saber caso abra a torneira.

    • OtakuSan

      23 de junho de 2014 em 01:06

      Eu tenho fé que voce na sua seriedade… ou será que voce esta me hipnotizando, já sei, é um efeito placebo!

  46. O Mentalista

    22 de junho de 2014 em 23:55

    “Se ter fé é um dom de deus, então não me culpe por não ter este dom…”

  47. chapolim do mal

    22 de junho de 2014 em 23:43

    Galera eu tenho uma duvida: se hipoteticamente deus aparecesse e dissesse que ele mesmo não existe, ele existiria mas como ele é deus e todo mundo acredita nele, então ele existiria e não ao mesmo tempo?

    • Garota Infernal

      23 de junho de 2014 em 00:10

      Tyler Durden, essa é a minha resposta, Tyler Durden.

      • Kuro Black

        23 de junho de 2014 em 00:17

        Concordo plenamente…

    • Kuro Black

      22 de junho de 2014 em 23:48

      Nesse caso, só iria trocar as coisas, os ateus (que acreditam no que vêem) iriam acreditar em deus, e os religiosos (que acreditam em deus) iriam acreditar que ele não existe, ou seja…
      http://geradormemes.com/media/created/xdgfdm.jpg

      • chapolim do mal

        22 de junho de 2014 em 23:56

        É ai que tá a confusão porque os ateus acreditariam em deus e portanto ele não existiria e os religiosos não acreditam então ele continua existindo e assim sucessivamente.

  48. Vinicius Passos

    22 de junho de 2014 em 23:43

    Só não entendi o porquê desse título. O ônus da prova, como vc msm exemplificou vale para qualquer coisa, uma vaca voadora ou macaco rosa. Tentativa de polêmica, o texto teria o mesmo sentido se não colocassem a palavra “Deus” dentro dele.

    • Bruno NOL

      23 de junho de 2014 em 03:10

      Exatamente.

  49. Alphonsus Gabriel Capone

    22 de junho de 2014 em 23:42

    Treta com Diego is Planted
    [img]https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRdGzYXFPwrUoGQRXaItTi6-gyfDjz0h-y6E_wO2yYSyB7c9QHedg[/img]

    • Emmanov Kozövisck

      23 de junho de 2014 em 16:15

      Não, não.

  50. Doge

    22 de junho de 2014 em 23:36

    Sim isso faz sentido, mas porém não conseguir provar a existência de algo é diferente de provar que ela não existe, justamente pois como foi dito no texto é impossível provar que algo não existe. Mas isso também significa que tudo cuja existência não pode ser provada mesmo assim tem a possibilidade de existir:
    Por exemplo num tribunal onde o acusador não consiga provar a culpa do acusado o veredito será que ele é inocente, mas todos sabemos que como acontece em muitos casos, existe a possibilidade de ele ter cometido o crime.

  51. Li Syaoran

    22 de junho de 2014 em 23:28

    Belo post. Explica um dos conceitos mais fundamentais para uma boa argumentação; que infelizmente, não é tão utilizado quanto deveria.

  52. larissa

    22 de junho de 2014 em 23:23

    Diego, vc não acredita em Deus, mas ele acredita em vc e te ama. Bjs

    • Francisco Junior

      24 de junho de 2014 em 21:27

      Agora surgiu uma dúvida:um ateu,caso Deus exista,irá para o inferno ou para o paraíso?
      Obs:Mesmo tal ateu sendo o mais bondoso dos homens

      • larissa

        25 de junho de 2014 em 10:57

        Eu acredito que ele irá para o paraiso, Deus o ama.
        E quem disse que é pecado não acreditar em Deus???

        • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

          25 de junho de 2014 em 22:13

          O Padre da igreja católica que eu ia.

          • larissa

            26 de junho de 2014 em 10:11

            Nossa tem razão de ter virado ateu hem…kkkk

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            25 de junho de 2014 em 22:14

            E tbm alguns religiosos com quem entrei em discussão.

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        24 de junho de 2014 em 21:55

        Sei que a pergunta é pra ela, mas segundo os próprios religiosos, o maior pecado é não acreditar em deus, logo, esse ateu iria pro inferno.

        • Francisco Junior

          24 de junho de 2014 em 22:23

          O maior pecado é não acreditar em Deus,então,quer dizer,que matar,roubar ou estuprar é menos grave do que ser ateu?

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            24 de junho de 2014 em 22:26

            Bom, não sou um especialista em religião ou algo do tipo, mas pelo que sei do tempo em que eu era religioso, aos olhos do deus cristão, sim.

          • Francisco Junior

            24 de junho de 2014 em 22:31

            E agora você é o quê?Ateu?Se é,você tem que literalmente rezar para que Deus não exista

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            24 de junho de 2014 em 22:37

            Sim, sou ateu, e por não acreditar em nenhum deus, não tenho medo, raiva ou qualquer coisa do tipo por nenhum deles.
            E isso pode até parecer meio estranho, mas, se a mitologia cristão estiver certa, preferia ir ao inferno do que ir ao céu.

          • Francisco Junior

            24 de junho de 2014 em 22:46

            Eu estou meio que neutro em relação a existência ou não de um Deus,mas entre tantas religiões,alguma deve estar errada e se uma está errada,o que me garante que as outras estão certas?!.Sou um agnóstico,eu acho.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            24 de junho de 2014 em 23:03

            Nada te garante que tenha alguma religião que esteja certa.
            Talvez a religião certa nem exista atualmente, e só existirá daqui há alguns seculos, ou talvez, ninguém conheça a religião certa, porque ela já acabou muito tempo atras, com algum povo antigo que foi extinto.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            24 de junho de 2014 em 22:38

            Cristã*

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            24 de junho de 2014 em 22:28

            Pra melhorar a compreensão desse meu comentário, só quero dizer que a resposta a sua pergunta começa em “aos olhos”.

    • Nome em reforma

      23 de junho de 2014 em 20:08

      Deus não existe, e se existir, não ama ninguém.

      • Nome em reforma

        23 de junho de 2014 em 20:15

        O certo seria dizer que eu não acredito que deus exista, só adicionei aquilo antes mesmo pra não dar a entender que eu acredite nele.
        Mas com aquele comentário quero dizer que, se deus existe, ele não ama ninguém.

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:26

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Espera, desculpa, se Deus acredita em Diego, Deus acredita que ele mesmo não existe?

      • larissa

        23 de junho de 2014 em 11:58

        kkkk é olhando por esse lado, mas eu quis dizer que Deus crer na pessoa Diego, pois ele é um rapaz bom.. igual o Jefferson falou, faço dele minhas palavras.

      • Jefferson Ferrari

        23 de junho de 2014 em 04:31

        Já tinha visto gente que não sabe interpretar um texto. Mas que não compreende uma única frase é a primeira vez. Pra facilitar pra você vou explicar, o que a Larissa quis dizer é que Deus acredita no “ser” do Diego e não na sua crença (ou ausência dela). Agora me responda uma coisa garota infernal você é bípede?

        • DCemblemático

          23 de junho de 2014 em 09:18

          Você não sabe oque e zuera??he-he-he

        • Garota Infernal

          23 de junho de 2014 em 04:46

          Se Renato Russo dizia “Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo…” eu digo “Já é tarde, tarde, tarde, tarde, tarde…”.
          Existe algo chamado> Z-O-E-I-R-A! Se você não consegue entender, é mais “burro” do que eu.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 06:17

            Eu acho engraçado, esse tanto de usuário que nem comenta nos outros posts, só aparece nos posts de religião pra querer dar uma de sabichões e falso moralismo. Como se ficar debatendo e atacando os outros (ainda mais quando se trata de uma brincadeira), fosse levar a algum lugar.

          • DCemblemático

            23 de junho de 2014 em 09:22

            Sim manolo, tem uns usuarios que eu nunca vi no Minilua, ae tem uma materia de religião no site uma porrada de gente vem dando uma de sabichão he-he-he

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 13:33

            Pois é “he-he-he”

          • Senhor do Tempo

            23 de junho de 2014 em 13:37

            Né? Nada a ver esse pessoal que aparece por aí 🙂

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 13:40

            Devem ser enviados do Diego para causar treta nos comentários e criar polêmica!

          • Senhor do Tempo

            23 de junho de 2014 em 15:56

            Isso se aplica aos desmotivacionais tbm, a maioria do pessoal que envia as plaquinhas são ilustres desconhecidos que nunca nem comentaram XD

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 19:36

            Eles são illuminats disfarçados, que por meio das desmotivacionais, nos controlam cada semana mais.

      • O Mentalista

        22 de junho de 2014 em 23:58

        Até deus é ateu!

      • chapolim do mal

        22 de junho de 2014 em 23:33

        Que coisa, não.

        • Garota Infernal

          22 de junho de 2014 em 23:34

          Os movimentos dela foram previamente planejados.

