Minilua

Pergunta idiota, tolerância zero! #3

Provavelmente você já foi vítima de uma pergunta boba, isso para não falar idiota, feita por uma pessoa mais ainda. E mesmo que você seja uma pessoa paciente, tranquila, é possível que já tenha se estressado com algum dos casos a seguir:

 

Depois de terminar o almoço, a mulher pergunta ao marido:

– Posso colocar sua comida no prato?

– Não! Jogue-a no chão e depois puxe com o rodo!

Quando você abre a geladeira pega a jarra com água e alguém pergunta:

– Vai tomar água?

– Claro que não! Vou coloca-la aqui na mesa e deixa-la evaporar!

 

Você está fazendo um cadastro em uma loja e o vendedor pergunta:

– Qual a data do seu aniversário?

– 15 de julho.

– De que ano? (kkkk)

– Todo ano!

 

Um amigo liga na sua casa e pergunta:

– onde você está?

– Em marte!

Você está saindo do banheiro enrolado na toalha e alguém pergunta:

– Tomou banho?

– Não, só mergulhei no vaso sanitário!

 

Alguém mexe no trinco da porta, vê que tem gente e ainda pergunta:

-Tem alguém no banheiro?

-Não, é o cocô que está falando…

 

Você está tremendo de frio quando alguém pergunta:

– Você esta com frio?

– Não, ativei o modo silencioso.

Você está indo jogar carta com os seus amigos e alguém pergunta?

– Vocês formam uma dupla de dois?

– Não, de 6!

Um advogado interrogando a testemunha:

Advogado : Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor checou o pulso da vítima?
Testemunha: Não.
Advogado : O senhor checou a pressão arterial?
Testemunha: Não.
Advogado : O senhor checou a respiração?
Testemunha: Não.
Advogado : Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou?
Testemunha: Não.
Advogado : Como o senhor pode ter essa certeza?
Testemunha: Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa.
Advogado : Mas ele poderia estar vivo mesmo assim?
Testemunha: Sim, é possível que ele estivesse vivo e cursando Direito em algum lugar!!!

 

Não deixe curtir a matéria!

Siga-me no Twitter: (@Nandy Martins)