Para pensar: Saia da média

A média… muitas vezes queremos estar na média, alcançar a média, mas já pararam para pensar como esta palavra pode nos limitar? Como ela pode nos enquadrar em um grupo que simplesmente está na “média”.

A média pode sim ser (e deve) um parâmetro para guiarmos melhor nossa vida de estudos, acadêmica, profissional, mas o fato é que ela não pode ser o objetivo almejado.

Fazer o que todo mundo faz, obter os mesmos resultados que a maciça maoria das pessoas atingem é estar na média! Isso te basta?

Reflita: Você realmente deseja viver uma vida interia na ordinária média, sem desafios, sem aquele tempero que te impulsiona, que te faz sentir vivo?

Saia da média, mude, se transforme, recicle seus conceitos diariamente e principalmente, faça diferente!

001




002




003

  1. Felipe Langame

    10 de dezembro de 2013 em 22:47

    Como minha professora de filosofia disse : Ninguém = ninguém.
    Essa do livro foi direto pra mim, já comecei com muitos e nunca terminei nenhum.

  2. Celsinho

    6 de dezembro de 2013 em 19:57

    Só vale lembrar que felicidade é algo subbjetivo…se alguém gosta de permanecer na média e se sente feliz de verdade,ninguém tem que apontar o dedo e criticar a maneira como essa pessoa faz suas escolhas.

  3. Pedro Ferraz

    5 de dezembro de 2013 em 16:11

    a moral da histórinha é boa mais a tirinha é ridicula,nunca q um ruivo consegue tanto na vida como no desenho.

  4. Jonathan Iron

    5 de dezembro de 2013 em 02:39

    tão criticando a vida mediana, porra viver assim é o jeito mais seguro que existe, porem o conceito de mediano só serve pra algumas coisas ali, acho que quem, fez esse post se atrapalhou, uma coisa que num tem nada a ver com ser mediano é vc fazer faculdade porque os outros querem… uma coisa tem nada a ver com a outra, uma pessoa que quer ter uma vida mediana quer se esconder do resto do mundo, quer ser monotona pras outras pessoas, em geral só quem quer ter uma vida mediana é aqueles que vivem perto de muita agitaçãoi

  5. Gabriele Gomes

    4 de dezembro de 2013 em 23:36

    esse negócio de estar na média, eu sempre fiz isso… nunca sai com meus amigos, só ficava com a cara num livro o dia inteiro, só pra agradar meus pais, mas acho q agora q eu realmente acordei e percebi q minha vida era um lixo, já era tarde demais, perdi todos os meus amigos e passo o dia jogando nesse meu pc tentando esquecer da vida

    • Felipe Langame

      10 de dezembro de 2013 em 22:50

      Somos dois, passei 7 anos assim, sei como é ruim, mais nunca nada é tarde, entre pra um clube de luta, de leitura ou algo parecido, vá para lugares com muita gente e tente se sociabilizar, lembre-se ninguém é tão ruim que não possa ter amigos.

    • Adriano Saadeh

      5 de dezembro de 2013 em 14:08

      quanta depressão cara…

      • Gabriele Gomes

        7 de dezembro de 2013 em 14:04

        é, minha vida é bem triste

  6. Luís Felipe

    4 de dezembro de 2013 em 22:59

    N seja mediano, seja diferente: um completo fracassado!

  7. THELOSSFODA10

    4 de dezembro de 2013 em 22:42

    DINKLEBERG SÓ DEU UM RELÓGIO PARA SEU MELHOR FUNCIONÁRIO QUE ERA UM ROBÔ?

    [img]http://www.youtube.com/watch?v=wjRvkPazwAI[/img]

  8. Erick Renan

    4 de dezembro de 2013 em 21:40

    Bom, por mais “diferente” que você seja, tenha certeza que em várias partes do mundo existem pessoas iguais a você. Mesmo que você seja um pedófilo masoquista autista que sente fetiche por bandeiras e tenha a doença do homem-elefante.

  9. Arceus

    4 de dezembro de 2013 em 20:59

    O problem é que precisamos dos superiores e eles nos fazem ser “Medianos”…

  10. Guilherme Martiniano de Azevedo

    4 de dezembro de 2013 em 20:41

    ESSES NINJAS CORTADORES DE CEBOLA

  11. Subconsciente

    4 de dezembro de 2013 em 19:09

    Pouco tempo atras vi um documentário na Discovery mostrando que as pessoas tendem em ser sempre uniformes…

    • fuckyeah!

      4 de dezembro de 2013 em 20:01

      eu não

  12. Espiritudumarcelopesseghini Devoltadenovoagain

    4 de dezembro de 2013 em 18:41

    Isso ja não importa para mim pois ja matei meus pais,morri e agora estou queimando no fogo do inferno e utilizando o wifi sem permissão do demonio.

    • fuckyeah!

      4 de dezembro de 2013 em 20:00

      não sabia que no inferno tinha wifi

      • Son Goku

        4 de dezembro de 2013 em 23:25

        wifi de 2 mega- piccolo que disse

  13. Terrorista

    4 de dezembro de 2013 em 17:29

    Por isso que quero ser diferente, quero ser igual Jesus.