      • Kuro Black

        22 de junho de 2014 em 23:33

  53. larissa

    22 de junho de 2014 em 23:21

    Eu acredito que seja totalmente ao contrário, quando os religiosos dizem algo sobre Deus tem sempre um ateu que fala ” prove “. E infelizmente só iram crer quando verem com próprios olhos

    • Iron Man

      26 de junho de 2014 em 01:25

      Você jah viu com os próprios olhos ?

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        26 de junho de 2014 em 01:41

        Talvez ela já até tenha visto, mas foi uma ilusão, ou sonho.

    • Leonardo Cuenca

      24 de junho de 2014 em 04:37

      Bom,neste momento você está entrando no ônus da prova, ou seja, você que teria que explicar se ele existe ou não(já que você própria acabou de afirmar que existe),e estes ateus que você citou estão usando o ônus da prova,ou seja,não é totalmente ao contrario, pois estão pedindo que prove.
      Porem tal discussão seria desnecessária, pois ateus mão estão livres para começar/voltar a crer em deuses, e boa parte dos cristãos nãos estão livres para tentarem crer em algo alem da biblia(algo adulterado por diversas pessoas a longo dos anos).
      Porem uma discussão é sempre algo que quando não ensina algo quem sempre irá entreter pessoas sem nada o que fazer (como eu), e ambas eu gosto de ver(quando ambos tem argumentos validos)

      • jefry roger

        24 de junho de 2014 em 16:46

        Onus da prova: quando alguem afirma algo, tem que prestar os argumentos para tal. Um ateo quando diz Deus não existe, portanto teria que apresentar sua tese para tal. 2º Muitos ateus já passaram a ser cristãos, a exemplo de C.S. Lewis e outros. Assim também como Cristãos que tornaram-ateus. 3° Dizer que cristãos não estão livres para crer em algo alem da bília: Concordo em parte. A maior parte da população crista baseiam-se no senso comum para sua convicções, porem, isto não é determinante para a firmar que o cristianismo seja a causa, a proposito, a questão aqui não é o cristianismo mas sim a existencia de um Deus. Sim, foce afirmou que a bíblia foi adulterada ao longo dos anos, O onus da prova esta contigo, apresente argumentos que concordem com isto. Por que os escritos do Mar Morto, segundo Alan R Millard, perito em línguas e arqueologia do oriente, egiptologia, etc, afirma que os pergaminhos que datam do seculo 3° são idênticos no sentido a literatura bíblica contemporânea. Mas enfim. A questão aqui não é o cristianismo, nem a bíblia, mas sim a existência de um Deus.

        • Diego Martins

          26 de junho de 2014 em 01:44

          Não! O ateu não tem que apresentar tese. Não foi ele quem surgiu com a história de deus. A afirmação original vem dos religiosos, os ateus apenas dizem que não acreditam. Ou seja, os religiosos tem o ônus nesse caso. No caso em questão, os ateus são os réus.

          • Juca da Silva

            17 de novembro de 2014 em 01:02

            Quanta idiotice… Tua analogia com o elefante rosa em Júpiter só faz sentido em tua própria mente ignorante…

          • jefry roger

            27 de junho de 2014 em 08:17

            Primeiro, as religiões comumente podem ser categorizadas em dois tipos: Desenvolvidas(quando advem do pensamento filosófico metafísico) ou reveladas(quando se diz que vem por mensagens de uma entidade sobrenatural), a primeira sempre parte de lógica. e geralmente existem argumentos para tal, como as desenvolvidas por Aristóteles do princípio motor,a causa primeira, etc. A Segunda, geralmente advem de alguma escritura, que pode ou naõ trazer argumentos. Ou seja o Teismo Desenvolvido sempre foi apresentado com argumentos, a partir do momento que alguem o nega, deve apresentar a lógica e informações para tal. Então se alguem quiser afirmar que Deus não existe, que apresente argumentos. quando perguntar por que não acredita em Deus, apresente argumentos validos, não emocionais, não preconceituosos, e não impossíveis de encontrar fontes.

          • larissa

            26 de junho de 2014 em 10:14

            Bom, eu penso da seguinte forma… sendo Eva e Adão os primeiros habitantes e sendo eles religiosos, a primeira afirmação foi de ” Deus não existe”.

          • jefry roger

            27 de junho de 2014 em 08:24

            O Geneses, geralmente não é analisado literalmente. porem mesmo que acredite literalmente nele, Adão e eva não eram religiosos (religação), já que o termo religião se refere a crensas, condutas e ritos que visam a re união com as entidades ou divindades. No gêneses adão e eva não se originan como separados de Deus, somente a partir do pecado que eles são separados, e daí então o primeiro religiosos em sí teriam sido abel e caím. Isto para quem considera o geneses como lilteral.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 19:53

            Os primeiros capítulos de gênesis são uma etiologia, não leve ao pé da letra.
            E a questão não é que afirmação foi feita primeira na historia da humanidade, e sim quem fez a afirmação na discussão em questão.
            Mesmo assim foi deixar minhas opiniões aqui sobre qual foi dita primeira na historia, acredito que tenha sido “Deus existe”, pois praticamente todos os povos humanos tem um mito de criação, e pelo que sei, só é conhecido um povo sem esses mitos, que são os Pirarrãs, tribo indígena da região amazônica, que não acreditam em nada que não pode ser visto, sentido, provado ou presenciado.
            E claro que além disso, se ninguém acreditava em um deus antigamente, não haveria jeito de haver uma afirmação “deus não existe”, pois ninguém nem mesmo sabia o que era um deus.

    • Diego Martins

      22 de junho de 2014 em 23:56

      Exatamente. Você tem o dever de provar a história que está contando! Nossa eu escrevi dez parágrafos só para dizer isso: Quem conta a história tem que prová-la. Eles estão certos.

      • jefry roger

        23 de junho de 2014 em 08:12

        Diego mais uma perola sua: “´é impossivel provar a inexistencia de algo…” Quer dizer que voce não pode provar que tem um mini elefante etéreo cor de rosa com bolinhas amarelas com poderes magicos de baixo da sua cama toda vez que nimguem está olhando? è lógico que se pode provar a inexistencia de algo, caso não, seria impossível determinar certos princípios da física como a próprio corpo material que absolutamente tem que ocupar espaço. Se não ocupa espaço então necessariamente não existe matéria neste determinado espaço. A mesma questão para massa x cinética. hipoteticamente, se em um sistema com gravidade e metodo sensivel a pressão com precisão absoluta, se não houver pressão necessariamente não ha massa. Ou seja da sim para se provar se não existe algo. Ou seja, pode sim e deve-se tentar provar a inexistencia daquilo de que se duvida. Agora se não ha métodos adequados para este fim, o mais logico é utilizar o principio da incerteza de Heisenberg: “Melhor considerar todas as possibilidades.” Mas a respeito do onus da prova voce está correto, quem afirma é quem deve provar, e existem diversas teses que evidenciam a existencia de Deus, desde filosóficas metafísicas, biológicas, matematicas, fisicas, psicológicas, etc. Agora nunca ví uma tese que tentasse provar o contrario.
        Pois por não conseguirem provar a inexistência, arranjam a desculpa falaciosa: “Não tem como provar a inexistência de algo”
        Nunca ví ninguem provar que Deus não existe.

        • Vinicius Passos

          23 de junho de 2014 em 21:36

          Ele colocou esse exemplo como algo metafísico, se alguém diz q existe um elefante rosa voador, ele pouco provável q ele prove ou consiga te convencer. Mas vc tbm não pode dizer q não existe por mais absurdo q seja. É como Deus, ninguém conseguiu provar q ele existe, mt menos o contrário.

        • Diego Martins

          23 de junho de 2014 em 09:27

          Nossa, não seja estúpido. Tu pode provar que algo não existe em determinado espaço e tempo, mas tu não pode provar que algo não existe em todos os lugares do Universo, pelo simples fato que não temos condições de explorá-lo. Eu posso provar que não existe um elefante rosa embaixo da minha cama, mas eu não posso provar que não existe um em Júpiter.

          Pare de distorcer as coisas que lê e a prova de inexistência não é uma falácia.

          Tem provas, onde? Tem bilhões de pessoas precisando ver essas provas. Manda aí que você vai mudar o mundo!

