Minilua

Vivendo o amor como se fosse o primeiro dia

Você lembra do filme “Como se fosse a primeira vez?”, que conta a história de Henry Roth (Adam Sandler) e Lucy Whitmore (Drew Barrymore), onde esta, a um tempo atrás sofreu um acidente o qual, lhe deixou com a memória curta, ou seja, ela só lembra de fatos que aconteceram há um dia atrás, passadas 24 horas, ela esquece de tudo. Sendo assim, Henry monta cada dia uma espécie de teatro para reconquistá-la todos os dias.

Quem diria que possa existir uma história de amor assim, cheia de fantasias, criatividade, paciência e diárias demonstrações de afeto?

Então, quem não acredita, irá se emocionar com a história desse simpático casal de idosos que revive o amor todos os dias, exatamente como no filme.

Eles estão juntos há cerca de 70 anos e, mesmo com os problemas de memória da esposa Phyllis, Jack Potter não deixou em momento algum que lhe faltasse amor e carinho durante todos esses anos. O senhor Potter fez questão de registrar em um diário todos os momentos felizes que tiveram desde que se conheceram, no ano de 1941, durante a guerra. Dentre tantas frases escritas em seu pequeno relatório, ele diz a respeito do dia em que conheceu sua esposa: “Foi uma noite muito agradável. Dancei com uma garota muito legal. Espero encontrá-la novamente”.

Como a senhora Phyllis mora em um lar de idosos, para receber os devidos cuidados inerentes à sua doença, recebe todos os dias a visita do sr. Jack Potter, que lê o diário, para a sua amada nunca deixar de lembrar da sua linda história de amor.

Algumas vezes, pensamos que é impossível existir um amor tão lindo, sincero, concreto e duradouro e quando nos deparamos com uma história assim, é impossível não ficar emocionados.

O que você achou dessa história?

Sua opinião é muito importante para nós e ajuda a incorporar melhores conteúdos ao site.

Você pode me adicionar no Facebook e também no Google +