    • Metalborn (you can't kill The Metal)

      4 de dezembro de 2013 em 17:52

      Jesus usava Linux e Google+ .-.

      • Son Goku

        4 de dezembro de 2013 em 23:23

        não pode c

      • Terrorista

        4 de dezembro de 2013 em 18:00

        Vou te da uma coça braune

    • Slenderzinho (Governante dos bosques)

      4 de dezembro de 2013 em 17:47

      [img]http://http://funlava.com/wp-content/uploads/2013/09/i_really_hate_you.jpg[/img]

  14. Metalborn (you can't kill The Metal)

    4 de dezembro de 2013 em 17:16

    Não sejam medianos, comecem a se diferenciar do rebanho usando Linux e Google+ ao invés de crapwindows e câncerbook .-.

    • Terrorista

      4 de dezembro de 2013 em 17:31

      Para de falar merda, por favor.

      • Slenderzinho (Governante dos bosques)

        4 de dezembro de 2013 em 17:48

        [img]http://https://encrypted-tbn2.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRS2qV9mWSCePCoZmGn2QQpg8ExDYCqLTdLk6zUCWJcv6dw_gWU[/img]

  15. Holy

    4 de dezembro de 2013 em 17:00

    Isso se chama normose, e os que não seguem isso são taxados de inúteis… Mas quando chegam no topo são as exceções.

  16. Lucas

    4 de dezembro de 2013 em 15:37

    Verdade, muitas pessoas tem sonhos grandiosos e até capacidade pra fazer, mas não fazem por medo de se destacar, ou falta proatividade que acho que é o maior problema da sociedade moderna onde todos se contentam com tudo mto facilmente, por exemplo todos sabem que a politica brasileira é suja, todos falam isso mas ninguém faz nada pra mudar.

    • Zero

      5 de dezembro de 2013 em 00:52

      Na verdade, muitos tentam mudar a política, sociedade, preconceito, etc, mas não conseguem ou demoram a muda.

  17. fuckyeah!

    4 de dezembro de 2013 em 15:36

    a gente tem que buscar equilíbrio nessa vida

  18. eduardo (eduh)

    4 de dezembro de 2013 em 15:02

    esse é o estilo Americano/Europeu de vida,mas entendi o recado 😉

    • Lucas

      4 de dezembro de 2013 em 15:38

      Mas nosso estilo de vida é baseado no Europeu.

      • eduardo (eduh)

        4 de dezembro de 2013 em 15:58

        vdd,mas é a mesma coisa.

    • Altair Ibn-La'Ahad

      4 de dezembro de 2013 em 15:05

      Cara, eu ia falar isso
      Costumes americanos, pensamentos americanos, escolas americanas, emprego americano, tirinha americana ®

      • eduardo (eduh)

        4 de dezembro de 2013 em 15:36

        exato,talvez esses tipos de ”problemas” sejam os mesmo aqui,porém de uma maneira diferente.Daí eu penso será que estamos se baseando demais no modelo de vida americano?até mesmo essa tirinha é uma consequência do exagerado conceito de que nos(brasileiros) temos que ter o mesma ideologia de vida americana.

  19. Lucas Rodrigues

    4 de dezembro de 2013 em 14:57

    Bom, pelo o que eu entendi você não deve fazer o que os outros fazem.
    Vou dar minha opinião em alguns quadrinhos:
    quadrinho 1 – “Aceite tudo o que lhe disserem.”
    Depende do que me dizem, se for uma ofensa eu simplesmente não admito, não fico de cabeça baixa, eu enfrento numa boa. Muitas vezes, antigamente, eu aceitava o que as pessoas me diziam, as ofensas, as hostilidades, eu ficava calado, não via uma forma de reação, e mais tarde me sentia fragilizado mentalmente. Mas hoje eu tô desiludido, e não abaixo a cabeça pra opiniões negativas e ofensas gratuitas.
    quadrinho 2 – “Não questione seus superiores.”
    Eu sou um cara que gosta de questionar a tudo, se até religiões eu questiono, eu tenho total liberdade pra questionar as pessoas a minha volta.
    quadrinho 3 – “Vá pra faculdade porque todo mundo vai e não porque você quer aprender.”
    Eu quero fazer uma boa faculdade, mas não porque os outros querem. Quero realmente ganhar mais conhecimento, enriquecer meu aprendizado, a gente tá nessa vida pra aprender umas lições, umas podem ser dolorosas e podem te marcar pra sempre, outras te fazem mudar de perspectiva e ver o mundo de outra forma, a vida é assim.

    • Gato Endiabrado

      4 de dezembro de 2013 em 16:21

      é bom aprender outras coisas, tipo não é a água que conduz eletricidade, e sim seus minerais

      • La No Posto Ipiranga

        4 de dezembro de 2013 em 16:52

        manda outra essa eu já sabia.