          • jefry roger

            23 de junho de 2014 em 14:13

            Voce está certo quando diz que não se pode provar que algo não existe pelo fato de não poder explorá-lo? Este é tipo de pensamento comum da filosofia ocidental que tenta totalizar os conhecimentos em uma unica esfera que pode ser dominada pelo conhecimento, excluindo da existência tudo aquilo que não pode ser testado, ou dominado pela razão, levando a considerar o fator desconhecido como inexistente, ou mais comumente na filosofia: ” O não ser”. Este é a questão da unidade filosófica, e que leva a ignorância do desconhecido. Ora, se não podemos provar que exista vida inteligente em bilhões e bilhões de sistemas estelares no universo, então não existe? No primeiro milênio cristão não se podia provar a existência do continente conhecido contemporaneamente como americano, isto quer dizer que ele não existia?Se não podemos provar a teoria da evolução, então quer dizer que ela é falsa? ( já que é impossível pela metodologia ao nosso alcance, por isto é uma teoria, não provada, mas aceita por conveniência) Se for por este seu pensamento, terá que desconsiderar muito do que sabemos de muitos princípios científicos que acreditamos, e então está se contradizendo.Sobre provas, existem diversas teses que evidenciam a existência de algo consciente, superior e inteligente. Amit goswami, Pós doutor em física quântica tem livros sobre isto. Na biologia temos a tese do Bioquímico Michael Behe, da complexidade irredutível. Na filosofia, são tantos que não é necessário nem citar, desde Aristóteles a muitos outros. Michio kaku, físico teórico afirma que vivemos em um sistema regido por regras que absolutamente deriva de algo harmonioso, elegante, preciso,ordenado, diferente do princípio do sentido do universo que é da ordem( concentrado de energia simples, sistemas de vida simples ) para a desordem ( Sistemar estelares caóticos, galáxias complexas, Sistemas biológicos complexos), e no entanto vemos um universo de certa forma organizando-se harmoniosamente. Etc. Estes são os que me vieram a mente agora, mas existem diversos argumentos, teorias, teses, que evidenciam a existência de Deus. Agora que, como a teoria da evolução é inconclusiva, como tantas outras, Acredita quem considerar o argumento válido. Porem a afirmação de que não se pode provar a inexistência de algo continua sendo falácia.
            Quem distorce as coisas aqui, pode ter certeza, não sou eu.

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 16:02

            AGORA eu não tenho muito tempo para explicar a minha concepção, mas caso tu tenhas paciência, eu poderei justificar-me melhor…

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 15:46

            Realmente não se pode provar nada, pois mesmo se a teoria for perfeita ou se o que procuras estás debaixo de nariz, é impossível de ser provado. Imagine que eu estou com uma maçã em minha mão direita e eu digo-lhe: “Prove que esta maçã existe.” Você provavelmente dirá: “Mas que pergunta ridícula, é claro que existe. Eu posso tocá-la, senti-la, rolá-la, cheirá-la, comê-la; ela tem o cheiro de uma maçã, ela tem o gosto de uma maçã, ela é uma maçã e existe porque eu estou vendo-a!” Entretanto, meu amigo, nada podemos provar com 100%, pois sempre haverá uma porcentagem de dúvida nas questões mais superficialmente tolas que se possa imaginar.
            Nós, como humanos, respondemos à estímulos externos do meio ambiente, que comandam a nossa percepção do mundo. Com drogas alucinógenas, uma maçã pode se transformar em um elefante rosa; ontem mesmo eu pensei que um buraco na parede de minha casa era uma barata. Somos seres comandados por nossas percepções do mundo exterior e, como eu acho que você já sabe, o nosso cérebro mais reboca do que interpreta estímulos – nossa visão, por exemplo, é bem adulterada pelo cérebro. Assim, não podemos provar a existência de nada com absoluta certeza.
            Logo, para a percepção universal, a maçã em minha mão pode realmente existir, mas talvez não exista.

    • O Mentalista

      22 de junho de 2014 em 23:54

      Infelizmente a ideia da existência de deus veio antes da ideia da não existência. A frase “Deus existe” foi dita antes da frase “Deus não existe” logo quem disse que deus existe deve prova-lo.

      • Bruno Silva

        1 de julho de 2014 em 20:59

        a fé e a certeza são opostos, Deus quer que crêiamos na sua existência e não que tenhamos certeza que Ele existe pelos olhos mais de outras formas como por exemplo sentindo a sua presença ou te curando de uma doença que a medicina ñ seja capaz de curar por isso q a fé move montanhas, se todos o vi-sem seria facil adora-lo

      • artur3855

        23 de junho de 2014 em 22:08

        Isso em teoria meu caro, mas o que tem que comprove que a sua teoria é a verdadeira? Quem disse que o primeiro homem na face da Terra também foi o primeiro religioso? Animais acreditam em alguma espécie de entidade suprema? Em qual parte do desenvolvimento intelectual se pode assumir uma posição religiosa?

    • chapolim do mal

      22 de junho de 2014 em 23:23

      Uma lutadora do outro lado: o religioso, isso foi raro de ver nesses coments.

  54. Tábata Vidiri

    22 de junho de 2014 em 23:04

    Só posso dizer que sou fã dos teus textos e matérias.

    • Diego Martins

      22 de junho de 2014 em 23:55

      Brigado!

  55. KefkaGod

    22 de junho de 2014 em 23:02

    Preparei a pipoca, mas nem teve treta.

  56. Nameless

    22 de junho de 2014 em 23:00

    Você vê uma frase escrita a mão. Muitas vezes, conhecendo a pessoa, você não precisa ter visto quem escreveu o fazendo, sabe quem fez apenas pela letra, característica extremamente pessoal de cada um. Do mesmo modo, toda vez que leio um post aqui no site que tente, por mais sutilmente que seja, desmerecer a crença da religião Católica… Bom, não preciso ler os créditos pra saber quem o fez.

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:04

      Isso é tão pretensioso, na minha opinião…

      • Nameless

        22 de junho de 2014 em 23:19

        Pretensão da minha parte? Nenhuma… Só uma constatação.

        • Garota Infernal

          22 de junho de 2014 em 23:22

          Não, não é pretensão da sua parte, é pretensão da parte do Diego kkkkkkkk

          • Nameless

            22 de junho de 2014 em 23:30

            Ah, então ignora, ajo de um jeito burro esporadicamente.

          • Garota Infernal

            22 de junho de 2014 em 23:31

            kkkkkkkkkkkkkkkkk Que nada

  57. Ponto.

    22 de junho de 2014 em 22:49

    Prova Deus é inútil, pois se baseia na fé, nada que está junto com a fé pode estar junto com a racionalidade são campos do conhecimentos totalmente diferentes, fé é acreditar e racionalidade é por meio da logica entender as coisas, portanto provar Deus (que é um conceito abstrato e nao pode ser entendido pela logica) é inútil e absurdo, deve-se apenas respeitar a crença de cada um desde que esse não as impoião aos outros, simples assim

    • artur3855

      23 de junho de 2014 em 22:34

      Isso é um conceito um tanto quanto errado. Sentimentos não são coisas abstratas também? A ciência estuda os sentimentos, prova a existência deles. Se algo existe, pode ser provado, simples assim.

      A forma como você se colocou foi uma forma “eufemista” de dizer que quem acredita em Deus ou é ignorante por não ter conhecimento o bastante ou por querer se enganar com uma mentira, ou eu te interpretei errado?

      Uma coisa que me perturba profundamente é as pessoas quererem separar a ciência da religião. Cara, um cientista tem que ter fé na sua intuição mesmo que os outros cientistas digam que é impossível. Se não fosse a fé, Santos Dumont não teria inventado o avião. Sem a lógica, guerras desnecessárias são travadas e mentes são manipuladas, mas a sociedade confunde fé com intuição. Triste.

      • Ponto.

        24 de junho de 2014 em 00:11

        Em outras palavras, a fé particular das pessoas não precisa ser separada da ciência mas religião como instituição sim, são coisas diferente porém entrelaçadas quer nos queiramos ou não

      • Ponto.

        24 de junho de 2014 em 00:09

        Na verdade o que quis dizer é que nos campos do conhecimento a fé é derivada do mito portanto tudo que é atribuído a ela não necessita de provas por isso as pessoas creem , a partir do momento que um fiel quer “provar” o seu deus ele está sendo incoerente, por isso disse que é absurdo provar Deus.
        Além disso religião e ciência tem que ser separadas, pois a religião em si muitas vezes limita o avanço da ciência devido á seus dogmas. Entretanto se você estiver falando do caso particular de uma cientista pedir á deus sabedoria para conduzir suas pesquisas , tranquilo! sou totalmente a favor desse tipo de comportamento , o grande problema é quando uma instituição tenta entrar no campo da outra, é incoerente tanto da religião limitar a ciência impondo seus dogmas quanto também é errado a ciência querer provar deus, ele não precisa ser provado até porque a falta de provas é um dos princípios da fé… como já disse acima . Perdão se fui prolixo repeti, algumas coisas pra tentar ser mais claro

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:05

      Um padre me falou na catequese que Deus é um mistério, e que não tem prova racional, humana, ou física. Acho que Deus é algo pessoal de cada um.

      • Ponto.

        22 de junho de 2014 em 23:09

        Exatamente.

    • Ponto.

