Minilua

Você se lembra da 89, a Rádio Rock?

Com uma proposta inovadora, a 89 FM, ex-Rádio Rock, teve sua fundação datada de 02 de dezembro de 1985. Sua proposta inicial era dar espaço para diferentes bandas de Rock de dentro e fora do Brasil. Entre os apresentadores que já passaram pela emissora, destaque para os nomes de João Gordo, Fabio Massari, Paulo Bonfá e Marco Bianchi.

 

Programas que marcaram época

Do Balacobaco: Apresentado pelo locutor Zé Luís, o programa era veiculado de segunda a sexta, nas manhãs da emissora. A atração contava com a participação do público por telefone, ou pessoalmente interagindo com o apresentador nos estúdios da rádio.

Os Sobrinhos do Ataíde: Grupo fundado por Paulo Bonfá, Marco Bianchi e Felipe Xavier. Na 89 FM, o programa era apresentado na forma de drops, sempre nos intervalos da emissora.

Arquivo do Rock: Apresentado de segunda a sábado, o “Arquivo do Rock”, foi um dos programas mais tradicionais da 89 FM. Era a chance do público conferir o melhor de bandas como The Cure, The Smiths, Pearl Jam, Nirvana, Smashing Pumpkins, etc.

Comando Metal: Voltado aos fãs de Heavy Metal, a atração era apresentada toda semana, sempre a partir das 23h00.

A Hora dos Perdidos: Um dos programas de maior audiência da 89, “A Hora dos Perdidos”, era apresentado pela locutora Luka, e transmitido de segunda a sexta, das 16h00 às 17h00. Durante a atração, o ouvinte podia interagir com a locutora, pedindo suas músicas prediletas.

 

Curiosidades

Na época de sua criação, a principal rádio voltada ao Rock era a 97 FM (97.7 Mhz) de Santo André. Atualmente, a emissora é voltada para os fãs de música eletrônica.

Além de São Paulo, a 89 FM contava com retransmissoras nas cidades de Santos, Rio de Janeiro, Vitória e Goiânia.

– Foi na emissora, que grupos como Raimundos, Charlie Brown Jr, Chico Science e Nação Zumbi, Pato Fu, Jota Quest, Skank, Planet Hemp e O Rappa ganhariam maior notoriedade.

– A rádio ainda realizava shows e festivais temáticos, como por exemplo, o que ocorreu em 1995, diante da comemoração de seus 10 anos.

No ano de 2006, a emissora muda seu foco após a contratação de Wagner Rocha, que já havia dirigido outras rádios como a Metropolitana FM (98.5 Mhz) e a extinta Sucesso (96.9 Mhz). Diante disso, o Rock deixa ser o carro chefe da emissora, dando espaço para outros estilos como a Black Music, por exemplo.