        • Gato Endiabrado

          4 de dezembro de 2013 em 18:29

          Nós não usamos 30% do Cérebro, mas uma parte dele a cada atividade, sendo assim, usamos 100% do cérebro no dia.

  20. Altair Ibn-La'Ahad

    4 de dezembro de 2013 em 14:56

    Sim, não viva igual a média
    Mas então eu me lembro da famosa frase: “ninguém é melhor do que ninguém” (~le voz de véi em falsete ordinário), aí eu penso.
    Poha, se ninguém pode ser melhor q ninguém, todo mundo é igual. Dou uma olhada ao redor e vejo q poucas coisas há de semelhante entre mim e os outros, na vdd as diferenças são imensas. Econômicas, estéticas, sociais.
    Mas também há muitas coisas parecidas, coisas q estamos observando e tentando mudar ou imitar, dependendo da fodarralhice das características em questão. No entanto nessa mudança TODOS pensam uma coisa em comum: “vou ser melhor”.
    Aí reside a hipocrisia máxima presente em todos os seres humanos, não somos todos iguais, nossas vidas n tem o msm valor, a mamãezinha ou historinha romantica cm fundo moral de merda na q vcs viram algo diferente disso estava mentindo. Todos pensam q podem ou acham q são melhores do q os outros e q sua vida vale mais.
    Infelizmente esse é um fato inato à nossa natureza, qm disser q é mentira está se iludindo
    ._.

    • Arthur Ribeiro da Silva

      4 de dezembro de 2013 em 19:38

      Realmente. Nos sentirmos superiores é um instinto natural humano, e quando ficamos buscando ser melhores que os outros, estamos sendo iguais a todo mundo. Mas buscar “ser diferente” não necessariamente significa buscar “ser melhor”. Eu creio que pra sair da médias, temos que começar a viver a vida do nosso jeito. Sem essa de “eu bebo socialmente”, pois você precisa mesmo beber só porque todos ao seu redor bebem? Beba, se isso fizer bem à você. Ou sem essa também de “todo mundo faz assim”. É uma frase que minha mãe vive me dizendo. Mas eu gosto de dizer pra ela que eu não sou todo mundo. Entende o que eu digo? Não busque as bases da sua vida no comportamento da sociedade ao seu redor. Pois sempre que fizer isso, vai começar a imitar os outros. Antes de fazer qualquer coisa, busque entender o porquê daquilo e faça se você aceitar aquilo como algo que agrada.

    • Lucas Rodrigues

      4 de dezembro de 2013 em 14:59

      Somos diferentes e iguais ao mesmo tempo.

      • Adriano Saadeh

        4 de dezembro de 2013 em 18:08

        Exato e ser diferente não quer dizer ser melhor, isso é questão de interpretação…

  21. Guilherme Assis

    4 de dezembro de 2013 em 14:56

    Vale a pena gastar meu tempo mediano, da minha vida mediana, em um site mediano, com comentários medianos, lendo outros status medianos.

    Achei meio bosta, mas de resto tá mediano.

    • fuckyeah!

      4 de dezembro de 2013 em 20:05

      não sou mediana só sou preguiçosa

    • Adriano Saadeh

      4 de dezembro de 2013 em 18:09

      Cada um tem aquilo que merece!

  22. lt.kun surge

    4 de dezembro de 2013 em 14:54

    [img]http://forgifs.com/gallery/d/213966-1/Webcam-finger-sexy.gif[/img]

    • Altair Ibn-La'Ahad

      4 de dezembro de 2013 em 17:34

      Eu sei aonde vc quer enfiar o dedo
      ._.

  23. Dark Vampire

    4 de dezembro de 2013 em 14:49

    Eu não costumava ler os posts desta série, mas vou reconsiderar porque gostei.

    • Altair Ibn-La'Ahad

      4 de dezembro de 2013 em 14:50

      Essa série é boa, vale a pena gastar seu tempo mediano lendo-a
      ._.

      • Arceus

        4 de dezembro de 2013 em 20:53

        Isso! Leia todo este post, foda-se sua vida, as mulheres, seus objetivos e tals

  24. King Bradley

    4 de dezembro de 2013 em 14:44

    Humanos sempre fazendo a mesma coisa, obedecendo ordens de outros humanos para alimentar o status de superioes.

    • Altair Ibn-La'Ahad

      4 de dezembro de 2013 em 15:03

      Eu desisti de ser assim quando aquele velho maldito me traiu
      ._.

      • Lucas D

        4 de dezembro de 2013 em 15:29

        Ele só te criou depois que seu pai morreu, mas não vamos lembrar disso. e.e

        • Altair Ibn-La'Ahad

          4 de dezembro de 2013 em 17:32

          Ele me traiu
          traição é traição
          e dofa-se
          ._.

          • King Bradley

            4 de dezembro de 2013 em 19:06

            estás falando de quem mero humano?

    • Lucas Rodrigues

      4 de dezembro de 2013 em 14:46

      Você é muito ninja cara kkkkkkk

  25. Dragão de Gallifrey

    4 de dezembro de 2013 em 14:44

    Legal o post! Continuem assim c:

59 Comentários
Topo