      22 de junho de 2014 em 22:50

      esses*

  58. Garota Infernal

    22 de junho de 2014 em 22:41

    Bom, isso é verdade. Se você faz uma afirmação, você deve provar.
    Uma coisa que eu nunca vi, foi em um fórum sobre fé, ou um post no facebook sobre qualquer coisa ligada a Deus(de forma positiva e religiosa) um ateu invadir, colocar o CAPS LOCK e gritar “DEUS NÃO EXISTE, SEUS BABACAS!”. No entanto, em fóruns de discussão sobre a existência de Deus, gente dizendo que Deus não existe, ou os posts do Diego, vem um monte de “crente” gritando “DEUS EXISTE, VOCÊS VÃO PRO INFERNO!”. Isto é.

    • Bruna Christ

      26 de junho de 2014 em 20:00

      Você nunca viu, moça? E os que gritam: “Vcs são umas bestas, ignorantes e pouco inteligentes, pois qualquer um que tenha QI razoável sabe que Deus não existe”. Os dois lados são extremamente cansativos. E Deus mesmo já deve estar de saco cheio de tanto argumento medíocre para o sim/não de sua existência.
      Se eu fosse ele, estaria.

      • Garota Infernal

        26 de junho de 2014 em 20:11

        Você a viu algum ateu protestar contra a religião… Na rua? Nas igrejas? “Invadir a praia” dos religiosos?

        • Rerman Andriz

          22 de julho de 2014 em 19:43

          Você nunca deve ter ouvido falar dos ateus militantes… Eles inclusive estão na internet, tenta converter as cabecinhas mais incautas…

    • Toon Link

      23 de junho de 2014 em 13:31

      Tenho que concordar
      Eu acredito e respeito Ateus, e acho uma atitude completamente ridícula e na maioria das vezes sem sentido julgar uma pessoa por crença.
      Eu acho discussões religiosas na internet (digo aquelas que é basicamente uma briga de patadas, parece até esteriótipo, totalmente diferente de uma discussão ‘madura’) algo totalmente desnecessário, justamente porque é algo sem fim e não chega a conclusão nenhuma
      Como eu já vi alguém postando aqui (não lembro quem *sigh*) A vida é tão relativamente curta e tem gente que fica de batendo por algo dependente de fé

      Só faço comentário merda aqui lel. Vou voltar a só observar

    • Marcos Lucas

      23 de junho de 2014 em 08:38

      Pois é, sou ateu, mas não posso dizer “Deus não existe” porque estaria adquirindo o ônus da prova e, o motivo de eu não crer não é porque tenho provas da não existência, só não creio por falta delas!

    • Forasteira

      22 de junho de 2014 em 22:45

      Esses são os famosos “crentelhos” assim como existem os “atelhos”. Toda “tribo” (classifiquemos assim) tem seu esteriótipo e seus participantes que seguem à risca esse esteriótipo, o que, na grande e estratosférica maioria, fica muito chato tanto para a tribo, quando para a sociedade que vê essa tribo, pois acha que todos os participantes dela agem da mesma e estereotipada forma, aí começam as discussões contra a “Tribo X” versus a “Tribo Y” versus a “Sociedade”.

      • Adriano Saadeh

        23 de junho de 2014 em 09:24

        Exato e isso é uma chatice sem tamanho

      • Maurício R B

        23 de junho de 2014 em 00:08

        É tua ruim quando descobrem que sou ateu , na sala de aula pensaram que por ser ateu eu era preconceituoso contra os cristãos, sendo que tinha uma meia-dúzia que eram preconceituosos com Ateus e cristãos de outro filo (sei lá como se chama)

        • Emmanov Kozövisck

          23 de junho de 2014 em 15:27

          Serei sincero contigo: na minha sala de aula há um aluno que é assumidamente ateu, e nós (incluindo-me) fazemos frequentes piadas em relação ao ateísmo dele, coisas bem idiotas, e essas “ofensas” tornaram-se frequentes. Entretanto, nenhum aluno da sala utiliza tais piadas de forma pejorativa, pois o próprio aluno ateu pouco importa-se de ser chamado de ateu e além disso ele eventualmente realiza alguma mangação contra o catolicismo (como em nossa sala há uma imagem de Jesus na cruz, eu já o vi fazendo pelo menos 5 vezes o “headshot” em Jesus, ou seja, ele finge que tem uma arma e mira na cabeça da imagem de Jesus). Acredito que a nossa relação é saudável, sem preconceitos ou conflitos internos, mas o comportamento geral da sala é deplorável, já que nós, mesmo que de forma inconsciente, acabamos sendo preconceituosos nas minuciosas brincadeiras. Até eu, que evito fazer piadas com questões religiosas, zombo dele por seu ateísmo (embora eu também seja um ateu, ou quase isso).
          As pessoas sempre terão problemas para respeitar as diferenças alheias – você será criticado por sua religião, sexualidade, roupa, cabelo, etnia, por gostar ou não de vídeo-games, por dormir cedo ou tarde… Nós, humanos, somos seres que adoram julgar, mas a importante virtude que todo homem deve ter é ignorar os julgamentos e reconhecer seus próprios erros para enfim seguir em frente.

          • Forasteira

            23 de junho de 2014 em 15:44

            Te peguei, Yago.

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 16:01

            Meu pseudônimo é Emmanov e meu nome é Yuri, jamais Yago.

          • Bruno NOL

            23 de junho de 2014 em 16:29

            Yuri … ( ͡° ͜ʖ ͡°) (Foi mau, eu tinha que fazer isso).

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 21:30

            Não há problemas, vocês caíram no meu teste psicológico: fizeram exatamente o que eu queria. Não, na verdade não. Mas finjam que caíram.

          • Kira

            23 de junho de 2014 em 18:31

            Yuri … ( ͡° ͜ʖ ͡°) (Foi mau, eu tinha que fazer isso).

          • Forasteira

            23 de junho de 2014 em 16:07

            Sim, desculpe, sempre confundo Yuri com Yago.

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 16:13

            E desculpe pela mudança, mas ser Falaschi estava me enchendo.

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 16:09

            Chame-me de Emmanov ou de Kozövisck, mas evite chamar-me de Yuri (e principalmente de Yago), pois ninguém chama Freddie Mercury de Farrokh Bulsara.

          • Forasteira

            23 de junho de 2014 em 18:57

            Firmeza, Emmanov.

          • Ana Lastites

            24 de junho de 2014 em 14:58

            [img]https://lh5.googleusercontent.com/-w7gwyUkPpbo/U6mCwzokYWI/AAAAAAAABSI/koXfVCVIFCo/s350/gif2.gif[/img]

          • Emmanov Kozövisck

            23 de junho de 2014 em 21:32

            Isso é esquisito, mas… firmeza, mana Forasteira.

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 18:53

            Prefiro te chamar de Fernando, Vlw Flw.

      • Garota Infernal

        22 de junho de 2014 em 22:50

        Isso acontece com tudo, e eu acho isso a atitude humana mais boba e idiota. Porém, me surpreende que Diego tenha feito essa matéria, pois ele sempre faz matérias anti-religião e o “problema” não são a matérias em si, o problemas é que se alguém tem uma visão diferente, ou até mesmo é um cristão, ele fala de forma grosseira. Ele já me chamou de burra só por eu acreditar em Deus, e eu nunca xinguei ele, eu acho essa atitude desesperada, parece que ele quer converter os outros ao ateísmo.

  59. Forasteira

    22 de junho de 2014 em 22:40

    Boa matéria Diego =D
    E no final, tudo acaba como uma faca de dois gumes, o fato de você não poder provar que existe e também não poder provar que não existe funciona pra muitas outras coisas.
    Por exemplo, se questionar sobre a não-existência de Deus sendo um religioso, não te faz menos religioso, assim como se questionar sobre a existência de Deus sendo um ateu, não te faz menos ateu.
    As pessoas, independentemente de suas religiões, posturas filosófico-religiosas (meu caso), crenças ou até mesmo falta delas, deveriam ser mais abertas à novos pensamentos, ideias e opiniões, assim todos conviveremos com mais facilidade, afinal, não é preciso concordar, é preciso compreender.

    • artur3855

      23 de junho de 2014 em 22:21

      Pois é, se as pessoas tivessem pensamento científico….

  60. Blue

    22 de junho de 2014 em 22:37

    que os cristãos e ateus continuem brigando,assim sobra vinho pra todo mundo,vinha Dionísio!

    • Blue

      23 de junho de 2014 em 16:24

      *viva,nem eu sei como eu troquei as palavras

    • Ponto.

      22 de junho de 2014 em 22:57

      Nitch?

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        25 de junho de 2014 em 22:10

        Wat?

  61. André Silva

    22 de junho de 2014 em 22:32

    Nunca pensei que veria uma matéria com tal título ser feita pelo Diego. Ou será que não foi o Diego que fez essa matéria? Pode ter sido alguem que fez a matéria e simplesmente colocou o nome dele como autor…não sei!

