Minilua

Por que a radiação causa tantos problemas?

Toda vez que um desastre envolvendo energia nuclear ocorre, um grande pavor sobre a radiação se espalha pelo mundo, mas por que será que ela faz tão mal para gente?

Tipos de radiação

A verdade é que nós convivemos com a radiação diariamente. Muito provavelmente, nesse momento, seu corpo está sentindo os efeitos da radiação a sua volta, que vem da luz, micro-ondas, calor, ondas de rádio, enfim existem diversos tipos de radiação a nossa volta. 

Contudo, a radiação, que é uma forma de energia emitida por átomos instáveis, pode ser dividida em duas formas: Radiação ionizante e não-ionizante.

A radiação não-ionizante é aquela que não faz mal para a gente, como luz e as ondas de rádio. Ela é capaz de passar pela matéria, mas não tem a capacidade de quebrar as ligações moleculares. Assim, apesar dela afetar a matéria, não chega a mudar sua composição original.

Já a radiação ionizante é capaz de passar pela matéria, mas também pode afetar sua composição. Ou seja, ela pode mexer com a estrutura do átomo, desestabilizando o composto gerado pelo átomo afetado.

Perigo para todos

A radiação ionizante é liberada por átomos instáveis, aqueles que perdem pequenas partículas, que são jogadas para longe em forma de ondas eletromagnéticas. Existem três tipos de radiação ionizante: Alfa, beta e gama.

A radiação gama é a pior, pois é capaz de penetrar mais profundamente na matéria e, devido a sua grande energia, ela pode causar graves danos ao núcleo das células atingidas. Sua grande eficiência no extermínio de seres vivos é usada para esterilizar material médico.

Quando esse tipo de radiação atinge as pessoas, ou qualquer outro ser vivo, ela pode causar dois problemas distintos. O primeiro é quando a radiação altera uma célula diretamente, mudando alguns compostos dentro dela, que podem levá-la a um mal funcionamento ou morte. Dependendo da quantidade de células afetadas, o problema pode ser bem grande e até mesmo levar uma pessoa a morte.

O outro tipo de estrago feito pela radiação é o pior de todos, pois afeta diretamente nosso DNA. Como as moléculas que compõem o DNA são bem pequenas, existe uma boa chance delas não serem atingidas, mas quando são as coisas ficam bem ruins. A alteração do DNA de uma única célula pode fazer com que ela inicie um processo de reprodução errôneo, que pode gerar um câncer ou diversos outros problemas. É por isso que muitas pessoas que são expostas a radiação, anos depois, acabam sofrendo com o câncer, tudo por que o DNA de algumas células foi alterado.

A exposição a uma forte dose de radiação em um curto período de tempo pode ser fatal a uma pessoa, tanto quanto a exposição a doses mais fracas por um período prolongado, por isso é sempre necessário evitar o contato com qualquer tipo de radiação. Exatamente por esse motivo que, quando você vai fazer um Raio-X, o médico se protege atrás de uma parede de chumbo, para evitar que ele pegue a radiação que o equipamento emite, durante o seu expediente de trabalho