Minilua

O tempo não pára: Músicos brasileiros #22

O tempo não pára”, quanto mais envelhecemos, mais dolorosa se torna essa expressão. Ninguém escapa da ação do tempo, nem as celebridades, nem nós do Minilua e nem você mesmo. Certamente você possui seus álbuns de fotos antigas, e quando pára pra olhar fica surpreendido com o quanto você mudou.

Nesta série de artigos iremos nos surpreender da mesma forma, porém vendo celebridades que fazem parte do nosso “hoje” ou que fizeram parte do nosso “ontem”, nossa adolescência, infância, enfim…

Interessante como apesar da maioria parecer piorar com o tempo, alguns artistas parecem ter melhorado substancialmente com a idade (ou com o dinheiro). Se nesse artigo não houver um bom exemplo disso certamente veremos estes nas outras partes desta série. Confira:

 

Eduardo Falaschi (Almah e ex-Angra)

 

 

 

Andre Coelho Matos (ex-Angra)

 

 

 

Lucas Silveira (Fresno)

 

 

 

Fernanda Sampaio de Lacerda Abreu

 

 

 

Deborah Salvatrice Blando

 

 

 

Preta Maria Gadelha Gil Moreira

 

 

 

Jay Vaquer

 

 

 

Djavan Caetano Viana

 

 

 

Luiz Maurício Pragana dos Santos (Lulu Santos)

 

 

 

Alexandre Magno Abrão (Chorão)

 

 

 

Roberto Frejat

 

 

 

Eduardo Smith de Vasconcelos Suplicy (Supla)

 

 

 

Thedy Rodrigues Corrêa Filho (Nenhum de Nós)

 

 

 

Jonathan Corrêa (Reação em cadeia)

 

 

Diego José Ferrero (NX Zero)

 

 

 

Marcos Valadão Rodolfo (Ira)

 

 

 

Eduardo “Ed” Motta

 

 

 

José Ramalho Neto

 

 

José Ribamar Coelho Santos (Zeca Baleiro)

 

 

Osvaldo Lenine Macedo Pimentel