    • Nome em reforma

      23 de junho de 2014 em 19:31

      Leia a matéria que entendera o titulo, HUEHEUHEU.

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:16

      O título engana muito.

  62. Terrorista

    22 de junho de 2014 em 22:30

    Meio contraditório em algumas partes,mas aceitável.

  63. bais ou benos

    22 de junho de 2014 em 22:29

    Macavos rosas voadores é algo mas aceitável, comparando à um ser que “ouve” bilhões de pessoas ao mesmo tempo 😛

    • artur3855

      23 de junho de 2014 em 22:19

      Nah, que isso! A internet não consegue responder milhares de computadores ao mesmo tempo? E se Deus for uma espécie de Ciborg? XD

  64. Red John

    22 de junho de 2014 em 22:28

    Hum.. Isso até pode te convencer de que exista Deus, mas se você tomar isso como verdade tudo existe, qualquer coisa que vc pensar existe. Por exemplo: “Há, Zeus existe porque você não pode provar que ele não existe”.

    • artur3855

      23 de junho de 2014 em 22:17

      Bom, se pegarmos os dizeres da mitologia grega, Zeus não existe pq não existem deuses no topo do monte Olimpo. Quando falamos do Deus católico/protestante, em teoria ele existe no céu. Bem, no céu existem estrelas e nós nunca fomos nelas.

      Então, teoricamente, Pode se provar que Zeus não existe segundo a teoria mitológica grega, mas não há como provar a inexistência de Deus segundo a teoria católica e protestante….

      • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

        23 de junho de 2014 em 22:24

        Então você esta dizendo que o deus cristão é algum tipo de Extraterrestre?

        • artur3855

          23 de junho de 2014 em 22:51

          Pode ser, quem sabe? XD

          Afinal, tudo é possível até que se prove o contrário =P

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:13

      Na verdade, a crença em Deus limitou o pensamento das pessoas por muito tempo. Se lembra que as pessoas diziam ser loucura acreditar que a terra é redonda(na verdade uma esfera disforme) e gira em torno do sol? E não acreditavam em muitas coisas. Acreditar em Deus e acreditar em tudo em conjunto é um pensamento hipotético, pois isso não acontece.

    • O Mentalista

      22 de junho de 2014 em 22:37

      Red John você por aqui?

  65. Alan Oliveira

    22 de junho de 2014 em 22:27

    independente de matéria quem e cristão nunca vai conseguir convencer um ateu, e nem um ateu vai convencer um cristão ambos manterão suas opiniões iniciais isso e uma discussão sem fim

    • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

      25 de junho de 2014 em 22:07

      A discussão pode fazer a pessoa pensar, e perceber que não há sentido na existência de um deus, ou perceber que há sentido na existência do mesmo.

    • Adriano Saadeh

      23 de junho de 2014 em 09:28

      Esta aí a raiz do problema, quando alguém tenta convencer ao invés de conversar e discutir mantendo uma postura respeitosa e disposta a se colocar no lugar do outro mesmo que isso vá contra o que acredita naquele momento, afinal somos seres mutáveis, capazes de mudar de opinião e com isso aprender mais sobre quaisquer assuntos.
      O problema como tudo é quando o ego entra no meio, e realmente muito difícil mantê-lo distante quando alguém ridiculariza seu estilo de vida

    • Diego Martins

      22 de junho de 2014 em 23:24

      Não acho. Se tu me provar qualquer coisa eu passo a acreditar. Infelizmente até hoje nenhum religioso conseguiu provar suas crenças.

      • chapolim do mal

        22 de junho de 2014 em 23:31

        mas ninguém é capaz de provar a inexistência de qualquer coisa…
        Além de Deus aparecer para todos, acho que não exista modo de provar a existência do tal.

        • O Mentalista

          23 de junho de 2014 em 00:02

          “Se deus aparecesse, logo ele é feito de algum material para tal. Uma forma instável de átomo?Talvez, então se ele é feito de átomos logo ele poderia ser testado, porém nunca acharam tal átomo que compõe deus. Afinal se deus é feito de átomos logo ele não criou os átomos, então não criou tudo. Então quem criou deus?”

      • Ponto.

        22 de junho de 2014 em 23:26

        Crenças não precisam ser provadas , é o que chamamos de fé, ou voce tem ou nao tem e ponto final xD

        • Diego Martins

          22 de junho de 2014 em 23:53

          Então porque tu não tem fé em Zeus, ou Alá? Fé é a desculpa que alguém dá quanto não consegue provar algo. Fé é uma péssima coisa, uma doença na humanidade. Ninguém precisa de fé para nada nesse mundo, mas fé é a desculpa que torna coisas absurdas em normais.

          • Zeref

            23 de junho de 2014 em 16:07

            Eu não sei descrever a fé,então não posso falar se eu tenho ou não,pode ser q o q eu chamo de “torcer pra dar certo” seja minha fé,eu sei lá,eu nunca senti nada do q as pessoas descrevem como fé

          • Ponto.

            23 de junho de 2014 em 08:24

            Eu não tenho fé em nada. Só expliquei que crença não precisa ser provada, por isso tem o nome de crença, “crer”. Entretanto mesmo não tendo fé e sabendo que a crença em algum deus é só um analgésico que as pessoas usam pra suportar a vida, tenho que admitir que sem ela viveríamos no caos, nem todos são capazes de viver em um mundo sem um deus.

          • Bruno NOL

            23 de junho de 2014 em 03:26

            Tenho fé em Deus pelo fato de ter fé em Deus, as coisas não precisam ter sentido.

          • Diego Martins

            26 de junho de 2014 em 01:24

            Então porque tu não venda os olhos e sai caminhando em meio a uma estrada movimentada? Desculpe, mas as coisa não precisam fazer sentido é uma coisa meio burra de se dizer.

          • Garota Infernal

            22 de junho de 2014 em 23:56

            A fé salvou muitas pessoas, isso você deve admitir.

          • Diego Martins

            23 de junho de 2014 em 00:06

            Pode ter salvo, mas ao mesmo tempo iludiu, criou falsas esperanças…

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 00:32

            Ninguém sabe se é uma ilusão. A religião diz que o paraíso vem depois da morte física. Bom, os mortos não falam aqui, então é uma incógnita.

          • chapolim do mal

            22 de junho de 2014 em 23:59

            Mas se a fé salvou essas pessoas a salvação já estaria dentro da cabeça delas e a fé só a libertou.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 00:02

            Talvez, só que a fé liberta um instinto de sobrevivência ás vezes, como as pessoas que usam drogas e então entram na igreja e se curam, sei la. Mas sem a fé, convenhamos, elas só se afundariam ainda mais. Sem fé elas teriam que acreditar em si mesmas, e isso é difícil

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:11

            Na verdade elas só precisavam de algo para se segurar no momento difícil. Se fossem em um hospital, ou em um terreiro de macumba daria no mesmo. O nome disso é efeito placebo.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 00:13

            Um hospital não anima ninguém, desculpe. E eu sei do efeito placebo, mas eu tive provas de que a fé funciona.

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:18

            Algo que funciona muito mais rápido que a fé, é a hipnose. Na verdade a fé só é uma forma de hipnose só que mais lenta. A pessoa faz com que o cérebro esteja aberto a sugestões, tais como largar um vício ou esquecer um trauma. Com a hipnose isso vai mais rápido, em algumas cessões e a pessoa está livre. Outra forma é a PNL, só que é um pouco mais lenta, depende mais do querer pessoal de se livrar do indesejado. E por fim, a fé não é nada de super especial, se uma pessoa procura uma igreja para se curar, ela poderia procurar um hipnólogo, que seria muito mais rápido.

          • Luís Felipe

            23 de junho de 2014 em 00:46

            Velho, tô ligado q foi vc q fez aquelas paradas lá sobre hipnose no “monte sua matéria”, e gostaria q vc me ajudasse. Minha namorada tem pavor de morrer afogada, devido a um trauma de infância, e qro fazê-la perder esse medo.

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:54

            cara me manda seu e-mail se pudere amanha eu te digo o que fazer.

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 01:13

            até amanhã

          • Luís Felipe

            23 de junho de 2014 em 01:16

            Té.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 00:31

            Bom, eu sei o que vi, e a fé foi mais imediata. Eu tive provas, e aconteceu diante dos meus olhos com alguém que eu confio que não iria fingir, alguém sofrido que estava passando por um momento muito ruim. Eu sei o que eu vi. E a hipnose não é tão rápida.

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:40

            Uma pessoa pode ser hipinotizada em menos de 5 segundos…e os efeitos durarem para nsempre

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 00:44

            kkkkkkk Pesquise e verá que os tratamentos ligados a hipnose, por vezes, duram semanas para chegar a perfeição e assim serem efetivos. Mas, claro, existe hipnose imediata. Mas o fato é que eu vi a a fé salvar uma pessoa.

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:52

            Se chama hipnose instantânea…como a hipnose varia o tempo, om a fé é o mesmo, depee da fé de cada um, isso só demostta o que eu disse quanto mais você crer mais forte essa influência agirá sobre v8cê. Hipnose não é tão diferenhyte de fé, a diferença é que na hipinose uma pessoa engana seu cérebro,e na fé a pessoa engana a si mesma.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 01:01

            Bom, eu vi, foi imediato, foi praticamente um milagre. Funcionou e a pessoa nem tinha tanta fé, estava até incrédula. Me diz: por que deu certo e hoje ela está bem?

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 01:11

            Eu acredito em você claro, como não sei de fato o que aconteceu, então só me resta acreditar em você uma sábia pessoa, claro que eu vejo de outra forma, mas quando expressamos a mesma coisa o que chamamos-a é irrelevante, bom como já estátarde e amanhã será corrido me despeço com boa noite a ti . Aliás seu conto não seria o 200?rs

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 01:23

            Bom, pode parecer irracional e idiota mas eu desisti de mandar agora por que o conto tem toda uma numerologia e o número chave é 500, se fosse 200 seriam duas centenas e meia, o ideal seria se fosse o conto 500, mas seira crocodilagem, então é perfeitamente cômodo que seja o 250 por ser metade do número perfeito. Vai por mim, isso tem lógica, mas só vai descobrir quando ler o conto.

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:19

            Aliás fé, e efeito placebo é a mesma coisa.

        • O Mentalista

          22 de junho de 2014 em 23:32

          Por isso é uma bobagem rs

          • Ponto.

            22 de junho de 2014 em 23:33

            sim kk

        • Garota Infernal

          22 de junho de 2014 em 23:28

          PONTO final… Interessante…

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:07

      Acho essa opinião muito radical.

    • Derp Derpington

      22 de junho de 2014 em 23:03

      É isso que faz as discussões serem tão divertidas de se assistir.

    • O Mentalista

      22 de junho de 2014 em 22:45

      Querer expor a verdade não é o mesmo que querer convencer alguém….

      • chapolim do mal

        22 de junho de 2014 em 22:52

        O problema de querer expor a verdade é que sua verdade pode ser completamente diferente da pessoa que está sendo exposta a mesma.

        • Forasteira

          22 de junho de 2014 em 22:55

          Exatamente. Mesmo que 99,9999999% da população ache a Regina Casé feia, tem 00,0000001% que pode vir a dizer que ela é bonita, então a verdade da maioria, pode não ser a verdade da minoria.
          Ou até dizer “Aquele piso é azul”, outra pessoa pode dizer “Aquele piso é ciano”, ou “Aquele piso é azul-piscina” ou até mesmo “Que nada, ele é branco” quando na verdade é preto.

          • Kuro Black

            22 de junho de 2014 em 23:16

            O que você está tentando dizer é que cada um acredita na sua “Verdade” e se a sua “Verdade” é diferente da de alguém, é uma contradição de ideias, e em uma contradição de ideias, os humanos tentam convencer um ao outro que estão certos, e isso derruba totalmente o argumento do mentalista… é isso?

          • Wayne Griffin

            22 de junho de 2014 em 23:25

            Isso não envolve acreditar, mas que uma pessoa pode vir e derrubar algo considerado verdade mesmo causando uma certa decepção. Mas se você não considera verdade quem pode te criticar? (todos podem se for algo absurdo)

          • Ponto.

            22 de junho de 2014 em 23:22

            Na verdade nada derruba o argumento do mentalista. De fato existe apenas uma verdade daí o mito da caverna de Platão por exemplo o qual é basicamente tudo isso que está sendo discutido , as verdades baseadas em falacias e a verdade real que é alcançada ao sair da caverna (metáfora para ignorância)

          • Kuro Black

            22 de junho de 2014 em 23:28

            Depois de ler os dois comentários, Concluo que vocês dois seguem a mesma linha de raciocínio, porem, vão para caminhos diferentes, vocês acham que existe somente a verdade que vocês querem acreditar, e vem as outras verdades como mentiras e ilusões…

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:39

            Você é a primeira pessoa a não acreditar na lei da gravidade.

          • Wayne Griffin

            22 de junho de 2014 em 23:46

            mas eu acredito nela até mesmo porque não tem como não acreditar. Mas acho que verdades fundamentadas e impostas podem sem provadas o contrário. Por isso que varias das coisas ao qual se acreditavam na idade média foram abolidas.

            odeio, essas discussões pois só servem para criar inimizade, não quero inimizade inclusiv
            com vc

          • O Mentalista

            23 de junho de 2014 em 00:08

            Eu não me referia a você neste comentário. Seu ponto de vista é confuso porém não precisou distorcer o que eu disse para parecer mais inteligente. Mas as coisas que acreditavam na idade média eram ilusões e não verdades, por exemplo hoje podemos acreditar em algo como verdade, porém podem ser ilusões. Ilusões são ilusões, e verdades são verdades. Não existem meias verdades, o que eu estou escrevendo aqui pode ser mentira, eu não posso afirmar como verdade.

            Agora a pergunta é que fica, na frase a seguir, é uma verdade ou uma mentira? “Eu só digo mentiras”

          • Kuro Black

            22 de junho de 2014 em 23:43

            Sabe… Acho que você prosseguiu a conversa com o assunto errado em mente, não estamos falando da gravidade em questão, estamos?

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:52

            E você é o típico cara que gosta de distorcer qualquer coisa para dar em uma tretinha, já disse logo acima que eu tenho “minhas verdades” não não vou brigar com você, pois não gosto de brigar pelo que não vale apena, se você não consegue interpretar um simples texto como os que já escrevi, não irá conseguir entender nem mais uma palavra do que eu iria escrever.

          • Kuro Black

            23 de junho de 2014 em 00:03

            Não pense que eu não entendi o que você disse, mas não se usa algo como a lei da gravidade como exemplo para algo que não é comprovado como a própria, e se você prestar atenção, tudo que eu escrevi nesse post… nenhuma palavra contradisse nada do que você disse, nenhum dos meus comentários chegou a uma conclusão concreta, eu nem mesmo dei minha opinião, e eu respeito bem o ponto de visão de cada um, eu só estava avaliando vocês, e como resultado, você achou que estava no meio de uma discussão, quando na verdade eu só estava conhecendo o seu ponto de vista…

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:21

            tem pessoas que gostam de brincar com a semântica das coisas, fazendo com que elas se tornem confusas. Não existem meias verdades, estou falando da verdade absoluta e não de achis mos, gravidade por exemplo. Você querer dizer que a gravidade existe não é o mesmo que tentar converter alguém as lelis de Newton.

          • Wayne Griffin

            22 de junho de 2014 em 23:09

            Isso tudo acaba no que eu estava querendo dizer porque qualquer um pode provar qualquer coisa e se, ela for bem sucedida e sua proposta aceita esta fica sendo como verdade, se for usar essa compreensão posso justificar minhas teorias mesmo sendo mentira elas se tornariam verdade e a verdade mentira, e assim por diante. Meio confuso mas na minha concepção, lógico.
            Uma verdade que se baseia em dogmas sempre pode mudar.

          • chapolim do mal

            22 de junho de 2014 em 23:11

            Perai como vc vai justificar uma teoria sendo que ela é falsa ou errada.

          • Wayne Griffin

            22 de junho de 2014 em 23:16

            Além disso eu destaquei as verdades que se baseiam em dogmas ou que não tem uma explicação para passar a ideia adiante.

          • Wayne Griffin

            22 de junho de 2014 em 23:14

            Segundo o texto se de algum modo eu convencesse todos eu poderia estar falando a verdade.

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:18

            para convencer precisa provar, por meio de testes científicos, e não em um bate boca..

          • Wayne Griffin

            22 de junho de 2014 em 23:30

            Mas estou disso mesmo, assim como Rutherfod fez com os modelos de Dalton , um outro cientista poderia provar que nosso modelo atômico de hoje ainda tem falhas, lógico que eu não sei como mas poderia sim.

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:36

            Cara você viaja muito, é impossível isso o que você estád izendo

          • Bruno NOL

            23 de junho de 2014 em 03:24

            Diziam a mesma coisa sobre o geocentrismo, não feche sua mente para um mundo onde exista o impossível. Quem sabe daqui a alguns anos descubram que o universo gira em torno de uma vaca voadora que solta danoninho pelas tetas? Tudo é possível.

          • Garota Infernal

            22 de junho de 2014 em 23:22

            Isso quer dizer que você nunca seria convertido para alguma religião?

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:30

            Jamais rs, eu era deist, percebi que tabém não fazia muito sentido. Foivquando percebi que as pessoas tem um vício por fantiasias eu até entendo, o muddo é uma droga e as vezes precisamos sair dele, então quando quero viver uma fantasia ao envés de ir ej algum tmplo ou ficar pensando em uma energia univerws0sal, eu vou ler im livro, ou ver um filme, é a kesma sensação para mim.

          • Garota Infernal

            22 de junho de 2014 em 23:33

            Seu teclado tá quebrado? (Desculpe se fui indelicada)

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:42

            Maldito tablet!

          • chapolim do mal

            22 de junho de 2014 em 22:59

            Por favor bote mais 0000000 nesse número.

          • Forasteira

            22 de junho de 2014 em 23:00

            Fiquei com preguiça.

          • chapolim do mal

            22 de junho de 2014 em 23:03

            É, e tambem acho que a quantidade de caracteres dos comentários acabariam.

      • Forasteira

        22 de junho de 2014 em 22:50

        Em muitos dos casos sim.

        • O Mentalista

          22 de junho de 2014 em 22:54

          Quais casos?

          • Forasteira

            22 de junho de 2014 em 22:59

            São muitos, mas em sua maioria, se concentram em pessoas que não conseguem aceitar a visão do próximo, então pode ser qualquer caso, desde quando você está falando com a sua mãe e ela diz “Não vá com essa camisa, ela é feia”, querendo te manipular a usar outra camisa, ou quando você está em um debate religioso e alguém grita “DEUS EXISTE!” querendo te manipular da existência de Deus. É como o nosso amigo chapolim do mal disse, o problema de querer expor a verdade é que a sua verdade pode ser diferente da verdade do outro, mas não deixa de ser manipulação expor a sua, quando você é intolerante.

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:04

            Não existemeias verdades, existe a verdade, mentira e a ilusão. Veja lá em cimna, eu fi um comentàrio sobre isso.

          • Bruno NOL

            23 de junho de 2014 em 02:31

            Acho que temos necessidade de classificar as coisas (mesmo que não as conheçamos realmente) como verdade ou mentira, talvez por acharmos que o fato de não conhecermos ao certo a natureza de algo, nos torna vulneráveis. Por isso erroneamente (ou não) classificamos algo como verdadeiro, e o que não se encaixa nesses padrões é falso, na minha opinião as coisas são todas falsas e verdadeiras ao mesmo tempo, até que saibamos realmente o que significa verdade.

      • Radioativo

        22 de junho de 2014 em 22:48

        mesmo assim, eles nao vao aceitar a verdade

        • Ponto.

          22 de junho de 2014 em 22:54

          Depende da verdade que você ta falando, pra religiosos a verdade vem por meio da fé, ou seja não precisa de provas apenas da crença, se for a verdade do campo racional que é a filosofia e a ciência ai sim vem a aceitação, pois independentemente do que a pessoa pensa ela vai ter q aceitar que a “verdade” sobre determinado objeto ou ente de estudo foi provada racionalmente e empiricamente xD

          • O Mentalista

            22 de junho de 2014 em 23:01

            A verdade vinda pela “fé” é apenas uma fantasia criada pelo próprio cérebro onde precisa de variáveis para exstir. A gravidade existe independente do que você está sentindo vendo ou onde está, em quauer lugar da terra você irá senti-la, já deus precisa do seu concentimento e da sua crença poara existir, o que você vê taoveso outro não verã. Não verdades tiradas fa fé são apenas ilusões para fazer sentir melhor com si mesmo. A verdade só vem pela razão.

          • Ponto.

            22 de junho de 2014 em 23:05

            A questão não é essa, o que eu disse foi que a verdade pra quem é religioso é baseada na fé, obviamente é uma fantasia, mas isso nao importa pra ela porque a partir de experiencias de vida associadas a estados psicologicos e sociais ela vai achar uma verdade pra sua existência por meio da fé. Independente de fazer sentido ou não para as pessoas racionais, espero ter sido mais claro agora

          • chapolim do mal

            22 de junho de 2014 em 23:19

            O mais claro possível.

    • Forasteira

      22 de junho de 2014 em 22:35

      É aquela mesma: muitos religiosos tentam provar que Deus existe e converter o ateu para a sua religião, mas não gostam quando um ateu diz que Deus não existe ou tenta trazê-lo para o ateísmo (nunca vi um ateu tentar converter um religioso explícitamente, mas provavelmente existem pessoas assim). Tudo é relativo e uma faca de dois gumes.

      • Neko-san

        22 de junho de 2014 em 22:42

        Esta ai um ponto bom que você citou,a faca de dois gumes da religião. A religião é algo que do meu ponto de vista é algo bom na maioria dos casos, como ajudar alcoólatras a pararem de beber, porém, assim como pode ser bom ela é ruim, porque cega as pessoas, palavras e mais palavras entram na cabeça do religioso a tal ponto que ele fica cego, afirmo isso com base em algumas pessoas que eu conheço/conheci.

        • Garota Infernal

          22 de junho de 2014 em 22:46

          Humanos são muito alienáveis.

      • Kuro Black

        22 de junho de 2014 em 22:39

        A reação normal de um humano ateu, quando um humano religioso tenta converte-lo, e tentar convencer o humano religioso de que ele não precisa ser convertido à religião, portanto, Para se livrar de sua “conversão”, ele usa métodos para tentas converter o humano religioso, contradizendo assim, os pensamentos do próprio… Então, concluo que existe conversão ateia também…

        • Forasteira

          22 de junho de 2014 em 22:41

          Sei que existe conversão ateia, só que nunca conheci ninguém que o fez, pelo menos não que eu saiba. Convivo com (por assim dizer) “ateus amigáveis” ehuehueh

          • KIryuu Tkim

            29 de junho de 2014 em 17:42

            Bom, eu conheço, e conheço vários. Inclusive, conheço alguns que tentam fazer de maneira com que não pareça que estão tentando me converter, entende?

          • Kuro Black

            22 de junho de 2014 em 22:43

            Você é ateia, não é?

          • Forasteira

            22 de junho de 2014 em 22:47

            Deísta. Só que eu sou cabeça aberta, eu posso conversar com um ateu sem discutir, assim como posso conversar com um evangélico sem discutir. Tem coisas do ateísmo que eu discordo (poucas), e tem coisas da religião que eu discordo (muitas), mas nem por isso jogo sete pedras em cada um.

          • chapolim do mal

            22 de junho de 2014 em 22:46

            Eu acho que a palavra ateu e sua variante feminina se transformaram a um tipo de apelidio infame, virou um termo bem pejorativo na minha opnião claro.

          • Forasteira

            22 de junho de 2014 em 22:47

            Eu prefiro “ateísta” do que “ateia”, sinceramente.

    • chapolim do mal

      22 de junho de 2014 em 22:29

      Tambem acho a mesma coisa, por isso eu nem tento.Discussões com começos mas sem fins não fazem meu tipo.

  66. Kuro Black

    22 de junho de 2014 em 22:24

    Err… Depois de ler isso tudo, eu cheguei a conclusão de que não posso chegar a conclusão alguma…
    Só sei que uma vaca voadora não teria o livro mais vendido da história da humanidade…

    • O Mentalista

      22 de junho de 2014 em 22:52

      Harry Potter um dos livros mais vendidos da história, então Harry Potter existe…argumento bobo esse.

      • Nome em reforma

        23 de junho de 2014 em 19:26

        Sim, ele existe, e esta em outra dimensão.

      • Kuro Black

        22 de junho de 2014 em 22:53

        Não foi bem um argumento, foi só Isca para chamar atenção de algum Pseudo-Intelectual, mas parece que não funcionou…

    • Jeff Dantas

      22 de junho de 2014 em 22:27

      Depende da “vaca”… Essa aqui, eu gostava, quando pequeno… http://mlb-s2-p.mlstatic.com/a-vaca-voadora-edy-lima-marlette-menezes-14185-MLB3436134157_112012-F.jpg

      • Marvelunatico

        23 de junho de 2014 em 01:26

        Jeff BR HUE

      • Kuro Black

        22 de junho de 2014 em 22:35

        Opa, bem lembrado…

    • Kuro Black

      22 de junho de 2014 em 22:27

  67. Wayne Griffin

    22 de junho de 2014 em 22:22

    na verdade nada pode ser provado, ou contestado, pois na verdade esse tal de ônus é só algum argumento inválido, que dele irão surgir novas perguntas até desencadear dogmas, pois na verdade todas verdades podem ser consideradas dogmas até que se prove a mentira contra ela. Assim tudo seria mentira, ou verdade , isso é ilógico…

    Que se iniciem as guerras nos comentários …

    • O Mentalista

      22 de junho de 2014 em 22:41

      Ônus da prova é usado em tribunais e pesquisas científicas adotado pela academia científica, ai vem um carinha e diz que é um argumento inválido…Pelo jeito nem sabe o que é um argumento.

      • DCxMarvel corno

        23 de junho de 2014 em 16:38

        Desculpa,mas a meu ver é necessário em qualquer discussão considerar alguns axiomas e/ou dogmas. Eu só posso provar que 1 significa 1 se eu provar que 1 é igual a 1 e isto se torna um ciclo infinito. Mas se eu peço que você acredite que 1 é 1 eu consigo explicar tudo que havia dito antes. Até que ponto podemos considerar dogmas e axiomas como verdade? Até que ponto podemos fazer com que os outros considerem dogmas e axiomas como verdades? Esse é o problemas das discussões. Cada um considera os próprios axiomas/dogmas da maneira que é melhor beneficiado.

      • Wayne Griffin

        22 de junho de 2014 em 22:53

        O que eu queria dizer é que é ilógico usar o ônus em algumas questões porque a própria pessoa poderia criar a resposta, principalmente se não tiver certeza ou algum tipo de base. Eu posso afirmar que a vaca voa. Por quê? Porque ela tem asas… por exemplo.

        • Nome em reforma

          23 de junho de 2014 em 19:29

          Não é assim que funciona cara, falar que a vaca tem asas explicaria porque ela voa, mas não provaria a existência da mesma.

  68. chapolim do mal

    22 de junho de 2014 em 22:21

    Quando eu vi o post eu pensei de primeira que a treta maligna reinaria nos comentários, mas depois eu pensei melhor e vi que as pessoas que comentam nesse blog são todas civilizadas e não macacos rosas voadores.

    • chapolim do mal

      22 de junho de 2014 em 22:31

      Ou são, ninguem pode provar que não.

      • Match

        22 de junho de 2014 em 22:33

        Aff. Eu queria ser um macaco rosa voador =/

        • chapolim do mal

          22 de junho de 2014 em 23:17

          Todos nós gostaríamos meu caro match. Todos nós.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 01:25

            Eu queria ser uma vaca rosa voadora profeta e saber o dia exato do fim do mundo pra poder aproveitar o restante da vida soltando leite rosa pelas tetas.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 01:26

            Isso é inútil.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 01:27

            Por quê?

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 01:30

            Nem vou responder os 5 milhões de motivos para não ser uma vaca que solta leite rosa e sabe do fim do mundo. Não é melhor ser um homem rico, lindo, voador, que sabe do fim do mundo com um monte de mulher linda fazendo fila na porta da mansão? Se é pra sonhar, sonhe alto, Marvel.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 01:33

            Mas se o mundo vai acabar mesmo, por que eu vou querer ser um esteriótipo de homem? Seria bem mais interessante ser uma vaca voadora. Eu posso ficar rico, lindo já sou e sendo rico poderia comprar um avião e voar, mas nunca seria uma vaca voadora que solta leite rosa pelas tetas. Por isso quero ser aquilo que não posso.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 01:40

            Filho, entenda: o homem rico que eu falei voa por que ele tem o tal do dom de voar. Sendo ele você iria trepar bastante, viajar pra lugares lindos e o mais importante: Comer MUITA, MUITA COMIDA BOA! Comidas >>>> All
            Sendo uma vaca você só iria assustar as pessoas e jogar iogurte de morango nelas, que graça tem? Mas já que não gosta de comida e viajens, por que não pede pra ser um personagem do Happy Weels? Assim você vive muitas aventuras e perde partes do corpo numa boa. Ou então, por que não pede pra ser um elefante da Índia? Você seria idolatrado e te dariam bastante comida… Se bem que na Índia as vacas são idolatradas também… Bom, por que não pede pra ser uma mulher perfeita, então? Eu sei que você é tarado, e não quer ser esteriótipo de homem, então por que não vira mulher e passa o dia se masturbando e se bolinando?
            (Isso foi só pra dar graça aos comentários, todos sabem que eu sou muito engraçada.)

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 01:48

            Mas eu já sei como é ser um homem, e não ia ter graça ser uma mulher perfeita e só poder me bulinar e me masturbar. Eu não sei como é ser uma vaca, não sei como é soltar iogurte pelas tetas. Já que o mundo ia acabar mesmo, melhor ser algo que eu nunca poderia ser em ocasiões normais.

          • Garota Infernal

            23 de junho de 2014 em 01:56

            E o elefante ou o personagem de Happy Wheels? Imagina ser o cara do cortador de grama e devorar todo mundo? Detalhe: Você seria em 2d no mundo real. E por que não um elefante? Elefantes comem pelo nariz, isso é legal.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 06:23

            Mas o som que o elefante faz é muito escroto. Já o mugido da vaquinha é mais legal. Eu sempre quis mugir que nem uma vaca. E imagina que legal soltar leite rosa pelas tetas. As crianças iam adorar. *-*

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 19:19

            Loco mesmo seria ser um T-Rex vermelho gigante voador que cospe fogo e é imortal

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 19:49

            Mas não solta leite rosa pelas tetas.

            Soltar leite rosa pelas tetas >>>>>>>>>>>> Cuspir fogo
            u_u

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 19:51

            Mas a minha intenção é bota terror em geral, e não soltar leite rosa pelas tetas.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 19:55

            Se eu visse uma vaca voadora soltando leite rosa pelas tetas eu ficaria aterrorizado… o_o

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 20:04

            Mas a vaca voadora que solta leite rosa pelas tetas não poderia me matar ninguém e nem destruir prédios, muito menos esmagar carros(com uma familia dentro, de preferencia) com a boca.

          • Marvelunatico

            23 de junho de 2014 em 20:09

            Mas pra que isso? Eu quero paz, amor e leitinho rosa :3

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 20:26

            E o dinossauro tbm poderia soltar bombas, ai seria mais loco né.

          • Marvelunatico

            26 de junho de 2014 em 22:38

            Ele pode soltar bomba, cuspir fogo, soltar raio laser, poderzinho, mas nada se compara a soltar leite rosa pela teta. Leite rosa é tipo a coisa mais legal do mundo.

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 22:49

            LOL, a coisa mais legal do mundo é poder destruir a porra toda né.

          • Marvelunatico

            26 de junho de 2014 em 22:52

            Não, a coisa mais legal do mundo é sair voando por aí jorrando leitinho rosa nas pessoas 😀

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 23:14

            Se quer fazer isso é só comprar um helicóptero, colocar leite em vários baldes, pintar o leite com corante rosa(ou colocar groselha nele), e sair por ai com o helicóptero tacando o leite em geral.
            Agora quero ver você achar um jeito de destruir a porra toda.

          • Marvelunatico

            26 de junho de 2014 em 23:20

            Mas assim não tem graça. E as tetas?

          • Sargento Genisclei Mata-Illuminate da Silva

            26 de junho de 2014 em 23:23

            Ai não teria jeito mesmo né, mas mesmo assim, destruir a porra toda continua sendo uma opção melhor pra mim.

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 20:12

            E eu quero guerra e destruição.

          • O Segurança Doidão

            25 de junho de 2014 em 06:08

            Esse dia foi louco

          • Nome em reforma

            23 de junho de 2014 em 20:05

            Não poderia matar ninguém*
            HUE Essas palavras que aparecem no meio dos meus comentários…

  69. Jeff Dantas

    22 de junho de 2014 em 22:20

    Bom, polêmicas à parte, deixo vocês com uma das músicas que eu mais gosto.. PS: Ela fala de um jeito “irreverente” sobre “Deus”…https://www.youtube.com/watch?v=xZEO1Lug25s

    • Zeref

      23 de junho de 2014 em 16:14

      Ja leu o manga Kami-sama Permanent? É um One-shot de 16 páginas e,nele,Deus está deprimido e tentando se matar,a história é interessante mas é meio confuso o mangá em sim

    • Zeref

      23 de junho de 2014 em 16:10

      Eu tenho uma dúvida,pq quando alguém fala em Deus,automaticamente a maioria pensa no Deus judaico-cristão e não em outro Deus,mesmo sabendo que a pessoa é de outra religião e esta se referindo a seu ou um de seus deuses apenas como Deus?

  70. O Mentalista

    22 de junho de 2014 em 22:19

    A ideoa do texto é: O mesmo argumento que usam para rebater os dúvidas pode ser usado para provar a existência dos unicórniois.

    • Garota Infernal

      22 de junho de 2014 em 23:09

      Unicórnios podem existir, talvez, em outro planeta. Ou podem vir a existir por mutação genética. Quando isso acontecer eu vou ser a primeira a comprar um.

    • O Mentalista

      22 de junho de 2014 em 22:19

      Ideia*

      • DCxMarvel corno

        23 de junho de 2014 em 16:27

        Unicórnios são rinocerontes magros.Pronto!

  71. Kuro Black

    22 de junho de 2014 em 22:16

386 Comentários
mais Posts
Topo